1. Spirit Fanfics >
  2. Heather - Sycaro. >
  3. Confissão - Bônus.

História Heather - Sycaro. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Me deu vontade de escrever um bônus simples e rápido aqui, não ficou tão criativo mas dá pra ler

não é um bônus que Ycaro fica com Saiko, bixin' não é infiel não, desculpa mas na fic ele já é casado
Só que o final é fofo, confia, agora aproveitem esse confissão de amor

[Não revisado]
Desculpa qualquer erro ou palavras repetidas que possivelmente tenha.

Capítulo 2 - Confissão - Bônus.


Fanfic / Fanfiction Heather - Sycaro. - Capítulo 2 - Confissão - Bônus.

O casamento já estava feito, uma união cheia de amor, felizmente para alguns infelizmente para Rodrigo, sabia que não poderia separa-los por simples egoísmo, Ycaro não era dele e isso se torna fato

Carlos e Ingrid já estavam no fim da lua de mel e logo iriam voltar para Fortaleza, Saiko esperaria sua volta para revelar seus verdadeiros sentimentos, não importa se é recíproco ou não, mesmo se perder a amizade, não poderia mais guardar isso para si

Então ele mandou uma mensagem

___________________________

                                            Saiko ☄

                                         Eiii

       Quanto que tu vai voltar seu gay?

                                             15:30


Burro/Porto seguro 💕🔮

Provavelmente semana que vem, acho que uma segunda-feira e gay é tu 

>:((

E estou muito bem casado tá 

15:30

                                       Saiko ☄

                             CertoCerto-

      Mas quando você voltar pode me encontrar naquele lugar?

Ou é tão burro burro que já esqueceu aonde fica? 

                                     15:31

Burro/Porto seguro 💕🔮

É claro que lembro! Você diz aquele de quando éramos crianças certo?

Mas sim, eu te encontro lá sim, vou pedir pro Tawan me levar já que é ele que vai buscar eu e a Aiko no aeroporto

15:31

                                     Saiko ☄

Não, vem só você não é longe da sua casa, que é aonde ele vai te deixar certo?

Eu preciso dizer algo importante, que faz anos que to tentando aliás

                     15:31

Burro/Porto seguro 💕🔮

Ok eu acho, agora fiquei curioso, ainda mais por ser lá, tu é muito gay mesmo 

15:31

                                     Saiko ☄

    Sou mais hetero que você :/

Ah me lembrei de outra coisa que queria falar pra vc, e essa posso dizer por aqui mesmo

                           15:32

Burro/Porto seguro 💕🔮

Diga então homi!

15:32

                                       Saiko ☄

Eu não consigo imaginar você comendo alguém, certeza que é a Aiko que te fode

Vou perguntar pra ela depois :'))

                       15:32

Burro/Porto seguro 💕🔮

Saiko!

15:32

_____________________________

Agora só esperar até segunda... pensou o de óculos , assim chegou o dia de sua volta, Ycaro avisou que estava chegando e logo estaria no local marcado

Confessou, estava muito curioso para saber o que Rodrigo iria lhe contar, esse local era uma pequena casa na árvore que costumavam brincar quando menores, eles diziam que era sua base

Quando o loiro chegou Saiko já estava o esperando, a casa não mudou quase nada, apenas estava com um pouco de pó, o lugar era simples contendo apenas uma mesa no meio da sala, três cadeiras ao redor, uma beliche no canto da parede esquerda e um sofá de baixo da uma janela, claro também uma escada que leva para o telhado de madeira, era possível ver papéis, revistas e brinquedos espalhados pelo pequeno cômodo

━ Oioi Saiko! - Ycaro chama a atenção do moreno para si

━ finalmente chegou - Rodrigo diz com um sorriso, sem mostras os dentes

━ Nem demorei - o loiro para pra analisar o lugar e se senta no sofá, ao lado do Ximenes ━ faz tempo que não venho aqui, deu uma nostalgia agora

━ Sim... Acho que eu escolhi esse lugar pra conversar por causa das lembranças que tem aqui - Rodrigo olha fixamente para o chão enquanto falava ━ mas então, o motivo por qual o chamei aqui é... hum é complicado eu... como posso dizer - ele volta a olhar para cima, mais especificamente para Ycaro

━ aconteceu algo Saiko? Você sabe que vou ajudar - Gabryel fala

━ não é isso Ycaro... olha, você promete que não ira se afastar de mim? Não é algo preocupante, muito pelo contrário, estou apenas inseguro mas não posso esconder mais - Saiko coloca as  mãos de Ycaro sobre as suas e leva na altura do peito

━ inseguro? Saiko você está me preocupando mesmo falando que é algo contrário, em outras palavras bobo, começando que você está sendo mais legal que o normal comigo - os olhos de Carlos brilham em preocupação e confusão

━ olha eu não sei quando começou, eu acho que uns três anos... - Saiko começa mas é cortado por Ycaro

━ o que?... - logo é interrompido

━ por favor me escuta -  já com suas mãos abaixadas mas ainda envolvidas, Saiko aperta ainda mais a mão de Ycaro  ━ se não me escutar não vou conseguir falar outra hora - Ycaro apenas concorda com a cabeça ━ eu sei que você não irá me corresponder mas eu venho me sentindo estranho perto de você, no começo estava mas agora tenho certeza que não é confusão, nesses últimos três anos eu desenvolvi uma paixão por você, eu sinto que cometi um crime mas eu realmente te amo Ycaro, você é meu único Porto seguro então mesmo sendo egoísta te pesso, não deixe nossa amizade, você pode me rejeitar a vontade mas não me deixe! Por favor... - Saiko dizia tudo com os olhos fechados, bem apertados para de uma forma se proteger do "me desculpe" que estava vindo, Ycaro suspira

━ Rodrigo... me desculpe, bem acho que você já esperava por isso mas eu amo muito a Ingrid, eu também te amo, muito mas não dessa forma, desculpa mesmo... - o homem de óculos escutava atentamente cada palavra e o levou ao um momento frágil, logo sentiu o quente pelos seus olhos

━ Eu... entendo, eu entendo... Eu - Rodrigo parece se perder nas falas mas é recebido por um abraço confortável do amigo

Saiko estava encostado no peito de Ycaro entre soluços e pequenas lágrimas, sabia que estava sendo bobo, chorando por algo tão idiota, mas estava realmente fragilizado, ele não havia se preparado o bastante

Estava mordendo o lado de dentro da bochecha enquanto se enterrava mais no peito do mais novo que começa a acariciar o cabelo do moreno

━ Saiko, eu nunca iria terminar a amizade... eu realmente te entendo, por favor não gosto de te ver triste - Ycaro levanta suavemente a cabeça do mais velho o fazendo encarar seus olhos ━ seu sorriso é maravilhoso, poderia me mostrar um que só você consegue tornar- lhe lindo? - Ycaro começa a acariciar a bochecha do Saiko desenhando círculos para o choro ficar mais leve, e logo é recebido por um sorriso no rosto do Rodrigo

━ deixando claro que ainda sou mais hetero que você - Rodrigo tenta mudar de assunto

━ de novo isso? Saiba que sou mais hetero sim Saiko - Ycaro é respondido com um "sei" e logo eles estavam caindo em gargalhadas por assuntos aleatórios


 Por mais que não estavam juntos romanticamente, sentiram que a confissão ajudou eles a fortalecer a amizade que durará mais anos 

[Fim]











Notas Finais


Obrigada por ler até o final, não posso te dar nada além do meu eterno amor <33


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...