História Histórias de Terror - Capítulo 4


Escrita por: e Luarahoseok

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Personagens Personagens Originais
Visualizações 81
Palavras 198
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Mistério, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Canibalismo, Spoilers, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 4 - O edifício mal assombrado


Fanfic / Fanfiction Histórias de Terror - Capítulo 4 - O edifício mal assombrado

"Trabalho em um edifício antigo, construído em 1929 no centro de São Paulo. A sala ficou fechada por pelo menos 20 anos antes de nos mudarmos porque o último dono matou a esposa e também se matou. Nos mudamos pra lá há dois meses e todo dia quase que exatamente 12h08 a campainha toca e nunca tem ninguém. Já olhamos nas câmeras e realmente não é ninguém.

Outro dia eu fiquei sozinho no escritório no final da tarde, apaguei todas as luzes, fechei as janelas e ativei o alarme. Quando me viro pra fechar a porta, a luz da cozinha estava acesa (uma que eu havia acabado de apagar). Outra vez, cheguei de manhã e a luz da sala também apagou sozinha. Escutei até o barulho do interruptor. A gota d'água foi quando vi meu rosto e o de mais alguém atrás de mim refletido na tela do computador. Não tinha ninguém quando me virei.

Resolvi falar sobre essas coisas com a esposa do zelador, que mora no prédio há vários anos. Ela me disse que agora lá está até tranquilo, mas que acontecia muita coisa estranha e que agora ela até consegue pegar o elevador sozinha. Ri de nervoso"


Notas Finais


Gostaram??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...