História How far can a motorcycle take you? - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Os Barbixas
Personagens Anderson Bizzocchi, Daniel Nascimento, Elidio Sanna
Tags Anderson, Andico, Barbixas, Dandy, Danidio
Visualizações 8
Palavras 434
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Quero ver no que você é bom


Daniel

Decido entrar no quarto sem bater, ele estava sentado na cama com a mão no rosto.

-Nao sabe bater? - Ele pergunta me olhando e seus olhos estavam vermelhos

-Vim pedir desculpa - Falo direto e me sento ao seu lado

-Desculpa pelo o que? - Ele diz rindo sarcástico - "Elidio, me desculpa por não gostar de você"

-Nao é bem assim também. Eu gosto de você, você é um rapaz legal - Digo tentando encontrar as palavras certas - Mas...

-Mas o que?

-O Andy gosta de você, não seria certo

-Quer dizer que você gosta de mim mas não quer assumir isso por causa do Anderson?

-Não foi isso que eu disse - Desvio a conversa - Mas acho que você devia tentar algo com ele, não comigo.

-Mas eu não gosto dele do mesmo jeito que gosto de você - Ele diz e meu coração aperta.

Sabia que isso estava atingindo muito ele, não queria ver ele assim, não queria ver ninguém assim.

-Que confusão né? - Ele diz quebrando o silêncio e rindo - O Andy gosta de mim, eu gosto de você e você gosta de você

-É quase isso - Digo rindo junto com ele

-Ele não precisa saber - Ouço sua voz bem baixa

-Oi?

-Ele não precisa saber - Ele diz mais alto, agora olhando para mim - Tem uma chance de você gostar de mim - Ele continua - Me da essa chance de provar que vale a pena ficar comigo e que eu não sou tão infantil quanto você acha.

-Eu não sei, Elidio - Digo colocando as maos na cabeça cogitando a ideia de ficar com ele - Desde que minha ex namorada morreu, eu nunca mais fiquei com alguém, não sei se eu estou pronto

-Você não sabe por que voce nunca tentou - Ele responde colocando sua mão em cima da minha

-Odeio quando você tem razão - Olho para ele que estava sorrindo com o meu comentário. - Talvez a gente possa tentar mas o Anderson não pode saber, pelo menos não agora.

Termino de dizer e ele me olha sorrindo de orelha a orelha.

-Olha como você é mimado - Digo incrédulo - Consegue tudo que quer - Termino rindo e ele ri junto

-Eu sou bom em convencer as pessoas - Ele diz convencido

-Talvez você seja bom em convencer as pessoas mas não é tão bom quanto eu fazendo outras coisas - Me viro de frente pra ele enquanto pisco.

Ele puxa meu rosto contra o seu

-Quero ver no que você é bom - Ele sorri sacana e me beija.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...