História Homofobia. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Monsta X
Personagens I'M, Ki Hyun
Tags Changki, Changkyun, Kihyun, Monsta X
Visualizações 36
Palavras 220
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


opa, ontem foi o meu aniversário e eu estou muito feliz.
daqui a alguns dias é o aniversário do amor da minha vida todinha.

boa leitura!

isso ta uma merda, ja aviso.

xoxo

Capítulo 1 - Capítulo Único.


Changkyun POV's


Ah Kihyun... Mais um ano sem você. Mais um ano sem seus toques, sem sua voz, sem a sua presença. 

Kihyun, eu sinto muito a sua falta. 

Dormir sem ter você na cama, é horrível. Acordar e não ter a sua bela voz me dando bom dia, é horrível. Sair na rua sem ter a sua mão para segurar, é horrível. Querer te abraçar mas não ter você comigo, é horrível. 

Hoje faz dois anos que você se foi. 

Você se foi em um dia muito bom, certo? Você foi no dia Internacional Contra a Homofobia. 

Um dia que a algumas pessoas se juntam para fingir que são todas contra a homofobia, mas no dia seguinte, eles fingem que a homofobia não existe. Fingem que não vêem pessoas homossexuais apanhando na rua. Fingem que não sabem que pessoas sofrem em casa. Fingem que não ouvem os xingamentos que nós homossexuais levavamos.

As vezes eu tento entender o problema que os homofobicos tem com a gente... 

Para mim, não deveria existir isso de: Você é gay, então você é doente. 

Porra, homossexualismo não é doença. 


Eu acho que algumas pessoas preferem ver dois caras segurando armas, ao invés de ver dois caras segurando as mãos. 

Isso é ridículo. 


Kihyun, eu te amo demais. 

Sempre te amei.

Sempre te amarei. 


Com amor, 

Changkyun


Notas Finais


isso realmente nao faz o menor sentido

eu apenas quis escrever algo assim

desculpa se ficou horrível.

ate

xoxo

~al


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...