1. Spirit Fanfics >
  2. Historia - A mansão >
  3. Dia de festa part1

História Historia - A mansão - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Dia de festa part1


Fanfic / Fanfiction Historia - A mansão - Capítulo 7 - Dia de festa part1

Bulma


Depois de assistirmos os filmes, ficamos um tempo conversando, até que os meninos recebem uma mensagem no celular, ficamos curiosas em saber quem tinha mandado mensagem. Até que Vegeta quebra o clima e fala qual era o assunto da mensagem.

- Meninas vocês querem ir para festa com nosco?

- Festa? Na onde? E de quem é a festa? - perguntei sem parar

- Acalma Bulma kk. Vai ser na casa da caulifla, e a festa é dela mesmo. - respondeu Vegeta.

Meu Kami-sama, eu odeio essa menina, mais só vou por causa da festa hahaha.

- Que horas vai ser a festa? - perguntou Lazuli

- Vai ser as 22:30 - respondeu-lhe Kuririn

- Que horas são? - perguntei

- São 19:27 - respondeu me Goku

- Gente eu vou subir rapidinho só para ver que roupa eu vou usar - falei me levantando

Fui em direção ao meu quarto para ver qual roupa iria usar, opitei em usar um vestido meio curto muito lindo, um salto e uma bolsinha de alça. Desci para comer uma maçã, pois estava com vontade foi quando ouvi Kuririn falando com alguém ao telefone...

- Acalma amor jajá eu estarei ai....... Sim eu também estou com saudade de você....... Eu também te amo, chegando aí agente sobe para um dos quartos que tal?.... Tá bom, daqui a pouco eu chego aí, tchau. - e ele desligou o celular, e foi quando eu apareci.

- Bulma você estava aí a quanto tempo?

- Acabei de chegar para comer uma maçã, por quê?

- Por nada não - falou coçando a cabeça

- Hum sei - falei como se eu não soubesse da conversa dele com sei lá quem, comecei a rir bobamente, acho que ele percebeu que eu tinha escutado, mas eu não estava nem ligando, fui na fruteira e peguei minha maçã, só que me deu uma vontade de comer maçã com leite moça, peguei um potinho, uma faca e peguei a maçã cortei ela coloquei no pote e depois coloquei o leite moça peguei uma colher e começei a comer ali na cozinha mesmo enquanto eu mexia no celular, fiquei tão distraída que quase perdi a hora para ir me arrumar, foi quando eu levantei e fui em direção ao meu quarto, só que acabei esbarrando muito forte em alguém, quando eu ia ir caindo no chão essa pessoa me segurou pela cintura, e me reerguendo olhei para a pessoa e quase tive um infarto, eu tinha que esbarrar justamente no Vegeta?

- Olha para onde você anda da próxima vez - falou ele de mau humor.

- Aí Vegeta larga a mão de ser chato, eu esbarrei em você sem querer - tô começando a achar que o Vegeta é bipolar só pode, uma hora ele ta de um jeito na outra ele tá de outro. Já conseguiu me irritar. Mas deixei isso de lado por que eu tinha que ir me arrumar, subi para meu quarto e tomei banho, quando terminei meu banho escolhi uma lingerie preta de renda bem linda, coloquei e vesti a minha roupa, fui em frente ao espelho e fiz uma maquiagem forte mais não muito carregada. Desci as escadas e todos já estavam me esperando, percebi que enquanto eu descia as escadas o Vegeta ficava me seguindo com os olhos, fiquei meio sem jeito, sei lá eu fico meio sem jeito perto do Vegeta é bem estranho por que nenhum outro menino nunca me deixou com essa sensação de borboletas no estômago, só o Vegeta me causava essa sensação. Desci as escadas e fomos para a saída em direção ao carro, fomos conversando o caminho todo, chegamos na casa da caulifla e que casarão da porra que ela tem, cacete é maior que a mansão dos meninos, nem precisamos tocar a campainha por que a porta já estava aberta e várias pessoas estavam para o lado de fora da enorme mansão, fomos para dentro para parabenizar caulifla pois hoje é aniversário dela, por mais que eu não quisesse falar com ela os meninos me obrigaram, fomos até ela.

- Oi caulifla feliz aniversário - falamos todos nós e de um em um fomos indo dar um abraço nela, eu lembro que eu começei a odiar ela quando ela deu em cima do Vegeta nós tempos da escola, quando eu amava ele. Depois de de abraçar aquela naja eu fui curtir a festa, fui para o bar que tinha na casa dela tomar bloody mary depois de tomar meu drink, fui para a pista de dança e começei a dançar, eu estava sentindo que tinha alguém me observando percebi que tinha alguns caras me olhando, mais senti que não eram só eles que estavam me olhando, virei para ver quem mais estaria me olhando e percebi que tinha um cara alto e bonito me olhando. Continuei dançando eu não iria parar de dançar por vergonha, até parece que eu iria ligar se ele estava me olhando ou não haha. Foi quando esse mesmo cara foi se aproximando de mim...

- Nossa olhando de longe você é linda mas vendo de perto você é perfeita.

- Quem é você? - perguntei

- Prazer meu nome é Broly.

- Prazer Broly me chamo Bulma.

- Você veio sozinha? - me perguntou

- Não eu vim com os meus amigos, mas acho que eles estão paquerando alguém por aí haha.

- Nossa e deixaram você aqui sozinha? 

- É pra você ver - falei sorrindo

- Se você quiser eu posso te fazer companhia.

- Até que não seria má idéia - então fomos para uma mesinha ali perto e começamos a conversar ele até que era legal. Depois de um tempo conversando nós acabamos nos beijando, afinal eu tô solteira e sou nova, tenho que curtir a vida enquanto posso. Continuamos nos beijando quando fomos interrompidos por alguém, quando me virei para fitar a pessoa, era o Vegeta com uma carranca de cara que tava visível seu ódio naquele momento, não entendi muito do por que ele tava assim.

- Bonito não é senhorita Bulma todo mundo te procurando e vc nos amassos com um estranho. Vamos - Vegeta me pegou pelo braço e me levou para longe de Broly.

- Ué cadê o Kuririn a 18 a Chichi o Goku e o Tarble você falou que tava todo mundo me procurando.

- Na verdade eu sõ queria te tirar de perto do Broly.

- E você conhece ele?

- Sim conheço e ele gosta muito de iludir as meninas.

- Vocês dois não são tão diferentes então.

- Bulma eu só tava tentando te proteger de se magoar de novo.

- Tá bom nesse caso eu te agradeço. - falei sorrindo e dando risada, derrepente ficamos um encarando o outro e pintou um clima e acabamos nos beijando, um beijo desejoso cheio de luxúria, encerramos o beijo por falta de ar, nos encaramos e eu fiquei vermelha.

- Vou procurar as meninas - usei isso de desculpa para me afastar do Vegeta...

Lazuli

Eu estava na barzinho tomando uma caipirinha de morango quando vejo o Kuririn nos amassos com a Mai, será que eles estão namorando? Se sim por que ele tava dando em cima de mim? Meu Kami ele é muito galinha. Continuei olhando por curiosidade e foi quando eles encerraram o beijo e ele olhou na minha direção, meu Kami tomara que ele não perceba que eu estava olhando, foi quando percebi que a menina estava se afastando, me virei em direção ao bar para não ver o que iria acontecer e senti mãos grandes entrelaçando minha cintura, me virei rápido para ver quem era. Era ninguém mais ninguém menos que o Kuririn.

- Kuririn você não acha feio estar namorando e estar dando em cima de mim?

- Eu não estou namorando.

- Mais dando em cima de mim tá né?

- Tsc - deu de ombros e já veio me beijando, eu deixei ele me beijar sei lá eu queria ser beijada por ele. E é quando caulifla aparece

- Bonito Kuririn, você tá namorando com a Mai e fica na pegação com essa loira vagabunda

- Olha você me respeita que eu não sou vagabunda, e eu não sabia que ele estava namorando.

- Nem ligo. Eu vou é contar tudo para a Mai - falou se afastando, Kuririn deu de ombros me olhou e me beijou de novo, eu interrompi o beijo não queria encrenca. Me levantei e fui para a pista de dança.




Continua....




Notas Finais


Bom está aí mais um capítulo espero que gostem beijos😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...