História Hero's High School - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V)
Tags Bangtan Boys (BTS), Colegial, Escola, Lemon, Sobrenatural, Taekook, Vkook
Visualizações 7
Palavras 2.710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Slash, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oiii! como estão? <3
twitter: anayazw

Capítulo 4 - Singularity


Fanfic / Fanfiction Hero's High School - Capítulo 4 - Singularity

10 de fevereiro, 2034
Hero's High SchoolArithonDo 
7 a.m.

Mais um dia se iniciava para os desocupados adolescentes do Ensino Médio. Caras amaçadas, emburradas, felizes e até cheia de machucados eram vistas pelo corredor da escola.

"Que saudade da escola", pensava Lia, enquanto andava despreocupadamente, olhando atentamente cada rostinho presente.

Kim estava ansiosa. Aquele data correspondia ao primeiro dia de treinamento em equipe do grupo de heróis. Falara sobre isso a semana inteira para Taehyung, que não aguentava mais. Mas, além de estar ansiosa, a menina estava feliz, muito feliz. Passou muito tempo fora do colegial e esse ano seria o "primeiro" e último de sua vida nesse ambiente.

3º ano do Ensino Médio, passou rápido, não? Era como um piscar de olhos, um dia anterior ela estava com 8 anos e, no dia seguinte, com 18. Uau.

- Lia! - escutou a voz fina de Jimin e avistou-o correndo entre os corpos dos adolescentes no corredor até alcançá-la. - Oi! Como você está?

Park e os Kim afloraram uma amizade linda e pura naqueles poucos dias. Era impressionante o fato de que parecia que conheceram-se há anos. O que a intimidade faz com as pessoas, não?

- Olá, Min! Estou ótima! - exclamou, dando pulinhos de alegria, recebendo uma careta em resposta. - O quê? Não está animado para hoje?

- Por que estaria? Nós vamos lutar hoje. Você está entendendo? Lu-tar. - soletrou lentamente, irritando a menina.

- Vai me dizer que você está com medo? Não parece o mesmo que briga com Jungkook todos os dias.

- Garota? - perguntou Jimin, encerrando a conversa e arrastando Lia até sua sala de aula. - Aliás, cadê o Taehyung?

- Sumiu.

- Nem sabe aonde está seu irmão, céus. - bateu a mão em sua própria testa.

- Ué, por acaso, sou dona do Taehyung? Coitada de mim. - revirou seus olhos, lembrando de situações passadas que presenciou com Taehyung. -  Aquele moleque só tem cara de anjo, porque é um cu. 

- Faz um ótimo trabalho como irmã, sabia? - retrucou Jimin, soltando gargalhadas contagiantes e alegres. 

- Sabia. Eu sou incrível.

Enquanto conversavam, Taehyung se sentia aliviado. Sabia que poderia confiar em Jimin. Ele era uma boa pessoa.

De longe, observava os dois. Não se aproximara, porque tinha um plano a cumprir, tal  que tinha como o objetivo principal descobrir quem é Jungkook e o que vive irritando-o. Passou-se 1 semana e as frequentes vozes não pararam. Irritavam, insultavam e mexiam com Jungkook, esse que, mesmo com sua pose de menino durão, não conseguiria aguentar por muito tempo. 

Hoseok e Taehyung sabiam que estava acontecendo algo com o menino, mas também sabiam que ele não iria contar tão facilmente. Então, partiram para tentar ajudá-lo, mas em segredo, total sigilo. Aliás, parceiros servem para ajudar seus companheiros, não?

No meio de pensamentos, não percebeu quando uma pessoa se aproximou, acabando por levar um pequeno susto.

- Taehyung? O que faz aqui? - perguntou Namjoon, estranhando o menino estagnado na área mais escura e isolada dos corredores. 

- Oi, mestre. Faço nada, não.

- Você sabe que não precisa me chamar de mestre e que está pretendendo fazer algo. - olhou-o com veemência. - Me diga, por favor. Sabe que pode confiar em mim. 

- Namjoon, realmente, acho que não é necessário. É uma coisa bob-

Naquele momento, Namjoon ficou estranho. De repente, simplesmente, parou. Parecia que perdera todos seus sentidos na hora, porém continuava em pé. Não respirava, não emitia algum som e não transmitia nada. Definitivamente, estranho.

- Namjoon, você está bem? - perguntou, Taehyung, preocupado, cogitando em cancelar seu plano para ajudá-lo. - Ei, senhor Kim?

Namjoon não respondia e Taehyung começou a ficar mais preocupado, se era possível.

- Senhor Kim, isso é uma brincadeira? Saiba que é de mau gosto, não se faz! - falou e tocou Namjoon, que acordou na hora.

- Taehyung? Desculpa. Isso não foi nada demais. - replicou Namjoon, com um semblante difícil de decifrar, saindo dali rapidamente.

- Hã?

No meio daquela confusão, acabou perdendo-se no tempo. O sinal já tinha tocado há alguns minutos, precisaria correr, se ainda quisesse ter aula. Bom, o que ele mais queria era não ter aula, porém ainda tinha um bonito boletim a zelar.

Aproveitando de suas habilidades, correu o mais rápido que pôde. 

"Eu sou o 'flash', mas mais bonito", pensou orgulhoso, depois de chegar na sala em menos de 20 segundos.

- Você é um idiota, Taehyung. Isso, sim. - respondeu Jungkook, rindo soprado.

"Como esse garoto leu meus pensamentos?", pensou, Taehyung, com uma careta confusa estampada em seu rosto, enquanto caminhava pela sala a procura de algum lugar vazio.

"Eu existo, amiguinho"

 Uma voz sarcástica apareceu, assustando e obrigando Taehyung a parar no meio do caminho e esbarrar em Jungkook, que estava passando em sua frente.

- Você tem problema? - perguntou Jeon, começando, assim, mais uma das inúmeras brigas com o Kim.

10 de fevereiro, 2034
Hero's High SchoolArithonDo 
8 p.m.

Finalmente, a hora chegara. O treinamento mais esperado começaria. Na verdade, somente Lia esperava tanto esse evento, os outros não estavam com tanta confiança.

Enquanto caminhavam rumo ao ginásio, perceberam que os corredores estavam vazios, totalmente vazios.

- Estranho. Aonde está o pessoal? - a menina perguntou.

- Está de noite. Não é óbvio? Ninguém fica na escola essa hora. - respondeu Jungkook.

Depois da resposta grossa, ninguém mais se pronunciou. Todos seguiram o caminho, que era, infelizmente, demorado, em silêncio.

- Vocês são tão chatos! Não estão animados? Vamos lá! Deem um sinal de vida, por favor!

- Você não consegue ficar quieta, Kim? Caralho! - esbravejou Jungkook, já sem paciência.

- Olha a boca, Jeongguk! Acha que está falando com quem, garoto? - foi a vez de Taehyung repreender, chamando atenção do Jeon.

- "Jeongguk"? Que isso? - perguntou, recebendo uma desviada de olhos por parte de Taehyung, que estava corado.

- Que bom que vocês chegaram! Não aguentávamos mais esperar! - gritou Janet em frente ao grande portão do ginásio.

Ela escondia alguma coisa, todos sentiam. Se antes estavam sem confiança alguma, imagina naquele momento. O grupo de heróis começavam a temer sobre o que vinha pela frente.

Finalmente, o grande portão foi aberto, revelando o imenso ginásio cheio de alunos da escola.

- Bem-vindos ao seu primeiro dia de treinamento, novos heróis! - pronunciou, Namjoon, em cima de um palanque no meio do lugar, com ajuda de um microfone. - Nada melhor que uma boa torcida para encorajá-los, não?

- Ele só pode estar de brincadeira. - sussurrou, Jimin, desacreditado.

- O que vocês têm? Venham! Subam aqui!

Sem nenhuma coragem para movimentar-se, os heróis continuaram estáticos.

Precisaram de um pequeno empurrãozinho por parte de Janet, que jogou-os até o outro lado do ginásio com um simples movimento dos dedos, que soltaram uma rajada forte de vento. Aerocinese.

- As princesas se machucaram? - perguntou, Janet, com um sorriso no rosto, vendo o grupo levantar com esforço. - Poxa, que pena. O show ainda nem começou. - completou, recebendo gritos animados da plateia como resposta.

- Ei, heróis! Acho melhor trocarem de roupa. Não vão querer estragar suas lindas vestimentas, né? - perguntou Namjoon, apontando para uma cabine no canto do ginásio, aonde o grupo foi teletransportado por alguém. - Obrigado, desconhecido teletransportador.

Cada membro entrou em uma cabine, ainda temendo pelo que viria pela frente. Não demorou mais do que segundos lá dentro, mas saíram com impressão de que estavam por horas.

Ao olharem um para o outro, perceberam o que era essa roupa. Um simples uniforme preto, em estilo de macacão de mangas e pernas longas, que era colado ao corpo e realçava suas curvas.

- Para quê isso? Eu estou muito exposta, seus tarados! - esbravejou Lia, escondendo-se na cortina da cabine, ao escutar assobios da plateia. - Querem ver minha bunda, é? Peçam, porra! Palhaços.

- Para de drama, senhorita Kim, todos aqui estão com esse uniforme. - falou Janet, ao lado de Lia.

- É, estão todos mesmo. - sussurrou Jungkook, olhando nada discretamente para Taehyung, que tentava arrumar um jeito de ver como ficou o uniforme em si.

- Sim, mas não são "todos" que estão recebendo o mesmo tratamento que eu. - continuou, apontando para os adolescentes tolos, que não escutavam a discussão e continuavam a assediar a menina, até perceberem o olhar de Lia mudar e tornar-se ameaçador, enquanto um frio descomunal apossava-se em seus corpos, obrigando-os a calar. - Eu exijo o mínimo de respeito. 

Uma bomba foi escutada, assustando todos e anunciando o começo do treinamento.

Inicialmente, o treinamento seria divido em partes. Primeiro, cada membro teria de apresentar suas respectivas especialidades, desde as que tem certa facilidade até aquelas que tem dificuldade.

Depois, cada membro teria de lutar com o outro; como haviam 5 membros, 1 integrante deveria lutar com todos, sem exceção. Pela escolha da plateia, Jungkook iria, mesmo com várias contestações do mesmo.

E, por final, todos lutariam unicamente contra Namjoon e os 2 vencedores, se possível, lutariam juntos contra Janet.

O treinamento começou pela ordem alfabética, sendo, Jimin, o primeiro.

- Bom, como vocês sabem, eu sou um Vampiro. - olhou para o Kim mais velho. - Acho que não tem muito o que mostrar, Namjoon.

- Não? - perguntou, arqueando sua sobrancelha.

De repente, Jimin sentiu um forte odor vindo de algum lugar. Lentamente, fechou os olhos, aproveitando o delicioso cheiro. Sangue. Sabia que não iria aguentar por muito tempo, já estava há anos sem tomar sangue humano. Tinha prometido a sua família que não iria fazer mal aos humanos e a ninguém.

Ao voltar à realidade, encontrou-se em uma cidade, que era, para sua infelicidade, humana. Todos em sua volta pareciam ocupados demais para perceberem a presença de um vampiro no local. Isso deixou as coisas mais divertidas.

"Uma mordida não faz mal, sim?", pensou, olhando para cada vítima presente. Ele já estava fora de seu controle normal, parecia que algo estava fazendo com que ele ficasse tão vivo novamente. Sabia que seu corpo alertava-o de algum perigo, mas ignorava.

"Achei", olhou para uma pessoa atentamente, que estava distraída, tentando limpar o sangue fresco que saia de seu dedo. Vítima fácil.

Aproveitando-se da situação, transformou-se em um morcego e voou até sua vítima, que ainda estava distraída. Pousou atrás dela e preparou-se para atacar, mas acabou esbarrando em um ferro, que o fez voltar à verdadeira realidade. Ilusionismo.

- O quê? Mas como? - perguntou, olhando abismado para cada pessoa presente no ginásio.

Assustados, assim sentiam-se.

- Obrigado, por apresentar essa sua incrível habilidade. - falou Namjoon, tentando amenizar o clima tenso que se instaurou. - Jungkook? Vamos?

Na vez de Jungkook, todos estavam ansiosos. Conheciam sobre as habilidades de Jungkook, mas não como ele mesmo as realizava. Foram poucas vezes que ele mostrou o que realmente sabia fazer, enquanto, muitas vezes, só transformava-se na frente das pessoas para colocar medo, adquirindo a forma de lobisomem, não a de um lobo real.

Um pouco longe de todos, Jeon correu. Correu o mais rápido que pôde, ganhando velocidade e fazendo uma transformação magnífica aos olhos dos outros. Medo, era esse sentimento que sentiam ao ver Jungkook, um lobo grande, com um pouco de pelo branco em seu rosto e todo seu corpo coberto pela pelagem preta azulada. Esses brilhavam na luz do luar, que adentrava pelas grandes janelas do ginásio.

- Lindo. - sussurrou Taehyung, observando cada parte do corpo do mais novo, sem deixar nada escapar.

Sentindo esse pavor no ar, Jungkook uivou com todas as suas forças. Os alunos tiveram de abafar seus ouvidos por conta do intenso barulho.

Alfa? Ele é o alfa? 

O que Lia não esperava ao perguntar,  era receber uma encarada, quase mortal do lobo. Seus pelos se enriçaram, a menina começou a suar frio. Temor, ela sentiu e Jungkook percebeu. Em passos lentos, ele aproximava-se silenciosamente.

Todos observavam detalhadamente cada passo dado, prevendo o que vinha pela frente. Até que o lobo parou, não deixando de encarar os olhos medrosos da adolescente.

- Ele está pedindo para que fique tranquila, não irá atacar. - falou Hoseok, surpreendendo os estudantes. - Somente se pedir. 

Aproveitando a brecha, Jungkook rosnou baixo e voltou a forma humana, de como antes estava. 

- Oh. Então..? - pronunciou, Namjoon, desnorteado. - Hoseok, sua vez.

Ao ser anunciado, Hoseok foi até o centro do ginásio, sem antes deixar de observar cada cabeça presente no local.

Antes de começar com seus truques, um adolescente levantou-se e surpreendeu a todos.

Começou a caminhar despreocupadamente em direção às grandes janelas do ginásio, sem se importar com os olhares curiosos que recebia. Ao chegar, não parou. Acabou batendo a cabeça no vidro, que, por pouco, não se quebrou pela força obtida. 
"Ele é maluco!", "Ele está doido!", "Será que ninguém fará nada?" e "Faça alguma coisa, seu inútil!" eram escutados por Hoseok, que ficava cada vez mais nervoso, levando ao adolescente a bater sua cabeça na janela com mais força e cada vez mais vezes.

- Fiquem quietos! - gritou Hoseok, vermelho de raiva.

O adolescente bateu a cabeça mais uma vez. Sangue escorria pela sua testa. Com certeza, levaria bons pontos ali.

Já cheio, Hoseok parou com sua diversão. Levantando uma mão, obrigou o adolescente a parar, e, com um simples movimentar de seus dedos, chamou-o até si. Sem demora, ele veio. Telepatia.

- Kim Jongin, híbrido de paranormal com humano, 3º ano do Ensino Médio. - começou Jung. - Pensamentos psicóticos. Não o incentivei a fazer isso, somente dei um empurrãozinho. - deu uma risada medonha e estalou seus dedos, acordando o Kim. - Guerreiro, você está fudido. Mude seus pensamentos, eles não irão levá-lo a lugar algum.

- Senhorita Kim? - Namjoon cortou a fala do mais velho, soltando uma risada sem graça.

Lia, que estava escondida em canto do ginásio junto dos outros membros, seguiu até o centro, ainda nervosa. Não era ela, a menina que falava por todos os cantos do quanto estava animada? Pessoas mudam rápido.

Ao chegar, fechou seus olhos e desligou-se de tudo em sua volta. Pensou em frio, no quanto o frio era bom. Tomar chocolate quente, ter aquela preguiça no final da tarde ou até escalar uma montanha junto de seu irmão. Ela, simplesmente, adorava o frio.

Sem perceber, seu corpo começou a gelar de uma maneira incrível. Seu cabelo, antes moreno, passou a ter uma coloração clara, pálida, e sua pele estava branca como a neve. Abriu seu olhos. 

- A brincadeira está prestes a começar, queridos.

Então, uma onda de massa fria percorreu pelo local. Todos começaram a tremer de uma forma inexplicável. Lia, já com um sorriso de orelha à orelha, começou a criar e brincar com pequenos flocos de neve no ar. Todos estavam encantados, e quase congelados, com o que o ginásio se transformou. Estava muito bonito.

De repente, algo subiu em si, como uma energia ruim. Ela sentiu raiva, do nada. Os pequenos flocos de neve de antes, viraram estilhaços pontudos de gelo. O suportável frio de antes, ficou sufocante e, definitivamente, congelante. Os vidros começaram a rachar e o teto começou a congelar.

Lia já não respondia por si. Com suas mãos levantadas, soltava algum tipo de ar gelado. Ela só piorava, até um novo bafo ser sentido. Calor. O ambiente começava a ficar quente.

- Taehyung? O que está fazendo? - berrou Lia, acordando para a realidade.

- Você está congelando tudo! - gritou Kim de volta, soltando fogo pelas suas mãos.

O que antes estava congelado, começou a derreter-se lentamente. Mas quem disse que Taehyung esperaria? Ansioso do jeito que é, transformou seu corpo todo em chamas, acabando por adiantar o processo de derretimento. A plateia, antes quieta, vibrou.

- Como? - perguntou, Jungkook, baixinho, observando, curiosamente, o Kim.

Quando conseguiu amenizar o estado do ginásio, Taehyung voltou ao seu estado normal, porém com um semblante envergonhado estampado em sua face. Nunca mostrou-se dessa forma para alguém antes, sem ser sua irmã. Achava que iriam julgá-lo, como muito já foi.

- Fantástico! - relatou Namjoon, acabando com o silêncio constrangedor que se instaurou ali e arrancando altos aplausos e gritos da plateia.

Hero's High Schoolcapítulo Singularity.


Notas Finais


• para quem tiver dúvida, posso colocar a definição dos poderes, porque haverá vezes em que eu colocarei somente seu nome específico, que poderá gerar dúvidas em algumas pessoas, como, por exemplo, a umbracinese, que é um poder sobre escuridão.
esse capítulo, simplesmente, é o meu favorito. ele é tipo... MARAVILHOSO!
fala e mostra um pouquinho sobre as habilidades dos nossos heróis, assim como boa parte dos sentimentos deles. ainda terá mais, pessoal.
e aí? vocês gostaram? espero que sim!
beijinhos e até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...