História Harry Potter - second chance - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Harry Potter, Personagens Originais
Visualizações 256
Palavras 853
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - Capítulo 10


 Anna continuava parada à minha frente com sua postura intimidadora, ela parecia esperar por uma resposta descente e bastante convincente, abri a boca para falar mas minha garganta parecia ter secado, as palavras simplesmente não fluiam de meus lábios, ao notar indícios de irritação em seu olhar comecei a ficar desesperado, não era o momento para agir como um covarde.


 Vamos, você consegue, já enfrentou Voldemort e o derrotou mais de uma vez.


- Me desculpe, naquele dia jamais tive a intenção de causar todo esse transtorno - Ignorei a dor e ardência em minha garganta - Agi como um completo idiota, deveria ter respeitado seu espaço, espero que me desculpe - Me surpreendi com a naturalidade com que isso soou.


- Tudo bem, eu também acabei exagerando e peço que me desculpe - Disse exibindo um delicado sorriso em seu rosto.


- Então... - Comecei tentando encontrar uma maneira de chegar ao assunto que queria.


 Como dizer que aceito esse namoro falso?


 Ouvimos passos lentos se aproximando de onde estávamos, o cheiro de perfume masculino extremamente forte e enjoativo invadiu meus pulmões. Notei que a garota fechou os olhos aparentando estar irritada, seu corpo ficou tenso e ainda mais rígido do que antes.


- Lindinha, eu sei que está aqui - Disse uma voz grossa em um tom malicioso.


- Richard, está me seguindo? - Questionou encostada na parede com oa braços cruzados.


- Somos almas gêm... - Respondeu e um garoto entrou em nosso campo de visão.


 No mesmo instante soube de quem se tratava, era Richard Grace, estudante da corvina, considerado por muitas alunas como um dos garotos mais bonitos e atraentes de Hogwarts, como sei disso? Quando namorei com Gina, ela fazia questão de me dizer isso sempre que o via pelos corredores, naquela época não me dei conta, mas aquilo era apenas um dos indícios de que ela era uma vadia.


 Com todo respeito à família Wesley, claro.


- Desista, nunca teremoa nada - O tom utilizado por Anna deixava isso bem claro.


- O que está fazendo aqui? Ainda mais com ele? - Disse me olhando de cima a baixo.


 Foi impossível não me sentir desconfortável com o desenrolar da situação, no entanto, essa era a oportunidade perfeita, me aproximei da garota e posicionei meu corpo logo atrás do seu e envolvi sua cintura com os braços, suspirei inspirando o delicioso aroma de seu perfume, o mais surpreendente foi que sentir que Anna se aconchegou ainda mais contra meu tórax.


- Vocês... Vocês estam... juntos? - Perguntou aparentando estar incrédulo - Quer dizer... como um... casal? - Alternou o olhar entre nós dois.


- Sim - Respondi rapidamente, antes que ela tomasse a frente - Começamos a namorar faz pouco tempo, praticamente ninguém sabe disso - Menti descaradamente.


 Ronald ficaria orgulhoso, já Hermione nem tanto.


- Ohh - Richard pareceu não saber como agir - Pensei que ainda gostasse da irmã do Rony - Comentou e notei que seu objetivo era nos proporcionar uma possível briga.


- Não se preocupe, Harry me garantiu que não tem qualquer tipo de sentimentos por aquela ruiva problemática, confio plenamente em meu namorado - Anna inclinou a cabeça para trás e me beijou.


 Tenho consciência de que era para ser apenas um beijo inocente e delicado, mas as coisas acabaram saindo do controle, minha garota se virou e passou os braços ao redor do meu pescoço, coloquei as mãos em sua cintura e a puxei para mais perto. Ouvi passos rápidos se tornando cada vez mais distantes, sorri sabendo que Richard havia ido embora e que amanhã todos saberiam sabendo desses acontecimentos.


- Uau - Sussurrei tentando normalizar minha respiração.


- Isso foi... - Ela parecia não ser capaz de raciocinar.


 Isso é bom, não é? 


- Incrível - Murmuramos juntos e rimos logo em seguida.


 Essa era a primeira vez que ouvia o som de sua risada, não sabia se conseguiria ouvi-la outra vez então me permiti admira-la, quando ela notou que eu a olhava acabou ficando levemente corada, posso dizer com todas as letras que essa foi a cena mais adorável que já vi em toda a minha vida.


 Estou parecendo um bobo apaixonado.


- Acho melhor nós irmos, algum professor pode acabar nos vendo aqui - Sussurrou bem próxima a minha orelha, me deixando arrepiado.


- Tem razão - Concordei e novamente a puxei para  beijo.


 Seus labios macios pareciam ainda mais suculentos que antes, prova-los me deixou totalmente a mercê de seus encantos, senti sua mão subindo por minha nuca e arranhando aquela região, essa situação estava me deixando excitado e temi o que ela iria pensar à meu respeito. Seus dedos se embrenharam em meu cabelo e os puxaram com firmeza, foi impossível conter o gemido rouco que escapou de minha garganta.


- Temos realmente que ir - Disse com o rosto escondido na curva de meu pescoço.


 Pelas barbas de Merlim, essa garota ainda vai me deixar louco.


- Vamos, eu te levo, namorada - Disse segurando sua mão e entrelaçando nossos dedos.


 Mesmo sendo algo falso, irei conquista-la e provar que temos um futuro juntos, o primeiro passo é me tornar seu amigo e depois as coisas iram fluir naturalmente, assim espero.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...