História High school DXD: O cavalheiro de Prata - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Akame ga Kill!, Berserk, Black Clover, Date a Live, Devil May Cry, Fairy Tail, Fate/Stay Night, Fullmetal Alchemist, Fullmetal Alchemist: Brotherhood, Gate: Jieitai Kanochi nite, Kaku Tatakaeri, High School DxD, Log Horizon, Madan no Ou to Vanadis, Naruto, Seiken Tsukai no World Break, Seraph of the End (Owari no Seraph), Shinmai Maou no Keiyakusha, Sword Art Online, Tales of Demons and Gods, The Asterisk War (Gakusen Toshi Asterisk), The New Gate, The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens 666 (Trihexa), Acnologia, Akeno Himejima, Albion, Anna Heartfilia, Aquarius, Arthur Pendragon, Asia Argento, Azazel, Azuma, Basara Toujou, Boruto Uzumaki, Cao Cao, Dante, Ddraig, Dreyfus, Elaine, Elena Arshavina, Erza Scarlet, Escanor, Evergreen, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Gajeel Redfox, Grayfia Lucifuge, Igneel, Irina Shidou, Issei Hyoudou, Juvia Lockser, Lucy Heartfilia, Minato "Yondaime" Namikaze, Minerva Orland, Mio Naruse, Naruto Uzumaki, Natsu Dragneel, Rias Gremory, Rossweisse, Serafall Leviathan, Sirzechs Lucifer, Vali Lucifer, Xenovia Quarta, Yuki Nonaka, Yuuto Kiba
Tags High School Dxd, Naruto, Novela, Romance
Visualizações 152
Palavras 3.799
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Seinen, Shounen, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Um novo Aluno


Fanfic / Fanfiction High school DXD: O cavalheiro de Prata - Capítulo 2 - Um novo Aluno

O aluno novo

No dia seguinte levanto cedo faço à minha higiene matinal e começo a me arrumar depois de pronto eu vejo a minha roupa no espelho, na verdade eu estou usando algo bem simples uma camisa azul celeste calça jeans preta e uma bota preta junto de uma mochila nas costas.

 

Sai do meu apartamento no horário que há diversos estudantes andando em sentido ao colégio só que nesse percurso várias estudantes femininas ficavam me olhando e cochichando, já os estudantes masculinos estavam liberando uma grande aura de morte para o meu lado.

 

Esse dragão pervertido estava rindo de tudo isso que estava acontecendo comigo, depois de um tempo eu me acostumei com esses olhares.

 

Chegando na frente do colégio eu me assusto pelo tamanho do colégio é a disparidade entre alunos e alunas, sigo andando e continua as meninas cochichando sobre mim.

 

Entro no colégio e pergunto aonde é a sala da direção a uma menina, ela se surpreender e me diz a direção um pouco corada.

 

Olhando aquilo eu dou um sorriso e aceno com a cabeça para ela e sigo andando na direção informada.

 

só que nesse momento passa um grupo de jovens nesse grupo havia:  uma ruiva, uma morena, uma albina, uma loira e dois rapazes um loiro e um com cabelos castanhos.

 

No momento que eles passaram por mim eu senti suas energias, eram demônios!! O que mais me surpreendeu mais foi o jovem de cabelos castanhos eu senti uma energia de dragão era fraca, mas estava lá.

 

Asura diz: então essa era a energia de dragão que sentimos outro dia.

 

Eu escutei o que Asura disse e continuei andando em sentido a direção eu não queria esbarra com esse grupo. Na verdade, eu não quero chamar atenção de ninguém, bem eu tenho meus poderes, mas não quero receber destaque.

 

Chego na sala do diretor e bato na porta e escuto um entra!!

 

Diretor:  bom dia, você é?

 

Arthur Walker eu o respondi.

 

Diretor: Prazer em conhecê-lo senhor Walker

 

Arthur: Prazer em conhecê-lo senhor diretor

 

Diretor pov. on ~

 

Estou conversando com senhor Walker ele diz que quer se matricular na academia, olho os seus dados aqui dizem órfão, país de origem Inglaterra, seu histórico escolar consta o segundo ano finalizado ano passado irá iniciar o terceiro anos aqui pois teve que se transferir por causa de seu guardião legal.

 

Sua documentação está tudo dentro da Norma então senhor Walker é só pagar as taxas de matrícula e o senhor será um aluno da academia Kuoh.

 

Arthur: obrigado senhor diretor.

 

Depois disso ele pega um talão de cheque e assinar colocando o valor das taxas.

 

Eu o aviso sobre os uniformes que são um item obrigatório aqui em Kuoh e depois dou os seus horários de aula.

 

Ele acena e sai da sala.

 

Diretor POV off~

 

Depois que saio da sala do diretor com meus horários sigo para sala de aula.

 

Professor com sua licença eu bato na porta e falo.

 

POV professor on~

 

Bom dia, você deve ser o aluno novo!

 

Ele acena para mim.

 

Por favor se apresenta para turma e fale um pouco sobre você.

 

POV professor off~

 

Prazer conhecer todos me chamo Arthur Walker venho da Inglaterra, não tenho muito o que falar, mas espero me dar bem com todos.

 

Depois que eu me apresentei fui para uma cadeira que estava vaga que fica perto de uma janela.

 

Mais à frente estava uma jovem ruiva de olhos azuis como o oceano me olhado.

 

Fingi que não vi isso e continuei a presta atenção na aula que era de linguagem.

 

Na hora do intervalo eu saio e vou para uma cantina que tem perto do colégio.

 

Eu tinha uma refeição tranquila até que aparecem algumas meninas fazendo um monte de perguntas.

 

Menina1: ei Arthur-san qual é sua comida favorita?

 

Menina 2: qual é seu tipo de garota?

 

Menina3: você tem namorada Arthur-kun?

 

Depois de um monte de perguntas bate o sinal e todos voltam para sala.

 

Quebra de tempo

 

À tarde eu estou saindo do colégio até que sou parado por duas meninas a ruiva e a morena de mais cedo. Fingindo não entender e pergunto o que elas querem comigo.

 

Ruiva: viemos nos apresentar Arthur-san.

 

A morena não tirava os seus olhos roxos de mim.

 

Rias POV on~

 

Eu sou Rias Gremory e essa apontando na direção da Akeno eu disse: minha amiga de infância Akeno Himejima

 

POV rias off~

 

Escutando os seus nomes eu digo: prazer em conhecê-las senhoritas Gremory e Himejima.

 

POV Rias on~

 

Pergunto ao Arthur-san se ele não gostaria de se juntar ao meu clube de ocultismo ele ouvi aquilo e nega com a cabeça eu pergunto o porquê e ele sorrir dizendo que gosta de ser livre e depois sai.

 

POV Rias off~

 

Depois de negar o convite das duas eu vou para o meu apartamento descansar um pouco, hoje foi mais cansativo que os treinos do Asura, falando no diabo…. Opa! no dragão ele ficou o dia inteiro em silêncio isso não é normal ele costuma falar bastante quando encontramos alguma mulher.

 

Ei Asura por que você está tão calado hoje, perguntei a ele.

 

Asura: nada de mais só estou pensando em algo.

 

Ei Asura eu estou com você a 7 anos eu sei quando você está mentindo, mas já que você não quer falar nada irei respeitar isso.

 

Depois vou tomar banho e dormir.

 

Quebra de tempo

 

Se passaram uma semana que virei um estudante normal todos os dias foram iguais, meninas me chamando para sair, os meninos com ódio de mim e Rias e seu grupo vinham direto me convidar para entrar em seu clube.

 

Venho pensando em aceita, pois é chato ficar sozinho vou convidar uns dos meus amigos para vir para cá, todos estão atoa mesmo.

 

Aqui há uma grande soma de demônios errante, venho eliminando eles, mas com cuidado para não chamar atenção dos poderes que estão aqui.

 

 Eu elimino eles para não ficar parados, mas eles são muitos fracos que não dão nem para aquecer.

 

Em uma dessas caçada noturna percebi que os anjos caídos estão muito agitados, isso também vale para o povo da Igreja.

 

O que será que está acontecendo aqui?

 

Espero não está no meio de uma guerra!!!

 

Dragão de Raio

 

No dia seguinte me levanto cedo faço minhas higienes e parto em direção ao colégio depois de uma semana na escola já comecei a me acostumar em ser o alvo de ódio de todos os homens desse colégio, até alguns professores estão putos da vida comigo.

 

Nessa semana uma professora bonitinha deu em cima de mim, claro eu não fiz nada com ela ainda mais os professores não querem nem saber disso. Pelo motivo dela se cobiçada pelos professores acabei virando alvo deles!

 

Eu acho que esse dragão maldito está com um balde de pipoca por perto esperando o show começa.

 

Hoje irei passar no clube da Rias, para falar a verdade não tenho muitos amigos aqui nessa dimensão.

 

O que será que eles estão fazendo agora? Eu estava perdido em meus pensamentos, quando esbarro em uma menina com um capuz branco.

 

Menina de capuz: não olha por onde anda não? Seus olhos são de enfeites?

 

Nossa ela ficou realmente brava por esbarrar em mim.

 

Eu estico a minha mão para ela, só que ela rejeita me dando um tapa na mão.

 

Pra falar a verdade eu não ligo para isso, só tentei ser educado, mas ela não quer então eu vou embora.

 

Menina de capuz POV no~

 

Olhando o garoto sair sem dizer mais nada eu pergunto a uma amiga minha, Irina você sentiu a energia dele? Eu pergunto Irina, ela balançou a cabeça dizendo que não, mas isso é estranho eu tenho certeza que senti algo vindo dele, era conhecida, mas o mesmo tempo desconhecida, não sei o que é.

 

Irina me chama dizendo que temos que ir falar com a herdeira dos Gremory que estuda na Kuoh Academy.

 

Menina de capuz POV off~

 

Depois de esbarra na menina eu vou para minha sala, olho na minha mesa há algumas cartas de amor pego todas e guardo com extremo cuidado, já por trás de cada carta há uma jovem que nutri algum sentimento por mim. Depois das aulas da manhã eu vou em direção ao clube de ocultismo, já havia me decidido que irei entrar no clube é chato ficar sozinho, todos tem seus assuntos particulares para resolver, então não tenho com quem conversar aqui, bem eu converso com algumas meninas, mas não é uma conversa “real”.

 

Asura: tem certeza menino? E se ela quiser que você entre para sua nobreza?

 

Ouvido Asura eu começo a rir, entrar para uma nobreza que coisa mais engraçada, depois de sorriso falo com Asura em um tom sério: você não me conhece! esses 7 anos na fenda dimensional foi para que?

Depois de ouvir a resposta Asura sorrir e diz: parece que você já tem seus planos, não é?

 

Ouvindo a pergunta eu simplesmente dou um sorriso e digo: será? Eu não sei de nada.

 

Eu e Asura começamos a rir.

 

Depois de caminhar alguns minutos chego ao clube. Só que tem algo estranho esse lugar está com uma aura depressiva, mas eu entro mesmo assim.

 

Para minha surpresa a menina que eu esbarrei cedo estava aqui, ela tinha cabelos azuis e carregava uma cruz no peito.

 

Como eu suspeitei o povo da igreja já entrou nessa cidade, estou vendo que vai ser um pé no saco.

 

Menina de capuz POV on~

 

Você o que está fazendo aqui?

 

Perguntei surpresa já que eu esbarrei nele cedo, olhando para cara dele ele não parece estar surpreso com minha pergunta.

 

Menina de capuz POV off~

 

Eu simplesmente balanço a cabeça e digo para Rias.

 

Arthur: Mais tarde eu volto, parece que você está bem ocupada.

 

Rias: você pode ficar, já é um milagre você tomar a iniciativa de vim falar conosco.

 

Eu escutei aquilo peguei uma cadeira e caminhei para um canto e me sento.

 

Povo POV on~

 

Olhando para o jovem no canto quieto com os olhos fechados todos ficaram olhando para ele, se perguntando como ele consegue manter essa calma.

 

Povo POV off~

 

Eu podia sentir todos olhando para mim, eu abro os meus olhos e pergunto se tem algo no meu rosto. Eles viraram a cabeça como se isso não tivesse acontecido, eu não ligo muito e volto a ficar com os olhos fechados.

 

Pelo o que eu escutei há um anjo caído de 10 asas junto com um padre insano é um ex-bispo que roubaram umas espadas sagradas.

 

Essas espadas sagradas são feitas com os pedaços da Excalibur original, que foi quebrada em 7 fragmentos na última guerra.

Parece que a pessoa que irei chamar vai ser a Arturia (saber), já que estamos falando sobre a Excalibur ela e o Gilgamesh são as pessoas ideais para esse assunto.

 

Essa duas querem que Rias e seu pessoal não se metam nesse caso.

Depois dessa conversa o clima na sala fica meio pesado já que a Xenovia começou a ameaçar a Asia.

Xenovia: Para quem já foi considerada Santa agora está no meio de demônios, Asia você ainda acredita em Deus?

Irina: Eu acho que não Xenovia, já que virou demônio!

Asia: eu sempre acreditei em Deus e ainda acredito.

Pensamento do Arthur: isso não está seguindo um rumo bom.

Xenovia: então me deixe te matar com essa espada, se você ainda tem fé Deus te salvará.

Pensamento do Arthur: isso é ruim tenho que impedir isso.

Todos na sala ficaram abismado com a fala da azulada, nesse momento começo a liberar uma sede de sangue, não somos amigos ainda, mas a Asia me parece ser uma boa menina e não merece ficar escutando essa besteira. Só que nesse momento o Kiba a interrompe.

Kiba: vamos para com essa besteira e ir lá para fora!

Xenovia:  quem é você?

Kiba: sou o Senpai de vocês.

O Issei também desafia a Irina, ambos vão lá para fora. Nessa luta eu tenho que presta bastante atenção para poder medir minha força em comparação aos jovens da minha idade.

Eles são muito fracos comparo aos meus amigos e eu, bem o Kiba tem potencial, mas estava desfocado, já o Issei não sei o que falar, a sua sacred gear parece ser de Power up, mas seu corpo é fraco.

 

Bem os dois perderam feio para as meninas da igreja o mais engraçado é que o Issei apanhou de sua companheira, que ainda revelou seu “golpe final” ao inimigo.

 

Vendo toda essa cena eu não consigo para de rir, sem percebe estou rindo muito alto. Digo para acalmar as pessoas que estão olhando para mim de cara feia: é.... me desculpem risos, eu não pude me conter pela forma tão criativa que vocês lutam mais risos.

 

Povo POV on~

 

Todos olhavam para o Arthur com cara de dúvidas, não era nada engraçado um demônio ser cortado por uma espada sagrada.

 

Povo POV off~

 

Issei POV on

 

Eu não suporto esse cara rindo de mim. Ele disse que minha forma de lutar é engraçada? Eu vou acabar com ele.

 

Ddraig: é melhor não se precipitar esse garoto não é normal, ele olhou essas lutas como se fosse nada em seus olhos, e para falar a verdade você não tem uma forma de lutar direita.

 

Eu não quero saber como ele olhou isso vou pelo menos dá um soco nele, e tirar esse sorrisinho da cara dele, eu derrotei o frango frito que dizia ser imortal.

 

Começo a correr na direção de Arthur.

 

Issei POV off

 

Eu vejo o Issei correndo em minha direção, no início achei graça só quando ele estava chegando perto fiquei sério.

 

Pensei reequipar, com uma forte luz de Prata a Armadura surgi no meu corpo, sempre tenho o conselho de Asura em mente nunca subestime um inimigo ainda mais se for um dragão.

 

Depois que todos me viram com armadura de prata, se assustaram, pois, eu estava liberado uma absurda soma de poder mágico, o chão abaixo de mim já tinha rachado eu estava no meio de um buraco de no mínimo 40 centímetros de profundidade.

 

Eu podia ver com o meu Sharingan a boca aberta de todos e o medo na face de Issei.

 

Rias POV on

 

Eu nunca pensei que Arthur fosse tão forte e parece que ele não está usando todo o seu poder, o Issei o tirou do sério, depois que o Issei derrotou o Riser ele está se achando um pouco tenho que conversar sobre isso com ele.

 

Eu pensei que poderia fazer amizade com Arthur, mesmo ele controlando bem seu poder mágico eu ainda podia sentir sua grande força, sua força já deve estar no nível  de demônio de alta classe ou acima disso eu tenho que parar o Issei agora mesmo.

 

Só que antes de eu fazer qualquer coisa começa a trovejar e o céu fica escuro em um dia que era claro agora mesmo, o que será que está acontecendo?

 

Quando olho para o Arthur sorrindo e olhando na direção do Issei tive um mal pressentimento. NÃO ISSEI!!! Mal tive tempo de terminar de falar quando um Dragão de raio caiu do céu bem encima do Issei.

 

Rias POV off

O Maou aparece!!!

 

Quando eu vejo o Issei se aproximando, eu penso em que ataque realizar eu poderia pará-lo congelando, queima-lo ou o poder angelical, mas não posso revelar todos os meus poderes.

 

Então ficou o Raio e o poder demoníaco, o raio eu tenho mais ataca devido ter lembrança da minha vida passada já o poder demoníaco tenho ataques só que são poucos, então eu utilizar um ataque fraco só para dar um aviso nele.

 

Mais quem diria que ele não conseguiu desviar desse simples aviso, eu nem utilize o Sharingan direito para calcular seu movimento.

 

Parece que para mim ter uma boa luta só se for com os Maous atuais ou com eles, eu juro quando eles chegarem vou dar uma surra em cada um.

 

Rias POV no

 

Eu olhei para o Arthur e vejo ele com uma cara neutra como se isso não tivesse nada a ver com ele, viro o meu rosto e vejo o Issei no chão todo queimado por causa do ataque de raio.

 

Eu simplesmente não sei o que fazer, o Issei errou ou tentar atacar o Arthur sem pedir um duelo, mas o Arthur também errou ao atacar o Issei com essa força.

 

Ando na direção do Arthur e pergunto: Por que você atacou ele tão forte?

 

Arthur: O que? Tão forte, risos isso foi apenas um aviso para ele não ficar me provocando.

 

Depois que escuto aquilo eu e todos a minha volta se surpreenderam por esse ataque ser só um “aviso”.

 

Rias POV off

 

Acho que foi um erra eu ter vindo para cá.

 

Asura: menino esse pivete que quis te atacar, você ainda se segurou se fosse eu teria mandado para o inferno na hora risos.

 

Eu tinha esquecido da personalidade do Asura. Depois disso eu vou caminhando em direção ao Issei no chão só que nesse momento surgiu o Kiba na minha frente segurando a sua espada

 

Kiba: você não irá chegar perto do Issei-kun.

 

Ouvindo isso eu simplesmente dou um sorriso e desapareço da frente do Kiba.

 

Eu utilizo o voo do Deus do relâmpago.

 

Kiba POV no

 

Eu encaro o Arthur, parece que ele não me leva a sério pois ele tá dando um sorriso para mim, meio segundo depois ele desaparece. Cadê ele?

 

Kiba POV off

 

Povo POV no

 

Depois que o Arthur desapareceu todos ficaram espantados e com medo se Ele fosse o inimigo real todos estariam mortos agora só pegar pela força que foi aquele ataque de raios.

 

POV povo off

 

Apareço na frente do Issei, e pego uma garrafa no meu espaço dimensional outra magia útil que Asura me ensinou, com isso não preciso carregar peso.

 

Nessa garrafa há um remédio para cura feridas, retiro a tampa da garrafa e desejo em cima dele.

 

Povo POV on

 

Olhando a cena em que Arthur aparece na frente do Issei todos ficaram aflitos pensando que ele iria mata-lo ali mesmo.

 

Só que para surpresa ele retirou uma garrafa do espaço é despejou em cima. Depois disso um monte de luz surgiu em volta do corpo do Issei e sua pele foi voltando ao normal.

 

POV povo off

 

Depois que curei o Issei eu começo a sair dali acho que foi uma má ideia ir para lá, mas não me importa, só que para minha surpresa eu vejo Rias e seu grupo correndo para mim acho que vou ter que lutar com eles.

 

Eu não queria lutar com eles, mas já que eles estão vindo não tenho o que fazer. Pensando assim eu chamo minha sacred gear.

 

Um clarão surgiu revelando a minha espada.

 

POV Rias on

 

Eu queria pedir desculpas ao Arthur pelo comportamento do Issei, só que ele já estava indo embora então eu comecei a correr em sua direção junto a mim minha nobreza também começou a correr percebendo a mim intenção.

 

Só que nesse momento o Arthur olha para todos com um olho Azul pálido parecendo que não tinha vida na sua frente, depois disso surgiu uma luz de prata no meio dela havia uma espada com gemas azuis na hora eu percebi aquilo era sacred gear. Quem é o Arthur? como ele tem uma sacred gear?

 

Rias POV off

 

Eu seguro minha sacred gear na mão e olha para todos só que o aconteceu momento seguinte eu nunca teria imaginado isso.

 

Rias e seu grupo estavam se curvando e pedindo desculpas pelo comportamento do seu parceiro.

 

As desculpas pareciam ser sinceras então aceitei na verdade não esquentei muito com isso, na verdade eu não esquento para quase nada.

 

Eu avisto o Issei se levantando e caminhando na minha direção.

 

Issei: peço desculpas pela minha atitude isso jamais irá se repetir.

 

Eu aceno com a cabeça e me viro para sair, mas a Rias tenta me impedir eu simplesmente uso o voo do Deus do relâmpago e sumo Dalí.

 

Quebra de tempo

 

Fico uma semana sem ir para o colégio e nem sei se continuarei lá.

 

Quando eu volto para o colégio a primeira coisa que acontece são as meninas perguntando o porquê da minha ausência, respondi todas dizendo que peguei um resfriado depois fico o dia inteiro assistindo as aulas.

 

Na hora da saída na porta está Rias e Akeno parecem que estão me esperando.

 

Arthur: Rias o que foi? Falo em um tom neutro.

 

Rias:  eu queria pedir desculpas mais uma vez e pedir que você dessa outra chance para mim e meu clube.

 

Akeno: Ora...ora minha presidente ficou muito triste nessa semana que você não veio e deu um castigo no Issei pelo o que ele fez.

 

Depois disso as duas começam a brigar olhando aquilo até que é engraçado, isso me faz lembrar da Rin e da Moka essas duas viviam brigando quando se conheceram, mas depois de várias situações de vida e morte viraram praticamente irmãs.

 

Arthur: Tudo bem Rias amanhã cedo não tem aula então passarei no seu clube. digo isso a ela, depois ela e Akeno vão embora brigando.

 

Na manhã seguinte como havia prometido a Rias vou ao clube só que para minha surpresa tinha um homem parecido com a Rias e uma mulher de cabelos prateados lá, esses dois tinham uma soma absurda de poder mágico fiquei bastante surpreso.

 

Asura: tome cuidado com esses dois eles são bem fortes, para vencer os dois você terá que ir com tudo sem guardar qualquer carta na manga, a menos que você desperte a outra sacred gear.

 

Escutando aquilo eu entro no clube e vejo Issei de joelhos e com a cabeça no chão. Parece que esse foi seu castigo, olhando aquilo não presto muito atenção e me sento no sofá.

 

Assim que eu me sentei o homem se apresenta dizendo que era o Maou Sirzechs Lúcifer e irmãos mais velho da Rias.

Pensamento do Arthur: Lúcifer em? será quer tem mais quanto tirado o  imperador Branco e o velho Razevim?

 

Sirzechs POV on

 

Esse jovem chamado Arthur que Rias me contou ele parece tranquilo sobre a minha presença é nem se assustou comigo dizendo que era o Atual Maou Lúcifer.

 

Não aguento e pergunto.

 

Sirzechs: Senhor Arthur, lamento ser direto mais o que você é afinal e por que veio para o Japão? Digo isso a ele.

 

Só que ele somente rir e se levanta tirando a camisa mostrando algo que eu fiquei surpreso igual a todos na sala.

 

Foram 16 pares de asas de demônios.

 

Sim ele é um demônio com 16 pares, eu que sou o atual maou somente tenho 12 pares. Quem é ele?

 

Sirzechs POV off


Notas Finais


comente o que acharam!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...