História Hate Becomes Love(ABO TAEKOOK) - Capítulo 3


Escrita por: e armybr303

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Abo, Adolescente, Alfa, Bangtan Boys (BTS), Beta, Bts_abo, Hot, Jiminyoonseok, Kookbotton, Namjin, Ômega, Taekook, Taekookflex, Taetop, Vkook
Visualizações 41
Palavras 884
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente,
Desculpem-me, sei que demorei.
Eu estou cheia de provas e viajando, então está sendo difícil atualizar, mas farei sempre que possível!
Fiz com carinho
Boa leitura ❤️
~anonymous

Capítulo 3 - Armário


-Sim, sou eu, vai ficar tudo bem- ele acaricia meus fios lentamente. Levanto de repente limpando minhas lágrimas

-Não precisava de sua ajuda Kim , eu consiguiria resolver esse problema sozinho- ele me olha incrédulo- Mesmo assim, obrigado- saio dali rapidamente


∆∆∆Narrador∆∆∆


Por mais assustado que estivesse, JungKook não aceitaria ajuda de qualquer alfa, principalmente se esse alfa se chamasse Kim Taehyung.

Ele sai dali rapidamente deixando um alfa confuso para trás, por mais que tivesse sido ruim no passado, ele já tinha mudado, o que faltava para aquele ômega aceitar a si? Ele precisava da confiança do menor, tinha que ganhar aquela aposta, por mais difícil que fosse.

Jeon espreita-se  no meio dos corpos suados da pista de dança atrás de seu amigo, que naquele momento nem devia lembrar-se de si. JungKook procura desesperadamente o alfa pedindo " desculpas" e "licenças", quase nunca sendo atendido.

Após um tempo sem sucesso, o ômega desiste da missão e resolve beber mais um pouco, procurando uma forma do tempo passar mais rápido.


Dez copos. JungKook ao todo tomara dez copos da bebida mais forte disponível, tequila pura. O mundo não era mais o mesmo para o baixinho. Tudo girava ao seu redor e a música estava bem mais alta. Ele se misturava à massa dançante no centro, sempre dando rebolados e recebendo apertos em suas nádegas. Sentir-se observado, mas poderia ser mais um efeito do álcool, não podia?


Já se passavam das duas da manhã, e no dia seguinte teria aula. Ignorava as ligações de seus pais, queria apenas se divertir. As pessoas restantes se juntaram em um jogo adolescente, onde se usava uma garrafa no centro. O ômega decidiu experimentar, se juntando aos adolescentes ali presentes. "Temos que girar a garrafa, para quem aa extremidades apontarem, o casal, ou não, só vai ter duas opções" um ômega dizia sobre o colo de Jimin, então era ali que estava seu amigo..."ou a dupla se pega aqui na nossa frente, com direito a chupões" as caras das pessoas da roda, surpreendentemente não era de surpresa, já esperavam por isso, mas não deixavam de encarar o ômega pálido com apreensão e curiosidade. "ou irão se trancar dentro daquele armário" apontou para um móvel grande na outra extremidade da sala" por sete minutos, podem fazer o que quiserem lá dentro, mas ficarão trancados, e se passarem do tempo, entraremos" muitos suspiraram aliviados, afinal, não seria tão trágico assim...

Se posicionaram corretamente, lado a lado em uma roda. Só haviam ali o Jimin , o Kim , alguns colegas de sala e o ômega que propôs o jogo.

Giraram a garrafa, e em cada pessoa que ela passava, uma exclamação de surpresa e as mais diversas reações aconteciam.

Rolaram beijos quentes, pegação, chupões, selinhos e até coisas a mais no armário, com os mais diversos e variados casais. Ômega com ômega, Alfa e alfa, Beta e Beta, Ômega com alfa , Beta com alfa e Beta com ômega.

Park, em uma das rodadas, acabou dando um passo a mais na relação com o ômega baixinho no armário, que Jeon descobriu se chamar Yoongi, Min Yoongi.

Muitas rodadas se passaram, mas em nenhuma delas o Kim ou o Jeon foram eleitos,mas ,como ironia do destino,os dois caíram juntos. Poderiam optar por beijos ou irem ao armário. Por mais que Jeon estivesse fora de si e muito alcoolizado, quando o assunto era o alfa, o efeito da bebida parecia se dissipar.

-Hã, não,isso não vai acontecer-o aniversariante tentava se livrar do desafio recebendo acusações de covardia pelos demais jogadores. No fim ele se rendeu- Tudo bem, pro armário Kim- o alfa sabia que seria melhor não contestar, apenas seguiu o baixinho rezando para não ser espancando pelo mesmo, deixando para trás seus colegas com sorrisos maliciosos.

-Pare de me chamar de Kim, JungKook- resolveu quebrar o silêncio após serem trancados no armário

-Eu te chamo da forma que eu quiser- tentou parecer superior

-Olha, eu sei que o que eu fiz no passado foi errado, me desculpa, ok?- levou uma de suas mãos à bochecha do ômega,plantando uma leve carícia ali, fazendo com que o menor fechasse os olhos e inclinace a cabeça de modo a receber mais contato,por mais que seu subconsciente dissesse para parar como aquilo. Se preocuparia com aquilo depois

-O que você fez foi imperdoável Taehyung, não sei se um dia te desculpa rei, eu amei você demais, demais mesmo- eu ainda amo ,queria dizer,mas seu lado racional o impediu de fazer

-Você continua tão bonito- desviou de assunto passando seus dedos longos pelo rosto bem moldado de JungKook, parando em sua pintinha embaixo do lábio, sempre foi sua maior perdição.

Ambos alternavam o olhar de suas bocas para seus olhos, como um pedido de permissão. Aproximaram-se e encostaram seus lábios. Os movimentavam lentamente, sem o uso das línguas. Jeon não queria aquilo, odiava aquela situação, mas se deixou levar, afinal, a saudade ainda era presente. Porém o alfa gostava, gostava até demais para apenas uma simples aposta, no passado já amou o Jeon,por mais que nunca tivesse adimitido. Ou seja, se deixou levar pela saudade também. Antes que pudessem aprofundar mais o beijo a porta foi tocada, avisando o fim do tempo. Se separaram como um raio, tomados pelo susto

-Isso nunca aconteceu, Kim Taehyung- disse o menor saindo dali com os pensamentos a mil.


Notas Finais


Sei que ficou meio pequeno,mas é o que eu consegui...乁( •_• )ㄏ
Por favorzinho, comentem o que acharam, é realmente importante para mim, e eu adoro!
Beijinhos e até a próxima ♥️
~anonymous


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...