História Hold My Hand - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7, Mamamoo, Momoland, Wonder Girls
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Daisy, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lee Sunmi, Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Moonbyul, Park Jimin (Jimin), Rosé, Solar, Suho
Tags Chanbaek, Jihope, Jinsoo, Liskook, Markbyul, Markson, Moonsun, Sunkai, Vrose, Yonnie
Visualizações 29
Palavras 1.994
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura sz

Capítulo 15 - 14


Fanfic / Fanfiction Hold My Hand - Capítulo 15 - 14

Taehyung- Eu quero isso...

Rosé - Isso o que?! - falei um pouco assustada-

Taehyung- O seu colar...

A cor de seus olhos mudou para um tom negro, eu estava assustada e mal podia me mexer. Tentei empurrar o garoto mas foi uma tentativa falha, ele era muito mais forte que eu (hava).

Rosé- Taehyung, por favor pare 

Taehyung- Só vou deixar você sair quando me entregar este colar - diz ele enquanto passa uma de suas mãos em meu rosto-

Ele estava possuído, ok muita calma nessa hora, alias é um vampiro metade demônio possuído na sua frente Rosé, ele não ira te ferir sua boba...bom eu acho.

Taehyung- ME DE ELE AGORA!!

Uma aurea negra cresceu em volta dele, sua voz era extremamente rouca e amendontrosa. Eu já estava entrando em pânico, foi quando a porta se abriu revelando Yoongi, ele parecia estar furioso.

Yoongi- MAS O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO IMBECIL?!

Yoongi se aproximou de nós dois e o simplesmente jogou contra a parede, logo me apressei e fui guardar minhas coisas em meu armário, 407. Terminei de guardar e segui para a sala E no andar de cima, eu estava nervosa tanto pelo que ocorreu agora a pouco como minha nova escola, será que eles iram gostar de mim?

Subi correndo as escadas, quase escorregando em um dos degraus. Enfim já estava em frente a minha sala. Tomei um pouco de coragem que me faltava e bati na porta três vezes, logo o professor veio ao meu encontro abrindo a porta e me curvei a ele.

Rosé- Com licença, eu sou a aluna nova

Professor- Oh sim! Pode entrar por favor

Rosé- Obrigada - entro timidamente na sala-

Professor- Por favor se apresente para a turma

Rosé- Olá, meu nome é Park Chaeyoung mas, podem me chamar de Rosé. Tenho 17 anos e me mudei recentemente para Seoul, sou da Nova Zelândia, espero que podemos nos dar bem e obrigada pela atenção -me curvo novamente e vou em direção a uma mesa vazia ao fundo da sala-

O professor continuou a explicar sua matéria, que tudo dava a entender que era filosofia, nem é tão ruim assim. Peguei meu caderno e fiz algumas anotações e copiei tudo o que ele passava na lousa.

- Quebra de Tempo- - Intervalo -

O sinal havia tocado e então os alunos são finalmente liberados para o intervalo, eu estava retirando meu dinheiro da bolsa quando uma  garota de cabelos platinados veio até mim.

MoonByul- Olá, prazer em conhece-la Rosé - Ela disse enquanto estendia sua mão para mim, a cumprimentei com um aperto de mão enquanto curava minha cabeça- Eu me chamo MoonByul

Rosé- Igualmente MoonByul

Volto a retirar o resto do dinheiro da minha bolsa

MoonByul- Você planeja passar o resto do intervalo sozinha ou almoçar com alguém?

Rosé- Não, por enquanto você é a unica que eu conversei até agora -dito aquilo pois não vi nenhum dos meninos até agora, nem as meninas-

MoonByul- Hm, que tal passarmos o intervalo juntas? - Pergunta ela abrindo um grande sorriso-

Rosé- Por mim tudo bem - Sorri para ela de volta- 

MoonByul- Vamos, te levarei ao refeitório - Diz ela puxando meu braço-

Caminhamos por alguns corredores do segundo ao primeiro andar e abrimos uma porta que levava ao refeitório, onde havia muitos alunos almoçando e conversando.

MoonByul- O que você vai querer? 

Rosé- Ainda não sei, acho que apenas pegarei um sanduíche e um suco de laranja 

MoonByul- Só?! - Pergunta ela desacreditada- 

Rosé- Sim - Rio de sua expressão e assinto com a cabeça-

MoonByul- Vou pegar um macarrão coreano com uma "pequena" quantidade de carnes, eu odeio legumes -Diz ela fazendo careta- Eu como demais

Rosé- Você é bem magra para alguém que diz que come muito - olho para ela de cima abaixo-

MoonByul- Eu gasto muita energia! Faço academia

Depois de alguns minutos pegamos nossa comida e nos sentamos em uma mesa vazia. Estavamos comendo quando 3 garotas vieram até nós, duas delas eu já conhecia Jisoo e Daisy já a outra não a conheço.

Percebi que MoonByul fuzilava ao ver as garotas se aproximando

Solar- Olá, você a aluna nova né? - Perguntou ela sorrindo para mim-

Rosé- Sim - falo friamente enquanto analisava ela, elas pareciam ser as populares do colégio-

Solar- Meu nome é Solar e o seu?

Rosé- Rosé

Solar- É um nome bem bonito

Rosé- Obrigada

Solar- Essas são Jisoo e Daisy, minhas amigas.

As duas me fuzilaram com os olhos

Solar- Você é bem bonita sabia? Alguns garotos estavam comentando sobre você, e como eles disseram que você era extremamente bonita, então resolvi vir conferir com meus próprios olhos para ver se era realmente verdade

Rosé- E-eu não sabia - disse uma pouco envergonhada-

Solar- Mas quero que você fiquei ciente, querida - Ela apoiou uma de suas mãos em uma cadeira vazia ao meu lado e sorriu-

Rosé- Diga

Solar - Você pode até ser "bonitinha", mas nunca chegará aos meus pés, então não se meta no meu caminho flor, pos aqui ninguém irá ser melhor que eu e minhas amigas,  ok? - ela riu debochada para mim

Rosé- Olha sem querer ser grossa mas me desculpe, isso não me importa se você é bonita ou a mais popular do colégio, eu não ligo para essas idiotices tá? Só estudou aqui para fazer a minha obrigação, estudar. Não estou aqui para competir com uma palhaça que nem você, me poupe vai tira esse 1kg de maquiagem do rosto e depois vem falar comigo, tá querida? - falou de formar clara e calma para a mesma que me olhava pasma, acho que ninguém nunca a afrontou- Agora se me der licença tchau, alias não dirija mais nenhuma sequer palavra a mim - me levanto e me curvo pego meu lanche e caminho até para fora do refeitório, e MoonByul me seguia-

MoonByul- Olha você A-R-R-A-S-O-U, ela mereceu - dizia ela rindo da situação-

Rosé- Olha sinceramente, ela é patética por achar que pode sair por ai ameaçando os outros do nada sem ao menos conhecer a pessoa - suspiro- Ela até que poderia ser mais madura e educada né? - tomo meu suco de laranja e olho para MoonByul que ainda ria da situação-

MoonByul- Gostei de você! Você é muito afrontosa só falta um pouco mais de deboche, "querida" - ela ria e fazia aspas, lembrei do meu argumento utilizado quando respondi Solar- Seremos otimas amigas

Rosé- É o que eu espero - sorrio de forma divertida para ela-

- Quebra de Tempo- -Ultima aula-

Depois do intervalo apenas voltamos para a sala e estudamos mais um pouco, o sinal tocou novamente e todos começaram a guardar seus materiais para irem embora.

Me despedi de MoonByul e fui para meu armário pegar alguns livros que eu de fato precisaria para fazer meu dever de casa, peguei alguns cadernos e quando puxei meu livro de filosofia derrubei algo no chão.

Olhei para os lados na esperança de encontrar alguém ali que talvez teria colocado aquele objeto, mas não havia ninguém no corredor. Me abaixei para pegar o objeto, era um colar e bem bonito por sinal.

Termino de pegar minhas coisas, fecho o armário e sigo para a saida do colégio, coloco o colar e sigo pelos enormes corredores. Ouço um barulho vindo de uma sala, como sou curiosa fui verificar né. Olhei pelo pequeno vidrinho quando me assustei com o que tinha lá dentro. Eu queria estar apenas sonhando naquele momento, mas tudo indica que eu estava acordada, BEM ACORDADA POR SINAL.

Rosé- UMA BRUXA? -Sussurro para que ela não me ouça, mas a tentativa foi bem falha não é mesmo?!Aquela coisa horrivel tinha uma ótima audição!-

Não pensei duas vezes e sai correndo, antes viva do que morta eu hein, olhei para trás e vi aquela mulher horrivel vir em minha direção ela era cada vez mais rápida. Corri ao máximo e me joguei contra a porta da biblioteca, ela se abriu e eu entrei. Eu estava desesperada, logo puxei uma mesma e a coloquei contra a porta  e quebrei uma vassoura ao meio, tomare que isso segure  a porta né!.

Corro para os fundos a biblioteca e subo uma pequena escadinha e me escondo em uma salinha, arrastei com um pouco de dificuldade um dos armários que tinha lá e coloquei contra a porta.

Ouvi um estrondo grande e com certeza aquela bruxa conseguiu arrombar a porta e entrar. Ela estava cada vez se aproximando, eu podia escutar o barulho de seus saltos baterem contra o chão.

Me agachei no chão e agarrei meus braços, senti munhas lágrimas escorrerem pelo meu rosto. Tapei minha boca com uma de minhas mãos para qu eu não fizesse nenhum barulho . Depois de alguns minutos o silêncio tomou conta daquele lugar.

Será que ela foi embora?

Me levantei devagar do chão e empurrei o armário para longe da porta, olhei pelo vidro e não avistei aquela criatura, destranquei a porta fazendo um pequeno barulho.

Juro aquele barulho poderia mudar a minha vida, maldito barulho viu. E se ela escutou?!

Sai da pequena sala avistando a porta da biblioteca completamente destruida e caida no chão e ao lado estava um das mesas amassadas. Logo escutei um risada atrás de mim, engoli seco e senti meu coração quase saltar pela boca.

Respirei fundo e fechei meus olhos

É só um sonho Rosé, você logo vai acordar e ver que tudo isso é apenas um pesadelo...

Me virei lentamente e abri meus olhos me deparando com aquela criatura em minha frente, ela rio tão alto com que fez que as janelas se quebrassem.

Rosé- Ok, ISSO NÃO É UM SONHO!!

A bruxa levantou seu braço e uma aurea negra tomou conta de sua mão, quando ela estava preste a me golpear  uma  luz azul explodiu nos arremessando para cantos opostos da sala. A bruxa voou tão longe que simplesmente ultrapassou pela parede. Olhei para o colar que não para de brilhar, tentei tirar de meu pescoço e acabei me queimando com ele.

Rosé- COMO É QUE É?! 

Logo vi a bruxa se levantar com certa dificuldade, então corri o mais rápido que pude e no caminho peguei minha mochila que se encontrava caida no corredor que eu havia encontrado com aquela criatura. Fio correndo para casa, cheguei lá e fechei todas as trancas possiveis que tinha naquela casa, olha eu sei que eu moro com seres sobrenaturais mas sempre é bom se prevenir né?!

Subi para meu quarto e tranquei a porta e joguei minha bolsa em qualquer canto do quarto, me joguei em minha cama quase desmaiando.

Rosé- Ok...mas que merda foi aquela?! -Minha respiração estava ofegante, eu ainda estava assustada-

Jennie- Posso saber onde a senhorita estava?

Disse Jennie saindo de trás das cortinas

Rosé- AI MEU DEUS DO CÉU JENNIE NÃO ME MATA - olho assustada para ela-

Jennie- Credo, até parece que viu um fantasma - ela riu de minha cara-

Será que devo contar que quase fui morta por uma bruxa?!

Rosé- Eu estava fugindo de uma bruxa

Jennie- Para de idiotice, a unica bruxa aqui sou eu - ela ainda ria de mim-

Rosé- Jennie eu estou falando sério - ela parou de rir ao perceber que eu estava falando sério-

Jennie- Ok, você estava fugindo de uma bruxa?

Rosé- CLARO! Eu estava saindo da escola quando encontrei esse colar em meu armário - digo e aponto para o mesmo que estava em meu pescoço- Mas dai do nada aparece uma criatura horrivel em minha frente, aquela bruxa feia!

Jennie- Bom pelo menos eu sou uma bruxa bonita - ela rio de nervoso-

Rosé- Mas esse treco meio que "explodiu" uma luz azul e a bruxa saiu voando

Jennie- Merda ela está chegando!

Jennie sem dizer nada saiu correndo do quarto, ela era tão rapido que nem conseguia a enxergar direito. Isso que dá ser amiga de uma vampira!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...