História Hawaii (VHOPE) - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Tags Mistério, Romance, Taeseok, Vhope, Yaoi
Visualizações 77
Palavras 2.797
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - I'm so sorry Tae


Fanfic / Fanfiction Hawaii (VHOPE) - Capítulo 12 - I'm so sorry Tae

Depois de um tempo conversar com Jimin o namorado simpático do meu primo tomei coragem para conversar finalmente com Hoseok,embora eu ainda esteja constrangido com o que aconteceu eu sei que ele não fez porque quis apenas seus instintos bizarros falaram mais alto,pelo o que eu o conheço esse ruivo no deve estar querendo morrer.

Suspiro retirando meus fones de ouvido e os guardo na bolsa jogada na areia,pego minha prancha antes fincada e começo a correr pela areia sentindo a brisa fria bater em meu peito enquanto vou direção ao mar gelado.

Ligo o cronômetro do meu relógio a prova d'água me me jogo na água em cima da prancha. Por ser um dia frio a chance de ter muitas ondas era grande,preciso aproveitar ao máximo porque nunca se sabe o tempo vai mudar na parte da tarde.

一O que eu devo fazer quando encontra lo?

一 o quê dizer?

一 Como chegar?

São tantas perguntas em minha cabeça que eu nem percebi quando me aproximei do fundo.

Isso não é hora de pensar nele agora Taehyung,você tem uma competição para vencer!

Um olhar determinado sugestões em minha face e eu começo a nadar em direção a uma onda média que está se formando.

Me inclino para frente me preparando para ficar de pé na prancha.

一 Taehyung

O Ruivo aparece na frente da prancha me fazendo gritar e ir para trás.Perdi o equilíbrio e acabei caindo no mar e engolindo um pouco de água.

Nado para cima e me agarro a prancha respirando ofegante e subo em cima da mesma me sentando com uma perna de cada lado.

一MAS QUE PORRA HOSEOK

一vim me desculpar por bem... 一 ele desvia os olhos constrangido 一você sabe...olha eu sei que vacilei com você e perdi sua confiança mas eu quero concertar as coisas.

Fico encarando por segundos tentando decifrar suas ações mesmo sendo pouco provável que eu acertasse já que ele sempre foi uma pessoa muito imprevisível.

一 por isso eu quero te levar num lugar, ele é muito especial para mim Digamos que é o meu pedido de desculpas por ser um idiota.

Ele dá um sorriso fofo mostrando os seus dentes afiados fazendo minhas coxas ficarem arrepiados por lembrar das mordidas e chupões que ele me deu.

Foco, não vamos ficar de pau duro na frente dele! não agora pelo menos.

一 Então você confia em mim? 一 Ele pergunta esperançoso se aproximando mais da prancha.

一 olha.... mais ou menos

一 é o bastante 一 ele me puxa para a água e segura minha mão.

Minha respiração por instinto mas eu me lembrei de algo que Suho falou sobre um pacto de sangue Que Me Faz Respirar debaixo d'água.

Abri a boca devagar aproveitando que eu ainda estava perto da superfície qualquer coisa eu nadava eu gosto de ar, mas estava tudo normal era como se tivesse respirando ar.

Agora de baixo d'agua eu conseguia ver Hoseok por inteiro,sua cauda longa e negra em pé deveria dar uns dois metros e olhando uma de suas barbatanas remendadas com o fio que eu havia usado para costura-la eu não esperava que ele ainda a usasse outra caracteristica bastante incomun e curiosa é que ele tem tatuagens que brilham mais e mais conforme vamos descendo.

Descemos devagar por causa da pressao,eu poderia morrer esmagado por ela e nós dois realmente queremos evitar isso.Não foi ruim já que ele decidiu ser meu guia turistico e me mostrar os corais e algumas cavernas submersas

Não sei a quantos metros de profundidade estou mais já é possível ver a areia,bem mais ou menos a cauda de Hoseok iluminava a escuridão então eu não tinha muita certeza.

Ruínas antigas apareceram colunas enormes de ouro,ao menos parecia já que eu não pode ia tocar em muita coisa.

Hoseok disse que mesmo submerso ainda tem armadilhas por aqui.

一estamos quase chegando

Ele nada mais rápido e não consigo acompanhar seu ritmo

一Hoseok

Ele se vira para trás e pareceu entender que eu não conseguia nadar tão rápido então ele,então voltou e segurou minha mão nadando mais devagar.

一estamos quase lá Taehyung

Começamos a subir uma escada de pedra cheia de lodo,bem quer dizer eu subi, o Ruivo apenas nadou sobre os degraus.

一 olha, eu sei que aqui no escuro isso deve ser um pouco apavorante Mas não é nada demais Eu apenas...vem aqui quando estou chateado, segundo a Reno eu nasci exatamente aqui.

Ele puxa minha mão delicadamente e sua cauda começa a formar mas tatuagens brilhantes iluminando a Escuridão por onde passávamos.

Os destroços agora eram mais visíveis pedaços de madeira, metal e a tatuagem com avião ali.

Eu não sabia dizer o que era aquilo mas ao ver uma bandeira pirata Tudo Mudou, eram navios ou melhor o que sobrou deles.

一 cada vez que eu te conheço eu te acho mais e mais estranho

一 Você me acha estranha por ter nascido no cemitério de navios ou por isso ser o meu lugar de paz?

一 um pouco de cada

Lhe dou um sorriso ele revira os olhos, é ele realmente pegou essa mania.

É muito estranho estar em baixo da água sem precisar de nada para respirar, e depender apenas de uma única mão.

Ele puxou minha mão e  começamos a nadar por cima das carcaças dois navios naufragados. Eu fiquei um pouco assustado e com medo de que alguma coisa sair sangue debaixo e nos pegasse, mas Hoseok está acostumado a vir aqui então se nada pegou ele até agora estamos bem.

Ele me disse que era daqui onde ele tirou Aquele barco quando eu fui a Dellohan O que foi surpreendente, pois me parece difícil achar um barco sem nenhum arranhão aqui.

Quanto mais nadávamos mas receio de ficar embaixo da água contratar um tinha, Até que enfim não mente deixamos o cemitério e entramos em uma caverna cuja limitação de ver era muito grande.

Não vai fazer quase nada é certo dois portões enormes de ouro no centro da caverna.

一 Chegamos

一 É? E o que exatamente é aqui?

Ele abre os portões revelando uma caverna enorme,iluminada com vários tipos de plantas aquáticas nunca vistas por mim.

Parecia que eu estava naquele filme da Barbie que ela vai para mermaidia.

Ficamos um tempo ali fazendo um touro com ele me mostrando cada planta e me dizendo sua origem.

Porém meu relógio apitou,já eram 10:30 e e eu precisava arrumar as comidas para a nossa viagem a Dellohan.

Fiquei um pouco chateado de termos que ir justo agora,mas era melhor não ficar adiando. Sinalizo para o Ruivo dando entender que precisávamos ir.

Respirar de baixo d'água é uma das coisas que eu nunca imaginaria fazer,e é incrível eu pude ver um cemitério de navios ao vivo e a cores ou seja isso significa que Hoseok não matou ninguém para conseguir aquele barco da outra vez.

Isso me deixa aliviado.

Ele me puxou para uma canoa e me fez sentar dentro dela.

一 Segura firme

Ele deu um puxão no barco usando as duas mãos e nadando sua cauda negra fortemente para cima.
O barco soltou se dos corais e começou a ser levado para a superfície.

No meio do caminho vejo caudas coloridas e brilhantes escondidas em cavernas,apertei a madeira do barco forte pelo medo de ser atacado debaixo d'água por várias sereias.

一 Hoseok,estão nos seguindo

一 Não é como se elas pudessem atacar um marcado ou coisa assim

Ele nada mais forte me fazendo agarrar o barco com certo medo de acabar caindo do barco e ficar preso ali embaixo com elas,eu sei que ele tinha dito que elas não me fariam nada,mas eu não quero arriscar.

Subimos de volta a superfície e foi aí que eu percebi o quão cansado eu estava.

O ruivo levou o barco na margem deserta da ilha perto de onde eu morava para buscar frutas,aproveitei e dei uma passada rápida em casa pegando algumas coisas e avisando a minha tia sobre a Taylor.

Enquanto voltávamos a Dellohan comecei a pensar em Hoseok.

O que será que ouve com a mãe dele?Qual seria seu nome?por que diabos isso me interessa?

一Qual era o nome da sua mãe? 一 olho para o horizonte aproveitando a paisagem 一 você disse que ela havia falecido não foi?

一 o nome dela era Delaila e sim ela morreu a muito tempo 一 abro a boca para falar mas ele me corta 一 não se preocupe isso não me afeta mais,até porque eu quase não tenho memórias dela mesmo.

一então não...você sabe sente falta dela?

一 não dá para sentir falta de alguém que você só conviveu no primeiro ano de vida 一 ele me encara dando uma sorriso sem graça.

Hoseok mergulha na água e puxa a corda com força fazendo o barco se mover.Ele ainda está meio envergonhado por ter se descontrolado no cio mas não tem necessidade dele se remoer já que nos acertamos.

Começamos a planejar no meio do caminho como íamos fazer para Hoseok entrar em Dellohan sem correr risco de ficar preso nas Gigogas e dar um jeito de encontrar a Taylor para podermos ir sairmos o mais rápido daqui.

No fim das contas depois que passamos pelas pedras eu e assim que chegamos perto de Dellohan eu puxei o ruivo para dentro do barco e comecei a remar até a praia rápido com medo de sermos atacados pelas gaivotas novamente.

Não paramos de conversar durante nossa pequena viajem até a ilha agora a vista e assim que eu comecei a Remar para Dellohan avistei aqueles lindos corais vermelhos de antes e caudas de carpas aparecendo novamente meio escondidas. Hoseok agora no barco me deu um tapa na nuca falando para eu não olhar para os corais porque eu poderia acabar me julgando de lá E se eu o fizesse, ele não poderia fazer nada para me salvar já que não era o seu território.

Então eu virei para frente e continue a remar o ruivo pegou o remo então tô me ajudar mas ele não conseguiu eu pedi para ele parar.

Depois as longas horas no mar finalmente o barco estava chegando areia estava escuro e decidimos dar uma parada para dormir e assim foi feito nós dois dormimos dentro do barco.

De manhã

Acordei sentindo só o quente em minha cara abre os olhos de com dificuldade e com certo medo de ser chegado pela luz daqui O Sol é muito quente aqui em Dellohan.

Abrir meus olhos semicerrados e vejo um Tritão meu lado desacordado sua pele branca como leite havia ficado mais escura dando um ar de ser humano,suas escamas brilhantes escamosas agora estavam escondidas sobre a pele apenas sua cauda ainda continuava intacta, Negra grandes e brilhosa.

Foi o sacrifício tirar ele do barco e molhar um pouco água salgada do mar de noite para que o mesmo não desidratar-se ele molhado parece pesar mais de uma tonelada.Mas no fim deu tudo certo até conseguimos dormir no barco e eu não precisei nem acordar todo ensopado de água

O balancei suavemente e ele abriu seus olhos escuros eu sou de certa forma me deixou aliviado porque a maioria das vezes em que seus olhos ficam igual de um gato ele tá muito bravo comigo.

Bom dia -digo meio nervoso pela nossa proximidade

Apesar de eu ter o perdoado meu corpo ainda fica quente quando me aproximo dele,não sei se isso é uma coisa boa ou ruim.

一 Hum 一 ele diz coçando os olhos e bocejando 一 o que faremos agora?

一 bom primeiro nós vamos comer depois você vai beber bastante água do mar para se hidratar Eu acho que eu vou ter que pegar você no colo e andar pela Mata fora

一 você vai me carregar para dentro das mata? na terra?!

一 sem gritar Hoseok 一 o repreendo 一 e sim não posso deixar você que sozinho eu não sei o que eles podem fazer se encontrarem aqui sozinho, sem falar das Gaivotas olhamos para cima e vemos várias Gaivotas nos rodeando.

一 pensando bem parece um bom plano - ele fala olhando um pouco assustado para as Gaivotas

E assim nós fizemos comemos um misto quente que já vi esfriado e eu bebi suco de laranja encontro Russo que beber uma simples água no mar para se hidratar Por que segundo ele água doce não hidrata ele.

Depois de tudo feitos eu pego no colo e entro na mata com muito cuidado e receio.Parecia não ter ninguém na mata mais por puro medo eu comecei a gritar Taylor na esperança de que se houvesse algo ali não nos ataca-se

一Taylor chegamos一 falo em voz alta meio receoso daquelas coisas que parecem coco me atacarem de novo por trás agora eu não estava só eu estava segurando um tritão estilo noiva.

Continuamos vagando na esperança de que ela ouvisse mesmo com as fortes rajadas do vento eu não perdi a esperança ( ainda). chegamos há uma mansão bem rústica feita de madeira e folha de bananeira então eu supus que era a mansão da Taylor.

Hoseok bate na porta meu receoso porque nunca se sabe quando que os bichinhos meio cocos vão te atacar por trás ( eu realmente fiquei traumatizado com aqueles bichos)

Depois de alguns instantes a portas se abrem e eu adentro com ele no meu colo ainda vejo uma porções de malas enormes de várias cores e Estilos diferentes parecia que eu estava no desfile de malas.

Olha o redor reparando agora reparando a área de entrada já que da última vez eu estava muito ocupado fugindo e é bem bonito para falar a verdade parece um Palácio cheio de ouro estátuas de cristais e toda essa ostentação desnecessária de gente rica.

Havia uma escada no canto central da sala ela era de pedra e com degraus enormes parecia até que havia sido esculpida lá no alto bem no topo da escada vejo Amiro segurava uma enorme mala branca com detalhes esverdeados, ele aparentava estar exausto acabado para dizer a verdade mas eu não quis ser uma pessoa Indelicada.

Ele empurra a mala que sai rolando escada abaixo atropelando os servos que estavam no caminho.

Ele notou minha presença e se transformou em uma cobra e deslizou pelo corrimão em minha direção rapidamente me admirando por uns segundos enquanto estava na minha frente sua forma humana se faz presente de novo e ele me dá um sorriso debochado.

一 Então você voltou mesmo一 ele me olha dos pés à cabeça e foca seu olhar em Hoseok 一 Quem é esse?

一Eu sempre cumpro o que eu digo, e esse é um amigo que vai me tirar daqui一 dou-lhe um sorriso tentando confortar o mesmo que estava muito arrisco por estar na superfície.

一mestra ele voltou 一 Amiro anuncia e após alguns minutos o barulho de algo se rastejar e ouvido.

Eu estava ela uma Lâmia de dois metros de altura loira com seus olhos verdes esmeraldas se rastejando lentamente para as escadas.

Ela me encara surpresa mas logo depois volta a sorrir que desce as escadas. me pergunto como ela conseguiu descer machucar a sua cauda ou sei lá o que que é aquilo.

一 você veio 一ela me diz em um tom surpreso e baixo.

一Eu sempre cumpro o que eu falo, se eu te fiz uma promessa tenho certeza de que eu vou cumpri-la Taylor 一 digo calmamente sorrindo enquanto a mesma dizia que não iria chorar para não borrar a maquiagem.

A loira finalmente percebe a presença do Tritão em meu colo e pareceu surpreso ao notar a cor da sua cauda.

一 algum problema? 一 o Ruivo pergunta meio intimidado com olhar de cobra da loira.

一 não nada que você tem que se preocupar" ela disse encarando com certo desprezo 一 você me lembra ela"

一ela? Ela quem?一 pergunto e ela revira os olhos.

一 não importa, apenas vamos sair daqui一 ela bate duas Palmas e aquelas criaturinhas se unem em pequenos grupinhos pegando as malas.

一 assim não é por nada não mas eu acho que não vai caber no meu barco一digo desconcertado coçando a cabeça.

一E quem disse que vamos no seu barco?一nós vamos no meu Corsário.

一 Desde quando você tem um?一 o servo Leal pergunta

一sempre tive como você acha que eu vim parar aqui com todas as suas malas? ele é mais uma das poucas memórias sólidas que eu ainda tenho de Cornélios 一 ela fale um tom melancólico 一 por hora eu não quero falar sobre isso apenas vamos.

A cacheada de cabelos loiros como sol segue adentrando a mata e nós a seguimos . Lá vamos de volta para o Hawaii.... pera aí eu não tinha que treinar para a competição?


Notas Finais


Pessoas amadas do meu coração,eu tava escrevendo os capítulos aqui e eles ficaram muito grandes vocês querem poucos capítulos de 3000 palavras para cima ou querem que eu divida?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...