1. Spirit Fanfics >
  2. Hentai University >
  3. Ser misterioso

História Hentai University - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Ser misterioso


Fanfic / Fanfiction Hentai University - Capítulo 3 - Ser misterioso

Mya On

O olhei com os olhos arregalados e esperei que alguém impedisse aquilo, mas fui perdendo as esperanças. 

 

Zeus - Sabe…- ele se aproxima - vc tem um jeitinho que me cativa muito. É uma menina determinada e gostosa ao mesmo tempo que é chata e ignorante kkjkkk - ele sorri maldoso e bate na minha bunda - um bundão e tanto hehe - ele me puxa para o encontro dele me fazendo ficar colada em seu corpo - vai dizer q não gosta dessa sensação de sentir meu corpo forçudo em contato com seu corpo gostoso e delicioso?

 

O olho nos olhos e chuto o meio das suas pernas.

 

- Não brinque comigo seu babaca! Pode fazer tudo que quiser, mas nunca irá encostar seu corpo sujo em mim, baka.

 

O olhei brava e o vi se contorcer de dor, mas sem perder o sorriso malvado.

 

- Vc realmente não vale um centavo. Eu tenho nojo de vc. Cada vez que te olho, eu tenho desprezo, pois vc não passa de um… - fui interrompida por Zeus me arrastando para o chão me prendendo com suas pernas e tirando a blusa

 

Zeus - Agora vc vai ver quem é desprezível - ele amarra a sua camisa nas minhas mãos as colocando atrás das minhas costas

 

- N - Não! S - Solte - me baka! - me debato com todas as forças, mas é em vão. Ele é mil vezes mais forte que eu e eu não consigo me desvencilhar dele.

 

Zeus - Que tal essa, hm? Vai ficar caladinha agora enquanto eu te como todinha - ele sorri maldoso e no momento que ia começar o “ trabalho “, é acertado por algo na cabeça e desmaia.

 

Eu me assusto e fito a figura preta a minha frente.

 

- Q - Quem é você? - olho a figura com um pouco de medo e me contorcendo tentando tirar a blusa

 

A figura preta se aproxima de mim e solta meus braços me fazendo recuar. Pude notar um cheiro de perfume masculino muito cheiroso perto do pescoço da figura. Ele sai e eu me levanto confusa e sem entender. Vou até a porta e noto ter ficado escuro e resolvi voltar para a sala para pegar minhas coisas e ir embora. Entrei na sala totalmente escura me fazendo tremer um pouco e guardei meu material todo me dirigindo a saída. Ao longe pude ver aquela silhueta me encarando com os olhos amarelos e me deixando com um frio na espinha.

 

- No outro dia, 10:00 da manhã -

 

Levantei meio abobada e confusa. Não entendi nada da noite passada, mas fiquei aliviada por aquele babaca não ter conseguido o que era de mais valioso para mim. Eu não sou do tipo violenta, mas aquele imbecil bem que merecia uns tapas bem dados. Então, depois de levantar, tomei café e fui para a escola. Cheguei na sala e me sentei bem no fundão e fiquei torcendo para aquele babaca não me ver. Peguei meu livro para ler e passado alguns minutos, vi uma figura estranha entrar na sala. Ele usava uma capa preta cobrindo o rosto e se sentou em um canto fundo não sendo notado por ninguém da sala além de mim. O olhei e fiquei meio curiosa. Quem será ele? Será que era aluno novo? Será que ele era um ser extraterrestre? Eu sei, eu sei, na última eu viajei. Quando voltei a olhar a porta, vi o babaca entrar na sala. Ah não mano! Não, não, nãooooooo!! Ah vai se ferrar! Eu quero mudar de sala, tava torcendo para ele não me ver ou não ter vindo a aula. Que droga mano! O olhei com cara de bunda e ele passou por mim sorrindo e cochichou em meu ouvido: “ Não pensa que desisti do que quero. Vc se safou daquela vez, mas espera até ficarmos sozinhos de novo, gracinha “ e saiu sentando lá longe, perto do garoto de preto. Engoli em seco e o olhei. Ele deitou a cabeça na classe e dormiu. Além de ser babaca ainda é preguiçoso. Patético.

 

Prof - Muito bem, alunos. Hoje faremos um trabalho em duplas e antes que comecem a fazer uma festa, eu escolherei as duplas. Thamires e Jude, Red e Fabiana, Roberto e Clarisse e… - olha eu e os dois garotos - bom, vou fazer um trio: Mya, Zeus e… - ela pega a chamada e fica tentando olhar o nome do garoto de preto e o olha - qual seu nome? Não está na lista de chamada.

 

O garoto permanece quieto e de cabeça baixa com o capuz sobre o rosto.

 

Prof - Ok, tudo bem. Não vou forçar. Vc fará o trabalho com a Mya e o Zeus - ela se senta - podem começar a discussão.

 

Droga! Logo ele! Eu preferia fazer o trabalho só com o ser misterioso do que com aquele babaca. Mas e se eu grudar nesse ser? Será que aquele babaca me deixa em paz?

 

Mya Off

 

Continua…



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...