1. Spirit Fanfics >
  2. Have a Good Night, 2Se. >
  3. Como aquela noite de sono, esse capítulo é único.

História Have a Good Night, 2Se. - Capítulo 1


Escrita por: e potatosik


Notas do Autor


É isso mesmo que você notou, eu sou completamente boiola por victon e por couples com o hanse, boa dia.

Capítulo 1 - Como aquela noite de sono, esse capítulo é único.


    Não havia dúvida alguma de que Lim Sejun era totalmente apaixonado por Do Hanse, mas naquele momento nem mesmo o supracitado vocalista estava aguentando todo aquele grude do namorado. 

 

    Hanse é uma pessoa naturalmente afetuosa e muito manhosa, em circunstâncias normais ele ficaria agarrado consigo quando tivessem algum descanso ou ficaria até mais tarde assistindo TV na sala do dormitório enquanto tinha sua cabeça nas coxas do Lim, mas agora eram outros quinhentos, depois de muito tempo sem promover como sete o Victon finalmente havia feito seu comeback com Howling, e aquilo tinha sido incrível, mesmo com as consequências absurdas que ainda assolavam o mais velho do grupo, mas havia acabado, a promoção do novo álbum tinha chegado ao fim. 

 

    E bem, Hanse havia se tornado ainda mais pior no quesito grude por conta de todo tempo vago que agora tinham — afinal antes da volta de Seungwoo e do comeback de Howling, eles tiveram uma agenda cheia desde o comeback em novembro do ano passado. —, todos, principalmente o Do, já haviam se acostumado com a correria que a vida de idols conhecidos havia proporcionado à eles. 

 

A manha de seu namorado nunca foi demais, Sejun sempre amou o jeitinho meigo e cheio de necessidade de carinho de Hanse, mas ainda tinha momentos em surtava e queria ficar sozinho, sem contato com nenhum ser vivo, como por exemplo hora de dormir e a hora de comer. 

 

Com o passar dos anos acabara se acostumando com a maneira falante e animada com que o Do conduzia as refeições, no entanto sempre preferiu dormir sozinho, esparramado por sua cama e o moreno sempre entendeu seu lado, pois também era desse jeito.

 

Exatamente, era. 

 

Hanse andava um saco quando se tratava de ir dormir. Sempre quando dava mais ou menos meia noite lá estava ele, em seu quarto com um bico nos lábios e os olhinhos pedintes, pedindo para dormir consigo, nos primeiros dias entendeu, afinal também sentia falta de ter mais momentos a sós e íntimos com o namorado. Mas a questão era já fazia duas semanas desde aquele hábito havia iniciado e Sejun definitivamente não queria levá-lo em diante. 

 

Hyuung. — Era onze e meia da noite, tinha até apagado a luz do quarto e se coberto dos pés a cabeça para evitar a presença do namorado ali, mas a voz manhosa se apoderou do quarto novamente, fazendo o Lim suspirar pesado.

 

— Oi. — Adorava tratar seu garoto com o máximo de carinho e amor, porque era assim que se sentia em relação a ele, mas Sejun não pôde impedir que aquela pequena palavra saísse de forma tão pesarosa e cansada, tal como irritada. 

 

— Aconteceu alguma coisa? Você ‘tá bravo comigo hyung? — O mais novo se aproxima cada vez mais de sua preciosa e apertada cama. 

 

— Não Hanse, não ‘tô, deita logo. — Responde pesado e então se espreme contra a parede, dando espaço para que o menor deitasse ali, mas o Do não o faz, apenas ficou parado olhando receoso para o mais velho. — Não vai deitar não? Eu quero dormir!

 

— Você quer que eu deite? Tipo, de verdade hyung. — Murmura andando até o interruptor de luz e acendendo a mesma, iluminando todo o quarto no mesmo instante. Hanse odiava sentir que existia algo mal resolvido, odiava. — Pode me falar, um relacionamento funciona assim.

 

— É que assim Hanse-ah, eu já não aguento mais dormir com você. Não aguento. — Não, isso não seria um problema se Sejun entendesse minimamente como funcionava o poder das palavras, principalmente o quão pesadas elas conseguem se tornar para uma pessoa sensível como Hanse. Se ele fosse um pouquinho mais carinhoso com as palavras, talvez aquela situação fosse mais branda para o casal. — ‘Tô de saco cheio.

 

Ah. — Foi a única coisa que o mais novo conseguiu dizer antes de desviar os olhos para o chão e suspirar. — Desculpa então, eu vou ir ‘pro meu quarto.

 

O sorriso dado por Hanse foi falso e Sejun sabia daquilo, mas não queria pensar em nada, só queria descansar e finalmente aproveitar sua casa só para si. 

 

SOFT CHEST

 

— Sejun, nunca pensei que eu diria isso, mas você é um bosta. — Seungwoo disse negando com a cabeça.

 

    Era de conhecimento geral de que Han Seungwoo era completamente rendido por todos os seus membros, sempre com elogios na ponta da língua e pensava que era quase impossível existir algum defeito naqueles seis caras, no entanto, Sejun andava testando seu amor.

 

    — Ué, porque? — Indaga confuso olhando para o mais velho.

 

    — Sejunnie, parece que você se faz de sonso às vezes. — Chan nega com a cabeça enquanto se jogava no chão da sala de prática onde estava somente os mais velhos, já que a maknae line havia alegremente saído para comprar alguns salgadinhos e provavelmente parariam em mais algum lugar para comer algo. 

 

    — Não ‘tô entendendo. — Bufa.

 

    — Faz três dias que o Hanse ‘tá dormindo com o Byungchan Sejun. — Seungsik explica após voltar do banheiro e se jogar no chão colocando sua cabeça sobre o colo de seu Seungwoo. — Ele anda tão caidinho. 

 

    — Não sei o porquê hyung, é normal precisarmos de espaço quando estamos ‘num relacionamento. — O Lim dá de ombros.

 

    — É claro que é normal Sejun-ah, mas eu ouvi a forma com que você tratou ele e aquilo não foi legal, você sabe como o Sese é sensível. — Seungwoo explica enquanto começava a fazer um cafuné nos fios úmidos de suor do namorado. — Eu e o Seungsik estamos ‘num relacionamento já vai fazer três anos e nós já tivemos esse momento de dar um espaço um ‘pro outro, é necessário ‘pra uma relação saudável, mas não daquele jeito. Pareceu que sei lá, você simplesmente ‘tava cansado dele Sejun, Hanse ficou sentido.

 

— E com razão. — Chan pontuou. 

 

— Ele me disse que ‘tava indo dormir com você porque sentia falta sua e que sentia que vocês tinham se afastado como casal por causa dos nossos compromissos Sejun-ah, Hanse só ‘tava agindo como a criança manhosa que ele sempre foi. — Seungsik fala calmo, embora em seu tom de voz ainda existisse um pouco de repreensão. — A gente entende que ele ‘tava te sufocando um pouco, mas um relacionamento não se trata só de vocês saberem beijar, transar e só, vocês também tem que conversar sobre o que sentem. E não, você não conversou, você só jogou a informação na cara dele e ponto. 

 

— Eu não tinha notado. — Resmunga baixinho, se sentindo extremamente mal por ter deixado Hanse tão mal com aquilo.

 

— A gente notou. — Heo diz rindo fraco. — Mas enquanto você não notava Byungchan ‘tava calmíssimo lá deixando o Sese se aconchegar nele de noite. 

 

— Aquele bastardo

 

— Yah Sejun hyung! Eu não tenho culpa de você não saber tratar seu namorado direito e eu saber! — Byungchan entra rapidamente na sala pega uma jaqueta e um boné e diz antes de sair: — A gente já ‘tá saindo de novo, e vê se você se manca hyung, não aguento mais ter que ouvir o Hannie choramingar que é enjoativo. Tchau!

 

— Xeque-mate. — Seungwoo ri da careta feita por Sejun.

 

— Você levou uma coça do Byungchan, de Choi Byungchan! — Chan se levanta do chão e começa a gargalhar e apontar para o Lim, que só fez um bico e ignorou a situação, pensando no que faria para ajeitar as coisas com o namorado. 

 

SOFT CHEST

 

— Vocês fiquem quietinhos aqui na sala, ‘tá? — Os cinco caras concordam cansados, já era a vigésima sei lá o que vez que Sejun repetia aquilo. 

 

Hanse logo saiu do banheiro e foi para o quarto que dividia com Byungchan e Subin, Sejun olhou para os outros e fez um joinha com a mão enquanto ia para o mesmo caminho que o Do. 

 

A porta do quarto estava entreaberta e foi impossível para o Lim não dar um espiadinha no namorado vestindo o pijaminha de calor, achava que Hanse ficava excepcionalmente lindo com aquela espécie de pijama, porque as pernas dele eram lindas demais e bundinha apertada por um shortinho curto lhe enlouquecia. Mas esses não eram méritos para agora. 

 

— Hanse-ah? — Viu o Do dar um solavanco de susto e olhar para sua direção.

 

— Ah, oi hyung. — Responde calmamente voltando sua cabeça para frente, seus olhos fitavam de forma nervosa a parede, mesmo que tivesse noção de que Sejun não podia ver seu rosto. — Precisa de algo?

 

— Uhum, vem. — Sejun bagunçou os fios azuis e então estendeu a mão para o Do, que virou totalmente seu corpo para entender o que acontecia. Ajeitou a toalha no cabide e então entrelaçou sua mão a do Lim, após passar um pouco de perfume.

 

Eles rapidamente entraram no outro quarto, Sejun pediu para que o mais novo se deitasse em sua cama e assim o Do o faz. Mesmo um tantinho nervoso, Sejun o acompanhou e se sentou sobre o quadril de Hanse, sem nenhum intenção extra.

 

— Só relaxa, não vou fazer nada. — O Lim adverte enquanto abria alguns botões do pijama de cetim verde bebê. O peito pálido e manchado pela tinta preta da tatuagem ficou completamente exposto para o vocalista, que não tardou a começar a deixar fracos chupões ali.

 

A pele branquinha era sugada com leveza, os dentes de Sejun raspavam contra a epiderme vez ou outra, assim como os macios lábios às vezes deixavam selares curtos e rápidos na pele alva. O Lim subiu o carinho para o pescoço, se preocupando mais em cheirar o cangote de Hanse do que realmente marcá-lo, mesmo que acabasse por prender a tez cheirosa entre seus dentes só para ouvir o arfar baixinho do menor e deixar leves manchinhas das sucções. 

 

Os selares foram ficando cada vez mais delicadinhos e rápidos, até Sejun traçar a linha até os lábios carnudinhos. Primeiro esfregou sua boca na do menor, só para sentir a satisfação de ter aquele piercing geladinho roçando contra sua boca, mas depois o puxou para um beijo de verdade.

 

Foi um selar rápido, mesmo com as línguas numa constante batalha por espaço. Sejun não queria que aquele momento se tornasse mais quente e então recebesse o título de sexo de consolação, porque não era esse rumo que queria seguir em seu relacionamento com Hanse.

 

— Ei, eu sei que fui um idiota com você, eu devia ter medido mais minhas palavras, mas não pensa que eu cansei de você Hanse-ah, acho que você é uma das únicas coisas que eu tenho certeza que vou ser dependente pelo resto da vida. — O ar mal entrou nos pulmões de Sejun antes dele começar a falar, as mãos naturalmente grandes espremiam as bochechas do namorado para mantê-lo olhando para si, mas fazia com que os lábios vermelhos e agora inchados formasse um biquinho, ao qual o Lim deu um selinho após o fim da primeira parte do curto discurso. — Eu te amo tanto Hanse, tanto, mas tanto, só que naquele momento eu ‘tava cansado, queria me sentir mais sozinho por uns instantes, acabei falando coisas brutas demais ‘pra você, que só ‘tava tentando ser um namorado mais incrível do que você já é.

 

— ‘Tá tudo bem hyung, eu que sou muito exagerado. — O Do diz baixinho desviando o olhar assim que suas bochechas foram soltas. 

 

— Não! Você é não exagerado meu bem, você fez exatamente o que eu faria. — Sejun fala enquanto guiava suas mãos aos cabelos negros do mais baixo. 

 

— É que eu te gosto tanto hyung que se eu pudesse nunca me desgrudaria de você, mas Subinnie me disse que às vezes as pessoas precisam de um ar em um relacionamento. — Hanse explica calmamente e mesmo que Sejun não conseguisse se concentrar exatamente no que o baixinho dizia, o Lim assentia. — E também eu sempre achei seu peito mais macio que meu travesseiro e seus braços mais seguros e quentinhos que a minha coberta. 

 

Se fosse possível Sejun teria explodido de tanto amor e carinho que sentiu naquele momento. Hanse era precioso demais para esse mundo, essa foi sua conclusão.

 

— Então denguinho, juro solenemente que a partir de hoje eu serei seu colchão e cobertor oficial. — Hanse só soube rir da doçura de seu namorado e fazer que sim com a cabeça. 

 

E naquela noite Hanse dormiu melhor que qualquer uma, porque além de receber vários beijinhos de boa noite, também pode dormir no macio peito de seu hyung.


Notas Finais


Ok, não reviseikkjk qualquer erro me avisem plsss

A capa tá beeem bosta a fic também, mas espero que gostem :c

JURO que vou tentar fazer outro couple, um sem o Sesekkjkjk me falem quais vocês querem :)

Beijos, Stream Howling, comeback victon e skz em junho, se mantenham em casa e higenizadinhos e tichau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...