1. Spirit Fanfics >
  2. He and she - Yoongi >
  3. (16) dezesseis

História He and she - Yoongi - Capítulo 16


Escrita por:


Notas do Autor


Ui ui olha que voltou aqui kkk

Boa Leitura minhas coxinhas

Capítulo 16 - (16) dezesseis


Fanfic / Fanfiction He and she - Yoongi - Capítulo 16 - (16) dezesseis

Eles chegavam daqui uma hora e sabe o que eu estava fazendo? Isso mesmo, nada além de andar de um lado para o outro no meu quarto enquanto Yoongi estava deitado na cama com a mesma expressão de desespero que eu.

Provavelmente vai ser bem difícil eu ficar calma, eu vou contqr para os meus pai que eu estou namorando e conhecer meus sogros logo depois, não sou uma pessoa que gosta de muitas emoções, meu frágil coração não aguenta.

Estaria tudo bem se eu tivesse só uns quatorze ou quinze anos e ficar nervosa assim, mas eu deveria ficar mais calma com vinte e quatro.

Se eu desse mais duas voltas acho que eu ia cair no andar de baixo, então me joguei na cama ao lado de Yoongi que me abraçou.

— Eu ia perguntar se você tá nervoso mas eu sei que tá...

— Ainda bem que você sabe s/n. É como se eu tivesse 16 anos de novo sabe? — ele diz e eu concordo — Eu lembro até hoje como foi contar para os meus pais do meu primeiro namoro... esquisitamente estranho.

— Já passei por isso também, mas talvez tenha sido bem pior explicar que eu namorava minha melhor amiga. Dava até uma história pra filme.

— Que legal... posso ser traído com homem e mulher também — ele ri 

— Eu não faria isso com você nem com ninguém, muita cara de pau. 

— Por que eu sinto toda hora que eu vou derreter de amores por voce s/n? — ele diz e eu rio fraco levantando 

— Não sei, mas eu sei que eu preciso ir pro aeroporto daqui dez minutos, e você também precisa ir pra casa receber seus pais Yoongi.

— É eu sei... Não quer me deixar lá no caminho pro aeroporto?

— Ok eu deixo.


                                                                               Eu ia receber meus pais depois de quase um ano parecendo que fiquei uma semana sem fazer absolutamente nada, pelo menos o apartamento tava arrumadinho. Pelo menos isso

Depois de deixar Yoongi na casa dele tento chegar o mais rápido possível no aeroporto, eu me atrasei feio ja que os dois me esperavam no primeiro portao de entrada.

Paro e destravo as portas para os mais velhos que entram e logo começo a andar de novo.

— S/n, filha por que a demora? Fazem vinte minutos que a gente saiu do avião.

— Desculpa eu tive um imprevisto no caminho pra cá, vocês estão bem?

— Felizmente sim e você?

— Também, só meio cansada. Arrumei tudo ontem a noite pra vocês ficarem em casa, estava meio desorganizado. Sorte que ontem eu não tinha que trabalhar.

— Vai faltar hoje? 

— Eu tirei uma semana de folga, Taehyung me deu. Falei pra ele que vocês estavam vindo e ele me liberou, disse que amanhã ele passaria em casa pra ver os dois.

— Entendi. Como estão indo as coisas aqui filha? — meu pai pergunta num tom baixo 

— Bem até. Consegui me virar sozinha, até que não está sendo tão ruim. 

— E você fez alguma amiga ou amigo ?

— Uhum. Depois vocês vão conhecer eles, e também uma outra pessoa bem especial.

— Que pessoa? E especial por que?

— Depois eu explico mãe. Chegamos. — falo parando o carro


Ajudo eles a descerem as malas e levarem até o apartamento, eram poucas então não foi tão cansativo. Na minha mente eles iriam trazer a casa inteira, mas pelo visto decidiram trazer só o necessário. 


(...) 

Já estava no outro dia e eu não consegui nem falar com Yoongi direito e nem contar para os meus pais sobre o namoro. 

Paciência s/n... muita paciência

Eu estava tentando ligar pra ele mas nas últimas três vezes estava caindo na caixa postal até que alguém decidiu atender.



Yoongi?

                                                                               Oi s/n, desculpa não ter atendido, aqui tá uma bagunça. Pelo visto nao eram só meus pais que iriam vir.

Entendi, tá muito ocupado agora?

                                                                               Não, o Hoseok conseguiu entreter todo mundo e me dar um segundo de paz.

Então, eu queria que você viesse aqui ainda hoje.

                                                                               Ah, acho que dá sim. Pode ser agora? Não sei quando vao me liberar de novo.

Pode. Ate daqui a pouco.

                                                                               Tá bom, te amo

Beijo, também amo você.




Por que eu fiz isso? 

Ok, eu conto pra eles agora ou depois? Não sei talvez depois, pode ser uma "surpresa" pra eles, mas eu não espero nenhum tipo de reação.

As reações dos meus pais as pessoas que eu já namorei sempre foram bem chatas, nada de interessante. Mas eles sempre acabavam gostando da pessoa. Eu espero que eles gostem do Yoongi também. 


Não há motivos para não gostar do Yoongi talvez alguns, mas a maioria das coisas só te faz gostar dele, então, não vou me preocupar tanto com isso agora.


Ou talvez agora que bateram na porta eu me preocupe.


— s/n! Tem alguém na porta filha.

— Tô indo.


É. Era o Yoongi, ele tava mais arrumado que o normal, talvez por isso que tenha demorado. Bem, mesmo assim o que eu ia dizer agora?

Talvez: Então esse é o Yoongi meu namorado. Ou: Mãe, Pai, esse é o Yoongi meu namorado.

Não sei, talvez eu esteja me preocupando de mais com isso por isso não consigo pensar em nada que seja realmente útil de se falar na hora. Até lá eu penso em algo.


— S/n? Acorda. — ele fala entrando 

— Desculpa, eu tava pensando, eu tô nervosa... 

— Eu não posso dizer que eu tô calmo, mas pelo menos não tô no mundo da lua.

— Shiu. Espera aqui.



Meu pai estava na cagando e minha mãe na cozinha, eu me sentia "em casa" vendo eles assim. Mas esse nao é o ponto agora

O foco aqui sou eu e o Yoongi, que deve estar ficando ansiiso de tanto esperar. Então melhor eu chamar os dois logo, antes que eu saia correndo.


— Mãe, Pai... da pra vocês sentarem aqui um pouquinho ? — chamo eles para virem até a mesa 

— O que foi s/n? — Minha mãe pergunta já na mesa ao lado do meu pai 

— Então, eu queria apresentar uma pessoa pra vocês dois. Calma ai — vou ate a porta e chamo Yoongi. — esse é o Yoongi. Meu namorado. — pensei que nao ia sair nunca 

— Eu disse, pode me pagar — Minha mãe diz e meu pai entrega uma nota de cem na mão dela que sorri — Prazer em conhecê-lo Yoongi.

— O prazer é todo meu senhor e senhora Choi — ele diz sorrindo educadamente

— Bom Yoongi, eu não vou fazer perguntas, já que eu pensei que s/n iria falar uma coisa mais importante... Eu só fazia perguntas pra quem eu não gostava. 

— Entao você não gostava de quase ninguém — falo 

— É, talvez não. Mas esse nao é o caso agora. Então se era só isso podem ir sei lá pra onde. Sua mãe também não deve ter nada pra falar.

— Na verdade eu não tinha nada preparado, esse foi surpresa. Mesmo assim eu nao ia falar nada.

— Ok, vocês vão ficar aí?

— Sim — os dois respondem em uníssono 

— Entendi...


Depois dessa não apresentação eu saio com Yoongi que ria de mim. Eu sei que eu fiqueinervosa por nada mas não é pra tanto eu sei que ele também ficou... Pelo menos ele não demonstrou né. 


A primeira etapa foi concluída, acho que com sucesso, talvez. Agora so falta a segunda parte, a parte do Yoongi.

Eu realmente estou menos nervosa agora, mas a cada vez que nos aproximamos da casa dele meu coração começa a acelerar as batidas.



Continua?



Notas Finais


Se existe pais melhores que os da s/n eu desconheço kkkk

Até o próximo capítulo 🙃💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...