História História para Gratidão. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 15
Palavras 822
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - 11 de Julho de 2018


 

Começamos aqui em 2012, lendo fanfics de “Vampire Academy” e escrevendo uma fanfic ridícula de Revenge, o que não lembro nada mais do que a certeza de que devo me envergonhar. Então apaguei a conta e migrei para o Nyah! onde escrevi uma fanfic sobre The Mortal Instruments, história em eu e uma amiga éramos Parabatais. Que assim como a nossa amizade não durou, mas ainda está lá — ainda te amo Tahi, que a propósito foi em uma conversa com ela que surgiu Sham Monarchy à 2 anos atrás —.

 Nesse período eu morava em outra cidade, melhores anos da minha vida. Mas durou pouco e os melhores anos acabaram. Eu ia voltar para a cidade onde moro hoje, lugar onde eu sofri bullying, fui perseguida e assediada com 10 anos. 

Eu me afundei assim que retornei. E me afundei ainda mais com a mudança de uma escola referência para uma escola onde tráfico de drogas era quase disciplina escolar. Entrei em depressão. De verdade. Uma tristeza e desanimo de não conseguir sair da cama e forçar vômito toda manhã para parecer doente e ser poupada de sair de casa. Então encontrei refúgio na Magcon e escrevendo uma fanfic sobre Cameron Dallas, um presente para uma amiga que havia ficado na outra cidade. Sim, este momento que retorno ao site e o spirit ajuda a me salvar. Eu consegui me distrair escrevendo. E nos problemas da personagem encontrei respostas para os meus e consegui mudar de escola. A história chamada “Isso não é um final feliz” pode não ter sido feliz a personagem, mas deu para mim. 

Quando tudo começou a se acertar na nova escola e fiz amigos que hoje representam tudo para mim, e então eu larguei o spirit novamente. Voltei no final de 2015-2016 com uma fanfic baseada no álbum Confident da Demi Lovato, novamente com temática de vingança (a gente não supera), enredo podre não vale nem comentar. Apaguei. Motivos? Depressão novamente. Não lembro o que desencadeou a recaída, mas lembro que foi horrível. Voltei a me auto-mutilar e tentei suicídio, acabou só no início de 2017 quando vi que eu não sairia disso sozinha.

Psicólogo por alguns meses então volto para site. Primeira versão de Sham Monarchy, amei. No entanto, eu fiz interativa sem saber como realmente era fazer uma interativa. Fiz errado e reconheci. E o importante: não desisti. Eu busquei saber para tentar ser melhor, fazer melhor. Foi nisso que entrei na tml que até o momento nunca havia prestado atenção. Tive referências e ídolas secretas como a @Theoria. A Raphaela e a Babi em me encantei logo depois, e inspirada por estes nomes (e outros que gostaria de citar, mas o receio permanece. Mas você sabe quem é.) me inspiraram a refazer Sham Monarchy, e eu sou muito grata.

 Postado. Imagine a minha surpresa de ver que minhas ídolas haviam gostado? Quando a Raphaela me chamou no whatsapp eu fiz a plena experiente, mas por dentro eu pedia autógrafos. E a conversa fluiu e rapidamente ela se tornou alguém muito especial para mim (para o terror das ciumentas rs rs ). A Theo apareceu graças à Nicole, e seu grupo de Sailoon Alguma-Coisa que eu nunca assisti, e mesmo assim todos me trataram muito bem. 

Ah... A Nicole @Iracena! Um gênio que me ensinou tantas coisas com sua filosofia. E a Babi com sua paciência angelical e dom salvadora da edição, @BlueOceans a mais gentil do site. 

Ah, não podemos nos esquecer do flop do ano chamado Le Chasseur que trouxe maravilhas à minha vida, como o meu Mel @Alexi-, o ser mais precioso. 

Cada um desses arrobas e outros mais, como a  @jacobinx que em dois dias de amizade me fez sentir a pessoa mais importante e querida do site, a Jojo clube do café da manhã @brkfclub que sempre me chama de Sereia e me ouve nos meus problemas fazendo meu coração disparar, e a Lindirna @lindir que é a mais meiga e me faz rir quando junto com a @theoria, ainda temos a @trouvaille que é a mais amora e inteligente e a @Maze_Star que está a tanto tempo na minha tml e toda vez que ela falam comigo eu amo a conversa e a @blogueirinha, o anjo em pessoa, vocês fazem eu me sentir bem. Simplesmente bem.  Vocês me fazem esquecer da dor aqui na “vida real”. Me encorajam a superar o divórcio dos meus pais e batalhar pela minha própria felicidade. 

Vocês salvam a minha vida, não é um exagero acreditem. 

Hoje é meu aniversario, geralmente eu fico triste nessa data, com medo e assustada. Hoje não começou diferente, mas esses arrobas citados, mas alguns mais que me surpreenderam da melhor forma possível — vocês mesmas @sxpa e @arianatorwalker — transformaram esse dia em gratidão. Gratidão pelo caminho até aqui e gratidão por quem passou nesse caminho comigo. 

Muito obrigado por cada palavra e felicitações. Você realmente me fizeram imensamente feliz!


Notas Finais


Perdoa os erros, as vírgulas fora do lugar e não desistem de mim. To nervouser


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...