1. Spirit Fanfics >
  2. Hidden Kiss I HaseKyan >
  3. Único

História Hidden Kiss I HaseKyan - Capítulo 1


Escrita por: Giovana_Hatake

Capítulo 1 - Único


Koyomi estava na sala junto com suas irmãs mais novas, assistindo algum desenho infantil que ela nem prestava atenção direito, apenas estava lá para cuidar das gêmeas para que não quebrassem alguma coisa, enquanto seus pais e sua avó estavam na cozinha.

Estava completamente entediada, não conseguia prestar atenção nas palavras ditas pela personagem na TV, e não compreendia porquê suas irmãs gostavam daquilo — certo, ela própria já gostou de algum desenho desse tipo quando tinha a idade delas, mas enfim.

Quando ouviu a campainha de sua casa soar, foi se levantar para atender seja lá quem fosse, porém, prestes a se levantar, ouviu o grito de seu irmão anunciando que iria atender, e passos apressados vindo de seu quarto.

- Langaaa! Bem-vindo! Entra, entra, consegui aquelas rodinhas que falei pra' você! - Koyomi ouviu seu irmão receber o amigo, e espiou na fresta da porta para o corredor da entrada, vendo os dois conversaram animadamente, e irem para o quarto do ruivo

A morena ficou com as sobrancelhas franzidas. Desde que o irmão e o azulado viraram amigos, ela tem visto o mesmo bem mais animado do que é — fora a época em que, pelo que soube, eles se afastaram por um tempo, sendo a primeira vez que viu o irmão tão deprimido daquele jeito — e, mesmo no começo achando que era só porquê finalmente havia achado alguém para compartilhar seu amor pelo skate, ela notou que definitivamente não era só por isso.

Já observará como os olhos de seu irmão brilham ao falar do Hasegawa, e ela jurava já ter visto ele corar na presença do maior. E, pelo que podia ver, Langa tinha o mesmo brilho quando estava junto ao seu irmão.

Ela não havia comentado com ninguém sobre sua suspeitas, afinal, era apenas baseado em olhares e não tinha nada para confirmar o que dizia. Mas tinha quase 100% de certeza que Reki e Langa eram apaixonados um pelo outro.

E queria ter alguma forma para poder comprovar isso.

Ela queria ver seu irmão feliz, e ela não o havia visto tão feliz como quando ele se quando esta ou fala com o azulado.

Então, vendo que os dois entraram no quarto de Reki, e a porta havia ficado entre-aberta, deu uma rápida olhada nas gêmeas que estavam prestando total atenção no que era transmitido na TV, e foi, silenciosamente, até perto da porta, e passando a olhar através da frestinha.

Dentro do quarto, Langa observava o ruivo mostrar e explicar para si a rodinha de skate que havia chegado, explicando a funcionalidade dela e outros assuntos sobre.

Mesmo prestando atenção a cada palavra que saía da boca do mesmo, não conseguia deixar de notar o quão lindo os olhos âmbar do mesmo brilhavam ao falar sobre skate e tudo o que envolvia o esporte, como suas bochechas coravam sutilmente quando se animava demais, sobre como sua voz soava quando falava sobre o assunto o fazendo sentir vontade de ouvi-la durante horas sem se enjoar.

Quando estava com Reki, nada parecia importar mais, somente estar com ele já o fazia sentir tão bem apenas por estar ao seu lado.

- E ela também...Langa, você esta prestando atenção? - Reki ao notar o olhar deste, parou a explicação se virando para ele com um olhar preocupado e curioso

- Ah, estou sim - o maior respondeu piscando os olhos, e ajeitando a coluna, ficando com a postura reta (Acho que devia endireitar sua coluna também, ein?), o vendo assentir

- Certo, então... - o ruivo ia começar a conversa novamente, entretanto, viu o azulado se inclinar em sua direção, o dando um beijo na boca, apenas um selinho, mas que o fez corar intensamente pelo ato

De fora do quarto, Koyomi ficou espantada ao presenciar a cena, sentindo todas suas teorias serem confirmadas naquele instante. Sentiu o rosto corar minimamente pela vergonha de presenciar a cena, iria se desculpar por "invadir" a privacidade do irmão quando fosse conversar com ele depois.

Quando o maior se afastou dele, viu seu irmão sorrir, mesmo que envergonhado, perguntando o porquê daquilo do nada — a castanha até estranhou o fato dele não estranhar o ato, a deixando mais curiosa do que antes — e o outro dizer apenas que teve vontade, e se voltar para as revistas na mesinha a sua frente.

O ruivo, entretando, quando ia se virar também, notou a mais nova os espiando pela porta, a fazendo corar ainda mais por ter sido pega, e ele, que o rosto estava voltando para a cor normal, avermelhar novamente, talvez até mais do que antes.

A garota o viu levar, discretamente, o dedo indicador até os lábios em um sinal de "Shh", e concordando com um aceno de cabeça, entendendo que iriam ter uma conversa sobre isso depois.

Voltou silenciosamente até a sala, vendo agora, as gêmeas dormindo no sofá, e a TV agora passando outro desenho aleatório.

Enquanto isso, Reki se voltava para as as revistas sobre skate, que Langa folheava, nem notando que a irmã de Reki — sua, talvez, futura cunhada — e apenas vendo o rosto de Reki corado, enquanto olhava as coisas a sua frente.

- Esta tudo bem? - perguntou o vendo dar um pulo onde estava sentado, pelo susto que tomou

- S-sim! Sim, estou ótimo! - o Kyan respondeu gaguejando um pouco no começo, vendo o outro rir um pouco sobre seu nervosismo

Reki sabia que teria que conversar sobre sua irmã sobre seu "relacionamento" — que não era um relacionamento, mas que talvez um dia viesse a ser — com Hasegawa.

E Koyomi sabia disso, e estava entre ficar feliz pelo seu irmão — e suas teorias estarem certas —, e ficar nervosa sobre o que viria.

Mas talvez fosse até bom, quem sabe também poderia pedir ajuda sobre sua amiga da escola na qual gostava. Quem sabe?


Notas Finais


Hey hey hey!

Caso tiver algum erro, perdão. Eu fiz só uma revisão simples mas posso ter deixado algo passar.

Eu fiz essa one pois eu amo MUITO HaseKyan e Sk8, e porquê to completamente puta pelo episódio final

Pra mim Sk8 acabou no ep 11 e nunca existiu o 12, apenas

Mas espero que tenham gostado!

– Bjs Flws


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...