História Histórias macabras - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 2.114
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Crossover, Drabble, Drama (Tragédia), Droubble, Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Orange, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Seinen, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Slash, Sobrenatural, Steampunk, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 37 - Carta de Traição!


Fanfic / Fanfiction Histórias macabras - Capítulo 37 - Carta de Traição!

Olá, meu nome é Hank Thompson e eu sou o marido da Anny. Bom.. Eu era o marido dela! Mas ela me deixou.. Me abandonou e isso está me matando por dentro, me corroendo. Já fazem 4 meses que aconteceu essa desavença que me deixou abalado, não só eu quanto ao meu filho Jack também. A perda da minha esposa me tirou o chão e me deixou perdido pois eu amava muito ela, e ainda amo. Isso.. Até 2 meses depois que ele se foi.. Porque aí eu tomei uma atitude.. Uma atitude que teria que ser tomada por alguém como eu.. Que fará o que ninguém tem coragem. Alguém que fará a coisa desagradável. A coisa necessária.

A polícia não ia fazer merda nenhuma.. E nem teria o que fazer, afinal, quantos caras ao redor do mundo não tem que lidar com divórcio, separação da mulher, e o pior ainda é quando o motivo é uma traição? Milhares. Então, eu resolvi o problema que ainda me afetava, saber que o amante da minha esposa estava por aí com ela, ainda mais depois do que eu descobri sobre ele.. Eu não deixaria.. E eu não deixei!

Antes de contar a vocês o que estava escrito na carta dela, quero que saiba que a Anny sempre foi uma boa mulher, tanto para mim quanto para o meu filho. Ela sempre nos ajudou em todos os momentos, passamos por todas as dificuldades juntos, sempre superando e passando por cima de qualquer obstáculo. Até mesmo quando fiquei sem emprego por um tempo e as contas começaram a apertar ela nos deixou. Ninguém é perfeito, sei disso, mas não êxito em dizer que ela é uma mulher dos sonhos. Bom.. Foi né! Até que sua mãe Faleceu, e um antigo amor da escola dela apareceu para "ajudar e amparar" como disse ele, o que só tornou a vida dela e a minha um inferno. Aproveitou o momento frágil dela e a induziu a me trair. Se eu não tenho raiva dela? Claro que tenho, e muita, essa maldita também vai pagar por ter nos abandonado, mas em questão a ela não vai ser por mim, e sim, o destino. Enfim.. quando cheguei em casa no dia do ocorrido, encontrei uma carta em cima da minha cama:

OI HANK. ESSA CARTA ESTA SENDO ESCRITA POR MIM MESMA, ANNY! QUERO DEIXAR CLARO QUE EU ME ARREPENDO SIM DE TER TRAÍDO VOCÊ, SE ALGUM DIA EU FOSSE APENAS BEIJAR OU REALMENTE FICAR COM OUTRO CARA EU TERMINARIA, POIS TRAIÇÃO NÃO É ACEITÁVEL. ESPERO QUE ALGUM DIA POSSA ME PERDOAR, MAS SE NÃO, EU TAMBÉM ENTENDEREI. PEÇO TAMBÉM QUE POR FAVOR, NÃO FAÇA NENHUMA BESTEIRA, NÃO COMPLIQUE AINDA MAIS AS COISAS DO QUE ESTÃO, VAMOS DAR UM TEMPO SEM SE VER MAS LOGO IREMOS NOS REVER E RESOLVER EM RELAÇÃO AO JACK! CONTINUE CUIDANDO BEM DELE COMO SEMPRE FEZ, E NÃO VENHA ATRÁS DE MIM E NEM DO COLT! NÃO ESQUECE O QUE SEU MÉDICO TINHA TE FALADO EM RELAÇÃO DA SUA ESQUIZOFRENIA, ELA PODE DIMINUIR, ATÉ PARECER QUE PASSOU, MAS FATORES ESTRESSANTES AO EXTREMO PODE DESENCADEAR ISSO DE NOVO E COM UM GRAU MAIOR ENTÃO TOME CONTA DE VOCÊ TAMBÉM! 

  Quando eu terminei de ler aquilo tenho que confessar que uma lágrima escorreu pelo meu rosto. Eu já sabia sim da traição, mas ler aquilo foi como se eu estivesse sabendo pela primeira vez.. Foi como levar um tiro no peito! Depois de tudo, tantas coisas passadas juntos, ela realmente me deixou por um cara que era seu namoradinho na infância, e que hoje em dia já foi até preso por ter agredido uma mulher na rua sem explicação nenhuma. Não importa o quanto ele diga que possa ter mudado, isso não vai me convencer. E essa filha da.. Mãe, ainda teve a cara de pau de citar sobre minha Esquizofrenia! As vozes estão aumentando, mas estão dizendo verdades, e algo que realmente pode acontecer.


2 meses de pura tristeza e solidão se passaram. Até que depois de fazer algumas análises naquela Carta novamente, eu decidi, e iria ocorrer tudo como o planejado! Eu não iria voltar a ser feliz.. A viver minha vida.. Voltar pro meu emprego enquanto não fizesse! Então como um piscar de olhos, me levantei do chão do meu quarto e fui até o banheiro, lavei o rosto e coloquei um sorriso nele. De felicidade? Muito pelo contrário! Aquele sorriso maléfico.. De vingança.. Como o sorriso de um demônio! Peguei meu Chrysler e passei em algumas lojas para comprar tudo o que eu precisava: Faca de caça, uma corda, um machado, um taco de Baseball, luvas, uma máscara de palhaço e pra terminar o pacote.. Consegui uma arma com um velho amigo! Fui na antiga casa de campo abandonada da minha ex esposa onde cobri por dentro com milhares de sacos plásticos pra evitar a sujeira que seria feita. Estava tudo organizado, o plano só precisava ser executado! Em Dois dias descobri mais sobre a vida desse tal Colt e onde morava. Um valentão metido a marrento, uns 2 metros de altura(Meu tamanho) e tinha 27 anos o desgraçado! Voltei pra casa e fui para o banheiro do quarto de hóspedes. Minha paranóia começava a bater e algo me dizia que seria bom ver tudo o que eu tinha comprado ali para ninguém ver de qualquer forma que seja! Deus que me perdoe, mas eu iria ser o Diabo em pessoa por um período curto de tempo! Passado mais 4 dias, chegou a noite.. A grande noite!

Cheirei um pouco de cocaína antes de sair pra me deixar mais ligado e eufórico. Peguei meu carro e fui para a tal casa dele onde fiquei estacionado por alguns minutos. Era sexta, e depois de subornar alguns amiguinhos dele, descobri que toda sexta 23h ele sai pra ir até um bar da região! Depois de mais ou menos uns 30 minutos, aquela peste saiu de casa. Já estava com minhas luvas, a máscara no rosto e meu taco de baseball no banco do passageiro.. Meus outros brinquedos estavam na casa de campo aguardando o Colt. Ele teria que atravessar uma rua extensa que estava vazia, então andei com o carro e parei em um ponto futuro, deixei o porta malas liberado, uma mão na porta do carro e outra no taco. Quando eu vi que era a hora sai rapidamente e sem deixar ele pensar, acertei ele na cabeça. Isso não fez ele desmaiar, só depois da 2° tacada Hahahaha! 


Coloquei ele rapidamente no Porta Malas e entrei no carro, parti rumo a casa de campo que ficava num local muito escondido, ainda mais agora que está abandonado. Chegamos lá por volta de 02h00 da madrugada. Ele ainda estava inconsciente. Aproveitei para amarrar os braços e as pernas, e com as próprias meias dele usei como mordaça na boca! Levei ele pra dentro e voltei para pegar apenas uma cadeira dobrável onde ficaria sentado até a bela adormecida acordar!

Por volta das 02h35 ele acordou. Notou a situação dele e começou a tentar se debater.. Em vão. Não pude deixar de notar as lágrimas escorrendo pelo seu rosto também, o que foi algo de um enorme prazer ver e sentir de perto, um inútil que gosta de bancar o fodão agora estava passando pelo que meu filho passou.. Internamente! E o que com certeza pessoas com depressão ou que sofrem bullyng passam também! Ainda me lembro bem da nossa conversa:


 

* * * * * * * * * *

 


Eu: Ora.. Ora.. Ora. Vejamos só quem acordou! Pela sua expressão você não está nada bem meu caro, pra que todo esse medo, nesta madrugada eu irei te fazer um grande favor.. Pra você e toda a sociedade! Você​ é um louco e uma ameaça para todas as mulheres.. Principalmente a minha. Eu vou tirar a meia da sua boca, e não adianta gritar porque ninguém vai te ouvir. Se fazer escândalo, coisa que eu não gosto.. Preservo muito o silêncio sabe.. Coloco de novo!


Bill: Por.. Por.. Favor.. O que.. O que eu te fiz cara? Me solta por.. Favor.. Eu juro que não vou contar nada pra polícia e nem pra ninguém. - Uma pausa que foi feita por mais choro. 


Eu: Caro Colt. Sinto que isso não será possível. Você fez uma coisa muita feia e agora vai ter que pagar. - Tirei a máscara. - Sabe quem eu sou né?


Bill: Você.. É o.. Ex marido.. Da Anny! Por favor.. Me perdoa cara, eu não queria tirar ela de você, foi algo que.. Apenas aconteceu! Meu Deus!


Eu: Deus não está aqui nesse momento.. Lamento! Se tiver alguém a mais presente aqui é o Demônio! Bom.. Vamos começar nossos jogos.. Queria ter muito mais tempo, porém, tenho que ir pra casa, irei fazer um belo café da manhã.. Já tenho tudo em mente. Bom, chega de papo!


 

* * * * * * * * * * 

 


Coloquei a meia na boca dele novamente e então comecei a torturar muito ele. Comecei com o taco, bati com todas as forças que eu tinha em todas as regiões do corpo dele, tirando a cabeça, ainda queria ele vivo por mais algum tempo. Passei horas fazendo isso. Eu batia tanto nele que em certas partes começava a sangrar, o que era uma pena, o taco manchava e ele teria que ser jogado fora também! Batia, sentava e assistia ele chorar e se contorcer! Aproveitei um pouco da cocaína que ainda tinha guardado de uns tempos no porta luvas e cheirei. Era uma sensação boa, euforia e felicidade misturada! E ver meu plano dando certo, me apaziguava a alma! As horas voaram naquele dia.. Quando me deparei, O sol  já estava nascendo.

Ele acabou pegando no sono. De início pensei até que tivesse morrido, mas foi apenas impressão! Quando olhei para o relógio eram 07h27 da manhã! Peguei ele e coloquei na cadeira onde eu fiquei sentado por longos minutos, retirei mais uma vez a meia da boca dele e lhe dei uma última oportunidade:


 

QUAIS SÃO SUAS ÚLTIMAS PALAVRAS?

 


E sabe o que aquele imbecil me respondeu?


 

VAI SE FODER VOCÊ E AQUELA SUA ESPOSA VAGABUNDA. VOCÊ NÃO SABE, MAS ONTEM NÓS TRANSAMOS GOSTOSO HAHAHAHAHA!




Peguei minha arma e apontei pra ele, ele me olhou de volta com um olhar e um sorriso satisfatório. Maldito!


Depois de alguns instantes, não me contive e antes de executar ele, com o machado acertei os seus 2 joelhos, ele gritou muito.. Mas muito alto! Me deixou um pouco mais calmo de novo. Peguei a arma de volta e puxei o gatilho fazendo com que a bala entrasse no seu crânio! Guardei a arma e peguei a faca de caça que ainda não tinha sido usada.. Mas seria no Grand Finale. Cortei o peito de Bill na região torácica e arranquei seu coração! Guardei num saco e coloquei no porta luvas junto com a arma.

O taco, a luva, a máscara e todos os sacos foram enterrados ali atrás num canto da mata! Fiquei mais algumas horas, quando eu chegasse em casa não seria mais café da manhã, e sim almoço! Depois de ter feito um enorme buraco joguei tudo ali, o corpo dele também! E enterrei tudo. Outra hora voltaria para plantar algo por cima e esconder ainda melhor! Peguei o carro e fui embora. Antes de chegar em casa, passei em uma oficina e mudei a cor da minha caranga.. E com o mesmo amigo que arranjei a arma, mudei a placa, uma que também constava no sistema e não era ilegal.. Meu segredo ficaria trancado as 7 chaves para sempre. Cheguei em casa 15h20 e já preparei meu almoço, um clássico da culinária Francesa: Confit de canard e o magret de canard! Com um toque especial, um coração Hahahaha!

Essa é minha história. Quer me julgar? Julgue! Cada um tem sua opinião. Apenas sei que não me arrependo de nada, e se eu precisasse fazer tudo isso de novo eu faria. Me sinto melhor, e voltei com força total para o trabalho! Não sofro mais, hoje em dia eu penso da seguinte forma;

Há dois tipos de dor. A dor que te torna mais forte e a dor inútil, a que se reduz a sofrimento. não tenho paciência para inutilidade.

Tô pensando até em começar ser um justiceiro! Para ajudar todos os homens bons que são traídos por suas mulheres. Só os homens tem a fama de ser traidor, ruim e diversas outras coisas, mas as mulheres não são nenhuma Santa. A probabilidade é de que mesmo com o sumiço dele ela ainda não queira voltar pra casa, mas também se ela voltar.. Vai ter uma surpresa aguardando por ela! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...