História Hunter - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 16
Palavras 734
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Hunter - Capítulo 1 - Capítulo 1

Dante vai demorar muito – dante o meu irmão mais velho o nosso protetor a min que me ensinou o que eu sei e não quero parecer mal mas ele e lindo de morrer também

Rebeca esta cala e quieta – rebeca a segunda mais velha uma cabra mimada que se pode se comia o meu irmão fala asserio ela e bonita

Ela tem razão vai demorar muito nos queremos brincar – os gémeos o que eu posso dizer sobre eles são iguais são rapazes são psicopatas eu gosto deles bem o Mikael e terceiro e o Mike e o quarto filhos

Que tal tarem calados e que as vossas vozes inervam especial mente a tua rebeca – quase no final eu isabela eu estava sentada em cima da mesa ao pé dos gémeos afiando um das minhas facas

Que tal estares cala da também isabela – por último a mini rebeca a Alice eu atirei a faca que lhe passou rente a cara e fez um pequeno corte

Da próxima eu não falho – eu levantei me e foi buscar a faca que ficou presa na parede

Alice fica cala aqui és a que tem menos direito de falar – diz o Mikael

E não te esqueças que a isabela e mais velha que tu – diz o Mike ´

Ola meus amores achas que tem estado a espera de uma pessoa – diz o nosso tio puxando uma rapariga que devia ter a minha idade eu tenho 17 anos ou pelo menos parece que tenho 17 anos´

Sim tio deixe que nos tratamos disso – diz o Dante a segura a rapariga

Divertam se meus amores – diz ela a sair

P-por f-favor n-não m-me m-magoem e-eu n-não f-fiz n-nada – ele estava a chora bué

Rebeca Alice quem vai tratar disto sou eu os gémeos e a isabela – diz a olhar as duas

Mas isso não e justo eles também eram os nossos pais – diz a Rebeca

Rebeca estas a quesitor me – o dante quando quer assusta muito

Ta vamos alice – diz a rebeca saindo

Isabela nem penses nisso – ela tinha tentado escapar mas eu apanhei eu ia morde mas como podem ver o dante não deixou

Que chato – digo a solta la

Ele e bonita – dizem os dois gémeos

Ela ainda ficou mais assustada depois disso

Anda – eu segurarei lhe no braço e fomos para do Dante

Sabes que nos somos? – pergunta o Dante

Não eu nem sei o porque de estar aqui eu não fiz nada – ela diz a chora

O teu pai matou os nossos a sangue ferio a frente de nos os quarto – diz o dante com olhar de morte nos olhos

O meu pai ele fez o que? Do que esta a falar? – ela estava prava

Ainda não entem deste o teu santo papa e um caçador de vampiros e matou os nossos pais – eu tive que falar ela já me estava a enervar

Mas eu não tenho nada a ver com isso – diz ela

Pelo contrário tens todo a ver – diz o dante

O teu pai tirou nos pessoas que mais amávamos – diz o Mikael

Então nos vamos te tirar ao teu pai para ele ver – acaba o Mike

Por favor não me matem – diz a chora

Posso dar uma ideia? Em vez de a matar porque não a fazemos uma de nos – eu disso brincando com a minha faca

E uma boa ideia isabela – diz o Mikael a sorrir

Assim podemos drena-la primeiro – diz o Mike a sorrir também

Gostei dessa ideia – olha para a rapariga que estava aterecida

Quem vai ser o primeiro a provar a sangue dela – dizem os gémeos

Enquanto os Gémeos se estavam a matar o Dante olhou para min

Isabela faz as honras? – Ele diz segurando a rapariga que tremia por todos os lados

Mas Dante…- eu nem conseguia falar juro por todo

Porque ela Dante? – Pergunta o Mike

Ela teve a ideia e só justo que ela seja a primeira – diz o Mikael

Não se importam? – Eu olhei para os gémeos

Nope força isabela – dizem ao mesmo tempo

Eu sorri e foi ao pé dela e falei no ouvido

Isso vai doer para caralho – eu mordi o pescoço dela de leve mas afastei me

O que foi? – dizem os gémeos

Ela tem vervena no sangue! – digo eu

Maldito caçoador devia sabre que vínhamos atras dela – o dante olho a rapariga

Bem então como e que vamos fazer? – diz o mike



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...