História Homem de pura... Idiotice? (o-make) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias One Piece
Tags Chapeus De Palha, Idiotice, O-make, Retardos Mentais
Visualizações 54
Palavras 864
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, é apenas uma idiotice que eu tô escrevendo sem motivo algum... Apenas para colocar alguma profundidade a mais na minha fanfic principal, já que a maioria das aventuras no mar não é contada :v
... se alguém tiver saco de ler, espero que gostem

Capítulo 1 - O capitão quer se divertir; Roronoa Zoro, o perdido! (1 - 4)


Fanfic / Fanfiction Homem de pura... Idiotice? (o-make) - Capítulo 1 - O capitão quer se divertir; Roronoa Zoro, o perdido! (1 - 4)

Primeiro ato; Os pesadelos do espadachim

O mar era vasto, do jeito que todos sabem. Ilhas em quantidades enormes espalhadas geograficamente congruentes… Mas, ser vasto em comparação a um barco de tamanho médio e com poucos ventos pode garantir uma das piores coisas conhecidas pela humanidade como um todo; o tédio.

O silêncio no barco da ovelha era grande—não silêncio total, apenas os dos tripulantes—o espadachim roncava contra o mastro, dormindo calmamente; navegadora verificava as ondas marítimas e correntes de ar contra as velas, garantindo que não saíssem das rotas; narigudo atirador mexia em suas armas, limpando-as e criando munições a partir de pólvora e aço; rosada irritada estava sentada no ninho do corvo, prevenindo o bando de ataques surpresas.

… E o capitão? Bem, ele era um caso aparte. Deitado contra o chão, sua face era extremamente tediosa… Quanto tempo eles têm estado no mar direto? Cinco dias, uma semana? Nem sabia… Só sabia que era um tédio da moléstia!

Decidiu por encarar o céu… Mas o céu era chato! As gaivotas eram chatas, o azul marcante era chato, as nuvens são chatas pra cara—quase ia me esquecendo que essa história é rotulada em livre… Ah, que tédio!

…!! Todavia, um sorriso nasceu em seus lábios, criando uma brincadeira infantil em sua cabeça. Eles são cinco, certo? Zoro, Bonney, Nami, Usopp e ele… E ele tinha cinco giros completos ainda! Ou seja; caso brincasse com cada um dos companheiros com quatro de seus giros, ele se desgastaria o suficiente para dormir por um dia inteiro! Tempo esse que a alaranjada disse que era o restante do caminho até a próxima ilha!

Perfeito!… Por quem começaria, então?… Hum… O espadachim esverdeado parece uma boa pedida. Sorrindo maliciosamente, o mesmo se aproximou no pezinho do homem dorminhoco, tendo todo o cuidado do mundo para não acordá-lo.

Luffy – Lucky ho… – sussurrou para si mesmo, já bem próximo do espadachim… Com o processo em seus olhos, seu sorriso sapeca só aumentou mais ainda. – Jackpot… Vamos ver o que se passa nos sonhos de Roronoa Zoro! – terminou de falar para si mesmo, colocando as mãos em formato de argolas em seus olhos…!! Um brilho arroxeado contornou o formato de argolas, dando a deixa perfeita para Luffy conseguir colocar suas mãos entre os cabelos do mesmo, assim conseguindo ver o sonho do homem que dormia.

A única coisa estranha que o do chapéu de palha não percebeu é o fato do mesmo entrar nos pesadelos do seu companheiro de cabelos verdes, e não em seus sonhos.

Então, um lugar completamente negro apareceu, assim que abriu seus olhos dentro da mente do homem—nada se via, apenas escuridão aparente…!! Até o momento que um grito desesperador ecoou pelos lados desconhecidos, chamando a atenção dos olhos do menino do chapéu de palha.

…!! Uma luz acendeu em meio a escuridão, revelando algo extremamente surpreendente… Ou o que pensou, enquanto uma gota confusa descia de sua cabeça. Lá, na luz, estava uma construção semelhante a um labirinto… Porém, um labirinto para crianças de 5 anos, já que era um corredor com duas entradas de cada lado, e uma porta no final escrito saída… Mas não é isso o surpreende; e sim o fato do homem de cabelos verdes suando ofegante, olhando incrédulo para a porta com a placa de saída.

Zoro – POR QUÊ?!… POR QUE VOCÊ ESTÁ BEM NA MINHA FRENTE… QUE MERDA!! – gritou a todos os pulmões, começando a correr desesperadamente para a porta…!! Quê?!… Como… Por quê? As questões surgiam como queda d’águas na cabeça do chapéu de palha, após presenciar uma fatídica cena… Antes de chegar na porta de saída, o esverdeado entrou na segunda porta à esquerda?!… Que tipo de demência era aquela—porém, de tão fácil que o labirinto era, as portas laterais se conectavam; ou seja, se ele entrou na 2° à esquerda, ele saiu na 1° à esquerda… Mas ele parecia tão confuso… Confuso ao ponto de olhar freneticamente para todos os lados, prendendo seus olhos novamente na porta com a escrita de saída. – FIQUE AÍ, NÃO SE MOVA DESGRAÇADA!! – gritou para a porta, apontando mortífero para ela…! E, novamente, se pôs a pés, correndo em direção a porta…!! E VIRANDO NA PRIMEIRA PORTA DA DIREITA!!

… Com um olhar atônito, o mesmo desvincula sua mente das visões que eram os pesadelos do espadachim de seu grupo. Já fora no mundo real, com o calor do Sol batendo em suas costas e corpo físico, o menino ficou lá, encarando severamente o esverdeado com ranho no nariz, dormindo profundamente.

…!! Até sua raiva explodir repentinamente, com o mesmo chutando a bunda do espadachim para fora do barco—tanto, que ele foi para fora do barco dormindo, nem ao menos acordando com o chute. Essa ação chamou a atenção de todos os outros tripulantes, assim como um grito eclodiu acusticamente do esverdeado confuso e molhado.

Luffy – E NÃO VOLTE NUNCA MAIS, SUA ALGA DO MAR PERDIDA!! – gritou em alta incredulidade agarrado à cerca do navio—no fim de tudo, os tripulantes resgataram o esverdeado confuso e ensopado, do qual acertou um profundo soco no capitão idiota, do qual desmaiou por algumas horas.

continua


Notas Finais


Curiosidade: Vocês sabiam que o nome do Zoro para os gringos é ''Zolo'', isso vem deles terem a noção dos japoneses de ter dificuldade de diferenciar o R e o L, o erro é atribuir isso a tudo, como o nome do Zorão :v

fanfic principal: https://www.spiritfanfiction.com/historia/homem-de-pura-sorte-13379350


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...