História Heart Shaker's (imagine Twice) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Red Velvet, TWICE, Wanna One
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jihyo, Jungyeon, Kang Daniel, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Seulgi, Tzuyu
Tags Chaeyoung, Dahyun, Imagine, Jeongyeon, Jihyo, Mina, Momo, Nayeon, Sana, Twice, Tzuyu
Visualizações 76
Palavras 945
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ecchi, Festa, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não, eu não morri.

Capítulo 15 - Dancing the night away.


Fanfic / Fanfiction Heart Shaker's (imagine Twice) - Capítulo 15 - Dancing the night away.

Thomas e Muffin.

Olhei para a tua por algum tempo tentado encontrar o dono do bilhete. Quando voltei para a cozinha coloquei um pouco de ração para os gatos. 

Sentei no sofá enquanto os gatos corriam pela casa brincando. Coloquei algumas músicas para tocar enquanto eu preparava a casa para a festa.

Horas se passaram, a casa estava arrumada, as bebidas prontas e algumas coisas pra comer. Inclusive coloquei roupinhas nos gatos. Thomas estava vestido de Darth Vader e Muffin de Thor. Estava tudo pronto, até que 30 minutos antes da festa recebi uma ligação. 

-Alô?

-...

-Alô? Quem é ?

Escutei a voz de Mina ao fundo dizendo:

-Anda logo e fala com ele.

Logo escutei Momo começando a discutir com Mina em japonês.

-Alô  (S/n)? 

Era a voz de Jihyo.

-Até que enfim... oi Jihyo. Oque esta acontecendo aí? Vocês ainda vem né?

-Não está acontecendo nada, o problema é que a Momo quer levar o namoradinho dela e queria te pedir antes mas não quer falar com você.

A discussão das duas japonesas parou instantaneamente e logo as duas disseram:

-Jihyo!

A mesma ignorou e continuou.

-Então... sem problemas dela levar o namorado?

Por alguns segundos fiquei em silêncio, não esperava escutar que ela estava namorando com o Daniel. 

-Ah, sim, sim. Claro que pode, mais diversão pra ela.

Ri ainda desconfortável pela situação.

-Certo (S/a), vamos chegar aí em pouco tempo. Até depois.

-Até...

Me sentei e tentei esquecer a situação, não quero estragar a festa por isso. Um tempo depois os convidados começaram a chegar. Coloquei uma música para tocar, depois de um tempo fui na cozinha pegar uma bebida e logo fui surpreendido por Tzuyu que chegou sem fazer barulho.

-Oi (S/a).

Ela parecia estar um pouco feliz de mais por culpa da bebida.

-Sua fantasia tá linda.

Ela sorriu sem dizer nada, logo se aproximou e se sentou no balcão da cozinha enquanto eu preparava minha bebida.

-Você tá tão quieta, tá aprontando oque?

-Nada... ainda.

Ela sorriu enquanto me devorava com os olhos. Coloquei a bebida no copo e logo perguntei:

-Você quer? 

-Sim, quero muito.

Coloquei bebida em um copo para a garota. 

-Toma. 

Entreguei em suas mão. Ela logo jogou a bebida com o copo de plástico na pia.

-Eu não quero isso.

Fiquei confuso por um momento. 

-Oque você que então? 

-Isso. 

A garota me puxa com suas pernas, fiquei entre suas duas pernas e a garota logo me beijou rapidamente.

-Agora você deixou tudo mais claro. 

Apertei as coxas da garota levemente enquanto intensificava o beijo. A garota deixou escapar um pequeno gemido.

-Feliz aniversário (S/n).

Fomos interrompidos por uma garota que eu não conhecia.

-Nossa gente, desculpa. Eu ia pegar bebida.

-Não tem problema. 

Tzu e eu dissemos em uníssono.

-Pode pegar a bebida.

Tirei Tzuyu do balcão e a garota começou a fazer sua bebida. Peguei meu copo e logo comecei a me retirar da cozinha.

-(S/n)?

-Sim.

Tzuyu me deu um beijo rápido e sussurrou em meu ouvido.

-Se você quiser se divertir como um adulto, agora que você é um, já tem meu número.

Ela sorri e sai da cozinha. Voltei a dançar e beber no meio das garotas. Nayeon perguntou: 

-Por que você demorou tanto (S/n)?

Meio sem jeito respondi: 

-É que... eu... fui pegar bebida.

A garota bate no meu braço e me olha com um pouco de raiva, como uma criança. Logo sai andando com seu copo de bebida.

Momo continua me evitando durante a festa inteira, mesmo me olhando algumas vezes ela nem falou comigo, ficou o tempo todo ao lado de Daniel. Mina sumiu quando foi beber com Chaeyoug. 

Continuei bebendo até que em um momento eu estava precisando respirar um pouco, então andei até a sacada do meu quarto, para minha surpresa, lá estava Jihyo.

-Oi princesa.

A garota tomou um pequeno susto mas logo me respondeu sorrindo:

-Oque você tá fazendo aqui (S/n)? Vai curtir sua festa. 

Sentei próximo da garota na sacada.

-Eu precisava respirar, e você ?  Veio fazer oque aqui? 

Dando um gole na sua bebida ela responde:

-Quando eu bebo eu fico meio sentimental, sabe ? 

-Sei como é...

A garota se levanta e fica mais próxima.

-(S/n), eu não consigo parar de pensar em alguém, eu preciso de ajuda.

Olhei para a garota e deixei meu copo de lado.

-Eu não sei... faz muito tempo que eu não sinto isso por alguém. Mas posso saber quem é?

A garota baixou sua cabeça, parecia decepcionada.

-Oque foi? 

Levantei sei queixo a fazendo olhar pra mim. Uma lágrima caiu de seu olho.

-Ei, não chora.

A garota me abraçou e logo começou a chorar. Depois de alguns minutos ela se afastou.

-Desculpa (S/n) eu preciso de um pouco de espaço agora...

Ela sai andando antes que eu possa dizer alguma coisa. Logo depois disso entra Jeongyeon no quarto completamente irritada com algo. A garota fechou a porta e começou a balbuciar xingamentos, estava muito bêbada.

-Quem você pensa que é hein (S/n)? Oque você tem de tão especial? 

Fiquei em silêncio, completamente confuso, já estava sob os efeitos do álcool, o que tornava tudo mais difícil.

-Quer saber (S/n)? Vou descobrir agora.

 A garota me agarra e inicia um beijo rápido, no momento em que eu correspondi ao beijo a garota o intensificou e logo começou a me guiar para minha cama. A garota se sentou no meu colo e tirou minha camisa.

-Espera, você tem certeza?

A garota revira os olhos e diz:

-Cala a boca e continua.

Ela intensifica os beijos e começa a tirar nossas fantasias rapidamente.

No outro dia acordei um pouco depois do sol nascer, estava abraçado na garota, com uma dor de cabeça enorme. Fui tentar me levantar e a garota disse com voz manhosa.

-Dorme um pouco mais, tá tão quentinho aqui.

Quando toquei novamente meu corpo no da garota percebo que ambos estamos sem roupas.

-Espera, a gente...

A garota me interrompe.

-Sim, agora volta a dormir...

Um tempo depois escutamos a porta abrir. Ambos nos assustamos na cama e acabamos por nos cobrir.

-(S/n)?


Notas Finais


Desculpa mesmo por sumir

owo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...