1. Spirit Fanfics >
  2. He is mine! >
  3. Capítulo 10 - OLHAR DE DESPREZO

História He is mine! - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


10° capítulo kk eu não imaginava chegar a isso -w-.

Gostaria de pedir para tentar entender o lado dos dois personagens nesse capítulo. E bom esse capítulo é essencial para história, embora seja um pouquinho chato ( ̄∇ ̄)



É isso, leia com moderação

Capítulo 10 - Capítulo 10 - OLHAR DE DESPREZO


Fanfic / Fanfiction He is mine! - Capítulo 10 - Capítulo 10 - OLHAR DE DESPREZO


{Sábado}


Kaminari *POV*


Eu estava andando sendo atormentado por meus próprios pensamentos/sentimentos . Eu estava no campus ainda, pois não estava com vontade alguma de ir pra casa e ter que lidar com meus pais. Resolvi parar e beber um pouco de água pois o dia estava bem quente. 


Já estava enjoado de ficar sozinho naquela escola então resolvi ver se encontrava algum rosto familiar. Avistei jirou com o todoroki, oque é meio estranho, mas quem sou eu pra opinar né. Decidi que não era uma boa ideia atrapalhar a conversa deles então abandonei a possibilidade. 


Olhando um pouco mais avistei kirishima provavelmente indo treinar ou algo do tipo, até cogitei em ir falar com ele mas eu estou evitando muito contato desde aquele dia. Parece que tem bastante gente aqui na UA hoje, oque é estanho visto que geralmente ficamos esperando uma semana para poder ir para casa. 


Fiquei olhando por mais algum tempo até desistir de encontrar alguém por acaso e ir procurar. Assim que me levantei e rumei para meu dormitório vi uma cena que me deu nos nervos. 


Midoriya estava com o bakugou até ai nada demais. Parecia que estavam se despedindo, então midoriya se inclinou um pouco na direção do loiro - provavelmente para dar um beijo na bochecha do mesmo - quando o maior se virou para falar algo e acabou encostando seus lábios nos dele. 



(Kaminari não percebeu que o beijo não foi intencional ) ~autora :3



Kaminari estava indignado. Ele não se importava nem um pouco com o esverdeado e muito menos chegou a ter qualquer tipo de contato direto com o loiro (exceto para provocações). Mas oque realmente lhe irritava era o fato de seu melhor amigo gostava do garoto de sardas e que o mesmo se encontrava "beijando" Outro cara. Não suportava a ideia de seus amigo esta sendo "enganado" Ou "traído" (Mesmo que os dois não tiveram praticamente nada) 


Kaminari não contendo sua irritação, mudou sua rota original e foi ao encontro do esverdeado, que se encontrava estático no mesmo lugar em que o outro loiro havia o deixado. Se aproximou de midoriya e o outro logo percebeu a presença do outro. 


_ k-kami-


Kaminari agarra o mais baixo pelo colarinho o prensando contra parede já tomado pela raiva. 


_ como você pode ser tão idiota!? - kaminari pergunta/grita para o mais baixo que continua calado tentando entender o que estava acontecendo, e oque levou o loiro a irritar-se consigo. 


_ n-não estou te entendendo k-kaminari-kun! 


_ não se Fassa de inocente - o loiro fala/grita novamente. 


_ Mas oq- 


O mais alto desfere um soco no rosto do esverdeado que acaba soltando um gemido de dor. Kaminari ainda não satisfeito continua com a agressão até que alguém chega por trás do loiro e o agarra , o impedindo de continuar com as agressões. 


_ Denki! Oque aconteceu com você? Porque está agindo assim? 


Kaminari parou de se debater quase que imediatamente após escutar a voz grave e cansada já sabendo de quem se tratava. Shinsou soltou seu melhor amigo indo verificar o estado do esverdeado e logo o ajudando a ir para enfermaria. Mas antes quis deixar algo bem claro para o loiro. 


_ precisamos conversar. 


E então saiu deixando o loiro estático ainda tentando entender oque deu em si e o por que de ter feito isso, mas oque mais preucupava o loiro era como iria explicar isso para seu melhor amigo. 




{Quebra no tempo... }




_ e foi isso mina... - o loiro se encontrava chorando no colo de sua amiga rosada que fazia um leve carinho na cabeça do mesmo. 


_  já sabe como vai se resolver com ele? 


_ se eu soubesse não estava aqui - respondeu grosso. 


_  não desconte sua raiva em mim! 


_  me desculpa. Eu não sei oque fazer mina - ele coloca as mãos no rosto e esfrega. Uma mania que faz quando está extremamente nervoso. - ele nem vai querer olhar mais na minha cara. 


_ não exagera. Creio que ele vai entender . Ele é sei melhor amigo lembra. 


_ espero... 




{Domingo}




_ não olha mais na minha cara! 


Essa foi a resposta que kaminari recebeu ao tentar explicar tudo (escondendo o foto de ter uma queda/tombo por seu amigo de infância) para seu (não mais) melhor amigo. Só tinha visto shinsou com um olhar de tamanho desprezo umas duas vezes, e nessas duas ele desejou por tudo que é Sagrado que esses olhos roxos e vazios nunca fossem direcionados para si. Sua amizade de anos foi por água abaixo. 


Ele tinha agora um grande problema em mãos. 






Shinsou *POV*

"Sábado... "





        Cheguei da casa dos meus "pais" um tanto estressado, pois descobri que meus pais biológicos estão a minha procura. Oque na minha concepção é muita cara de pau, sabendo que os mesmos me abandonaram com meu tio na primeira oportunidade.

         Entrei no meu dormitório tomei um banho pra aliviar o stress e fui atrás do Denki que ainda estava evitando se encontrar com os pais. Tendo certeza de que ele não estava no dormitório resolvi procurá-lo pelo Campus. Porém assim que sai avistei o mesmo esmurrando alguém - oque não era nada comum pois o loiro sempre foi uma pessoa Alegre e calma - me aproximei mais um pouco e fiquei incrédulo ao ver que o garoto que estava sendo agredido por Denki não era ninguém menos que midoriya. Corri no intuito de segurar o loiro. 


       _ Denki oque aconteceu com você? Porque esta agindo assim? - ele parou de se debater ao me escutar.

         Soltei-o indo checar o estado de midoriya e fiquei um tanto surpreso pois o loiro não agiria assim sem motivos. O esverdeado ainda se encontrava acordado então deixei que ele se apoiasse em mim. Antes de sair rumo a enfermaria decidi deixar algo esclarecido.

          _ precisamos conversar.

     E assim segui em direção a enfermaria sem nem olhar para trás. 




         {Quebra no tempo... }




       Acabei adormecendo enquanto esperava o esverdeado ser devidamente atendido. Acordei com um toque suave em meu ombro.

        _ desculpa te acordar assim. 

    Abro meus olhos lentamente fitando a figura de cabelos verdes em minha frente.

        _ tudo bem - sorri cansado.

   _ muito obrigado por me ajudar - ele agradece com um grande sorriso em seu rosto - mas ainda não entendo o motivo disso tudo...

       _ nem eu...

   Obviamente eu estava preocupado com Denki que, nunca tinha sequer levantado a mão para matar um inseto e agora tinha agredido um garoto que nem sequer teve a chance de revidar.

       _ tenha um bom motivo para isso Denki... - ele murmurou pra si mesmo. 


Notas Finais


Espero que não estejam com raiva do Denki -w-

Mas é isso até o próximo capítulo.

Outra fanfic que estou fazendo caso tenha interesse :

https://www.spiritfanfiction.com/historia/dividido-19210431
(Kiribaku/kamikiri/tododeku)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...