1. Spirit Fanfics >
  2. Hotel caro >
  3. One-shot

História Hotel caro - Capítulo 1


Escrita por: alone_in_the_city

Notas do Autor


Betagem por: @iascarat

Capa linda e maravilhosa por @xmaeve

Capítulo 1 - One-shot


Com as roupas jogadas no chão, Joo Hyun tentava esquecer a dançarina.

A Bae já havia perdido as contas de quantas vezes ficou com outras pessoas para esquecer aquela mulher.

Após dispensar a pessoa, cujo nome não lembrava, pegou o celular e ligou para Seulgi.

— Gigi, posso te encontrar hoje?

Era nítido que na frase existia tesão, o jeito que ela falava parecia que nada havia acontecido.

Parece que o fato da Kang começar a se priorizar fez o término acontecer. Os anos passaram e o sentimento acabou. Apenas uma mentira que elas usavam.

— Eu não quero te ver, Bae — respondeu.

— Você finge muito mal, Seul.

— Pelo menos eu não fico com ninguém pra esquecer alguém. Só porque resolvi priorizar a droga da minha profissão.

— Cala boca! Você é idiota.

Do outro lado da chamada pode ser escutada a risada da mais nova. Ela encontrava-se na banheira de um quarto de hotel. Estava cansada de sentir-se culpada.

— Se quer me encontrar, acho que sabe onde ir.

Joo Hyun vestiu-se e pegou a chave do carro. O desejo era maior que o ego. Ela sabe que perdeu a dançarina devagar. Assim como em uma música, sempre terá um fim.

Se a relação delas tivesse sido ruim, talvez seria mais fácil de se esquecer, mas tinha sido bom, muito bom para ser verdade.

Chegando no hotel, o porteiro já sabia, ela subiria até o quarto dezenove e não voltaria tão cedo.

A fumaça da nicotina no quarto era de se fazer desmaiar, mas Seulgi já estava acostumada

Havia sido empurrada da beira do precipício, sabia que aquela mulher tão amargurada chorava, ela sabia tão bem que mesmo tendo tantos problemas, queria vê-la.

Quando abriu a porta viu a mais velha, estava na cara dela que ainda lembrava de todos os momentos bons delas juntas.

Após a porta ser fechada, beijos foram traçados em uma briga de egos. A de cabelos mais escuros nunca ligaria em perder, era melhor assim; não queria ficar sozinha, ficar ao lado daquela mulher já era o suficiente.

No outro dia as marcas do estrago das duas estaria aparente, mas não ligava, era bom, mas ocultava a verdade para a cantora não descobrir isso.

— Eu estou cansada disso, Hyun — a mais nova disse após a manhã começar.

A mais velha apenas sorriu.

— Queria dizer que não lembrava de você, mas seria mentira, muito mais do que antes.

Nada sério, era isso; não teria nada sério entre elas, talvez pelo fato de Irene mentir e Seulgi ter aprendido tudo com ela direitinho…




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...