História Heart by Heart - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Hentai, Jimin, Jungkook, Kim Taehyung, Namjin, Sope, Taekook, Vkook, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 23
Palavras 1.392
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


avisei "até quarta-feira eu envio". Adiantei porque sou gente boa.
annyeong!
perdoa qualquer erro, okay? (corrijo amanhã)
boa leitura <3
**leiam as notas finais**

Capítulo 14 - Fourteen


Havia passado uma semana desde que os tios de Taehyung foram até a casa do mesmo e contaram para ele o que havia acontecido, de verdade.

Taehyung não conseguia dormir direito. Estava ansioso para encontrar seu pai em qualquer canto e lhe dar uma bela surra. Ele só pensava em se vingar, mesmo que seu pai tenja recebido seu castigo por isso, ele ainda queria mais.

JungKook o observava atento. O namorado não dormia direito e mal comia. JungKook tentava empurrar a comida para o Taehyung diversas vezes, mas ele sempre falava que a comida não descia mais.

- Tae... Por favor, só uma colherzinha. Você não come direito a dias! - Disse JungKook bufando. Ele prendeu Taehyung entre suas pernas e agora dava comida na boca do mais velho.

- Já disse que a comida não des-

- NÃO DESCE O CACETE. OLHA SÓ, EU 'TÔ PERDENDO O PINGO DE PACIÊNCIA QUE RESTAVA AQUI. - Gritou o Jeon.

- 'Tá, 'tá. Desculpa. - Taehyung se enclina um pouco e beija Jungkook.

O mais novo larga o prato de comida que tinha em mãos e leva as mesmas até as costas de seu hyung, fazendo-as escorregar até a bunda do mesmo. JungKook deu leves apertos ali e escutou Taehyung gemer entre o beijo.

Taehyung, agora, estava dando atenção ao pescoço branquinho de Jeongguk, dando diversos chupões no local.

JungKook jogou sua cabeça para o lado, deixando o pescoço mais a mostra para que Taehyung pudesse chupar mais a sua pele branquinha.

- Olha... Bela forma de me distrair para não poder mais comer, viu? - Falou JungKook com os olhos fechados - Te garanto que estava dando certo, mas eu percebi. - riu

- Que calúnia, Gukkie. Vamos aproveitar, vai?!

- M-mas...ah! - Jungkook tomou um "susto" com o que Taehyung acabara de fazer. Ele havia sentado no membro ereto de JungKook e rebolava intensamente ali.

JungKook apertava os olhos. Levou as mãos até o cabelo de Taehyung puxando-os e fazendo o mesmo parar o que estava fazendo.

- Então é assim que você quer? - Jeon o olhou desafiador. - Então é assim que vai ser.

JungKook colocou Taehyung deitado no sofá bruscamente, o que fez o mais velho arregalar os olhos

- JungKook!

Jeon sorriu safado e chegou perto da orelha de Taehyung, susurrando na mesma: Foi você quem provocou. 

 Jungkook mordiscou o lóbulo de Taehyung, o que fez o mais velho fechar os olhos fortemente. O prazer já estava presente em ambos.

Enquanto chupava a pele do pescoço de Taehyung impiedosamente, simulava estocadas forte, fazendo seu membro coberto pela roupa, encostar diversas vezes na bunda de Taehyung.

Taehyung levou suas mãos até a barra da camisa de Jeon, tirando-as, logo em seguida seu short, o deixando apenas de cueca. JungKook tirou as roupas de seu Hyung logo em seguida.

JungKook fez uma trilha de beijos pelo abdômen de Taehyung, até chegar próximo a cueca do mesmo. Beijou a ereção do Kim indo direto para o elástico da cueca, removendo-a com a boca. O membro duro de Taehyung saltou, o mesmo suspirou em alivio. A cueca estava apertando de mais.

- Hm... O que temos aqui?! - Falou JungKook com rosto próximo ao pênis do namorado.

- Não tortura, JungKook! - Reclamou.

- Me diz o que você quer, Hyung.

- J-Jungkook... Me chupa.

- Como quiser. - sorri de lado

Jungkook abocanhou o membro de Taehyung fazendo-o gemer intensamente. Taehyung levou suas mãos até os cabelos de JungKook e embolou seus dedos ali. Passou a ditar os movimentos, praticamente, fodendo a boca de JungKook, que as vezes engasgava e trasmitia vibrações para o pênis de Taehyung. Isso era prazeroso para o mais velho.

Taehyung goza na boca de JungKook, o mesmo engole todo o esperma e se enclina para beijar Taehyung intensamente. Olha nos olhos do mais velho; luxúria era o que havia naquele olhar.

- Seu gosto é bom, hm? - Aperta o pênis de Taehyung.

JungKook volta novamente para as coxas do mais velho, deixando ali, chupões que iam durar muito na pele bronzeada do Kim.

- Hoje... Eu sou o ativo, Taehyung. - Lança um sorriso malicioso e dá um tapa na coxa direita de Taehyung.

JungKook afasta as nádegas de Taehyung e peneta com a língua. Antes, ele circula toda a entrada rosinha do Kim, depois o penetra com língua arrancando gemidos roucos e altos de Taehyung.

JungKook para de penetrá-lo e substitui a língua pelo dedo. Um. Dois. JungKook fazia movimientos de tesoura para que Taehyung pudesse se acostumar.

- JungKook-ah... Me fode logo. - Geme.

JungKook tira os dedos do interior de Taehyung. Leva as mãos até a barra da cueca e as tira apressadamente.

- De bruços.

Taehyung obedece, enfiando seu rosto em uma almofada que estava ali.

JungKook, mais uma vez, afasta as nádegas de Taehyung e o penetra. Começou com estocadas lentas e com o tempo foi acelerando. Se apoiou colocando um braço de cada lado do corpo do Taehyung, apoiando as mãos no sofá. Os dois gemiam tão alto, que, provavelmente, todo o bairro escutou. JungKook sentia um enorme prazer em foder Taehyung, com o Kim não era diferente. 

- A-ah, JungKook... Tão... Bom.

JungKook poderia gozar só com essa frase arrastada de Taehyung, por culpa dos gemidos que apareciam no meio da frase. Foi o que, praticamente aconteceu. Saiu de dentro do seu Hyung e beijou as costas do mesmo. Taehyung deu espaço para Jungkook deitar junto com ele. Jeon deitou ao lado de Taehyung e o abraçou, dando beijos no narizinho de Taehyung.

- Eu.Te.Amo.Muito - Disse, a cada palavra, dava um beijo no nariz de Taehyung.

- Eu também te amo, seu bobo.

- 'Tô com sono... Vamos dormir?

- Todos sujos de porra? Eca.

- Vamos tomar banho então. 

- Juntos? - Taehyung perguntou confuso.

- Sim, juntos.

Tomaram o banho sem malícia, estavam cansados de mais.

JungKook arrumava a cama para os dois descansarem e Taehyung tirava a capa suja do sofá e colocava para lavar. A mesma coisa com as roupas jogadas no chão.

.

.

.

.

- Taehyung? - Sacudiu Jungkook.

- Que foi, chato?

- Acorda. Já são onze da manhã.

Custou um pouco para Taehyung levantar de vez. 

.

.

.

- CARA. VOCÊ ESTÁ ME ESCUTANDO DIREITO? F.E.S.T.A D.O J.I.M.I.N - Gritou Hoseok do outro lado da tela do computador.

- Tá, e o que tem quê a festa é do Jimin?

- O QUE TEM? Primeiro: Vai ser uma festa de boas vindas. Segundo: o Jimin quem vai organizar tudo. Ele sempre arrasa, ou seja, a festa vai ser épica.

- Hoseok hyung, dá última vez em que fui em uma festa do Jimin, foi no aniversário dele de 14 anos e tínhamos tudo cara de capeta. - Disse Taehyung, revirando os olhos

 - Essa aí foi épica, sim! - Exclamou.

- Essa foi a única que ele deu. O que aconteceu de tão épico nessa festa? Exatamente, nada.

- Mentira, Taehyung. Não lembra que o irmão do Jimin deu um chute no saco do Rogério e fez o coitado parar no hospital?

- Isso aí foi maldade. Você tentando me convencer a ir nessa festa... hm... perda de tempo, eu diria.

- Opa, que festa? - Jungkook entrou no quarto e sentou ao lado de Taehyung.

- AGORA SIM! - Gritou Jung animado. JungKook gostava de festas e ia levar o namorado junto. 

- Ah não! - Taehyung bufou.

- Uma festa de boas vindas que o Jimin vai dar, Jão cu. Bora?

- Vamos. Que dia?

- Amanhã as 19:00 da noite.

- Beleza.

- Eu ainda estou aqui, eu ainda não estou de acordo. - Disse Taehyung

- Ele vai sim, Hyung. Não se preocupe.

- Okay! Vou ter que desligar, gente. Até depois.

Hoseok desliga a video chamada e Taehyung abaixa a tela do notebook deixando-o em cima do criado-mudo.

- Eu não acredito que você vai me arrastar 'pra uma festa. Sabe que eu não curto festas.

- Vai passar a curtir, bebê. - Jeon deixou um selar na bochecha de Taehyung.

- Eu já 'tô vendo as desgraças presentes nessa festa. Jimin só conhece gente doida, Gukkie.

- É, ele conhece você, não é?

- Cala a boca, porra. - Falou Taehyung batendo no braço do namorado. - Desculpa, te amo.

- Temos um bipolar aqui. 


      Continua...


Notas Finais


acharam que só Taehyung ia ser o ativão? pensaram errado rsrs.
GENTEEEEEE, fiz uma fanfic 2JAE! Dêem uma olhada nela, se tiverem interesse.
link: https://spiritfanfics.com/historia/uncontrolled-love-10942089
bjos, até o próximo capítulo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...