História Hey Daddy - Jeon Jungkook - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé
Tags Drama, Revelaçoes, Romance
Visualizações 23
Palavras 1.761
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, LGBT, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que tenham gostado, me desculpem os erros de escritas e Boa leituraa meus bolinhos

Capítulo 1 - Daddy Rules


Fanfic / Fanfiction Hey Daddy - Jeon Jungkook - Capítulo 1 - Daddy Rules



Eu tinha uma vida normal, até minha omma morrer. Antes dela morrer, a mesma me disse que ela queria que eu conhece-se um tall de Kim Seokjin, ele era um super amigo dela des de infância. Ela vivia dizendo dele para mim.

Havia quase 2 semanas que minha omma havia falecido, eu estava arrumando minhas coisas para mim viajar para a Coreia do Sul na cidade de Seoul

Quando eu estava saindo de casa, vejo um bilhete na cômoda aonde estava a TV, nele estava dizendo:


        " Minha filha, você sabe que estou com câncer, não vou me recuperar disso, então quero que você conheça o Kim Seokjin, ele irá cuidar de você, ele mora na Coreia do Sul, ele trabalha na empresa mais famosa de Seoul, vá para lá e procure por ele, certo? A omma vai estar de olho em você daqui de cima.

Não esqueça que te amo, ok?! 

Omma-   "


No mesmo momento comecei a chorar e chamei um Táxi 

Guardei as malas no táxi e fui até o aeroporto


 

            |  JÁ NA CORÉIA    |



Eu havia comprado uma casa perto de uma faculdade e perto da tal empresa do chefão Jeon Jungkook, o tal homem cobissado pelas mulheres

Eu não sabia muito daquela cidade, na verdade eu não sabia nada então decidi ir encontrar com esse Kim Seokjin na empresa do Jeon

Eu me arrumo, coloco uma Calça jeans, uma salto preto, uma blusa Branca e amarro meu cabelo

Vou até essa empresa do Jeon Jungkook que era na frente da minha nova casa


Atravesso a rua e entro na empresa.

 A empresa era magnífica, seria um sonho trabalhar nesse lugar, imagina o Money (dinheiro) que deve ganhar

Vou até a recepção

-Olá, o homem Kim Seokjin trabalha aqui? - digo olhando para a atendente-

xxx- Olá, você tem horário marcado? -Dizia olhando uns papéis que estava na mesa-

- Oh! Não tenho, eu sou amiga dele, quebra essa pra mim vai.. -digo tentando convencer a atendente-

xxx- Me desculpe, mas não posso liberar! - dizia e ela se levanta indo ao banheiro-

Eu pego os papéis e vejo o número da sala de Seokjin e disfarço para ninguém me olhar, e corro para essa sala

Antes de eu entrar, eu dou uma arrumada no meu cabelo, bato na porta e entro, Vejo Seokjin e mais um homem ao seu lado, os dois estavam de costas meio que sentados na mesa, penso que aquele moço do lado de Seokjin deve ser o tão famoso Jeon Jungkook


Seokjin- Olá, me desculpe, não vi o horário passar, qual era seu horário marcado? -dizia virando para frente e olhando os papéis com os horários agendados enquanto o outro homem ao seu lado ficava ainda de costas olhando a vista de braços cruzados-

- Ah, me desculpe, eu sou a Jennie , sou filha da dona **** -Eu me aproximo da mesa aonde eles estavam- Ela morreu de câncer, e ela mandou eu vim lhe procurar.. 

Seokjin faz um sinal para eu voltar depois e o moço que estava do seu lado vira de frente e eu consigo ver seu rosto, seus olhos eram como uma esfera negra, sua pele branca e seus lábios rosados, o mesmo me encara, apenas com uma encarada ele sabe como matar uma mulher

Jeon- Você se mudou quando para cá? - Dizia me encarando com as mãos em seu bolso-

Seokjin me olha com uma cara de tipo 'agora você está completamente fodida'

- Eu me mudei hoje, mas como eu não conheço nada dessa cidade eu vim pedir ajuda ao Seokjin -eu digo e olho para baixo para tentar desviar o meu olhar contra o de Jeon então sinto o olhar de Jeon sobre mim-

Jeon- Hun, interessante - dizia e o mesmo começa a andar ao redor de mim- Seokjin, saia da sala, quero conversar com ela. -dizia num tom frio-


Seokjin vem e sussurra no meu ouvido, "caso ele te ofereça algo, diga que sim, não queira ver ele bravo" suspira fundo e sai da sala


Jeon- Sente-se -ele ordena e eu sento em uma poltrona, e o mesmo senta em minha frente- Então querida, você é formada em quê? -dizia me analisando descretamente-

- Eu estou formada em advocacia - digo cruzando minhas pernas-

Jeon- Oh! Claro - Continua me olhando- Você tem quantos anos?! -Dizia se levantando e vindo para trás da poltrona que eu estava sentada-

- Eu tenho 19 anos, e você? - sinto ele parado atrás de mim-

Jeon- Tenho 22, mas não quero que pergunte nada sobre mim - Ele volta a ficar na minha frente-

-Aigo! Então não pergunte nada sobre mim também! -Quando eu digo isso, sinto ele pegar em meu pulso e me virar de costas para ele me apoiando sobre sua mesa- Oque acha que está fazend.. -ele deposita um tapa forte em minha bunda e massageia a mesma depois-

Jeon- Não ouse falar assim comigo novamente - Eu fico quieta - Eu quero que você vire minha Babygirl - ele sai de trás de mim - Nao conte disso para ninguém! passe na minha sala 1 minuto antes da empressa fechar, ouviu? Não me faça esperar, eu detesto isso! -dizia saindo da sala-

Seokjin- Ele fez algo com você?  - Dizia me olhando-

- Não, não fez nada, ele só me perguntou sobre algumas coisas.. -

Seokjin- Ok, podemos ir então? -Dizia guardando aqueles papéis que estavam em cima da mesa e os coloca em um armário -

- Claro - digo sorrindo-

Eu e Seokjin descemos e eu vejo Jeon de longe e o mesmo também consegue me ver, e Jeon solta um sorriso meio que de lado para mim e eu finjo que não o conheço 

Seokjin- Você quer ir aonde primeiro? -dizia enquanto saíamos da empresa-


- Eu precisava ir no mercado, preciso comprar comida para dentro de casa -Digo indo até na minha casa com Seokjin- Só não repara a bagunça 


Seokjin - Sua casa é uma mansão! Olokoo - dizia sorrindo- 


- Eu só vou pegar minha carteira, ok? - Ele faz um sinal de 'sim' com a cabeça e eu corro para pegar minha carteira, volto com a carteira na mão, saio de casa com Seokjin trancando a casa, e vou ao mercado com ele-


Eu estava comprando algumas coisas para mim comer até que vejo meu ex namorado no mercado, eu não fazia ideia que ele estava aqui na Coréia, Meu ex era o Bambam do Got7, ele me traiu com a Jisoo da BackPink, tenho nojo dos dois!


Seokjin- Ele era seu ex né? - Eu Faço um sinal de "sim" com a cabeça e pago as coisas - Olha, vai ter uma baladinha lá na casa da Lisa as 23:00, bora ir, vai ser massa -

-Claro que eu topo, eu preciso esquecer aquele canalha! -pago tudo e vou indo para casa-


Seokjin- Ihuul!! Vai se arrumar, já é 22:40, eu te espero - 

Eu me arrumo, coloco um shorts jeans, uma blusa preta, um tênis preto, deixo meu cabelo solto e faço uma make bonita e vou junto com Seokjin para a festa

Lá na festa eu reencontro o grupo Got7 e acabo pegando o Mark e o Jackson do grupo, depois disso tudo eu começo a rebolar no palco

Eu não tinha bebido nada e me lembro que Jeon tinha mandado eu ir na empresa dele, olho as horas, era 02:00 horas, eu vou até sua empresa, vejo que não havia ninguém apenas um segurança 

-Licença.. O senhor Jeon está aí ainda?

Segurança- Você é a Jennie?

- Eu mesma! -digo olhando pro segurança gato-

Segurança- Ele está na sala dele lhe esperando, o numero da sala é *** 

Eu entro na empresa e corro pra sua sala

Bato na porta e entro 

-Senhor Jeon? - vejo ele sentado na cadeira de sua mesa, vejo ele brincando com o canudo de seu suco, quando ele me ouve ele para imediatamente com o canudo e olha em seu relógio-

    Jeon vem até mim e me empurra na parede ficando de costas para ele, me preensando na mesma 

Jeon- Eu lhe disse que odeio atrasos! - dizia me preensando mais na parede- Ah adorada Jennie.. oque eu devo fazer com você, hun? - sussurra em minha orelha num tom frio-

- Eu não fiz por mal Jungkook -sinto ele me dando uma palmada muito forte em minha bunda- Ai Jeon!! -digo mordendo meu lábio com força- Isso doeu!

Jeon- Não me chame de Jungkook! É Senhor Jeon ou Daddy!! Ouviu?! -Ele me solta e vai até a sua mesa me entregando um papel- Eu quero que assine isso. 


Ele me entregou um negócio para mim assinar


O papel dizia:


---

 DADDY RULES


1- Se papai oferecer uma situação na qual você não se sinta confortável, deve dizer imediatamente.

2- Quando sair para algum lugar, deve avisar-me com quem e para onde está indo. E caso for demorar muito, mandar mensagens e me informar que está bem.

3- Sempre lembrar de usar "sim daddy" ou "Por favor daddy" ou "sim mestre" durante as brincadeiras. E no dia a dia usar o máximo que conseguir para mostrar respeito e obediência à mim.

4- Me procurar quando não estiver bem psicologicamente. Não tente resolver sozinha!

5- Não deve brincar sozinha com sua parte íntima sem minha permissão, ou caso irá receber punições! 

6- Não deve comer doces de segunda a sexta após às 23:00

Não deve ir dormir de segunda a sexta após às 23:00.

|as excessões serão concedidas por mim|

7- Não deve tomar bebidas alcoólicas sem minha permissão, caso não consiga me dizer informar depois!

8- As punições serão usadas para lhe educar, e mostrar que o que fez não foi correto.

Deve recebe-las sem fazer birra como uma Boa  baby.

9- Dependendo da desobediência, irei dar um aviso e uma bronca primeiro, se o erro persistir, irei aplicar a punição.

10- As punições físicas serão escolhidas por mim de acordo com a situação. São elas: spanking, privação de prazer (Sem poder gozar na transa) ou orgasmo forçado (Ultilizando vibradores em alta potência para causar orgasmo rápido e certa tortura na região íntima)

11- Os castigos mais comuns sem teor sexual também serão escolhidos por mim, e são eles: Ficar sem comer por um tempo estabelecido por mim, não poder se comunicar com ninguém, não poder sair de casa.. etc

12- Não poderá me mandar calar a boca, caso faça isso irá receber punições ou broncas.

13- Pode e deve me contar qualquer desejo que esteja sentindo.

14- Compreender os momentos em que o Daddy precise de carinho e atenção.

15- Eu poderei aplicar regras novas quando quiser, e se reclamar irá receber punições!

16- Você não poderá me tocar, apenas com minha permissão.


Assine: _____________________


---

A folha dizia isso.

Eu fiquei um pouco espantada, mas eu precisava de uma experiência nova então eu assinei.


Jeon- Ótima garota..! -dizia com um sorriso travesso-













Notas Finais


Espero que tenham gostado!!
Até o próximo cap. meus bolinhooos!
Beijão ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...