1. Spirit Fanfics >
  2. Hitman - MiTw >
  3. Capítulo 28 - O começo do caos.

História Hitman - MiTw - Capítulo 28


Escrita por:


Notas do Autor


Ok, ok. Eu voltei. Desculpem a demora meus delícias!

Capítulo 28 - Capítulo 28 - O começo do caos.


Rafael's P. O. V.

Eu — EU TÔ PASSANDO MAL, NÃO CONSIGO RESPIRAR! — Ao ver a cena, me joguei nos braços de Felps que me agarrou, mas não deixou de encarar o acontecimento... 

Passados alguns segundos, todos já estavam em volta olhando o possível casal que acabara de se formar, porém, Bárbara estava se afastando provavelmente indo para seu quarto. 

Felps — Respira meu bem, respira... — Ri passando a mão em meu rosto, me ajudando a ficar de pé... 

Olhando em volta, percebi que Pac e Mike já tinham se separado do beijo e estavam abraçados, enquanto Moonkase, Madson e Guaxinim tinham se jogado no chão. 

Madson — Acho que preciso de um médico, rapidamente. — Respira de forma rápida... 

Mike — Vão matar o Pac de vergonha! — Solta um sorriso, enquanto ajeita seu óculos escuro... 

Conversamos mais um pouco e nos ajeitamos para subir, Felps e eu estávamos um pouco atrás do pessoal. 

Felps — Sinceramente, nunca vi o Mike sorrindo assim, e também não esperava que ele fosse tentar ume relacionamento agora. Mas fico muito feliz por ele estar feliz! — Sorri passando um olhar em mim... 

Eu — Nem notei que ele estava vendo Pac com um olhar diferente, isso é incrível. — Bato palmas empolgado... 

Felps — Nem eu que sou irmão dele sei quando o mesmo se apaixona, só da pra saber quando ele assume. Meu irmão ficou bem fechado depois de tudo... — Suspira... 

Eu — Ei, não precisa ficar preocupado com seu bebezão! — Rio ficando em sua frente, o fazendo parar de andar. — Tenho certeza que agora ele vai melhorar bastante, esse relacionamento vai abrir novas portas e fazer bem pros dois! 

Felps — Tem razão, não tenho motivos para me preocupar tanto. Muito pelo contrário... — Me abraça. — ...tenho que agradecer pelo Linnyker escolher tão bem. 

Eu — Isso mesmo, eu gosto dessa positividade! — Levantei o olhar e selei nossos lábios, os separando rapidamente. — Você pode ter certeza que essas férias farão bem a todos! 

Mikhael's P. O. V. 

×QUEBRA DE TEMPO×

Felps e Cellbit já estavam dormindo, eu comecei a preparar a cama enquanto Pac vestia suas roupas após o banho que acabara de tomar. Eu estava usando uma cueca box preta e bermuda de moletom cinza, sem camisa para aproveitar o friozinho que o ar condicionado nos proporciona. Me deitei e cobri a cintura para baixo, fiquei mexendo no celular até que o sono viesse de vez. 

Pac — M-Mike... — Se aproxima da cama. — Agora nós somos... Tipo... Namorados? — Seu rosto ganhou um tom avermelhado... 

Eu — ... — O encarei e soltei um riso nasal. — Vem aqui, deita comigo... 

Pac — C-Como é? — Me encara... 

Eu — Deite-se comigo, venha! — Sorrio, esperando o menor... 

Com passos lerdos, ele se aproximou da cama e se deitou embaixo das cobertas. Puxei seu corpo para mais próximo ao meu, ele se acostumou ao meu toque e apenas se deixou levar. Dava pra notar que ele não está acostumado com tais gestos, mas até que estava levando bem. 

Eu — Sim, agora somos... Tipo... — Começo a imitá-lo. — Namorados! — Sorrio de canto... 

Pac — Ei! — Da um soquinho em meu braço, fazendo um bico emburrado em seguida. — Eu estou nervoso, ok? 

Eu — Mas não precisa, é uma coisa natural, poxa. Fica calmo! — Passo o braço em volta do seu pescoço, o fazendo deitar em meu peito... 

Pac — Sim, uma coisa natural pela qual eu nunca tinha passado... — Suspira. Ele finalmente relaxa por completo e se aconchegante em meu abraço. — Aconteceu rápido, sabe? Eu não sabia que você iria retribuir meus sentimentos.

Eu — Era perceptível que você tinha sentimentos por mim, também não posso te julgar, eu sou irresistível. — Solto uma risada, o menor revira o olhar. — Falando sério, eu não sou de compartilhar ou demonstrar meus sentimentos assim tão cedo, porém eu estou percebendo que a vida é curta de mais para adiar as coisas. 

Pac — Já eu, sempre deixei tudo para mim, eu sempre tive medo de não ser recíproco. Eu nunca arrisquei, e olha que já pensei na hipótese várias vezes, porém o receio era maior. — Suspira. — Meus colegas, tanto garotos quanto garotas, iam crescendo, amadurecendo e formando suas relações amorosas, e eu... — Solta um sorriso sem graça. — Ajudava meu irmão com seu sistema hacker e aprendia algumas técnicas de enfermagem com minha mãe, depois nem ela eu tinha mais... 

Eu — Ei, não vamos relembrar o passado sombrio que nós tivemos, vamos formar um futuro digno. — Beijo sua testa. — Você quer? Vamos lá, eu sei que quer. Tem algum lugar que gostaria de conhecer? 

Pac — A-Ahn... — Me encara. — Tem, tem sim. Eu gostaria muito de conhecer outros lugares, abrangir meus conhecimentos das cidades... 

Eu — E a gente pode. Eu juro pra você que iremos fazer isso algum dia, eu juro. — O abraço forte, o mesmo retribui... 

Pac — Eu nem acredito que isso tá acontecendo comigo... — Uma lágrima escorre pela sua bochecha. — Eu te amo... 

Eu — Eu também te amo... — Sorrio... 

Madson's P. O. V. 

×NA MANHÃ SEGUINTE×

Estou caminhando pela areia quente e fofa da praia, sentindo os primeiros raios solares espantarem a preguiça que habitava em meu corpo, até a fria e calma água do mar se fazer presente banhando meus pés. Eu estava pensativa. Me levantei cedo e estou aqui a alguns minutos. 

Felps — Deveria ter aproveitado melhor a sua noite de sono. — Olhei para o meu lado direito onde o moreno se fez presente, com seu óculos escuro, sem camisa e bermuda tradicional de praia. Ele encarava a vasta água salgada... 

Eu — Não poderia dizer o mesmo pra você? — Sorrio de canto desviando o olhar do maior para as pequenas ondas que acabaram de se formar... 

Felps — Na verdade, sim, poderia. — Ri. — Mas é meio óbvio que está pensando em algo que você não precisava estar pensando, principalmente nas nossas férias. 

Eu — Infelizmente estou calculando a probabilidade de nossas férias não serem tão boas como todos os anos. — Suspiro. — Moonkase e eu escutamos a Bárbara chorando até o momento em que dormimos, acho que ela não levou a situação bem. 

Felps — Não posso culpá-la, afinal ela não é a principal e muito menos a única. Não estou dizendo que prefiro o Mike do passado, o que ele se tornou depois que a Ketty morreu. Mas ele poderia ter resolvido isso com uma simples conversa, rápida e direta. Impediria que tomasse as proporções que tomou... 

Eu — Pois é. Mas eu queria resolver essa situação sem colocar o Mike nessa, entende? Ele parecia tão feliz ontem depois de ter beijado o Pac, e Cellbit não conseguia conter a "emoção" ao ver as coisas dando certo pro seu irmãozinho. — Abaixo a cabeça, apenas encarando a água que de vez em quando cobria meus pés. — Eu não quero mexer em um lado que já está arrumado para, talvez, piorar tudo.

Felps — Eu entendo perfeitamente, porém não sei se concordo. — Ergo uma sombrancelha, logo o encaro... 

Eu — Como assim? — Ele suspira e vira seu olhar para mim... 

Felps — Quer dizer, eu concordo com seu ponto de vista, porém não acho que você deveria se envolver tanto na história agora... — Se vira para mim. — Antes o Pac estava envolvido, então obviamente todos tínhamos que nos envolver, mas agora é uma coisa que ela precisa superar sozinha, foge do foco da empresa. Tente aproveitar essa férias e dê o tempo que ela precisa pra aceitar o fato de que agora Pac e Mike estão juntos. 

Eu — ... — Solto um longo suspiro. — Você tem razão. — Fecho os olhos e coloco a mão sobre a testa. — Eu estou me envolvendo de mais, até agindo como se vocês fossem meus filhos... 

Felps — Apenas relaxe... — Me puxa para um abraço. — As férias são para todos, você também merece descanço... 

Ficamos um bom tempo por ali, até andamos por regiões mais distantes do mini hotel, sempre falando de algo aleatório. Nossa conversa foi interrompida, Cellbit chegou correndo até nós... 

Cellbit — FELPS, MADSON! — Sua respiração estava ofegante, mas não dava pra identificar se era por cansaço ou nervosismo. — Preciso que venham comigo, rápido! 

Eu já esperava o pior... 

Tarik's P. O. V. 

Eu — Não está quebrado, foi apenas uma grande pancada. — Disse após dar uma boa olhada no braço de garota... 

Moonkase — Tem certeza? — Solta um baixo gemido de dor, Mike continua a segurando para que ela não caia. — É uma dor insuportável... 

Eu — Porque acabou de acontecer, alguns analgésicos vão fazer você se sentir bem melhor. Não faça muitos movimentos, não sei porque seu nariz sangra e se seu sangue ficar quente vai sair muito mais dependendo da causa... — Fui para trás dela, delicadamente passei a mão em seu cabelo procurando o local de onde o sangue saia e escorria por sua nuca... 

Teddy — Como o Cellbit não conseguiu ver os caras pelas câmeras de segurança porque estavam quebradas, Luba e eu vamos tentar achar algumas digitais específicas. — Se aproxima... 

Mike — Vai ser de grande ajuda... — Suspira, Moonkase solta mais um gemido de dor. — Calma Moon, calma... 

Eu — Pequeno corte inofensivo, alguns pontos e pronto... — Começo a fazê-los... 

Madson — O que aconteceu? — Chega rapidamente acompanhada de Felps e Cellbit. — Mara, o que houve com você? 

Moonkase — Cuidado, não encosta muito em mim. Não sabemos tudo o que foi fraturado... — Tosse um pouco... 

Felps — O que aconteceu aqui? — Se aproxima... 

Moonkase — Eu consegui tirar a Barb da cama. Chamei ela pra tomar café aqui em baixo e depois dar uma caminhada na praia, mas do nada uns caras apareceram. Quando pensei ser um momento oportuno eu revidei, porém não foi a melhor ideia, eram uns 6 e bem fortes... 

Mike — Quando eu escutei a bagunça desci o mais rápido possível, porém era tarde, eles já tinham subido numa van e estavam indo embora, encontrei apenas a Moon jogada no chão. — Ajeita o óculos... 

Madson — Mas e a Bárbara, onde ela tá? 

Moonkase — ... — Abaixa a cabeça e suspira. — Eles a levaram... 


Notas Finais


Vocês ainda lêem isso?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...