História Heaven Beside You...Hell Within. - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Alice In Chains, Audioslave, Pearl Jam
Personagens Chris Cornell, Eddie Vedder, Jeff Ament, Jerry Cantrell, Layne Staley, Matt Cameron, Mike McCready, Mike Starr, Personagens Originais, Sean Kinney, Stone Gossard
Visualizações 32
Palavras 1.228
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oooi,gente.
queria dizer que o Jerry tá uma coisa linda (como sempre) nesse gif kkkkkk.
espero que gostem do capítulo de hoje!

Capítulo 10 - Surprise. Cap10.


Fanfic / Fanfiction Heaven Beside You...Hell Within. - Capítulo 10 - Surprise. Cap10.


Pov Maria.
04 de outubro de 1990. Segunda.

Acordei na segunda feira com o telefone tocando. Levantei correndo de minha cama para atender e tive uma supresa.

-Bom dia,minha filha. -Logo reconheci a voz doce de minha mãe.

-Mãe!!!! Que saudade de você. -Meus olhos ficaram cheios de lágrimas.

-Meu amor,tenho muitas novidades para você.

-Diga tudo.

-A primeira é que eu e seu pai vamos te emancipar e a segunda é que suas primas do Brasil irão morar em Seattle.

-Meu Deus,eu não acredito nisso. Minhas primas preferidas aqui em Seattle? Não dá para acreditar. -Eu pulava de alegria nesse momento.

-Bom,sobre a emancipação, eu e seu pai temos que ver bem,até porque estamos em outro país. E para suas primas irem de vez,elas precisam arranjar um lugar para morar.

-Mãe,elas podem morar aqui no condomínio. Tem um apartamento para alugar... Não é lá essas coisas, você sabe,mas nós estaríamos perto um das outras.

-Eu vou conversar com elas e te aviso.

-Tá bom,mãe.

Conversamos por um tempo.
Ela me contou as novidades do trabalho,da vida na Rússia e tudo mais. Infelizmente, meu pai não estava com ela,então não pude falar com ele.

A notícia de que minhas primas brasileiras iriam morar aqui em Seattle me animou muito. Elas eram filhas de um tio meu por parte de pai,que era brasileiro,assim como meus pais. Elas sempre passavam as férias comigo e meus pais,porém esse ano elas não puderam vir. Eu não sabia o porquê delas virem morar aqui,mas nem me preocupei em saber.

Como sempre, fui para a faculdade. Fiquei um pouco mais solitária que o normal,pois Vick tinha faltado, o que era bem estranho.

                               (...)

Sai da faculdade e fui para casa. Chegando lá,encontrei Chris no corredor.

-Oi,cabeludo. -Corri para abraça-lo.

-Fala aí,baixinha. Antes de qualquer coisa, saiba que hoje a noite terá uma mini reunião aqui em casa para falarmos da volta de viagem do resto da banda. -Ele me abraçou de volta.

Sean,Mike e Jerry tinham feito uma viagem com suas bandas para fazerem shows,e Chris e Eddie tinham ido apenas para acompanhar e para tentar compor novas músicas. Eles voltaram primeiro, mas Layne,Stone,Jeff e os outros caras do Pearl Jam e Soundgarden optaram por ficarem mais um tempo viajando.

-Ah,que bom que eles vão voltar. Achei que ficariam por lá. -Falei brincando.

-Por mim poderiam,eu não sentiria falta. Brincadeira. -Ele riu.

-Falando nisso, a noite vou ter uma novidade para contar ao grupo.

-Ui,olha ela toda toda misteriosa. -Chris deu um tapinha em meu ombro.

-Não é mistério e sim uma supresa. -Falei devolvendo o tapa. -Vou entrar agora. Até mais tarde, cabeludo. -Dei um beijo em sua bochecha e entrei.

A primeira coisa que fiz quando entrei foi ligar para Vick para ver se ela estava bem,mas fui atendida por Sean.

-Alô ?! -Uma voz máscula atendeu.

-Vick, não sabia que você tinha mudado de sexo. -Tentei segurar o riso.

-Ai,amiga,era uma supresa. -Sean tentava afinar a voz.

-Ai,Sean,você é muito bobo. -Falei rindo. - Mas me diga,a Vick está bem?

-Olha,ela não poderia estar melhor depois da noite que tivemos.

-Ahh,então está explicado porque ela faltou. E aproveitando que estamos nos falando,não esqueça da reunião na casa de Chris. Suponho que você já saiba.

-Sim,mas obrigado por lembrar. E mande lembranças para Cantrell,por favor.

-Engraçadinho. - Ri enquanto revirava os olhos . - Vou desligar agora,beijos.

Desliguei o telefone e a campainha tocou.

-Meu Deus, todo mundo decidiu falar comigo hoje! -Pensei alto e fui em direção a porta.

-Supresa!!!!.

-Jerry!!!! -Pulei em seu colo para abraça-lo.

-Eu estava com saudades.

-Eu também.  Entra. - O puxei para dentro de casa.

Jerry me beijou calmamente fazendo eu sorrir toda boba.

-Desculpa vir sem avisar,eu queria te ver. -Ele falou me fitando.

-Que isso. Eu adorei a surpresa. -Sorri e passei meus braços em volta do seu pescoço.

-Ah que bom. -Ele sorriu. -Sobre ontem,eu queria dizer que foi o melhor beijo que eu já tive na minha vida.

-Ah,Jerry. Você já beijou muitas pessoas... Alguém com certeza beija melhor que eu. -Suspirei.

-Eu posso ter beijado várias, mas o seu é o melhor de todos,até porque é por você que eu estou apaixonado. -Abri um sorriso imenso e beijei Jerry.

Ficamos a tarde toda juntos, na verdade, dormindo juntos.
Deitamos no sofá e apagamos. Só acordamos quando a campainha tocou.

-Quem será? - Me levantei para abrir a porta.

-Já está na hora da reunião, dorminhoca. -Eddie bagunçou meu cabelo enquanto falava.

-Vamos, Jerry. Já está na hora.

                                 (...)

-Então, gente,temos que conversar sobre a volta dos caras. -Chris disse diretamente para Eddie,Sean,Mike e Jerry,já que eu e Vick estávamos lá de intrusas. -Falei com Layne ontem,e a viagem de volta deles, está marcada para o dia 28 de outubro. E com isso,a turnê do Alice in chains está marcada para o dia 6 de novembro. Eu,Eddie e nossas bandas vamos para compor as músicas do Temple of the dog,apenas.

-Vamos ter duas semanas de ensaio? -Perguntou Mike franzindo a testa.

-Se for,será muito pouco tempo. -Disse Sean respondendo Mike.

-Bom,foi o que o produtor passou para Layne. -Chris respondeu.

-Bom,pode ter acontecido de Layne ter fumado muito e quando o produtor ligou para ele,acabou confundindo as coisas. -Jerry tentou controlar a vontade de rir.

-Que pesado. -Vick se divertia.

-Gente, tenho uma novidade. -Falei animada enquanto levantava da cadeira. - Nosso grupo de amigos vai aumentar.

-O que??? Você está grávida? Jerry,falei para você usar camisinha! -Eddie falou com cara feia mas depois se entregou ao riso.

-Pelo amor de Deus,Eddie. Nós não transamos. -Jerry ria da situação.

-Não é nada disso. -Franzi a testa. - Minhas primas brasileiras, virão para Seattle. - Dei pulinhos de alegria.

-Opa,pode deixar que apresento o melhor da cidade para elas. -Mike apontava para ele mesmo.

-Mike, deixa de ser pegador. Elas nem estão aqui e você já está pensando em dar em cima delas. - Jerry puxou o cabelo de Starr.

-Ah,mais duas meninas para o grupo! Não via a hora disso acontecer,aqui só tem homem. -Vick bufou.

-Quem disse que somos homens? -Chris colocou a mão na cintura fazendo todos nós gargalharem.

Ficamos um tempo na casa de Chris. Conversamos, cantamos e zoamos como sempre fazíamos.

As 21 horas,cada um foi para sua casa,tirando Jerry,que foi para a minha.

-Acho que quando suas primas vierem para cá, teremos que ficar mais tempo na minha casa. -Jerry disse enquanto fechava a porta do meu apartamento.

-Por que?? -Franzi a testa.

-Porque aqui não poderemos brincar,se é que você me entende. -Ele começou a beijar meu pescoço quando o interrompi.

-É... Jerry...tem uma coisa sobre mim
... Acho que você não sabe. Eu ainda sou virgem. -Fiquei totalmente sem graça quando disse isso.

-Sério? Mas como? Você é muito gostosa...-Jerry me olhou de cima a baixo. -Nossa,me desculpa. Não devia ter dito isso. Nossa...

-Tudo bem... Bom,eu só não fiz porque não estava preparada e não tinha ninguém que eu confiasse para fazer isso.

-Entendi. Você está certa.

Eu não estava muito a vontade e quando Jerry percebeu,me abraçou e começou a distribuir beijo em todo o meu rosto. Depois,ele deitou em cima de mim,com a cabeça em meu peito e fiquei fazendo cafuné em seus cabelos loiros. E então ficamos em meu quarto,na minha pequena cama de solteira.

-Dá próxima vez que fomos dormir juntos, terá que ser na minha casa,pois essa cama é muito pequena para nós dois. -Jerry se ajeitava na cama.

-Então terá próxima vez? -Falei mordendo os lábios.

-Mas é claro que vai. A cada dia que passa,eu fico mais apaixonado por você, e minha vontade de ficar com você aumenta mais e mais.

-Ai,Jerry. Eu tô muito apaixonada.

-Ah,vem cá. - Jerry me puxou para mais perto. Ficamos de frente um para o outro, abraçados,até que pegamos no sono.


Notas Finais


acho que as novas integrantes do grupo vão dar uma mexida na história kkkkkkkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...