História How I Met Your Father - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Baseado Em Fatos Reais, Hey Jude, How I Met Your Father, Original
Visualizações 1
Palavras 602
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Pansexualidade, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Outra carta feita pelo Victor


Sabe filha, é doloroso ficar sem sua mãe, a cada dia mais eu preciso mais e mais dela, e é uma dor enorme não possuir alguém tão especial do lado, sabe ? Ela é espetacular, espero que você saiba disso. Eu estive fora por um dia inteiro ontem e isso trouxe algumas sequelas, sua mãe ficou muito triste, já sua madrinha Julia, muito brava aparentemente, nós não nos falamos muito e isso me deu um aperto muito grande, eu devo comprar um carregador logo, hoje eu cheguei e me deparei com meu celular com 10 mensagens da sua mãe, isso não é normal, eu pensei que algo tinha acontecido, alguma coisa muito séria, era séria ? Era, era bom ? Era ótimo, foi algo que me agradou de uma forma que meu deus! É quando você chega todo cansado e se depara com todas aquelas mensagens de “eu te amo, eu te adoro, você é demais” sinceramente eu estava morrendo de sono mas depois dessa eu acordei na hora, sua mãe tem esse poder, ela me deixa muito animado e me sinto importante quando eu me sinto nada. Jude, tenha duas certezas no mundo, a primeira: seu pai e sua mãe te ama, muito mesmo, e a segunda: eu e sua mãe nos amamos demais, você irá entender um dia o quão bom é se sentir amado e amar alguém, eu adoro sua mãe e faço de tudo por ela e pra ela, porque ela merece o mundo inteiro, você e sua mãe tem um valor enorme pra mim, ela é… eu não sei explicar. Nunca estivemos tão apaixonados um pelo outro, quando você pensa que não pode superar, buuummmm, você percebe que o amor é incontrolável, eu a amo cada dia mais, sua mãe é uma mulher incrível, se você não a conhecer, saiba disso, ela é a mulher mais espetacular que eu já conheci na minha vida inteira.

Bom… isso já deixou de ser um “como eu conheci sua mãe” a algum tempo então, acho que isso pode ser uma anotação diária ou um livrinho de conselhos (muito ruins) ou um guia da nossa história que estamos formando juntos, então vamos lá. Continuando, a algum tempo nós pensamos em ter a Max, sua irmanzinha, acho que agora começaremos a falar com vocês duas por aqui. Bom mocinhas, eu e sua mãe estamos indo muito bem, pra falar a verdade, sempre estivemos indo bem, porém, estamos muito mais próximos, digamos assim, mais amorosos, ela me faz me sentir especial, e eu quero que ela se sinta assim também. Ultimamente nós estamos pensando muito em vocês duas, a Anna lê sobre bebês e como cuidar, eu vejo algumas palestras de psicologia para cuidar de crianças e essas coisas, eu não sei, realmente não sei, se vocês irão ter uma boa saúde mental, ou não, se vocês vão ter uma boa infância, mas nós dois já estamos nos preparando pra isso, espero que até lá estejamos prontos. Todo dia sua mãe me vem com um texto novo dela do how I met your father, e eu fico “OMG” ela escreve tão bem, ela sabe demonstrar sentimentos eu acho, explica bem e deixa tudo claro, ela usa interpretações também, e palavras que facilita seu entendimento. No começo do how I met your father Dela está cheio de conselhos amorosos justamente porque ela está lidando com isso agora, e ela está aprendendo mais e mais sobre esse sentimento, então ela demonstra tudo isso dela na escrita, coisas que ela não me diz eu consigo perceber nas palavras que ela escreve, ela é demais, vocês vão ver.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...