1. Spirit Fanfics >
  2. Harém Fantasia >
  3. A Paz

História Harém Fantasia - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - A Paz


Lâmina desceu até a batalha onde havia o massacre dos seus, como uma bala de canhão ela chegou arrematando o terreno. Com um piso na terra onde seus ancestrais fizeram história como ela estava prestes à fazer, Lâmina destruiu o terreno, fazendo com que os inimigos flutuassem por segundos e caíssem em devaneio, como pequenas pedras sendo destruídas pela compressa. Lâmina estava cega de poder, de ódio. Despertara o que há muito estava escondido em si.

- O que irão fazer, idiotas? - disse Lâmina, se dirigindo aos inimigos já desnorteados no chão - não deveriam ter acertado Jasmine... E nem terem causado discórdia no Reino Mágico!

Todos estavam temendo Lâmina. Seus cabelos negros estavam levitando de forma misteriosa, uma aura mágica a envolvia de forma divina e as órbitas de seus olhos tinham virado totalmente ao seu contrário. Lâmina tinha virado uma máquina de matar.

- Se controle, Lâmina! - disse Lyanne, chegando às pressas - se controle, mulher!

- Me controlar...? Bom, Lyanne, não vou me controlar enquanto houverem pessoas à destruir nosso Reino - Lyanne tinha ficado assustada com o estado da amiga, mas não se deixou temer à ela. Lâmina não faria mal algum à L.

As duas ficaram trocando olhares por alguns segundos quando se ouviu um segundo estrondo.

_______________________________________________________________________________________________

- Ei! Vocês à minha esquerda! - disse Fada Clériga, pensando numa estratégia boa para a atual situação - se escondam mais abaixo!

- Sim! - responderam todas à esquerda.

- Vocês à minha direita, façam o mesmo!

- Sim! - responderam todas à direita.

- Agora, as que estão atrás de mim, se espalhem! Vamos começar a pagar na mesma moeda...

Fada Clériga se apressou em concentrar todo o seu poder em suas mãos, fazendo assim uma carga imensa nas mesmas. Clériga ergueu suas mãos ao alto e pronunciou algumas palavras. De repente, um grande domo envolveu todo o Reino Mágico, fazendo com que os poderes inimigos enfraquecessem.

- Agora! - Fada Clériga ordenou à todos os seres mágicos enquanto se esforçava à manter aquele domo.

Ao sinal de Clériga, todos os seres se propuseram à atacar diretamente as tropas de Rei Leonard, acabando com cada uma que ali jazia, não sobrando alguma. Aquele cenário se transformou em tanto sangue que parecia normal à ver aquela cena. Sangue aliado. Sangue inimigo. Não sabiam ao certo. Mas não podiam pensar de mais, pois Rei Leonard sempre estava um passo à frente de todos.

Dito e feito.

Rei Leonard lançou um domo muito mais poderoso que o de Clériga, e esta, suportando o impacto, rezou para que alguém distraísse esse brutamontes para que perdesse o fogo na magia. Por sorte, os deuses ouviram suas preces. Lyanne e Lâmina foram ao encontro de Rei Leonard, cada uma à dar um soco neste mesmo, que acertaram em cheio. Isso deixou Leonard em fúria, mas deu tempo para a Fada Clériga pensar em algo sensato para se derrotar, ou pelo menos tentar, Rei Leonard.

_________________________________________________________________________________________________________

- Olhe só, o que temos aqui - disse Leonard em tom de deboche - uma joaninha que apenas seguiu a amiga para que parasse ela se caso se descontrolasse - apontou para Lyanne - e uma vadia estressada porque alguém acertou sua amiguinha do coração - apontou com o dedo mindinho para Lâmina, o que fez Lâmina se contorcer de raiva - sinceramente, esses adolescentes de onde em dia... Enfim, vamos acabar logo com isso, menininhas? Estou cansado.

- Foda-se que está cansado, seu maldito! - gritou Lâmina à plenos pulmões - se quiser vir... Venha com tudo.

Rei Leonard olhou para Lâmina, esta que estava com um olhar desafiador. Leo tirava bastante proveito da ira dos outros. Porém, Leonard foi impedido por uma coisa...

- Leo...! - era Mérida - pare... Por favor... - estava lutando para se manter de pé, Lyanne a deu apoio para conseguir - você não pode fazer isso! E o nosso filho?!

- Filho? Ah, mulher. Eu nunca quis esse seu tal filho - aquilo parecia ter desnorteado Mérida, mas nem tanto, pois sabia que ele não aceitou de verdade aquele filho.

Lâmina aproveitou a brecha e lançou seus poderes sobre Rei Leonard. Isso o imobilizou e fez com que abrisse uma brecha para os ataques da Fada Clériga e os outros. Em conclusão, todos os seres mágico foram para cima de Rei Leonard, dando um repentino fim em sua existência restaurando, assim, a paz em todo o Reino.

____________________________________________________________________________________________________________



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...