História História my stalker -imagine taehyung (bts) - Capítulo 60


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 33
Palavras 657
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá princesos como vai ???
É...faz um bom tempo que eu não apareço por aqui neh??
Poisé é uma longa história
.
.
.
Tudo começou nesse ano quando eu fui pro ensino médio,e tive que ir chorando pra outra escola(e quando eu digo chorando eu por dentro por que ,eu não queria preocupar ninguém logo minha família que tem medo de todos os adolescentes pertencidos a ela terem depressão ou se matar ou algo do gênero ) até tudo bem
Certo??
Errado !!!
Eu não queria mudar de escola
A minha estava ótima e não estava a fim de abandonar meus amigos de lá .
Mas ninguém ,nem minha mãe me escutou ,me mandaram pra lá ,pra uma tal "semana de adptação "
Lá é uma escola agroecologica ,sabe que a gente fica 15 dias lá e 15 em casa .
Então.........




Mano eu longe:
da "minha caminha"
Do meu wi-fi que presta
Da minha comida
Da minha família
E pior n já ter mais meus amigos pra
Me alegrarem e me fazerem sentir melhor quando eu estava triste.

Poisé ,oque eu fiz pó n ir pra lá??
Nada
Quer
Dizer
Chorei rios
Atoa por que não adiantou nada
Então tô já no último trimestre e
N mudou nada ,lá é uma escola boa
É
Mas isso não muda o fato de eu sentir falta dos meus amigos .
Por causa de alguns emprevistos alguns deles n estam conversando comigo oque é triste.


Mas então é isso ,sei que n sou muito presente escrevendo ,e que enrolo pra escrever e demoro a postar ,mas dessa vez eu estava com uma "crise existencial" seria tanto que minha avó me levou né um psicólogo ,mas eu estou bem agora .
E eu gostaria de dizer a você,sim ,você que está lendo ,vc é muito importante pra mim saiba disso ok

Agora fique com esse capítulo (um dos últimos)

Capítulo 60 - Capítulo 60 - feito as pazes


Fanfic / Fanfiction História my stalker -imagine taehyung (bts) - Capítulo 60 - Capítulo 60 - feito as pazes

~~~~~P.o.v Taehyung~~~~

Contínuavamos a nos beijar loucamente explorando cada sentimento da boca do outro sem se importar com a chuva forte que caía sobre nossas cabeças ameaçando um breve resfriado.

E quem queria pensar em resfriado??

Nós importavamos em apagar todas as saudades e o vazio em um um simples ato capaz de se livrar de tudo aquilo que não fora aproveitado .

Infelizmente o ar se fez falta novamente ,e tivermos que nos separar do beijo , estávamos encharcados mas o frio não estava presente já que o nosso calor nos aqueceu um ao outro.

- amor é melhor entrarmos se não ,a gente vai acabar pegando uma  gripe ou algo pior . Deduzo começando a sentir o frio percorre meu corpo.

Sim,eu também acho melhor ,mamãe vai ficar preocupada se eu estiver doente.

A olho indignado . A mamãe só se importa com você é ?

A mesma me olhou e começou a rir descontroladamente ,sua risada era tão convidativa que sem ao menos perceber já estava rindo juntamente a ela.

A menor se inclina tentando acabar com a crise de risadas .- aí taetae você é uma caixinha de surpresas . 

Ela diz voltando a rir novamente e sem perceber desiquilibra quase indo ao chão.eu por impulso a seguro pela cintura a puxando com força contra meu corpo.

Ela estava ofegante e seu coração batia com bastante força .

É...melhor sairmos daqui de cima...- dizemos em unissero ,rimos de termos falado ao mesmo momento e nos derigimos a janela onde eu havia passado.

Adentramos o quarto e nós jogamos no chão.

- se você tentar fazer isso de novo você vai ver .-digo com a respiração desenfreada.

A mesma somente suspira e sussurra um tá bom.

-Me levanto sentado e a encaro. -Você acha que estou brincando??

-Por que estaria? - a garota ao meu lado responde ditamente

*Respiro fundo*

-Você não sabe oque seria sem você - digo e a vejo  me encarar oque antes estava a olhar para seus pés enrugados pelo contato com a água da chuva .

-Oque seria então ??

-A mesma me questiona agora olhando  diretamente em meus olhos .

-Sendo completamente Franco?? Nada!! Seria do meu estado anterior só bem pior .

A vejo me olhar assustada ,e sorrio para mesma .

-Não se preocupe não farei nada de Ruin e nem de errado!! ,Pelo menos não enquanto tiver você ao meu lado .-sorrio e faço aegyo fofo e a menor aperta minha bochechas .

-Certo...,temos que trocar de roupas ou pegaremos um resfriado .

Acinto com a cabeça concordando

A mesma sai do quarto na ponta dos pés com seu dedo indicador nos lábios em forma de silêncio.

A mesma sai por uns instantes e depois retorna.-  parece que papai e mamãe saíram . -A recém saída diz coçando o topo da cabeça .

Sorrio de forma maliciosa para a mesma 

- ya,não me olhar dessa forma,ainda não perdoei completamente . - diz a menor tirando as roupas molhadas ficando apenas de roupas íntimas se jogando na cama .

E oque necessáriamenteveu tenho que fazer pra vc né perdoar ??? - pergunto curioso com sua resposta.

-Nada . A mesma me responde ríspida chamando o animal doméstico que antes nem havia notado que estava a nossa companhia.

-É mesmo agora que me lembrei desde de quando você tem um cachorro ?

S/n- Desde que eu me sintia sozinha então pedi um pro papai e ele meu deu . - Diz acariciando o pelo do filhotinho  de cachorrinho de raça puddle .

Essa é boa ,é mimada pelo pai e pela mãe .

-A mesma dá uma risada nasal e volta a acariciar o bichano .

-Qual o nome dele mesmo? - pergunto corioso 

"Babo" (idiota)

-E por que diabos você colocou um nome tão Ruin assim ne um filhotinho tão fofo???

S/n -Sla por que.....ele lembrava  você??

-Você tá brincando comigo s/n...

-Calma tae não briga comigo.- a menor diz se encolhendo 

-É melhor você correr s/n e corre muito

S/n- nãooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!

-,A garota sai correndo pela casa gritando tarde da noite sem nem um gesto meu .

Corre mesmo!!!! . - grito indo atrás da mesma .
















Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...