História Hospice - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 190
Palavras 582
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiee, meu nome é Anairam Moreira e tenho 13 anos, estou começando a escrever no Spirit agora porém já tenho uma estória no wattpad ( The Mermaids | Shawn Mendes ). Desejo uma boa leitura a vocês mas antes algumas coisinhas:

* Plágio é crime ta monamour?

* A fanfic é completamente de minha autoria.

* Não envolve NADA sobrenatural como na série "Teen Wolf".

* Os primeiros caps vocês podem achar chatinhos mas não desistam de mim pvr.

* Será revisada e poderá ter erros ortográficos ou gramaticais, pode comentar o erro para eu corrigir depois, ajudará bastante.

* Deixando claro que nem sempre vou concordar com muitas cenas e frases dos personagens, é só uma ESTÓRIA. Fictícia com talvez algumas fatos que realmente acontecem ( infelizmente ) na realidade como mutilação, estupro, etc.

* A fanfic é +18 então a responsabilidade é toda sua se for de menor e querer ler.

Beijinhos e aproveitem ❤💍

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Hospice - Capítulo 1 - Capítulo 1

— TIRA LOGO ISSO HOLLAND! — Ele me segurava sobre o peito, tentando tirar minha blusa enquanto eu tentava sair.

— ME SOLTA BRYAN! — Quando consigo sair de perto dele ele me puxa pelo braço novamente, que me fez sentir uma dor como se ele acabasse de ser quebrado. Então, ali fiquei, naquela posição enquanto ele se aproveitava. Doía, e doía muito, fiquei paralisada, sem saber para onde ir, para quem pedir ajuda, era somente eu ali, e eu estava sozinha.

Acordei no dia seguinte com dores por todos os músculos do meu corpo e com uma dor de cabeça insuportável, olhei para o lado e não vi ninguém. Peguei minha blusa que estava jogada no chão e a coloquei, indo até o espelho.

— Você é uma ridícula Holland Roden. — Falei ao me olhar no espelho, com marcas roxas em todas as partes do meu corpo. Peguei minha bolsa e sai do apartamento para ir ao meu trabalho na cafeteria. Abro a porta e logo vejo Aaliyah que sorri para mim ao me ver.

— Meu Deus Holl! — Ela diz, tocando as partes roxas que eu nem me dei o trabalho de esconder — O que aconteceu com o seu corpo? O que são essas marcas horríveis?

— Eu cai da escada ontem Liyah.

— Nossa... Que desastrada você heim? — Ela sorriu e pega o celular que apitava alguma notificação — Camila Cabello atualizou o status de  relacionamento...

— Ela não tava com aquele carinha lá? — Perguntei mas Aaliyah dá de ombros como um "sei lá" e eu faço o mesmo indo até o caixa.

— Ela está com o Bryan, Holland! —  Eu me viro para ela e engulo seco, tomando o celular da mão da mesma sem acreditar, olho para ela e ela fica encarando a porta, me viro na mesma direção e lá vinha, Bryan e Camila de mãos dadas caminhando até mim com o maior sorriso debochado do mundo na cara.

— Oi Holland, só queria dizer que está tudo acabado entre nós... Mas é claro, o que acaba é o namoro, os segredos permanecem, certo? — Liyah cruza os braços olhando para mim e eu fico o  encarando tremendo e suando frio em cada parte do meu corpo que olhava pros olhos esverdeados de Bryan me lembrando das cenas da noite passada, então balanço a cabeça positivamente — Ótimo Holl. — Ele sorriu e saiu sentando numa das cadeiras daquela miserável lanchonete de centro.

— Que porra de segredo Holland? Você não me ama mais né? Não me conta mais nada. — Forcei um sorriso e reviro os olhos.

— É segredo. Mas é óbvio que eu te amo Liyah, para de drama. — Ela se finge de ofendida e sai, pego minhas coisas e digo que estou me sentindo mal ao meu chefe e ele me deixa ir embora.

Chego em casa e procuro uma caixinha de lâminas no Guarda-roupa do meu pai. Acho e tiro uma indo correndo me trancar no banheiro, fico me encarando no espelho, sentindo tudo e pensando no nada.

— O que tem de errado com você? Todos te odeiam e o que você faz? Se machuca? — Sinto lágrimas descendo no meu rosto e me sento no chão encostando-me na parede, passo a lâmina, cortando meu braço direito. Escuto uma batida na porta e fico sem saber o que fazer, tento enxugar minhas lágrimas e parar o sangue, mas nada resolvia... E a porta se abre.


Notas Finais


Tadinha da nossa Holl. Cenas mais fortes virão ainda então preparem o core... Bryan é um escroto sim ou claro? Deixe seu voto se estiver gostando e seu comentário, ajuda bastante. Desculpe-me se não tiver gostado, prometo que virá caps melhores, é so o começo. ❤🔥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...