História Hate To Love You:Temporada 2 - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Meninas Super Poderosas (The Powerpuff Girls)
Personagens Bruta, Docinho, Durão, Explosão, Florzinha, Fortão, Furiosa, Lindinha, Pirralha, Professor Utônio
Tags As Meninas Superpoderosas, Blues, Greens, Os Meninos Desordeiros, Powerpuff Girls, Powerpunk Girls, Reds, Rowdyruff Boys
Visualizações 58
Palavras 1.059
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - Problemas


Fanfic / Fanfiction Hate To Love You:Temporada 2 - Capítulo 13 - Problemas

-Como assim!? Eu não vou morar mais aqui!?-Indagou Butch,surpreso,tanto pelas palavras quanto pelo soco que tinha acabado de levar.


Aquilo só podia ser coisa da Brute.


-Você ainda tem a cara de pau de se fazer de desintendido!?-Disse BC.


Butch se levantou,e percebeu que os olhos de BC estavam levemente inchados,o que significava que ela tinha chorado.


-Isso tudo é por causa da Brute,não é!? Você precisa me escutar Buttercup!-Disse Butch,tentando se aproximar dela,mas ela o empurrou.


-Eu não preciso fazer nada! Você me traiu! Me traiu com aquela maldita! Eu não quero ouvir nem mais uma palavra!-Disse BC.


-Eu não trai você!-Disse Butch.


-Ah não!? Então como me explica essa mensagem que você me mandou!?-Indagou BC.


Ela pegou o celular que estava em seu bolso,e mostrou o video de Brute com ele,em que ele estava desacordado e nu com ela em uma cama.


Butch sentiu suas pernas enfraquesserem,como se fossem gelatina,aquele no video era de fato ele,e como ele acordou ao lado dela,tudo ali era verdade.


As palavras de Brute no video vieram como facadas em Butch,ela tanto insistiu,parece que estava tendo sucesso em separar BC dele.


-Você passou a noite com essa desgraçada! Eu não acredito que você teve coragem de fazer isso comigo!-Disse BC.


-Eu não fiz nada disso! Eu encontrei com ela ontem,mas ela...-Dizia Butch,até BC interromper.


-E você diz isso na minha cara!? Não bastava só me trair!-Esbravejou BC.


-Eu não trai você! Ela me nocauteou! Eu detesto ela tanto quanto você!-Disse Butch.


-Por que eu deveria acreditar em você!? Você tem alguma prova de que ela fez isso!?-Indagou BC.


Butch suspirou.


-Não! Como eu deveria provar isso!?-Indagou ele.


-Mas ela tem! Ela usou o seu celular pra me mandar isso! Ela até sabe sua senha! Como eu deveria saber se você não permitiu que ela fizesse isso!?-Disse BC.


Butch negou.


-É verdade,eu acordei sem roupas e na cama dela,mas eu não te trai! E eu não faço ideia de como ela sabia a minha senha,mas eu juro,eu não trai você!-Disse Butch.


-Pare com esse teatrinho ridiculo! Eu não acredito em você! Quero que você dê o fora daqui!-Disse BC.


-Buttercup,não faz isso! Eu não posso ficar sem você!-Disse Butch.


-Você tem aquela desgraçada,afinal,não é ela que te deixa super cansado?-Disse Buttercup.


-Não,por favor! Eu te amo!-Disse Butch.


Buttercup o empurrou usando sua força,fazendo Butch bater as costas na parede.


-NUNCA MAIS DIGA ISSO! E EU ESPERO NÃO TER MAIS QUE COLOCAR MEUS OLHOS NESSA SUA CARA! TRAIDOR! EU TE ODEIO!-Disparou ela,jogando a mala de Butch para as mãos dele,e o expulsando da casa.


Butch sentiu seu mundo desabar,BC era tudo para ele,e agora ele não tem nada,graças a Brute.


Mais Tarde


Bubbles estava na casa de Blossom,ela tinha trazido Ben para ver a tia,e isso a deixou um pouco mais alegre.


Mas Blossom não estava bem,isso era notável,ela tinha o costume de se acabar com livros quando estava triste,mas agora ela estava usando o Notebook quase sem parar.


-Ele melhorou Bubbles?-Perguntou Blossom.


Ela se referia a Ben,que estava com os machucados misteriosos ainda.


Bubbles engoliu seco,a lembrança era dolorosa.


-Muito pouco,está meio complicado tomar conta dele,ele não consegue chorar,então não sei dizer o problema que ele tem.-Disse Bubbles.


-Fico triste por isso.-Disse Blossom.


-Mas e você Blossom? Você me ligou dizendo que seu casamento entrou em crise,mas você parece estar ignorando isso.-Disse Bubbles.


Blossom deu de ombros.


-Não diria que estou ignorando,só estou resolvendo o meu problema.-Disse Blossom.


-Como assim?-Indagou Bubbles.


-Eu disse pra vocês que estou decidida a ter um filho,e eu não preciso do Brick pra isso,é obvio que eu gostaria que tudo tivesse sido diferente,mas ele me disse que eu não deveria ser mãe,e eu não vou concordar com isso.-Disse Blossom.


-E o que você tem em mente?-Perguntou Bubbles.


-In Vitro.-Respondeu Blossom.


Bubbles piscou,ela estava falando sério?


-Mas,isso não é super caro?-Indagou Bubbles.


-Caro? O Professor pode realizar o processo.-Disss Blossom.


-Blossom,nosso pai é um cientista,não um médico.-Disse Blossom.


-Mas ele ajudou no parto do Ben,e me socorreu quando eu perdi o meu filho.-Disse Blossom.


-Mas foi por risco dele,ele não é especializado nem nada do tipo.-Disse Bubbles.


-Mas que coisa! Bem,não tem problema,eu posso trabalhar dobrado no Starbucks.-Disse Blossom.


-Não pode! Você ficaria sem tempo para a faculdade!-Disse Bubbles.


Blossom praguejou.


-Mas que odio! Parece que a vida simplesmente não quer que eu tenha um filho!-Disse Blossom.


-Por que você não conversa com o Brick? Vocês se amam,tenho certeza de que conseguem dar a volta por cima.-Disse Bubbles.


Blossom negou.


-Eu não acho,eu amo o Brick sim,mas ele foi tão cruel,tão insensível comigo,eu não sabia que ele poderia ser daquele jeito.-Disse Blossom.


-Mas será que não vale a pena tentar pelo ou menos uma conversa?-Indagou Bubbles.


Blossom deu de ombros.


-Tudo bem,eu posso ir atrás dele,apesar de não achar que isso vai mudar muita coisa.-Disse ela.


Mais Tarde


-Tem certeza de que devemos fazer isso?-Indagou Bubbles.


-Tenho,vai ser divertido.-Disse Boomer,sorrindo.


Bubbles e Boomer ficaram de frente um para o outro,estavam na sala de estar,o Professor estava no canto,gravando tudo,e Ben estava no chão.


Estavam vendo se ele conseguiria andar,de Bubbles até o Boomer.


-Você consegue Ben,a mamãe não vai te deixar cair!-Disse Bubbles,para encorajar o filho,Ben ainda estava sentado,encarando o teto.


-Será que ele quer fazer isso?-Indagou Boomer.


Bubbles deu de ombros.


-Como eu deveria saber?-Indagou ela.


-Talvez ele só precise ser estimulado!-Disse Brat,entrando pela porta,com um chocalho novo.


Ela o entregou para Boomer,que por sua vez se agachou para mostra-lo para Ben.


O menininho teve uma resposta imediata,os braços estavam esticados na direção do chocalho,enquanto ele dava passos desajeitados na direção de Boomer.


-Ele conseguiu!-Disse Bubbles,sorrindo.


Todos riram,apesar de Brat estar fingindo,ela queria dar uma bela rasteira no bebê,para que ele caisse.


E ela o faria,se possível.


-Eu gravei tudo!-Disse o Professor,indo até a cozinha.


Bubbles e Boomer foram atrás dele,o chocalho estava no chão,e Ben ainda estava indo atrás dele.


Brat espiou a cozinha rapidamente,todos estavam distraidos com o video,ela aproveitou.


Deu uma rasteira em Ben,fazendo o pequeno menino se desequilibrar e bater a cabeça no chão.


Mas ele não chorou,seu rosto ficou vermelho,e ele começou a mexer os braços com desespero,ele não conseguia chorar,graças a ela.


-Amiga! Ele tropeçou!-Chamou Brat.


Bubbles e Boomer foram acudir o filho,e por dentro Brat estava rindo.


Mas estava muito sem graça para ela.


Ela tinha que fazer algo pior.


Mais Tarde


Blossom estava rondando Townsville atrás de Brick,mas não estava tendo muito sucesso.


Não fazia ideia de onde ele poderia estar no momento,talvez ele estivesse fazendo um show? De qualquer forma,ela não sabia.


De repente,escutou um barulho enorme,ela seguiu o som,e se viu em frente ao PinkPunk! A porta estava destruida.


-VOU ACABAR COM VOCÊ DESGRAÇADA!-Disse uma voz que ela conhecia bem.


Sua irmã,Buttercup,parecia pronta para estrangular Brute.


Mas o que chamou sua atenção foi o balcão.


La estava Brick,conversando com Berserk.


-O que significa isso!?-Indagou Blossom,chamando a atenção dos dois.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...