História Hot as hell(JJK) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, CrystaL Clear (CLC), DIA (Do It Amazing)
Personagens Chae Yeon, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Lisa, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Seunghee
Tags Bangtan Boys (BTS), Desejo, Inferno, Jungkook, Lucifer, Magia, Sobrenatural, Violencia
Visualizações 14
Palavras 2.393
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Bônus parte um


(S/n) On

-Não da!-Falei farta,mais uma vez,uma garota veio se jogar para cima de Jungkook,mesmo que eu já estava noiva dele a quase um ano-Tá cancelado!-Falei alto tirando a aliança.

-(S/n),por favor,me escuta,eu não quis ela,se você quiser,eu posso matar ela,na sua frente!-Ele pede vindo atrás de mim,eu entrei dentro do nosso quarto,sentindo um leve cheiro que me faz odiar a noite passada.Fui até o guarda-roupa tirando minhas roupas e jogando todas numa mala que eu fiz aparecer.

Desde que eu vim para o inferno e virei noiva de Lúcifer,parece que eu tenho poderes,que maravilha!

-(S/n)!Por favor,me escuta!-Jungkook pede de novo entrando no seu quarto,que de nosso só tem lembranças.

-Jungkook,eu sou sua noiva a mais de um ano,acho que ela já deveria saber que você é comprometido,ao menos que você tenha me dados os famosos chifres!-Zombei fechando a mala e tirando aquele vestido,que deveria ser para comemorar o meu aniversário,que ótimo presente,não?

-(S/n),eu não te trai!Quantas vezes eu vou ter que falar?-Ele pergunta me vendo trocar de roupa e tenta se aproximar.

-Até ser verdade!Enquanto não,eu vou voltar pra Terra!-Falei firme arrancando o colar que ele me deu e jogando no chão pisando em cima dele enquanto eu saia do quarto.

-(S/n)!-Ele me chama e eu fui até a sala do trono vendo a baranga.

-Ele é todo seu,brinquedo usado,tem que ser doado!-Falei abrindo o portal,e quando ela ia me responder eu passei pelo portal parando na frente da minha casa,olhei em volta e tudo estava normal,nem parecia que eu tinha ido ao inferno a quase dois anos.

-Bom dia!-Um senhor fala e eu respondo ele.

-Com licença!-O chamei o fazendo se virar-Que dia é hoje?

-Ah,Hoje é 19/12/2019!-Ele fala me fazendo arregalar os olhos,eu só passei alguns dias fora,o calendário da Terra é diferente da do inferno.

Ele foi embora me fazendo bufar,eu passei apenas alguns dias fora,com certeza ninguém sentiu a minha falta.Eu entrei em casa vendo que estava do mesmo jeito que eu deixei,olhei para o jarro de vidro estilhaçado pelo chão.

-É,eu vou ficar bem,ele só foi um cara.Existem vários por aí!-Falei olhando para a minha mão e fui para o meu quarto,deixei minha mala lá e botei um short confortável tirando a camisa ficando apenas de sutiã e short.

Eu queria saber o que me deu na cabeça quando aceitei ser a amada de Jungkook,como eu pude amar o próprio Lúcifer?

Soltei meu cabelo o bagunçando e desci as escadas indo para a sala,me sentei jogando a cabeça para trás bufei e liguei a TV botando na série Lúcifer vendo que tinha uma nova temporada,botei e me acomodei assistindo.

-Boa Decker!-Falei olhando para a loura na tela.

-Olá garotinha!-Escutei falarem ao meu lado e me assustei caindo do sofá,ele tinha um sorriso enorme,engoli em seco olhando para o ser de cabelos negros a minha frente,ele era até que bonito,mas assustava o quanto seu sorriso era grande-Como vai?-Pergunta se aproximando mais de mim e eu me afastei mais ainda rastejando de costas pelo chão.

-Q-Quem é você?-Perguntei sentindo minha garganta ficar seca.

-Nada de mais,(S/n)!-Ele fala com desdém me encarando-Gostei do sutiã,Jungkook que deu?-Ele pergunte e me lembrei que eu estava sem camisa,me levantei rápido e corri para o quarto trancando a porta com pressa,suspirei aliviada,olhei para trás e dei um grito aterrorizada-Olá!-Ele fala na minha frente me afastei devagar pegando uma camisa jogando nele,que pegou fogo me assustando-Inútil!Você acha mesmo que uma blusa vai me fazer parar?

Ele me encurrala e eu viro o rosto para o lado o sentindo cheirar o meu pescoço e logo o beijar enquanto eu tento achar algo para o bater.

-Nem tente!-Ele fala quando consigo pegar algo e a largo devagar-Boa garota!-O sinto me pegar pela cintura e me fazer levantar no ar com as pernas em volta de sua cintura-Você até que é mais gostosa,o que contaram não fez Jus a você!-Ele fala fazendo com que uma de suas mãos passeassem por meu corpo,sinto meus olhos queimarem e levanto a cabeça olhando para o céu.

-Pai nosso,que estás no céu.Santificado seja vosso nome,venha a nós e vosso Reino,seja feita a vossa vontade assim na terra como no Céu.-Comecei a rezar baixinho o fazendo rir,ele com a outra mão abaixa meu rosto o fazendo o olhar,seus olhos estão negros como a noite.

-Rezar por ele não vai te ajudar em nada!-Ele fala apertando seus dedos contra a minha bochecha e vira meu rosto como se analisasse ele-Você não tem marcas...-Vira meu rosto para o outro lado logo faz com que eu fique de frente para ele-Pra quem teve noites "Prazerosas" com o Diabo!-Ele fala e eu cuspi em seu rosto o fazendo rir e apertar o meu pescoço com força-Você não tem jeito!-Ele fala limpando o seu rosto e me joga na cama,tento sair mas ele me segura-Sabe muito bem,seres como eu,não gostam de estuprar,somos tudo,menos estupradores!-Ele fala me puxando pelos tornozelos-Se for comportada,prometo que vai ser gostoso!-Ele fala e uso minha força sobrenatural para socar seu rosto com força,mas não força o bastante para o matar.

Ele acabou me soltando um pouco zonzo,fui até a minha mala tentando achar algo que pudesse me ajuda,achei as algemas,apertei meus olhos tentando tirar Jungkook da minha cabeça e fui até o ser o prendendo em uma cadeira,a algema tem um símbolo nela que bloqueia poderes demoníacos.(Jungkook tinha seus fetiches!Não me culpem!)

Jungkook On

Bufei bagunçando meu cabelo,faz um bom tempo que (S/n) voltou para a terra,mesmo que lá tenha se passado apenas três horas.

-Senhor!-Escutei me chamarem e vi ser Seunghee,a Vadia destruiu meu noivado.

-O que quer?-Perguntei impaciente e ela se curvou a minha frente me fazendo estranhar.

-Desculpe-me senhor,mas eu fui mandada!-Ela pede chorosa e eu continuo a olhando-O Demônio fez-me isso!-Ela fala e vejo seus olhos marejarem.

-Que demônio?-Perguntei impaciente apertando meus dedos contra o trono de ferro maciço.

-Park Jimin Senhor!-Ela fala e sinto minha garganta secar,me levanto bruscamente indo até os meus aposentos procurando o colar de (S/n) olhei bem para ele vendo as nossas inicias,soltei o ar pela boca antes de falar as palavras.

-Defendat, quod meum est, et occidere malum esse?(Proteja o que é meu,e mate o que a machucou!)-Falei com firmeza sentindo uma dor no meu coração,doí muito,parece que centenas de facas foram jogadas ao mesmo tempo num único ponto.Caí no chão me sentindo fraco,(S/n) parecia sugar meu poderes até não existir mais.

(S/n) On

Senti uma força extrema e fechei os olhos absorvendo o máximo possível,olhei para o demônio a minha frente.

-Incubo?Achou mesmo que conseguiria minha força vital?-Segurei seu rosto com força fazendo questão de deixar a marca de meus dedos em sua pele branquinha-Sério?Um sonho?Nem para tentar transar comigo na vida real você consegue.É fraco!

-HÁ!Eu nunca fui fraco!Me solte e você verá o fraco a ponto de você esquecer até de seu querido Lúcifer!-Ele fala com firmeza e sinto meus olhos escurecerem-A garotinha se mostrou ser a fera!-Fala dando uma risada;

-Que tal morrer?-Fiz uma pergunta retórica.

-Faça isso,eu não sou o único,você logo irá ser pega por outro ser como eu,faça noiva de satanás!-Ele grita e sorri sádica.

Como mágica,um punhal prata apareceu em minha mão.

-Tudo bem,farei o que pediu!-Com a lamina,passei lentamente em sua pele me certificando que não o mataria enquanto ele gritava agonizado.

Fazia quase cinco horas que eu o torturava,olhei para o espelho vendo meus olhos estarem numa coloração vermelha e tombei a cabeça para o lado.

-Get de!-Falei com firmeza fazendo uma aura negra sair de meu corpo,Jungkook estava me possuindo,ele sabe que eu não teria coragem de fazer isso sem motivo,revirei os olhos e fui até o demônio que mantinha o sorriso no rosto.

Sorri para ele que retribuiu parecendo cansado,me apoiei nos braços da cabeira olhando em seus olhos.

-Por que quer me matar?-Perguntei passando minha mão lentamente em seu rosto o fazendo me olhar.

-Porque mais seria?Torturar Lúcifer!-Fala com firmeza me fazendo rir-Do que está rindo?-Pergunta com raiva e olho em seus olhos.

-Se quer ver lúcifer com raiva,não devia tentar me matar,deveria transar comigo,-Passei meus dedos por seus lábios os fazendo se abrir lentamente-Na frente dele.-Falei por fim me aproximando,como se eu fosse o beijar.

-(S/n)!-Escutei Jungkook gritar e sorri para o ser em minha frente-Eu posso provar que eu não te traí!-Jungkook fala se aproximando de mim e sorri para ele cínica.

-Claro,fale!-Falei soltando o ser que massageava seu pulso e me sentei em seu colo fazendo Jungkook arregalar os olhos,o demônio passou os braços por minha cintura me puxando mais para seu corpo beijando meu pescoço enquanto eu uso meus poderes para o regenerar.

-(S/n),saía da aí!-Jungkook fala em tom autoritário e eu nego me acomodando mais no colo dele-Eu mandei sair.

-E eu disse que não!-Rosnei para ele o fazendo dar um passo para trás-Parece que Lúcifer tem medo de mordida!-Falei com um leve sorriso cruzando as pernas o olhando.

-Só saia,(S/n).Vamos voltar pra casa,tudo vai ser resolvido e...

-Eu não quero mais!-Falei pegando a mão do demônio a beijando fazendo Jungkook trincar o Maxilar.Eu sei que ele me traiu,eu vi e me fiz de boba,por que eu não vou me fazer de burra,eu devolvo!-Qual seu nome gracinha?-Perguntei ao ser que sussurra seu nome em meu ouvido.

-Park Jimin.

-(S/n),eu não quero usar a força!-Jungkook ameaça e levei minha mão até o pau do Park que parecia pulsar atrás de mim-(S/n)!

-O que?-Me fiz de sonsa apertando fazendo o Park dar um leve gemido.

-Eu mandei sair!-Grita com seus olhos vermelhos e me levantei devagar vendo seus olhos voltarem a cor normal lentamente,quando já estavam no tom negro,peguei a mão do Park o levantando e o Beijei na frente de Jungkook,se ele pode,porque eu também não posso?

Senti Jimin pegar em minha perna e a levantar enquanto eu tinha minhas mãos em seu pescoço.Quando o beijo acabou olhei para aonde Jungkook deveria estar e não o vi lá.

-Seu trabalho está feito,e eu não precisei ser morta!-Falei limpando a boca com as costas da minha mão o fazendo rir-O que é?

-Você me atiçou...

-Você também me atiçou,eu queria te matar,mas olha que legal.Você tá vivo!-Falei com desgosto e levei minha mão para seu pescoço-Hora de terminar o trabalho!-Falei apertando bem forte o levantando do chão.

Quando eu não senti mais seu sangue correndo por suas veias,o joguei no chão e me olhei no espelho.

-Eu preciso de um banho!-Falei tirando a roupa e entrei no chuveiro usando uma bucha,eu me senti suja,mesmo que fosse vingança,eu ainda Amo ele,com todas as falhas-Porque eu fui fazer isso?-Apoiei a cabeça na parede sentindo meus olhos queimarem e funguei.

Senti as primeiras lágrimas escorrerem e me virei deixando que meu corpo escorregasse pela parede de ladrilhos brancos me sentando no chão encostando a cabeça na parede.

Eu sou idiota?Sim.

Eu fui babaca?Sim.

Eu tenho que me desculpar?Devo.

Eu tenho que voltar com Jungkook?Sim,é quase como uma obrigação.

Suspirei sentindo a água gelada bater em meu rosto.

-Você que causou isso,conserte,sua idiota!-Bati o punho na cabeça diversas vezes até que eu saísse do chuveiro.

Jungkook On

-Jungkook?-Hoseok pergunta por mim entrando em meus aposentos me vendo deitado na cama com cara de bebê que não está no colo da mãe.

-Hm?-Só deixei isso escapar,eu fui um idiota,eu deveria ter insistido mais,eu deveria ainda a ter para mim.

-Um demônio foi morto hoje...

-E eu com isso?-Perguntei seco bufando,(S/n) é teimosa e cabeça dura,mas mesmo assim eu a amo,com todas os seus surtos psicóticos,com todas as 15 TPM,com todas as suas patadas parecendo um cavalo.Eu amo ela mesmo assim,com todas as falhas,e mais ainda com as coisas boas.

-Park Jimin foi morto hoje!-Quando ele falou isso eu me sentei de imediato olhando para ele.

-Como,onde?-Perguntei quase desesperado,ele estava com (S/n) e ela é o que mais importa,eu não me importo com poderes (Mesmo que eles me ajudem),eu so quero ela feliz,e se não for ao meu lado,eu quero que encontre a sua felicidade longe de mim.

-Foi morto,na casa de sua noiva,e ela o matou!-Ele fala e eu abro um sorriso-Não era bem essa reação que eu esperava!

-Como não?Ela fez o que devia ter feito a tempos,como não me sentiria feliz?-Abri um sorriso grande e me joguei na cama me sentindo mais leve.

-Chae não consegue falar com ela,ela está muito preocupada,a ponto de querer voltar a Terra!-Fala,sua voz transmitia medo e eu olhei para ele.

-Do que está com medo?Ela não vai te deixar!-Falei e ele se sentou na minha cama.

-Eu não tenho tanta certeza,tem vários caras mais bonitos que eu lá,ela deve até se esquecer que é casada e pular a cerca!-Fala parecendo uma criança chorosa e se deita ao meu lado.

-Tá bom,o que ela fala toda noite pra você?-Me virei pra ele,me lembrei de que toda noite,(S/n) falava "Eu te amo,Jungkook!" e ia dormir sem esperar a minha resposta.

-"Eu já falei pra você não deixar a toalha na cama!",um amor eu sei!-Fala sarcástico me fazendo rir-E o que a noiva de lúcifer fazia?

-"Eu te amo,Jungkook!"Eu sei,um amor,meu amor!-Falei como se eu jogasse na cara dele o fazendo bufar.

-Já entendi,mas uma coisa...Vocês transam...Am...-Tenta achar a palavra certa.

-Constantemente?

-Isso!Constantemente.

-Quase todo dia,no banheiro,no quarto,na piscina,na varanda!-Eu falei com um sorriso lembrando do seu brilho nos olhos quando ela pediu para que eu realizasse seus fetiches,como ela dizia,"Eu queria que isso fosse com alguém que eu amo!" e eu realizava de bobo.

-Até na TPM?-Pergunta rindo me fazendo revirar os olhos.

-Claro que não...Ela não me deixa encostar nela,nem para um beijo!-Murmurei com um bico nos lábios o fazendo rir.

-Porque ela sabe que se te beijar,você vai querer transar!-Ele fala risonho me fazendo jogar uma almofada nele que ri com meu ato-Jungkook,saiba de uma coisa!-Ele me chama-Quando você se casa,a transa acaba!-Ele fala me fazendo rir-Não ria,é sério!Chae-yeon não transa comigo já faz dois meses!-Ele fala me fazendo rir mais ainda.

-Saiba,comigo,a transa apenas está começando!-Falei o fazendo revirar os olhos-Olha,eu posso não ser a melhor pessoa pra isso,mas,quando chegar em casa,beija a sua esposa,leva ela pro quarto e transa com ela até ela não lembra do próprio nome!-Falei e ele ri me deixando um pouco confuso.

-A menstruação dela chegou a três dias!

-Cara,eu tô tentando te ajudar,mas você não ajuda!


Notas Finais


Posso não estar sendo justa...Mas!
Eu vou postar o resto ou no natal,ou antes...
Tudo depende da boa vontade do meu computador...
Tchau e espero que gostem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...