História Hétero de Taubaté - Capítulo 5


Escrita por: e getcool

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Han Ji-sung, Hwang Hyun-jin, Kim Seung-min, Kim Woo-jin, Lee Felix, Lee Min-ho, Seo Chang-bin, Yang Jeong-in
Tags Changbin, Changlix, Chanlix, Comedia, Comedia Romantica, Falso Hétero, Felix, Hetero De Taubate, Misung, Non!au
Visualizações 683
Palavras 2.742
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Comédia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


hetero de taubaté: a
eu: *bloqueio criativo*

oi amoreeeees *desvia das pedras*
adivinha quem finalmente voltou? nós mesmas, jhen e tory <3
eu, jhen (yongbok) queria me desculpar em nome das duas pela demora na atualização, perdoa a gente e não desiste de nós :3

MANO, A FANFIC ALCANÇOU 1000 FAVS!!!!!!!!!!!
eu nem acredito nisso, obrigada mesmo pelo carinho gente, vocês são demais <333

to postando na pressa pra não deixar vocês mais um dia sem, dei uma revisada rapida mas podem ter erros, então relevem.
logo logo responderemos todos os comentários do capítulo anterior com todo o amor que cabe em nossos coraçõeszinhos, obrigada mesmo pelo carinho <3333
p.s: se alguém quiser dar um trailer pra gente pode dar rsrsrs

boa leitura amores <333

Capítulo 5 - 004. Carros, Lives e Crises Existên-sexuais.


Fanfic / Fanfiction Hétero de Taubaté - Capítulo 5 - 004. Carros, Lives e Crises Existên-sexuais.

 

 

Após o evento que consequentemente animou os shippers e matou as fãs com tanta interação, os nove garotos se despediram da melhor forma e agradeceram como sempre faziam ao final de cada fansing.

A viagem de volta ao dormitório era sempre programada, cinco garotos iriam em um carro e quatro em outro, quase não iam juntos em uma van. Era muito trabalhoso e abafado, preferiam usar carros separados. 

Decidiram tirar na sorte e depois de um joguinho rápido de "pedra, papel e tesoura", os meninos descobriram quais deles iriam ficar com o carro menos cheio. Acabou que Jisung, Seungmin, Jeongin, Hyunjin e Minho iriam ficar no carro mais cheio e, quanto ao restante, ficariam no outro, o mais vazio. Aquilo agradou muito à Woojin, já que os mais barulhentos não estaria com ele, e deixou um certo Seungmin irritadinho com a situação.

Felizmente, a irritação do Kim não durou muito; só foi necessário um Jeongin cansado escorando a cabeça no mesmo enquanto bocejava para este sorrir bobo e não se sentir mais injustiçado com o resultado do Kai, Bai, Po.

Como todos sabiam, o amor era o que predominava naquele grupo e Christopher Bang, juntamente com Lee Felix, queriam provar isso aos outros integrantes, principalmente para um em especial.

[ Insira um tom de voz cheio de cinismo aqui.]

Após estarem prontos, cautelosamente rumaram até o estacionamento, juntamente com os staff's e o manager. Estes que iriam acompanhar os meninos em outro carro. 

Todos já haviam notado o humor não muito bom de Seo Changbin desde do fansing, então, não estavam surpresos pelo mesmo estar tão calado e de cara amarrada, recusando até mesmo algumas brincadeiras bobas que Hyunjin fazia consigo, o que Changbin realmente não costumava fazer.

Quando os membros entraram em seus respectivos carros e ficaram prontos para partir, não demorou muito para que já estivessem na estrada.

No carro onde continha os mais "animados", eram só piadas e brincadeiras, principalmente da parte de Jisung. O que era bem diferente da situação no automóvel onde estavam Woojin, Chan, Felix e Changbin.

O Kim conseguia captar a tensão que era transmitida no ar naquele momento, se bobear conseguia até segurar ela na mão, de tão palpável que estava. Chegava mesmo a ser um tanto constrangedor. Nem mesmo conversavam desde que entraram no carro, os únicos sons presente eram o de Siren da Sunmi bem baixinho no aparelho de som e o canudo esvaziando o copo de milkshake do qual Woojin tomava enquanto observava tudo em volta silenciosamente.

— Então… — o mais velho dali iniciou um diálogo para (tentar) quebrar aquele gelo. — O fansign foi legal, né?

Ô-oh. Péssima pergunta.

— É. — Changbin respondeu seco, sem encará-lo.

— Foi sim, achei muito divertido. — Chris comentou de forma casual, mas meio que....provocativa?

Felix só balançou a cabeça, incerto do que dizer sobre o evento que ocorreu a pouco. Se perguntava se o Seo realmente assumiria seus sentimentos ou manteria pra si e tudo aquilo que ele e Chris faziam não levaria a nada. Às vezes, se questionava se aquilo que o rapper demonstrava sentir por si era realmente ciúmes de amante ou só de amigo. Afinal, o moreno também era ciumento quanto a amizade e isso, vez ou outra, deixava o australiano um tanto inseguro.

A cada dia que passava, a certeza do que o outro sentia se tornava cada vez menos certeza e cada vez mais...dúvida.

O silêncio retornou e com ele, o constrangimento. Woojin sentia-se totalmente deslocado ali, porque dava para perceber que Changbin estava querendo muito tirar satisfações com os outros dois indivíduos mas, teria o ego ferido se acabasse o fazendo e isso o deixava cada vez mais (perdoem o palavreado) puto.

Depois daquela curta conversa entre eles, o Kim desistiu de puxar algum assunto ou tentar amenizar o clima estranho. Parecia uma missão impossível.

Porém, como uma luz no fim de um túnel — muito — escuro , Christopher acabou fazendo um comunicado importante, aliviando um pouco o clima.

— Ow, está programado fazermos uma live esta noite, já que faz tempo que não fazemos uma em grupo. Então, preciso de todo mundo na sala do dormitório às nove, okay? — recebeu murmúrios em resposta, mas sabia que iriam comparecer.

Até porque não tinham escolha.

O líder estava animado. Após o evento de hoje, com toda a certeza muitos comentários sugestivos seriam feitos durante a live, o que ajudaria muito a missão de desbancar certo hétero de Taubaté.

E pelo retrovisor, analisando o citado no banco da frente, Chris viu que isso não demoraria muito.


 

[...]

 

As portas foram abertas apressadamente e quase que os garotos não conseguiram passar por ela. Hyunjin e Jisung competiram para ver quem iria entrar primeiro, mas acabaram ficando emperrados na porta.

Lindo. Maravilhoso.

A maioria dos meninos estavam loucos por tomar um belo banho, já que passaram horas no evento e também no carro. Estavam cansados e isso rendeu alguns cascudos nos dois. 

— Ah! Eu preciso de um banho urgente. — Seungmin reclamou, pondo as mãos nas costas para se espreguiçar, soltando um murmúrio em seguida. 

— Eu posso ir com você! — Hyunjin se prontificou, chocando 0 pessoas. Todos ali já estavam acostumados com aquele tipo de fala vinda do Hwang, principalmente quando dirigida ao Kim e o Yang.

— Que isso?! Claro que não, vou tomar banho sozinho! — Disse já rumando para seu cômodo, sendo seguido por Hyunjin.

— Mas, Seungminnie! — o garoto visivelmente iria insistir, mas os presentes na sala de estar não puderam ouvir suas lamúrias, já que o mesmo fechou a porta do quarto assim que entrou no cômodo.

— Eu, hein. Quanta melosidade. — resmungou Minho, que recebeu cinco olhares que gritavam "avá", já que o mesmo era um poço de doçura com um certo Han. 

— Ok, galera! Todo mundo tomando banho e se arrumando porque não falta muito para dar o horário combinado, 'vamo lá! — Gritou Chris, muito animado. Claramente mais do que o normal. 

Os garotos se apressaram para conseguir se higienizar e dar uma relaxada após o dia puxado antes da Live. 

Já Felix notou que Changbin realmente não queria papo, pois o mais baixo saiu do cômodo em que dormiam juntos assim que o Lee entrou, o fazendo soltar um breve suspiro. 

Sendo sincero, estava sentindo saudades do seu "Dark Changbinnie" mas, não iria lhe dizer isso; não até ele mostrar que sentia sua falta também e que estava incomodado com aquela situação. Até isso ocorrer, Felix teria que seguir com o seu plano. 

Ele não tinha nada a perder, afinal. 

Certo?

 

...

 

Não demorou muito para que a sala do dormitório já estivesse com todos os nove integrantes presentes. Interagiram muito antes do Líder ajustar o celular no tripé, anunciando que em poucos minutos dariam início a live.

Chan, muito bem esquematizado, já reservou seu lugar ao lado do Lee, mas o garoto estava conversando com os outros meninos enquanto Changbin estava um pouco mais afastado dos dois, sentado perto de Minho.

Logo deram início a transmissão ao vivo e todos fizeram suas saudações com um "Step out, Nós somos o Stray Kids" e um "Olá, Stay!" em seguida, muito animados com o contato com elas. Não tardaram a conversarem entre si com assuntos aleatórios e brincadeiras para os telespectadores, estavam todos se divertindo.

Bem, estavam até o momento em que Kim Woojin aproximou-se da câmera para poder ler os comentários.

Woah! Perguntaram se estamos dormindo bem. — Woojin disse depois de ler algum dos comentários. 

— Apesar da rotina um pouquinho puxada, acho que estamos tendo um bom sono. — Hyunjin falou, recebendo algumas confirmações dos outros.

— Eu estaria dormindo melhor se Jisung não ficasse cantando toda noite. — Seungmin reclamou após enfiar a mão em um pacote de salgadinhos. Haviam pego algumas besteiras para comer durante a transmissão.

— Eu não fico cantando toda noite! Só faço isso às vezes! — o citado protestou, indignado. 

 

— E você, Chan? Tem dormido bem? — Minho perguntou para o líder, um tanto sugestivo.

— Melhor impossível. — respondeu casualmente, como se não tivesse nada demais naquilo.

— E o Felix tem algo a ver com isso? — Woojin perguntou sorrindo, sabendo que estaria pondo lenha na fogueira e deixando Changbin cada vez mais irritado. 

Woojin sequer esperou o Chris responder, virando para a câmera ainda sorrindo e dizendo para os fãs:

— Felix tem ido dormir com Chan ultimamente, stays! 

Os garotos se limitaram a sorrirem de forma insinuante e fazerem barulhos engraçados, nem um pouco surpresos com a situação dos australianos e com o fato do Kim mais velho os expor na frente de todos. Menos Changbin, claro. Este ficou calado, encarando o Bang com um olhar nada amigável e esperando ele dizer algo que o fizesse parar de estrangulá-lo mentalmente sobre o fato apontado.

A pronunciação não veio e o líder apenas deu mais um de seus sorrisos misteriosos, deixando o Seo ainda mais irritado com duas coisas: o rumo daquela live e da relação da Aussie Line.

— Uma stay perguntou: "ChanLix também já se beijou?" e agora muitas estão pedindo a resposta dessa pergunta. — Jisung explicou o que acontecia nos comentários, recebendo a atenção dos membros. Já que as fãs estavam levando tudo o que acontecia ali na brincadeira e a reação de Changbin àquele assunto era muito engraçada ao seu ver, decidiu continuar com aquilo. — Olha, não sei não, mas eu acho que sim. E ai, Felix, já?

O Lee riu de nervoso, escondendo um pouco o rosto no processo. Mesmo que o plano fosse provocar o hétero de Taubaté, se sentia envergonhado com toda aquela exposição.

— Ih, olha. Felix-hyung 'tá corado. — Jeongin apontou e cutucou a bochecha do mesmo, rindo e recebendo um tapa fraco do citado.

— Vocês estão muito suspeitos, 'em. Sei não...— Hyunjin falou, tocando os ombros de ambos e os encarando de forma questionadora.

— Os fãs estão enlouquecendo.  — Seungmin leu alguns dos comentários, chegando a rir de alguns deles.— Querem uma resposta de vocês. Bem...Acho que Bangchan, como líder do grupo e o mais velho dos envolvidos, deve se pronunciar. E vocês? — Os meninos concordaram e alguns até encararam um certo rapper dark durante o processo. 

Não era novidade nenhuma que uma das coisas que Stray Kids mais gostava de fazer era implicar com Seo Changbin e, bem, que ele meio que estava merecendo aquilo.

— Bem, as fãs também concordam. — Woojin falou enquanto lia o que acontecia no chat. — E então, Bangchan, Chanlix já se beijou?

O mais velho arqueava as sobrancelhas enquanto questionava, o fazendo rir.

— Bom, quando à isso...— Christopher iniciou, recebendo o dobro de atenção de cada membro e dos telespectadores do outro lado da tela. Um sorriso sacana foi dado e uma frase já conhecida pelos JYPE stans foi dita: — Vamos deixar à imaginação de vocês.

Após sua resposta, todos os presentes fizeram barulhos de reprovação, como um "ah" prolongado e insatisfeito. Mas, Chris recusava-se a dizer algo a mais, deixando as todos, inclusive os membros, curiosos com toda aquela tensão que se formava entre Felix e Bang Chan, e claro, as reações de Changbin perante aquilo tudo.

E, depois de mais alguns minutos continuando a transmissão, os garotos resolveram encerrar por ali, todos estavam cansados. Se despediram com aegyo's, mensagens fofas e claro, formando corações com os braços. 

É de Stray Kids que estamos falando.

Assim que encerraram a live, a maioria rumou para seus respectivos quartos. Porém, Changbin aguardou que todos saíssem para, enfim, poder puxar discretamente o braço de Felix, deixando o mesmo bastante surpreso com aquela atitude.

— Podemos conversar? Ou está muito ocupado? — Não foi difícil para que Felix captasse uma forte ironia em sua pergunta, mas se conteve ao respondê-lo.

— Não. O que foi? Posso te ajudar em alguma coisa? — É óbvio que o australiano se faria de besta. Sabia muito bem o que ele queria, mas não daria o braço a torcer, não sem antes Changbin ultrapassar aquele orgulho e falar diretamente qual era o problema.

— Como assim “me ajudar em alguma coisa”? Felix, você está me evitando! 'Tá passando mais tempo com Chan do que o que costumava passar comigo, e do nada, sem explicação alguma! — Disse insatisfeito e, por um momento, o Lee sentiu pena do moreno, quando viu aquele rostinho emburrado dele. — Me fala o que ‘tá acontecendo.

— Olha, Chang. Eu já entendi que você é hétero e nunca vai ter sentimentos românticos por mim, sabe? E também percebi que você se sente desconfortável quando insinuam que você tem algo comigo e que se continuarmos grudados como antes, eu não superaria nunca e as fãs e os meninos continuariam a entender errado. Vi que me afastar de você até tudo passar e eu poder agir mais racionalmente solucionaria os dois problemas, então, acho que é melhor para nós dois manter certa distância um do outro até tudo se resolver. — Orgulhou-se de si mesmo por dar aquela resposta, tendo prazer em ver a expressão surpresa de Changbin, provavelmente por ser a primeira vez que falava de seus sentimentos de forma tão séria. — Chris se prontificou a me ajudar com essa fase e está funcionando, logo tudo se resolverá e poderemos voltar ser próximos sem outros sentimentos envolvidos. — Pegou alguns de seus pertences e o encarou de forma firme. — Espero contar com você para isso, também.

— Mas…

— Outra hora a gente conversa melhor. Agora eu tenho que ir para o quarto, Chris deve estar me esperando. — Se fez de desentendido ao interromper a fala do Bin e saiu antes mesmo de ver a cara do rapaz depois de ouvir aquilo. 

Sentia-se poderoso naquele momento, realizado. Felix nunca negava algo para Changbin, sempre cedia aos encantos do rapper e sabia que o outro estava acostumado com isso. Mas, ele tinha conseguido passar por cima dessa submissão e o plano estava saindo perfeitamente como o planejado. Também havia notado ser mais forte do que pensava em relação ao moreno e se tocado que, se o plano falhasse, seria capaz de tentar seguir em frente por saber que havia feito tudo o que pode.

Se sentia mais confiante enquanto se direcionava ao quarto do líder.

Já Changbin, coitado, este tentava absorver tudo o que ouvira enquanto refletia sobre sua relação com o Lee. 

Era fato que não esperava algo assim vindo do australiano. Felix sempre foi tão dependente dele que nunca o imaginou se afastando de si por decisão própria. Às vezes, sem querer, acabava usando isso para fazer o que bem entendesse, inclusive não levar os sentimentos e investidas do outro a sério, mesmo sabendo, lá no fundo, que estes eram reais. Se sentiu um tanto mal ao notar que estava o negligenciando esse tempo todo por uma necessidade — desnecessária — de afirmar veemente sua sexualidade, como se esta fosse frágil.

Foi então, que passou a refazer algumas perguntas que, vez ou outra, fazia a si mesmo e logo ignorava por medo das respostas:

 

Ela era mesmo frágil assim?

Por que quando os outros membros fingiam dar em cima de si, ele entrava na brincadeira mas, quando Felix o fazia, ele se sentia estranho e tinha urgência em enfatizar sua heterossexualidade?

Era realmente por saber que as insinuações do Lee tinham um fundo de verdade ou...era algo a mais?

Porque tratava Felix diferente da forma que tratava seus outros amigos e sentia mais falta e necessidade de estar perto do que o normal quando comparado à eles?

 

E, como se já não estivesse ferrado e confuso o suficiente, novas questões surgiram:

 

Por qual razão estava ali, tendo uma crise existencial e questionando sua sexualidade quando deveria estar aliviado por Felix decidir abrir mão de seus sentimentos por consideração a ele, já que Changbin era hétero e no futuro, aquilo poderia causar um impasse e prejudicar a amizade que tanto zelava?

Por que lembrar que Chris estava ajudando Felix a superá-lo com louvor e pensar em que tipo de ajuda tão eficaz o outro estava recebendo o fazia sentir certa raiva e um aperto no peito?

Por que esses pensamentos e o conhecimento de que Chan era bissexual o deixavam ainda mais inquieto e irritado?

 

E a cereja da torta que ele estava jogando na própria cara:

 

O nível um tanto elevado de afeto e ciúmes que tinha por Felix era mesmo de amigo ou tudo aquilo que esfregavam na sua fuça e ele fazia questão de negar era mesmo a verdade?


 

Novamente, o Seo se viu com medo das respostas e, como sempre, decidiu ignorá-las. Mas, no meio de toda aquela confusão que havia se tornado, uma coisa ele admitia: estava cada vez mais difícil fazer aquilo.

 


Notas Finais


po changbin, assume logo que tu faz parte do vale

espero mesmo que gostem to insegura com esse final ksksks comentários sao sempre bem vindos


enquete do capítulo:
chanlix deve dar uns pegas ou não????

meu twt: @yongbooks
meu ccat: @jseph

SIGAM MEU PROJETINHO DE STRAY KIDS, EM BREVE ABRIREMOS VAGAS: @skstory


tia jhen ama voces


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...