História He Saved Me - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Marshmallow_w

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Ação, Lemon, Romance, Shoujo, Taekook, Tortura, Vkook
Visualizações 44
Palavras 825
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Lemon, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie
Sou eu (de novo ¬ _¬)
Mais um capítulo da fic
Talvez o próximo eu demore um pouquinho pra postar por que o cap 1,2 e 3 que é esse ja estavam prontos.

Boa leitura (^ω^)

Capítulo 3 - Capítulo 3


Fanfic / Fanfiction He Saved Me - Capítulo 3 - Capítulo 3

~Taehyung On~

Ainda estava abraçado ao kook,ja me acalmei um pouco,por isso,desfiz o abraço e perguntei:

Tae:Mas como iremos fazer isso?-falo olhando em seus olhos.

Kook:Arrume suas coisas e me encontre aqui amanhã a noite,iremos pular o muro e fugir para a floresta.-ele me olhava sério.

Tae:A-a floresta?M-mas esse lugar é perigoso e também tem animais e-e…

Kook:Calma Tae,eu vou proteger você e também eu fiz aulas de karatê e sei usar uma adaga-fiquei surpreso com o que ele disse...Como assim karatê e adaga?

Tae:Como assim?Por que nunca me disse que sabia lutar karatê e usar uma adaga?-falei olhando em seus olhos fazendo bico,ele riu e passou a mão em meus cabelos bagunçando-os.

Kook:Não achei necessário dizer e também você nunca perguntou-ele estava rindo da minha cara imburrada?É isso mesmo?Aah mais ele vai ver só,fiquei dando uns socos fraquinhos no seu peito.-Ei,ei para…-ele continuava rindo,até que ele pega em meu pulso e fala-Pode parar com esse bico fofinho,se não eu não resisto e vou querer te apertar.-rio com isso.

Tae:Seu bobo!-nós dois rimos só que do nada o sorriso dele desmancha dando lugar de uma expressão seria,não entendi o porquê disso.

Kook:Tae...Que marcas são essas?-ele fala pegando em meu pulso,arregalo os olhos e tiro meu braço de sua mão.

Tae:N-não...é...... Não é nada kook.-gaguejo sem querer

Kook:Como nada TaeHyung?!-falou ele,com uma voz um pouco elevada,me encolho-Desculpa…Eu não queria gritar com você.-fala com a voz um pouco mais baixa.

Tae:T-tudo bem-falo ainda encolhido,ele vem e me abraça.

Kook:É sério,me desculpa.-se desculpou mais uma vez-Tae me fala que marcas são aquelas-falou com a voz seria mas mansa-Sei que aquilo não é marcas do que seu pai faz com voce pois as marcas do seu pulso pareciam ser de dedos.-afirmou.

Tae:O-ontem a noite um homem foi la em casa-começei a falar-Desde o começo eu percebi que ele me olhava estranho,meu pai disse para eu levar ele no banheiro e enquanto estavamos voltando ele.....ele m-me agarrou-meus olhos lacrimejaram ao lembrar da cena e em poucos segundo eu estava chorando-E-eu tentei me soltar mas ele não parava e quando minha mãe nos chamou que ele parou.Kook e-eu fiquei com tanto medo,e-e se ele tivesse....se ele tivesse…-choro ainda mais quando abraço ele.

Kook:Shhh...não precisa falar-falou com a voz calma fazendo um cafuné na minha cabeça-Mesmo não parecendo, eu estou com muita raiva desse homem,mas eu prometo que nunca mais isso vai acontecer com você ok?Eu vou te proteger de todas as pessoas que te olharem estranho.

Tae:Obrigado Kook...obrigado por estar aqui comigo-dou um sorriso quadrado.

Kook:Não precisa me agradecer,aliás Tae,deixa eu cuidar das marcar que o seu pai fez em você-vi ele pegar uma caixinha que até agora eu nao tinha visto.

Tae:Ok-murmurei e tirei a camisa revelando os machucados causados por meu pai

Kook:Tsc…-kook abriu a caixinha pegando um remédio e passando no algodão-Como ele pode fazer isso com voce?-acho que ele perguntou mais para si mesmo do que pra mim.Antes de ele passar o algodão com remédio nos meus machucados ele falou-Vai doer um pouco ok?-apenas acenei que sim com a cabeça e ele começou a cuidar de mim,as vezes eu soltava alguns gemidos baixinhos de dor por causa da ardência que aquele remédio causava-Pronto,doeu?-perguntou.

Tae:Não muito-falei sorrindo-Obrigado por cuidar de mim Kook-ele sorriu.

Kook:Não há de que,Tae.-sorri ainda mais-Sempre vou cuidar de você-abraço ele mais uma vez naquele dia,ele contribuiu.

Tae:Kook,obrigado por estar comigo-falo e ele faz uma falsa cara de irritação mas também tinha um toque de divertimento naquela falsa expressão

Kook:Você agradeçe muito sabia?-fala ele e eu faço bico entrando no jogo

Tae:Não posso te agradecer por me ajudar?Tá bom então-aumento meu bico.

Kook:Aahh vem cá-fala me puxando para mais perto,colocando minhas costas encostada no seu peito e os braços dele ficaram em volta da minha cintura-O que eu disse sobre esse biquinho?-sussurra no eu ouvido-O que será que eu faço com você?Você merece um castigo por causa desse biquinho-fez uma expressão pensativa-Já sei!-começou a fazer cócegas em mim,fazendo eu rir descontroladamente.

Tae:HAHAHAHA…Para Kook…-continuei rindo e ele para e fala:

Kook:Será que eu paro mesmo?-acenei que sim com a cabeça-Não,acho melhor não-continuou a fazer cócegas,eu já não estava aguentando de tanto rir,minha barriga ja estava doendo-Acho que ja foi o suficiente,seu castigo acabou.-fala parando de fazer cócegas em mim.

Tae:Que mal kook,me torturando desse jeito…-falo imburrado.

Kook:Você mereceu por fazer aquele biquinho fofo-fala me dando um beijinho na ponta do nariz-Tae,agora eu tenho que ir-me entristeci com a fala dele.

Tae:Mas já?Por que?-falo triste dando um abraço apertado nele.

Kook:Não podia ficar por muito tempo,tenho que chegar em casa antes que meus pais cheguem-me deu outro beijinho so que esse foi na testa-Amanha a noite nos encontramos,como eu disse nós iremos para floresta,quando já estivermos la,eu falo o resto.Agora eu tenho que ir-desfez o abraço-Tchau Tae.

Tae:Tchau kook-falo e vejo ele indo embora pulando o muro.

Entro pra dentro de casa e vejo uma luz ligada,droga!Subo devagar as escadas e chego no quarto,trancando ele sem fazer barulho."Sorte minha que meus pais não perceberam"

Vou para o banheiro tomando um banho,depois saindo e vestindo uma roupa qualquer.Deito na cama,lembrando do meu dia divertido com o kook e adormeço com esses pensamentos.

Continua…


Notas Finais


Bye bye
Espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...