História Homecoming - Homem-Aranha - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Homem-Aranha, Tom Holland
Personagens Adrian Toomes (Abutre), May Parker, Peter Parker (Homem-Aranha)
Tags Amor, Homem Aranha, Romance, Spiderman, Tom Holland
Visualizações 384
Palavras 780
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


oi meu amores, essa é minha primeira experiência com fanfics
então desculpa se não estiver muito boa kk
eu quis fazer uma relacionada à um dos meus filmes favoritos e ator preferido, Tom Holland
espero que gostem, bjs <3

Capítulo 1 - That boy...


Fanfic / Fanfiction Homecoming - Homem-Aranha - Capítulo 1 - That boy...

 Me levanto do sofá e vou até a cozinha preparar uma pipoca, para assistir séries. É o único jeito de não ficar no tédio nesse prédio que não tem ninguém da minha idade.

- Já disse, filho! Nós só nos mudamos porquê tenho uma amiga aqui, e é mais perto do trabalho. Entende? – escutei uma moça falando no corredor do prédio.

- Ok mãe, pelo menos consegui ficar na mesma escola. Se não ia ter que fazer novas amizades e eu não sou muito bom com isso. – disse um garoto que tinha acabado de fechar a porta.

 Será que é dessa mulher que minha mãe diz ser amiga? Bom, só ignorei e peguei a pipoca. Fiquei a tarde toda assistindo série no tédio.

- É isso? A menina está apaixonada por ele e o otário fica com a outra? – gritei irritada me referindo à série.

- Falando com a TV,  Nattie? – perguntou Daisy abrindo a porta junto com Ivy, minha irmã.

- Mãe, eu não estou falando sozinha, só não estou entendendo essa série!

- E eu não estou entendendo você que até agora não arrumou suas coisas para amanhã. – disse minha mãe e sem mesmo ela mandar eu captei a mensagem.

 Ela tinha razão, amanhã era o primeiro dia de aula e eu não tinha preparado nada. Fui até o meu quarto e fiz o que tinha que fazer.

Eu estava entediada e não queria mesmo ficar na sala ouvindo Ivy falando do seu namoradinho, então liguei o computador e fiquei jogando CS a noite toda.

                              [...] 

- Acorda, acorda Nattie! Está atrasada! – gritou minha mãe me sacudindo.

- Que horas são? – perguntei ainda sonolenta.

- São 6:44, mas se você for rápida ainda dá tempo de ir pra escola.

 Naquele momento pensei em desinstalar o jogo, estava mesmo viciada. Fui ao banheiro, escovei os dentes, amarrei o cabelo, botei uma blusa do Pink Floyd e calcei um tênis da Adidas.

- Tchau mãe! – mandei beijos no ar e ela retribuiu.

 No caminho senti frio e lembrei que tinha esquecido o casaco.

 Um estranho que estava fazendo o mesmo caminho que eu se aproximou, ele parecia legal.

- Está com frio? – assenti – Toma meu casaco.

- Ah, obrigada! Mas, e você?

- Não tem problema.  – sorriu – Você não é novata, né? Nunca vi você na escola antes.

- Não, não sou. Eu comecei a estudar aqui no final do ano passado – respondi subindo as escadas da escola.

- Essa escola é grande e cheia de pessoas, por isso que nunca nos vimos. – fez uma careta – Meu nome é Ned, e o seu?

- Natalie, mas pode me chamar de Nattie. – dei um sorriso.

 Um garoto do fundo do corredor chamou Ned.

- Ok, Nattie eu preciso ir agora. Meu amigo está me chamando.

- Beleza. – sorri e do nada Michelle sobe nas minhas costas.

- Hey, Nattie! Se assustou? – disse rindo.

- Imagina, MJ... Só quase tive um infarto, só. – ela riu.

 Ela era minha melhor amiga, conheci ela quando eu era novata. Ela era a Michelle, mas quase todo mundo chamava ela de MJ.

- Quem era aquele garoto que chamou o Ned? – perguntei entrando na sala junto com ela.

- Você não conhece? É o Peter. – nos sentamos no fundo da sala.

- Nunca vi os dois nessa escola, parece até que são novatos.

- É porquê eles são nerds, quase não falam com as pessoas, e só sabem olhar pra uma menina muito bonita daqui da escola. – MJ me explicou.

- Entendi.

 A aula foi extremamente chata e entediante, é normal no primeiro dia de aula. Os novatos se apresentam e o professora pergunta como foi o verão de todos.

Felizmente a aula tinha acabado e fomos pegar nosso lanche, eu estava morta de fome. Me sentei com MJ, e na mesa ao lado lá estavam os nerds olhando para Liz.

- Agora eu sei quem é a menina bonita. – eu disse enquanto os dois olhavam para ela com um olhar nem um pouco discreto.

- Ah, eles estão aqui? Nem percebi, é por isso que quase ninguém conhece os dois. – ela riu.

- Eles não são muito populares, né? Por que não vão falar com ela?

- O Peter gosta dela. – mas é claro que gosta, até eu achei ela muito linda.

- Ei, perdedores! Sabem que não tem chance com ela, não é?! – MJ gritou e eles ficaram bravos e saíram dali.

 Rimos bastante.

                              [...]

Cheguei em casa e minha mãe disse que ia me levar na casa de uma amiga. Essa é minha hora de saber se é aquela mulher que estava gritando ontem de tarde, e de saber quem era aquele garoto.


Notas Finais


espero que tenham gostado, nos vemos no próximo capítulo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...