História História do Idate - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Ação, Aventura, Original, Romance
Visualizações 2
Palavras 1.320
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Hentai, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem do capítulo de hoje! Boa leitura a todos!

Capítulo 12 - Recomeço


Meses depois...

Idate estava em cima de uma árvore olhando a lua e as estrelas, era primavera então a noite estava confortável e o céu limpo, do jeito que ele gostava, já faziam meses que eles haviam matado Lúcifer, porém nem tudo na vida são flores...

- Idate! - gritou André no pé da árvore, chamando a sua atenção, e o mesmo desceu da árvore- Tudo bem?

- Sim - falou Idate que tinha um olhar sério,ele já quase não sorria ou rua - E você?

- Tô bem, já terminei de limpar minha área.

- Também já limpei a minha agora só falta...

- Cheguei!! - falou Letícia pulando em cima do André que sorriu e retribuiu o abraço da mesma - Também já limpei a minha.

- Certo, não vou ficar de vela não...- falou Idate olhando para eles e virou de costas saindo andando.

Idate diferente dos outros dois, não consegui ficar controlando sua transformação, ele sempre ficava na sua verdadeira forma, porém conseguia esconder para não chamar atenção.

- Ele sente falta dela não é? - perguntou Letícia olhando para Idate que se afastava.

- Sim, na realidade ele se culpa por ela ter morrido, na cabeça dele se tivesse na sua verdadeira forma ou ter usado o poder máximo da espada dele, poderia ter evitado que a Bruna morresse...- falou André triste pelo amigo - E agora ele evita sofrer pagando de frio e sem sentimentos, porém o ele sofre cada vez mais com isto...

Eles estavam certos,Idate sofria com tudo aquilo, se culpava o tempo inteiro pela morte da Bruna e só piorava quando ele fingia ser frio e seco com seus amigos, mas queria passar a impressão de ser forte e inabalável na frente dos seus amigos.

Após a derrota de Lúcifer, Miguel voltou a aparecer para eles, o mesmo já sabia de tudo que havia acontecido durante a luta e veio os ajudar a recomeçar a vida como " pessoas normais " dentro do possível, todos voltaram para escola mas cada um para uma escola diferente, e a distância entre as escolas era em um raio de 20Km entre elas, por isto a área de segurança era de 20Km.

Mesmo após a morte de seu mestre, os monstros continuavam a nascer e viviam caçando eles, apareceram até novos tipos de demônios, mas nada que eles não acabassem com facilidade.

Idate morava no dormitório da escola, graças a Miguel ele podia ficar com Scarlett no dormitório que eram individuais, então ele passava todo tempo livre ali, graças ao seu treino ele conseguirá despertar um novo poder com Scarlett.

- Scarlett: forma humana - falou Idate fechando a porta do dormitório e se jogando na cama.

- Finalmente! - falou Scarlett ficando na sua forma humana, sua pele era branca, seus olhos eram vermelhos e seu cabelo era escuro - Você demorou hoje...por que não me levou junto?

- Queria ficar um pouco sozinho desculpa...- falou ele olhando para o teto.

- Ei, o que eu falei para você? Chega de se culpar! - falou ela se sentando ao lado dele.

- Eu sei, mas simplesmente não consigo... - disse já com lágrimas nos olhos.

- Calma...- falou ela o dando um abraço em Idate que retribuiu - Pode chorar... põem isto para fora...

Ele só conseguia se abrir com ela, mesmo que não quisesse ela saberia a verdade, então preferia ser sincero pelo menos com ela, e deixar suas emoções extravasarrem com ela, e a mesma o passava conforto e segurança, como sempre fez desde que ele era criança, e o mesmo logo adormeceu.

Algumas horas depois...

Idate acordará com seu despertador as 5:30 da manhã e já estava arrumado para ir para aula, vantagens de ser super rápido era esta, as aulas só começam as 7:30 mas ele gostava de acordar e ser o primeiro a entrar no refeitório, pois naquele horário ainda não tinha ninguém e assim já escapava da encheção de saco, para ele ter que aguentar nas aulas, no intervalo e no almoço era o bastante.

Por incrível que pareça, nesta escola ele era extremamente popular entre as garotas, no dia que ele chegará, por conta de seu cabelo extremamente escuro e seus olhos verdes, muitas garotas se apaixonaram por ele, o mesmo até gostava daquilo, mas até o ponto de elas conversarem com ele, mesmo ele sendo frio com elas não adiantava nada! Pareciam um bando de masoquistas! Mas até aí tudo bem, o pior não era nem isto, todo dia quando ele abri seu armário estava cheio de cartas com juras de amor e alguns até com pedidos de encontro, mas o mesmo ignorava todos elas, não queria mais nenhum relacionamento, ou qualquer coisa com outra pessoa.

Horas mais tarde...

Era hora da aula de educação física! Sua aula favorita, ele adorava aquilo, pois era quando ele se soltava e chegava a sorrir, e podia usar sua velocidade e força para se divertir.

- Hoje a aula será de queimada! - falou o professor.

- Professor, todos contra mim! Por favor - pediu Idate.

- Tem certeza? 

- Absoluta!- falou ele sorrindo.

- Hoje a gente ganha de você! - falou um dos garotos.

- Vamos ver então...

Ele sabia que eles não tinham chance alguma contra ele, porém se divertia com aquilo, ver seus colegas se esforçando em vão para tentar o derrotar e ele sempre ganhava deles.

Outro motivo pelo qual Idate amava a educação física era que, as das garotas era separada, mas grande parte delas não gostava da aula então ficavam na arquibancada, observando eles jogarem, mas pelo menos ele tinha o mínimo de paz.

Minutos depois...

A aula já havia acabado, ele como sempre sem derramar uma única gota de suor, a aula de educação física era a última do dia, então depois dela eles estavam liberados para ir para o dormitório ou fazer aquilo que quiserem, então ele aproveitou o alvoroço da saída e pegou suas coisas, mas como sempre depois da aula de educação física ele  grupinho de garotas o cercava evitando que saisse da sala.

- Idate-san! - falou Jéssica - Aonde vai com tanta pressa? Não vai nem falar com gente? 

- É Idate-san, não vai nem falar tchau para gente...- falou Carol.

- Só um tchauzinho Idate-san...- falou Daniele.

- Tchau - falou ele querendo sair logo.

O que iritava ele não era o fato delas quererem um tchau ou conversar com ele, mas sim o fato de ficar o sercando e sempre pedindo para sair com ele.

- Você leu minha carta? - perguntou Jéssica.

- Claro que não! Ele leu a minha! - falou Daniele.

- Não! A minha! - falou Carol.

- Li a das três e a resposta é não, e agora podem me dar licença - falou ele num tom irritado.

- Por quê? - falaram as três em uníssono.

- Eu não quero sair com nenhuma de vocês, só quero ficar sozinho agora então por favor saiam da frente - falou ele passando por elas quando elas seguraram seu braço - Me soltem agora...

- Não! - falou Jéssica- A gente te solta quando você decidir com quem você vai sair! 

- Sim! - falaram Daniele e Carol ao mesmo tempo.

- Não vou sair com nenhuma de vocês, eu não gosto de vocês e não tenho o mínimo interesse em vocês, principalmente depois desta atitude, se existisse alguma chance agora não existe mais- neste instante elas o soltaram.

- Desculpa...- falaram as três e o mesmo saiu andando.

Ele sabia que no dia seguinte seria a mesma coisa mas pelo menos por hora ele tinha um pouco de paz, então passou na cafeteria e pegou um café junto com um sanduíche e foi direto para o quarto e ficou lá estudando.

No dia seguinte...

A aula já ia começar quando chega o diretor da escola na sala olhando para todos os alunos que já estavam sentados.

- Bom dia alunos, hoje irei lhes apresentar a nova colega de vocês- falou ele e neste instante, uma garota de cabelos brancos e olhos verdes claros entrou na sala- Se apresente para eles.

- Sou Akashiya Moka...- falou ela, neste instante o mundo de Idate despencou....

Continua...




Notas Finais


Espero que tenham gostado! Muitas emoções e quem será está garota misteriosa?! Descubram no próximo capítulo! Fiquem com Rikudou!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...