História Hey Daddy! - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Sehun, Suga, Taehyung
Visualizações 249
Palavras 2.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Leiam as notas finais!❤

Boa leitura!

Capítulo 18 - He's hot


Dois dias se passaram e nesses dois longos dias, eu não conseguia dormir.Tudo por causa do Jeon - Droga. Aquelas malditas palavras não saem da minha cabeça - Moleque atrevido - Embora uma parte de mim tenha gostado desse seu atrevimento okay  na verdade amou esse seu lado.

Hoje,eles sairão do hospital e como a minha mãe e as Ajummas queriam 'comemorar', decidimos fazer uma pequena festinha para recebê-los.Como uma boa garota que sou,me oferecir para ajudar.Ja que a festa seria na minha casa por ser maior.

-Tô ansiosa!!! - Exclamei ao lado do Tae que enchia alguns balões.Jin estava na cozinha e Joonie seria o DJ

O sofá ficou perto sa janela,a mesa de  vidro no centro da sala com petisco, bolo,salgados de pimenta,sucos e refrigerantes. 

-Eu sei mas não precisa arrancar meu braço,sabe? Preciso dele para muitas coisas - Olhei assustada para o Tae, seu braço estava  vermelho de tanto que apertei sem perceber. Mas notei certa malícia em sua frase de duplo sentido 

-Desculpa,Tae-ssi! -Soltei seu braço.Sorrindo amarelo.

-Aish,você é muito fofa princesinha!- Tae resmungou fazendo um bico fofo.-rir baixinho-.Beijei seu bochecha gostosinha

-Opa,opa.Que atrevimento é esse?Huh?- Jiminie apareceu ao nosso lado,o moreno nos encarava sério

-Não entendi,Jiminie!- Sorrir manhosinha.

-Nem vem com essa voz fofinha,dona ___________ - Vish que bicho mordeu ele? Olhei para o Tae que deu de ombros  - Eu vir o Tae-ssi ganhando um beijo!- Fez bico. Ah ciúmes, ta explicado

-Perdeu play boy!- Taehyung me abraçou por trás.Arregalei os olhos, enquanto Jimin nos olhava desacreditado 

-Chega!! -empurrei Taehyung que me olhou surpreso. - Jiminie,não precisa ter ciúmes,sim?- Segurei seu rosto de anjo.

-Hm,tá! Mas também quero um beijinho!- ditou manhoso.Rir alto de seu pedido,o moreno ainda se mantinha sério 

-Tudo bem!- Se eu não desse um beijo logo nesse menino,ele não iria me deixar em paz o dia todo.

-Invejoso!- Tae revirou os olhos.Rir baixinho,me afastando do Jiminie que sorria como se tivesse ganhado na loteria

-Inveja de você?  Nunca nem vi,querido!- Jimin jogou beijo no ar.- Agora vamos logo buscar aqueles embustes - Bati fraco em seu braço, o moreno sorrio brincalhão 

(...)

-Puta que  pariu,Hope!- Bufei - Você quase  quebrou os copos da Dona Kim. - Bati em sua cabeça 

-Aí Hyung!- Resmungou - Foi sem querer - revirou os olhos

-Que seja! - Respirei fundo. Esse era meu papel na história por isso não podia deixar ninguém além de mim quebrar  as coisas né? . Dona Kim me deixou responsável pela casa enquanto iria no mercado com a ajumma MinHee,Ajumma Min e Ajumma Jeon.Hope chegou de viagem há 3 dias e quando soube do que aconteceu ficou quase meia hora chorando - Terminem logo, daqui à pouco eles chegam! - ordenei.Conferindo a lista de preparativos - Quase tudo pronto.

-Woah, Realmente ela é linda!- olhei para Hope que segurava um porta-retrado da dona Kim e a ___________. Realmente ela é linda.

-Minha __________ é uma princesa!- Jin exclamou todo orgulhoso.- Mas cuidado,Seu primo quase matou um por causa dela.- Olhei feio para Jin que deu de ombros.Esse não sabe segurar a língua 

-Credo! Tá amarrado. -Hope sempre dramático 

(...)

Jimin e Taehyung trocaram socos e tapas o caminho todo.Sério, eu não aguento mais esses dois.A idéia de jogar-los do carro me parece ser bem convidativa agora.

Graças ao bom Deus e pai,chegamos no hospital.Meus ouvidos agradecem, Jimin estacionou o carro de qualquer jeito e desceu do mesmo. Taehyung me pegou no colo - ava - Segundo ele,não queria que eu fizesse esforços. 

-Com Licença!- Pigarrei para a enfermeira que conversava no telefone.A mesma me olhou e voltou a rir feito hiena. - Querida? - chamei mais uma vez,segundo ignorada.Calma _________, respira. Olhei para mulher que se contorcia feito louca de tanto rir - Ah não!- exclamei irritada. Puxei o telefone de sua mão e desligando, a mulher me olhava assustada, enquanto eu respirava fundo

-Jeon Jungkook e Min Yoongi!- Jimin segurou o meu ombro receoso,sorrindo falso para mulherzinha que se cagava de medo. Por isso esse mundo tá perdido.

-Estão...Liberados!- Engoliu seco.Não falei nada apenas sair na frente dos idiotas, meu sangue ainda fervia.

Entramos no elevador em silêncio.Ótimo,não estou afim de falar.Respirei umas dez vezes, já não sentia mais a raiva me dominando.O elevador se abriu no andar do quarto dos meninos e foi aonde tudo voltou, as malditas borboletas na barriga

Que droga, porquê se apaixonar é tão... intenso? Não podia simplesmente ser um sentimento? Mas tinha que ser vários?  E confusos? 

-Hello, vadias!- Jimin "abriu" a porta pra não dizer arrombou.Nem percebir que ja estava diante do quarto.Okay,isso foi estranho

-Finalmente, caralho!- Jeon estava deitado em sua cama,com a cabeça sobre os braços.Sua camisa branca marcava seus 'peitos', sua calça jeans rasgada marcando suas coxas grossas e alianhadas que o deixam sexy um sexy simples.- Porquê demoraram,Huh? - Bufou irritado, suas bochechas vermelhas e o cenho franzinho,deixando irresistível.Mas que porra está acontecendo comigo? Desde quando eu penso nessas coisas? E...nele? Dessa maneira

-Trânsito,oras!- Taehyung retrucou se jogando na cama vazia do Yoongi. Pera? Cadê o meu cubinho de açúcar azedo? 

-Deixa de ser chato, Jeon!- Jimin revirou os olhos,enquanto enchia a boca de bolo que sobrou do café da manhã.Suponho que seja dos meninos

-Hm,okay! - Deu de ombros- Agora acordem o Yoongi, não aguento mais ficar aqui!- Cruzou os braços. Olhei para o Tae e o mesmo me olhou confuso.

-Cadê ele?- Tae perguntou tombando a cabeça para o lado

-Dormindo, naquela cadeira!- Apontou para uma espécie de poltrona especial que estava virada para varanda do quarto.Jeon me encarou por segundos, logo desviando seu olhar para Janela. O quê deu nesse garoto agora?

-Yoongi-ssi, acorda,huh? - Tae e Jimin tentavam acordar o branquelo que nem se mexia.

-Eu sei como acordar-lo!- Me aproximei,suspirando pesado.Yoongi me contou uma vez que é sensível em algumas partes do corpo, claro que eu tive que ficar um bom tempo o observando  para descobrir. Não foi fácil mas descobrir e um dos lugares é a orelha.Sentir olhares curiosos sobre mim, e é claro que tinha um especial.

Me abaixei um pouco ficando na altura de seu pescoço.Passei a ponta da língua em sua orelha devagar, Yoonie começou a rir sem parar, pedindo para 'parar'

-Isso é golpe baixo! - Resmungou abrindo os olhinhos.Yoongi virou o rosto dando de cara comigo, sorrir  malvado. 

-Bom dia, Yoonie!- Beijei sua bochecha geladinha.Yoongi arregalou os olhos e virou o rosto cobrindo o mesmo com a mão 

-Bom dia!- Respondeu abafado.Dei de ombros, me virei para os meninos que me encaravam perplexos,com as bochechas coradas.Meu coração bateu rápido, e um sentimento de vergonha se apossou de mim. Sair do quarto mais rápido que o flash

Merda,merda merda.Porquê eu fiz aquilo? eu sou uma verdadeira pervertida.Agora essa sensação estranha não vai me abandonar 

-Ei, princesa! Vamos?- Jimin se aproximou sorrindo de lado.Olhei para o mesmo frustada.Assenti de cabeça baixa.Jeon e Tae caminhavam na frente, rindo de algo no celular do Tae. Yoongi caminhava logo atrás de mim e do Jimin, ele parecia pensativo.Acho melhor  deixá-lo assim por enquanto. -Porquê está com o rosto vermelho? - Jiminie perguntou baixo, me abraçando de lado.Respirei fundo, não queria contar nada para o Jimin.

Mesmo sendo de confiança, Jimin quando se empolga com algo,conta pra Deus e o mundo sobre a tal novidade. E no momento não estou afim de ser a novidade na escola ou em qualquer outro lugar.

-Calor!- Respondi simples.Jimin murmurou hm e voltou a caminhar em silêncio.Uma hora vou precisar contar para alguém sobre os meus sentimentos.

-Já estão indo?- Escutei uma voz rouca.Olhei para o lado, Sehun estava escorado no balcão sorrindo.Seu olhar se encontrou com o meu, sentir toda a intensidade que o lançava. Porquê tenho a sensação de que algo irá acontecer? 

-Sim,vamos dá uma..- Arregalei os olhos, eu não acredito que o Tae vai estragar a festa surpresa.

-Uma volta!- Jimin tampou a boca do Taehyung que o olhou feio. - Quer ir? Vai ser legal, Sehun!- Jimin sorriu amarelo

-Se não for incômodo. - deu de ombros.

-Você  nunca incomodaria, Sehun!- Sorrir. Sehun arregalou um pouco os olhos, talvez eu tenha me empolgado. Ficamos nos encarando por uns segundo até um pigarreio chamar nossas atenções 

- Tudo bem! Eu irei- coçou a nuca constrangido.Olhei para para Yoongi que fazia cara de tédio - Ah,___________ sua perna está melhor? - me olhou preocupado 

-Ah..sim! Estou melhor,Sehun!- sorrir fraco.Olhei de soslaio para Jeon que mordia a bochecha. Eu ein,garoto doido

-Que bom! - me encarou.De novo aquele silêncio entre nós, não queria pensar que talvez mas só  talvez Sehun estivesse nutrindo sentimentos por mim

-Então,vamos né! - Jeon exclamou.Sua voz ficou mais grossa que o normal, agitando meu coração.Céus esse garoto vai me matar um dia

-Tchau, Dr.Sehun!- Jimin e Tae trocaram 'socos' com Sehun que apenas ria.

-Tchau, se cuidem!- Ajeitou os óculos sorrindo.Sorrir para o mesmo e sair do hospital 

Entramos no carro em silêncio.Jimin e Taehyng novamente brigavam para dirigirem,enquanto eu,yoonie e Jeon apenas reviravamos os olhos.

Eu preciso falar com ele logo,antes que eu perca a coragem e cague tudo novamente.Meus sentimentos por esse idiota só aumentou e acho que é  recíproco.

-Lar doce lar!- Taehyung exclamou alegre,saindo do carro como um foguete. Idiota

-Porquê estamos na casa da ________? - Yoongie arqueou a sobrancelha 

-Preciso ir ao banheiro! - Jimin saiu correndo para minha casa.Outro idiota

-Yoongi-ssi, me ajude aqui!- Tae gritou da porta de casa.Yoongi revirou os olhos

-Morra sozinho!- Retrucou fechando os olhos.Esse é o Yoongi meus caros amigos, um doce de pessoa

-Ah, pobre Suga - Taehyung sorrio diabólico.- Não vai querer que eu conte aquele ... - Yoongi praticamente voou no Taehyung que foi arrastado para minha casa pedindo socorro. Gargalhei horrores de sua cara bem feito

O silêncio novamente,tudo que se podia ouvir era as nossas respirações 

-Precismos conversar!!! - Falamos juntos.Olhei surpresa para o mesmo, que arregalou os olhos

-Você primeiro..- Pediu baixinho.Meu coração só faltou sair pela boca,nunca tinha visto esse lado delicado e gentil do Jeon.

-Eu..quero te agradecer por ter me salvado!- olhei em seus olhos. - achei que iria morrer...não antes de dizer que.. - engoli em seco.Falar e relembrar desses momentos é difícil para mim.Céus como é difícil falar isso...minhas mãos estão suando muito,meu coração parece uma escola de samba ...Eu preciso...eu tenho...eu devo...Agora - Eu..te amo!!- fechei os olhos.Meu corpo todo tremia, o medo e o receio dele me deixar ou rir da minha cara...so faz tudo isso piorar

Silêncio 

-Eu faria tudo de novo por você!- Abrir os olhos, seu rosto próximo do meu,seus olhos negros me impedindo de desviar para qualquer ponto.- Eu amo você. - Segurou o meu rosto em suas mãos quentes e macias, deslizando seu polegar em meus lábios, sem tirar os olhos dos meus. - Eu te amo...eu te amo ..te amo - sussurrou repetitivamente, roscando nossos narizes.Fechei os olhos, me deixando cair em seus braços,ansiosa,louca para sentir seus lábios nos meus.Um novo sentimento crescia no meu coração, uma espécie de bolha criada somente nossa.Aquele momento era único, perfeito,somente nosso.

-Oh que cena mais linda! - Puta que pariu eu vou matar um Park hoje.Nos afastamos ofegantes, com as bochechas queimando

Jimin apenas ria da nossa cara e fazia caras maliciosas.Hoje morre alguém.Jeon resmungou algo mas nem dei importância apenas sair do carro para estrangular Jimin 


-Calma princesa, só  vim avisar que tua mãe está te chamando,sim!- Jimin tentava se explicar enquanto desferia tapas em sua braço 

Suspirei fundo mas bem fundo mesmo.Tinha esquecido da festinha surpresa

-Okay,vamos Jeongguk!- Olhei para Jeon que estava estático me encarando,com seus olhinhos brilhantes. -Vamos? - Olhei confusa. Jeon assentiu,sorrindo bobo 

Jimin andava na frente,enquanto eu e o senhor coelho trocávamos olhares e sorrisos bobos.Assim que Jimin abriu a porta tive que me segurar para não  cair com o grito "Seja bem-vindo Jeongguk"

Jeon ainda sem entender nada, olhava para mim e para nossos amigos que jogavam confeites e pulavam em cima do mesmo 

-Cookie,meu filho!- Sra.Jeon se aproximou chorosa,enchendo seu filho de beijos pelo rosto.

-Nosso azedinho,que fofo ele!- Sr. e Sra.Min abraçavam o Yoongi que resmungava para que os mesmo o soltassem 

-Yah,Olha quem chegou de viagem,cookie!- Jin puxou o pobre do garoto,vulgo Hope que dançava animado

-Hoseok?- Jeon exclamou surpreso- Chegou quando?  e porquê não foi me visitar seu vadio?- Jeon o olhou indignado 

-Jeongguk,meu primo querido!- Hope o abraçou - Sobre isso..- coçou a nuca envergonhado 

-Longa história! - Joonie respondeu sério.Tadinho do Hope,gente-ficou com o rosto todo vermelho-.Jeon murmurou um depois quero saber

-Hope,essa aqui é a ____________.Naquele dia não deu para apresentar vocês devidamente - Hope deu de ombros,ignorando totalmente Joonie que o olhou indignado

-Você é mais linda pessoalmente!- Beijou minha mão. Olhei para todos que riam da minha cara

-Com licença - Jeon passou na nossa frente empurrando Hope que mostrou a língua para o primo - Essa aqui é minha!- me puxou pela cintura

-Meu shippe supremo!- Tae e Jimin gritaram.Fazendo coração com as mãos 

-Gente,calma...Jeon está apenas brincando - tentei apagar o fogos dos meninos  que ja faziam ate planos para o nosso casamento

-Estou?- Jeon arqueou a sobrancelha me apertando mais contra seu peito.Ofeguei baixinho, meu corpo ficou tão quente,apenas com esse contato

-Relaxa primo!- Hope bateu no ombro de Jeongguk.- Seremos bons amigos,né  ____________? - piscou divertido.

-Claro,Hope-ah!- Entrei na brincadeira.Jeon bufou me soltando em seguida.Hope e eu trocando um hi five rindo da cara azeda de seu primo

-Hora do rango!- Yoongi gritou animado.Esse aí so come e dorme,nunca vir 

(...)




Notas Finais


Comentem por favor!

Fiquem atentos, tudo indica um possível quarteto amoroso haha

As tretas começam no próximo ep hehe

Gostaria de fazer uma votação. No Hey Daddy ( original )
Sehun não teve um final feliz, então como estou reescrevendo. Decidir fazer essa votação até sexta.

Quem quer que o Sehun tenha um final feliz,comentem " S+ "

Quem quer manter a versão original,comentem "S-"

Entenderam? Simples né hehe

Mais uma vez, estou fazendo divulgação e procurando co-autores.Quem estiver interessado me manda uma mensagem❤ kiss

Fic: Stripe Tise
https://www.spiritfanfiction.com/historia/stripe-tise-12093569

Fic: Twins
https://www.spiritfanfiction.com/historia/t-w-i-n-s-imagine-jungkook-10745111


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...