História Híbrido ( Jimin ) - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin
Tags Imagine Jimin
Visualizações 1.940
Palavras 1.105
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo não viihtado!

Capítulo 19 - História de amor


Fanfic / Fanfiction Híbrido ( Jimin ) - Capítulo 19 - História de amor

S/n ficou com os olhos aregalados, e eu maravilhado, os bebês são lindos, cabelos castanhos claros, os olhos também, e bem branquinhos.

S/n me olhou, e eu olhei pra ela, e sorri, somos uma família, não pensei que essa seria a primeira pergunta deles:

- Papai, por quê vocêx estão assim,uh?! - O pequeno perguntou sobre nossa nudez.

- É-é estávamos indo tomar banho...- S/n falou gaguejando enquanto se cobria, e eu, so fiz rir da quela situação.

- Papai...- O outro me chamou - Qual vai ser meu nome...uh? 

- Taewoo...?- Olhei pra s/n e ela assentiu - E você... Taeyoon! - Falei e o outro abriu um sorriso parecendo ter gostado do nome.

- Mamãe... eu to dorzinha na minha barriguinha... Oque é,hm? Eu to doente..?! - Taewoo perguntou.

- N-não... bom, eu acho que é fome...- S/n falou aperencendo estar pesativa.

- É fome mesmo amor... ouvi a barriga dele roncar...- O pequeno estava perto de mim, por isso foi audível.

- Papai... Oque é amor..? - Taeyoon perguntou.

- É uma palavra, com um grande significado que so falamos pra quem amamos muito. - Falei, e tenho quase certeza que é isso.

- Você ama a mamãe é...? - Taewoo perguntou, esse bebê é extremamente fofo.

- Amo, amo muito...- Olhei pra s/n e a mesma sorriu envergonhada.

- Bebês, nós vamos tomar banho...- S/n falou se levantando levando junto o lençol que nos cobria pra si cobrir, e acabou relavantou minha nudez extrema.

- Papai... Oque é isso grande ai..?! - Taewoo falou com os olhos arregalados e s/n gargalhou do banheiro, bom, oque eu ia falar sobre meu pênis...?

`¤`¤`¤`

Depois de termos tomado banho, eu e s/n damos banho nos bebês, eles são incríveis, estão sempre querendo saber de algo.

- Mamãe porque você passar isso cheiroso em mim...? - Taeyoon perguntou, e s/n sorriu, qual a explicação pra passarmos perfume?

- Passamos isso pra ficar com um cheiro bom...- Ela disse, e sorrir, estava arrumando a roupinha de Taewoo.

- S/N...- chamei.

- Oi..?- Ela parou de pentear os cabelos de Taeyoon pra me olhar. - Oque foi..?

- Esse laço é assim não é...? - Mostrei e ela assentiu, estava certo.

- Mamãe porque o papai fez laço na roupa do yoon...? - O pequeno Taewoo perguntou, e ali percebi que vamos ser o Google, mas não aquela mulher chata que não entende nada do que falamos.

`¤`¤`¤`¤`

Os bebês amaram salgadinho, e como lanche da tarde ele pediram, s/n estava jogada no sofá ocupando quase todo o espaço, e os bebês estavam no canto da sala, onde fiz o cantinho de brincar.

- S/n... vai mais pra lá! - Falei, e ela bufou.

- Jimin vai pro outro!

- Não, eu quero esse!

- E eu com isso...?! - Ela virou as costas, e disse: - Eu estou grávida... nada de me aperiar...- Safada!

- Golpe baixo! - Falei, e me joguei o no outro, ficando o a visão perfeita dos bebês brincando.

'¤'¤'¤'¤'

Me acordei do meu leve cochilo com Taewoo chorando:

- Papai... o yoon pegou meu brinquedo! - Sua voz é irreconhecível. Me levantei, dando de cara com s/n dormindo parencendo um zumbi de boca aberta, mas, passei por ela e fui até o cantinho deles.

- Foi mentira papai... meu brinquedo é esse! - Yoon falou e Woo abriu um berreiro dizendo que ele não estava mentido.

- P-papai... esse é o meu! - Woo disse, Olhei, e tinha dois carrinhos iguais, como ja saber de quem é quem?

Peguei os dois carinhos, e escondi atrás das minhas costas, e os meninos me olharam confuso:

- Fiquem na minha frente...- Falei e eles ficaram.

Mostrei um carrinho em cada mão, um na direção de yoon e outro na de Woo, e os dois falaram:

- Ta vendo, eu disse que esse era o meu! - Gargalhei, os dois carrinhos eram iguais.

Então fui dormir mais um pouco, enquanto eles brincavam.

`¤`¤`¤`¤`

A tarde foi ótima, brincamos e nos conhecemos mais, os bebês não param um segundo se quer, sempre pedem algo, e querem algo, com comida não é direferente.

O jantar, me surpreendi, eles comeram no prato grande, não exagerado, mas também não muito pouco, depois de terem gastado muita energia o melhor era comer.

Ajudei s/n a lavar a louça, e não demoramos muito pra terminamos.

Fiquei olhando os bebês na caminha deles, enquanto ela tomava um banho e ficava bem arrumada pra mim.

Então, ela terminou, e foi minha vez, sinceramente, eu odeio tomar banho quando estou com frio, também, sou um híbrido de gato.

Vesti uma roupa confortável, e fui pro quarto dos bebês onde s/n estava:

- Então... o papai chegou pra contar uma história pra vocês...- Os bebês bateram palpa.

- E-eu não sei...- Falei, e eles fizeram "aah" decepcionados.

- Mas eu posso tentar...- E eles disseram " Aee " felizes.

Me sentei perto de yoon na caminha dele, e s/n perto de woo, minha princesa estava maravilhosamente gostosa, na quele babydol curtinho, " Não pense Jimin, não pense " murmurei pra mim mesmo.

- Conta papai...- Yoon me apresou, enquanto fechava os olhinhos esperando.

- Era uma vez... uma história de um híbrido, sozinho e solitário...- S/n me olhou e sorrir pra ela, essa era minha história, nossa história: - Mas essa solidão um dia passou, quando ele conheceu uma mulher incrível, chamada (s/n)

- Yoon...? - O irmão chamou o outro e parei de contar a história para ouvi-los.

- Oi woo...

- É da mamãe que o papai ta falando...?! - eles estavam conversando como se não ouvissimos nada.

- É... não conheço outra (s/n)... você conhece...woo..?!

- Não... Então o papai ta falando dela! - S/n estava vermelha de tanto prender a gargalhada que queria dar.

- Sim é dessa s/n que estou falando...- Sussurei pra eles, e eles sorriram felizes.

- Então vai ter um final feliz...? - Woo perguntou e s/n me olhou.

- Vai... quando tem uma princesa, sempre tem um final feliz...- Falei, e eles disseram pra me continuar.

- Então... depois que o híbrido conheceu a princesa, ele mudou, ela ajudou ele a conquistar os objetivos que ele queria, e hoje, ele é um grande homem, tem dois filhos... e um que estar por vim, esse híbrido não poderia estar mais feliz, a história é pequena, mas o amor é tão grande que a deixa longa...- Olhei pros pequenos que ja dormiam , e s/n me olhava com os olhos cheios de lágrimas. 

- Não chora...- Sussurei pra ela, e me levantei da cama, com cuidado pra não acorda yoon, e s/n fez o mesmo.

Saímos do quarto em silêncio, mas antes liguei o ar-condicionado para refresca-los, fechei a porta, e atacei os lábios da minha princesa pelo corredor, levando-a pro nosso quarto.

- Agora é a minha vez de te contar uma história...depois de ter te amado muito...- Falei malicioso, e ela sorriu, entendo oque quis dizer.




Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...