História Heartbreak Girl- Beauany - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias NOW UNITED
Personagens Any Gabrielly, Bailey May, Diarra Sylla, Heyoon Jeong, Hina Yoshihara, Joalin Loukamaa, Josh Beauchamp, Krystian Wang, Lamar Morris, Noah Urrea, Sabina Hidalgo, Shivani Paliwal, Sina Deinert, Sofya Plotnikova
Tags Beauany
Visualizações 79
Palavras 1.305
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Capítulo 10


J o s h

Acordei com o braço dormente e logo percebi o motivo, eu e Any acabamos adormecendo juntos, era tão fofo observar ela dormir, seus cachinhos caindo ao redor do seu rosto, sua boca entreaberta e sua respiração lenta.

Era impossível ficar mais bonita e eu poderia ficar o dia inteiro observando ela dormir, não me importaria e nem me cansaria, o jeito sereno que ela estava me acalmava e meu dia já estava ganho só por esse momento.

"Joshua, você ainda vai ser preso por me observar enquanto eu durmo"  ela disse me pegando de surpresa e me fazendo rir um pouco.

"Bom dia para você também, Gabrielly" ela sentou e bocejou, coçando um poucos seus olhos.

"É sério, sou terrível dormindo e minha cara deve está inchada de tanto chorar" ela falou e ficou me observando.

"Para mim sempre vai continuar linda" falei por impulso e ela simplesmente sorriu abobalhada com meu comentário.

"Obrigada por tudo, sério" ela se inclinou e beijou minha bochecha, fazendo nossos rostos ficarem próximos e um clima surgir, o que foi estranho porque nunca havia acontecido.

"Sempre eu vou está aqui, não precisa agradecer, Any" falei baixinho pela proximidade dos nossos rostos, era como um ímã, nenhum de nós fazia esforço para sair dali.

"Vamos Any, Hora da escola" a mãe dela bateu na porta e falou, fazendo com que Any empurrasse de leve meu rosto pelo fato de ter colocado a mão nele e se afastando.

"Tem a opção de não ir?" Any falou um pouco mais alto para que sua mãe escutasse.

"Não, garota" priscilla gritou, um pouco longe 

"Não será hoje que você vai me beijar, Gabrielly" falei fazendo ela rir e se levantar da cama.

Mesmo que eu tivesse sentindo aquilo e isso ter significado muito para o meu coração, não poderia deixar ficar tudo estranho entre a gente, afinal, sempre brincávamos disso e sei que para ela não passou de um momento.

"Já tá na hora de você ir embora, Beauchamp" eu ri e me levantei, pegando os meus sapatos.

"Você vai ne? Eu vou está lá com você e aquele idiota não vai chegar nem perto-"

"Óbvio que eu vou, ele não vai ter o gostinho de me ver mal"

"Gabrielly, não me diga que-" 

"Sim, a velha Any está de volta e eu quero mais é que ele queime" 

Eu ri baixo e abracei ela.

"Te pego em dez minutos e não esquece, se os pensamentos voltarem, me conte e não esconda de mim, de novo"

"Ok senhor Beauchamp" ela falou fazendo reverência mas depois me apertou no abraço.

Sai da varanda e fui em direção a minha casa, eu ri um pouco lembrando da conversa que tive com Any, mas espero que a velha Any volte e não esconda os sentimentos como antes.

.

.

.

A n y

"Any são seis da manhã, você vai me ver daqui a pouco, porque caralhos tá me ligando agora?" 

"Oi bom dia, estou bem também, obrigada, fui traída ontem porém eu to ótima" 

"PERA QUE?" Sabina gritou e tenho certeza que ela se levantou da sua cama.

Resolvi ligar para ela, já que ignorei todos após a notícia e aproveitei o tempo sozinha -mesmo que o Josh estivesse aqui-

"Seria errado sentir vontade de beijar o seu melhor amigo mesmo tendo ficado muito mal com a traição ontem?" 

"ANY MUITA INFORMAÇÃO, EXPLICA EM PARTES SOU LERDA" Sabina gritou e tenho certeza que ouvir a voz do bailey mandando ela calar a boca.

"Ontem me enviaram uma foto do Steve beijando um garota, na festa do Scott" 

"Eu fiquei muito mal, porque poxa, confiei nele novamente e me decepcionei, tive uma crise de choro principalmente pelos pensamentos que voltaram me dizendo que sou incapaz de salvar um relacionamento"

"Mas foi como se eu tivesse tirado um peso sabe?" 

"Gabrielly?? Garota você é incrível, esse garoto é um idiota por ter trocado esse mulherão e outra, se você sentiu um alívio com certeza foi porque esse relacionamento não estava te fazendo bem" Sabina disse e me fez sorrir por finalmente acreditar nas suas palavras.

"Enfim, eu ainda não dei um ponto final nisso, acho que ele nem sabe que eu descobri e não quero mais" 

"Minha garota está de volta?"

"Ela nunca foi embora só estava escondida por conta de um babaca"

"So man down, bitches" 

"Ok, mas a segunda coisa, é errado desejar beijar seu melhor amigo?" 

"EU SONHEI PARA OUVIR ISSO, amiga, Beauchamp é um gato e no momento de carência, isso não é errado não, caralho Anyelly tá de volta"

"Duh, preciso de uma festa, ok vou me arrumar para escola, bye" 

"A gente ainda vai conversar sobre isso direito, bye gostoza -sotaque mexicano-"

eu ri fraco e fui me vestir, afinal como eles disseram, Any Gabrielly está de volta.

Vesti meu short branco e uma T-shirt despojada que ia até o comprimento do short, me fazendo dar um pequeno nó.

Arrumei minha cama e encontrei o moletom do Josh jogado no chão do quarto, sentir seu cheiro me trouxe mais certeza que meu dia seria ótimo.

Peguei seu moletom e vesti, desci as escadas e logo peguei uma maçã, dei um beijo na minha mãe e na belinha, escutando a buzina do Josh em seguida.

Entrei no carro enquanto Josh me olhava com um sorriso malicioso, nunca me senti assim, ao observa-lo me senti atraída, não Any é só carência, depois você supera.

"Bom dia, gatinha, meu moletom fica muito melhor em você" 

"Eu adoro essa camisa"

"Vamos embora antes que eu não responda por mim" ele disse me fazendo esconder um sorriso com uma mordida no lábio e desejar que aquela fala fosse de verdade.


Chegar na escola foi um pouco engraçado, todos com um olhar de curiosidade, acho que era para perceber se eu estaria com cara de choro ou se eu iria dar uma surtada.

Porém a maiora estava surpreso, eu aparentava está bem e Beauchamp ao meu lado fez meu sorriso aumentar, cada gracinha que ele fazia enquanto tinha seu braço em meu ombro me deixava leve.

Steve veio na nossa direção, com um olho roxo e uma cara de arrependimento.

"Any, nada que te falarem é verdade, acredita em mim, aquela foto é falsa" 

Senti Josh travar o maxilar e quando o mesmo ia tentar falar algo, eu o interrompi.

"Que foto?" Falei do jeito mais sonso que eu conseguia e Josh logo percebeu meu joguinho.

"você não sabe que foto?' 

"Ah lembrei, a foto onde você estava me traindo? Sei sim" 

"Any-" eu levantei a mão, enquanto o Josh segurava o riso.

"Não, está tudo bem amor" fiz ele soltar um riso fraco e Josh apenas continuou a gargalhar.

"Só não se aproxima de mim mais tá? Você foi só um peso morto nas minhas costas, ok?"

Sorri com deboche e levantei o dedo onde estava a nossa aliança de namoro, retirando- a e entregando para ele.

"Fica de lembrança ou entrega para as outras, passar bem" puxei Beauchamp e sai dando um esbarro nele de propósito.

"Ah Steve, obrigada por isso, estou bem melhor sem você" eu ri um pouco e sai, nunca me senti tão livre. 

juro que escutei um 'thank u, next, o que me fez rir.

Beauchamp beijou minha bochecha e sussurrou 'você é incrível' me fazendo sentir um arrepio.

Ao chegar na roda dos meus amigos, todos me olharam preocupados mas eu e Josh falamos do que tinha acabado de acontecer.

"Ai eu to ótima, eu não acredito que você deu um soco nele, Bailey"

"Eu sempre quis, hoje eu tive a oportunidade, nunca me senti tão leve" gargalhei e abracei o meu amigo.

"ANYELLY IS BACK" Sabina gritou, se juntando no meu abraço desajeitado com Bailey.

"Onde é a próxima festa?"

todos riram com meu comentário e eu me senti renovada, mas próxima dos meus amigos e agora ficará difícil para esses pensamentos voltarem.









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...