História Hey! Don't touch in my hybrid! - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V)
Visualizações 107
Palavras 992
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey guys!

Capítulo 27 - Taehyung parte 1


Narrador*

Taehyung não sabia que horas era exatamente quando ele, Jungkook ainda estava dormindo com o rosto internado na curva do pescoço do menor enquando o envolvia com os braços…

Tae se afastou minimamente só para ter o prazer de ver o rosto do mais velho, ele colocou a franja de Jungkook para trás mas a mesma voltou por ser muito lisa. O hibrido sorriu com aquilo, ele gostava de tocar nas madeixas do seu dono… mas a vontade de ir ao banheiro foi maior que a sua preguiça de sair de lá.

Ele decidiu tomar um banho, já que se encontrava no banheiro, tomou um banho longo, se perfumando para quando Jungkook acordasse.

Quando Taehyung estava na frente do espelho ele contemplou cada marquinha que Jungkook deixou no seu corpo, ele não pode evitar o sorriso e a vergonha tomarem conta de se.

O pequeno hibrido optou vestir uma camisa do seu dono, para o hibrido usar as roupas de Jungkook era uma das coisas que mais gostava, ele gostava de passar o dia sentindo o cheiro do seu Dono na roupa, apezar de está de pé primeiro que o mais velho, ele sempre fazia tudo devagar devido a dor na sua entradinha e quadril que sentia.

Para descer as escadas foi complicado, então o hibrido se deu por vencido, sabia que não conseguiria fazer o café da manhã para os dois, ele voltou para o quarto um pouco triste, ele gostaria de fazer algo especial para Jungkook, mas não conseguia descer as escadas sem chiar de dor.

Ele não estava muito incomodado com isso,sabia que se contasse para Jungkook o mesmo ficaria muito alarmado, e provavelmente não faria mas "amor" com o pequeno por medo de o machucar, então Taehyung descidiu se manter calado por enquanto, mas sabia que Jungkook descobriria uma hora, o pequeno não sabia mentir para ele.

Taehyung engatinhou até Jungkook que estava dormindo com um dos braços no rosto enquando o outro estava aberto esperando seu doce hibrido deitar nele. O pequeno afagou o rosto do mais velho deixou um beijinho nos seus lábios, dispertando Jungkook e deixando um sorriso nos seus lábios.

_ Oi..._ Jungkook falou com a sua voz rouca por ter acabado de acordar, Taehyung simplesmente amará aquilo.

_ oi Guikke…_ o mais velho levantou as mãos agarrando a cintura de Taehyung e o puxando para deitar em cima do mesmo.

_ você acordou a muito tempo?

_ sim… TaeTae tomou um banho…

_ já comeu? _ o menor negou com a cabeça._ então vamos comer! Que tal você me ensinar a fazer aquele prato que você fez no domingo passado…

_ estrogonofe?

_ sim… Vamos?

_ tá bom Guikke…

Taehyung estava apreensivo, ele teria que descer as escadas para chegar a cozinha e o menor ainda não sabia como faria isso sem sentir dor. Jungkook afagava os cabelos do menor e olhava para o seu rostinho lindo.

_ Tae, você sente bem? Não está com dor, está?

O menor se encolheu nos braços alheios, será que contar para Jungkook erra certo, o mais velho se culparia pela dor que o menor estava sentindo, apezar da dor Taehyung repitiria o que Conteceu todas as vezes que Jungkook pedisse…

_ Tae? _ Jungkook levantou a sobrancelha, seu pequeno nunca demorava para responder suas perguntas

_ TaeTae não consegue descer as escadas…por..que…er..hu…m…_ Ele se encolhia mais, deixando Jungkook alarmado.

_ o que?! Está doendo tanto assim?! _ ele se levantou, Jungkook se culpava por não ter sido cuidados por ter cedido as suas vontades tão rápido esquecendo de quão frangil seu pequeno era… _ me deixe ver!

Taehyung corou violentamente se levantando e abraçando suas pernas_ Guikke! TaeTae tem vergonha! _ ele escondeu o rosto entre as pernas…

Jungkook tocou de leve no seu braço, ele sabia que podia ser constrangedor, mas precisava saber a situação do seu pequeno _ você quer que eu te leve na clínica?

_ não! Guikke TaeTae tá bem…_ Jungkook se esforçou para acreditar nas palavras do seu hibrido.

_ está bem_ se deu por vencido _ mas se isso continuar eu te levo na clínica… eu vou busca uns analgésico para você…e me desculpa _ ele não conseguiu afastar o sentimento de culpa.

_ a culpa não é do Guikke…TaeTae ainda não teve o primeiro cio, é só por isso…

O menor jogos os braços no pescoço de Jungkook que o puxou para o seu colo, beijando sua bochecha e a mordendo de leve, fazendo o menor rir do seu ato

_ então vamos esquecer a ida para a cozinha, eu vou trazer o seu café da manhã e vou te mimar bem muito hoje _ Taehyung ria do seu dono, o menor achava que Jungkook realmente era muito fofo.

_ mais Guikke já mima o TaeTae.

_ mas hoje vou mimar mais!

Jungkook fez os bons sanduíches de sempre para tomar café da manhã com seu pequeno… depois disso subiu as escadas com todo o café da manhã na bandeja; levando para o seu pequeno que eu esperava na cama pacientemente… apesar da culpa que sentia pela noite anterior o mais velho chegou à conclusão que no momento não poderia se culpar por tudo agora ele teria que cuidar do seu pequeno híbrido que se encontrava pacientemente esperando pela sua presença.

O dia foi assim repleto de carinhos pelo mais velho cuidando sempre do seu pequeno, tendo a certeza que a sua melhor seria rápida e satisfatória, chegou à conclusão que ficar um tempo sem fazer tal ato com um pequeno outra vez… para dar tempo para que o corpo do seu pequeno híbrido estivesse perfeitamente saudável.

Por conta dos remédios que Jungkook deu a Taehyung o menor estava sonolento e manhoso, sempre pedindo atenção e carinho do mais velho, que não recusou os pedidos do seu pequeno.

Quando o menor dormiu no colo de Jungkook que o levou para sala assistir, o mais velho de encontrou afagando os cabelos do hibrido, hora ou outras ele ficava contemplando os inúmeros chupões deixados no pescoço do pequeno…


Fanfic Nova amores: https://www.spiritfanfiction.com/historia/entre-lobos-13049344 

Entre Lobos

Bjs



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...