História Harrys Disorder - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Luke Hemmings, Michael Clifford, Niall Horan, Zayn Malik
Tags 5sos, Amizade, Ana(anorexia), Bulinismo, Bullying, Harry, Lana(lâmina), Liam, Lottie, Louis, Luke, Mia(bulimia), Mike, Niall, One Direction, School, Zayn
Visualizações 55
Palavras 759
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Obs: essa imagem no começo do capítulo são os termos usados entre adolescentes e jovens com esses distúrbios, eles são uma maneira de não tornar óbvio o que fazem e poderem comentar sobre o assunto com amigos, online ou em público. O capítulo agora é um pouco pesado(toda a fanfic é mas...), se alguém já passou por algum problema relacionado a "Ana" e "Mia" ou "Rex" e "Bill" procure ajuda, e se quiser falar sobre pode contar comigo no privado. A quem for sensível recomendo não ler a "Carta da Ana". Obrigado pela atenção e vamos para a história:

Capítulo 16 - P - Esqueleto vivo


Além do bullying e do abuso sexual, qual era o problema de Harry Styles?

Qual era o problema dele com o próprio corpo?

Harry desde cedo foi sempre comparado ao irmão. Ele era uma criança gordinha, mas não era o problema, começou com algo pequeno que foi se acumulando.

George era sempre o centro das atenções: o mais inteligente, o mais engraçado, o mais bonito.

Quando a puberdade chegou para Harry, ele ainda não havia sofrido o famoso "estirão", e não tinha costume de praticar esportes, pois desde que sua mãe começou a confiar a fogão a ele, o cacheado fazia muitos trabalhos domésticos.

Mesmo que a família vivesse com boas condições e fosse capaz de contratar uma empregada, Anne não confiava em gente estranha dentro de casa (não confiava em seu caçula também, mas George era muito ocupado, estava sempre fora de casa, enquanto Harry era o preguiçoso e sem vida social, logo, precisava ajudar em casa, o que economizava dinheiro e dor de cabeça).

Ele ganhou uns quilinhos depois que a solidão o atingiu e ele percebeu que seu "lugar no mundo" era a cozinha. Sua mãe, num dia raro em que comprava roupas novas para ele, reparou nisso e simplesmente falou que, na idade dele, o irmão fazia diversos exercícios e não parecia um velho gordo. Anna era bem rigorosa em relação à aparência, e o peso era um ponto crucial, um filho gordo arruinaria a imagem da família perfeita.

Na escola, os garotos mais desenvolvidos faziam piadinhas com ele, apertando suas bochechas e barriga, mas ele não tinha tempo para fazer exercícios e a ansiedade o deixava com mais vontade de comer.

Ele tentava estudar para tirar notas acima de 8 sempre — o que não acontecia —, George nunca tirou menos que 9 em toda a vida — mesmo que não soubessem que ele colava e chantageava professores para conseguir isso é não ser expulso do futebol, consequentemente conseguindo uma bolsa de estudos na faculdade.

Aí que foi apresentado a Mia.

Mia é um apelido para Bulimia.

Ele comia e logo depois vomitava.

Quando o estirão chegou, parecia que tinha dado certo, perdeu peso, sua mãe não falou mais nada e as brincadeiras na escola pareceram parar.

Mas seu irmão o chamava de "gordinho", "bolinha", "rosquinha".

Não era o suficiente.

Mia o fazia se sentir bem momentaneamente, porém não era eficiente.

Foi aí que conheceu a Ana.

Anorexia.

Abriu um fórum na internet e encontrou a chamada "carta da Ana", e aí sua vida mudou.

A carta era estranha. De início, parecia loucura, porém quanto mais ele lia, mais aquilo entrava em sua cabeça.

Como uma praga, cada xingamento, opressão, e “mandamento” estavam o transformando em escravo dele mesmo. Harry acabou entrando em sites, fóruns, vídeos, e até musicas que o faziam acreditar naquilo.

Harry Styles queria ser aquilo que falavam, não queria mais ser uma “vaca gorda”, um nojento. Queria ser uma borboleta.

No começo, ficar sem comer era difícil, e ele recorria a Mia algumas vezes, mas logo ele passava dias com a Ana, até se sentir satisfeito e ingerir algo para a sobrevivência.

A todo o momento ele procurava fazer exercícios, nem que ele fosse a pé para a escola, ou fizesse abdominais durante a noite toda. Eu Qualquer tempo livre era tempo de exercícios.

Tinha que treinar a mente: "Você não precisa disso, olhe só para você!"

Os estudos pareciam piorar, a falta de nutrientes enfraquecia sua mente.

Suas unhas tinham dificuldades em crescer, seu cabelo ficou sem brilho e quebradiço, as pontas dos dedos amareladas, e a voz foi sendo prejudicada, mudando sua tonalidade.

A saúde e mente estavam fracas, ele enxergava seu corpo como uma bola de gordura nojenta, parecia que de todos os seus poros saiam oleosidade.

Harry não consiga ver que estava virando um esqueleto vivo.

Normalmente as meninas chamam Anorexia de Ana, para os meninos que eram "pro" chamam de Rex e Bulimia vira Bill.

Perturbador para quem escutasse isso, por esse motivo ele nunca falou nada.

Quando o médico descobriu isso depois do espancamento, Harry ficou muito envergonhado e com medo. Eles tirariam seus amigos?

Ele já tinha se cortado, Cat ou Sam (como preferir) também fazia parte de sua vida.

Cat e Sam vem de "Self Harm", como automutilação. Esses termos foram criados para tentar tornar a situação mais difícil de ser localizada, como uma linguagem secreta.

Harry Styles sabia o quão errado estava, mas não via outra solução, se não nos seus amigos.

Afinal, ele nunca havia tido outros antes do dia do hospital.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...