1. Spirit Fanfics >
  2. Hurts Like Hell. >
  3. Capítulo IX

História Hurts Like Hell. - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 9 - Capítulo IX


Fanfic / Fanfiction Hurts Like Hell. - Capítulo 9 - Capítulo IX

- É bom...eu só queria avisar que eu vim buscar algumas coisas minhas e se você perceber que está faltando é por esse motivo.- Justin que antes estava de costas para a porta se virou e viu Madison ali parada, ele não pode evitar de sorrir.

- Madison, é você mesmo? 

- Parece que sim não é? O aviso foi dado. - Madison se afastou na tentativa de alcançar a porta. - Eu já vou embora. 

- Você não precisa. Essa é a sua casa. 

- Eu tambem achava que era, mas eu estava errada. Com licença. - Antes que Madison pudesse alcançar a maçaneta da porta, percebeu que ela estava trancada, Rosa tinha trancado Madison junto com Justin. 

- Você está diferente da última vez que lhe vi.  - Madison olhou para justin e saiu da porta, desistindo de tentar abrir. 

- Você parece que não dorme a dias. - Ela se sentou em uma das poltronas de frente para a mesa.  Madison observou o rosto de Justin com detalhes, seu rosto tinha alguns hematomas e alguns cortes. E ela lembrou do que Rosa havia dito sobre a briga com Ryan. 

- Não durmo desde que você me deixou.- Sua voz saiu com um tom diferente, ele estava triste, se sentou na poltrona e relaxou os ombros e da mesma forma que Madison o encarava ele fazia o mesmo. 

- Rosa me contou o que aconteceu depois que eu sai. Finalmente você teve a coragem de mandar Candice embora. 

- Madison escuta...

- Eu não quero saber Justin, eu apenas vim pegar algumas das minhas coisas e não era para eu estar aqui falando com você. 

- E porque está aqui? - Touché.

- Eu também não sei. Você pode abrir a porta? 

- Só quando eu terminar de falar. 

- Não tenho absolutamente nada para falar com você.

- Não é você que  vai falar, eu falo e você escuta quietinha. 

- Eu não quero ouvir. 

- Você não tem escolha. - Justin colocou vodka no copo e virou de uma vez, voltando a sua posição de relaxado.- Eu errei. Eu fui um idiota. Eu nunca deveria ter te desrreipeitado daquela forma e ter colocado aquela mulher na nossa casa. - Madison ia falar algumas coisas mas Justin lhe impediu. - Eu tinha tudo, eu tinha você, minha mãe e meus amigos, mas a ganância me fez perder tudo.

- Você desistiu de nós, apartir do momento em que voce colocou ela aqui. 

- Eu desisti de nós? 

- sim.

- Você desistiu de mim. 

- Eu não tive escolha, eu não aguentava mais Justin. O que você fez foi uma coisa de moleque. Você disse que só poderíamos nos casar quando estivéssemos maduros o suficiente, mas parece que a única que amadureceu o suficiente aqui foi eu. 

- Sinto muito, a lição foi aprendida Madison. Eu vou ser sincero com você ok?

- Justin, me deixa ir embora. - Madison se levantou e andou até a metade da sala ainda de costas para justin, ela não conseguia encarar o marido. 

- Só me escuta. Não quero que você vá embora de novo sem saber o que eu tenho a dizer. Ainda lembro quando eramos pequenos a primeira vez que eu vi você, nunca tinha visto nada tão perfeito. Eu lembro de pensar que eu  tinha que ter você ou eu morreria. Voce disse que me amava e me senti tão tranquilo Madison...

- Eu te odeio. Eu te odeio muito. - Madison não pode evitar a vontade de chorar. Ela se virou para justin e ele estava de cabeça baixa encostado na mesa de frente para ela. 

- Não, você não odeia. 

- Eu deveria! Eu deveria te odiar. - Madison ameaçou avançar em Justin mas voltou para o mesmo lugar se recompondo. Sua garganta apertava e seus olhos ardiam. 

- Não diga isso. - Justin estava desapontado, ele não esperava que aquela palavra ditas por Madison iria machucar de verdade.

- O que você fez foi sem explicações, eu aceitaria qualquer coisa vindo de você Justin, menos isso. Você pode achar que foi uma coisa minúscula, mas nois dois sabemos o que ela fez para ser tão odiada. - Justin permaneceu calado. Em nenhum momento ele olhou para Madison. 

- olhe, eu.. Eu fiz uma coisa terrível e estúpida ok? E eu peço desculpas. Gostaria de votar no tempo mas eu não posso. Não quero jogar uma coisa tão boa fora Eu te amo tanto Madison e deve haver um jeito de resolver tudo. - O home de olhos avermelhados foi até a esposa segurando em suas mãos que já estavam gelidas. - Eu não consigo, eu não posso imaginar minha vida sem você Ok?  Eu não posso perder a minha esposa pelo meu erro estúpido. A cada erro meu, você me perdoa Madison, por que não agora? Me perdoe? 

- Sabe Justin, desde de criança eu sabia que você seria a pessoa que eu morreria junto. Além de marido, você é meu namorado e acima de tudo é meu melhor amigo, eu prometi que perdoaria todas as das besteiras, incluindo essa. - Madison não tinha escolha, os dois estavam sofrendo, ela pensou algumas vezes. -  Eu te desculpo Justin, eu tô colocando toda a minha confiança em você de novo, não me decepciona.

- Você vai voltar para mim? 

- Eu não sei, mas eu tenho uma pergunta. - Justin sentia que Madison não estava muito contente, ela ainda estava meio apreensiva com sua escolha, mas na cabeça dela, aquela situação não  poderia durar para sempre. 

- Qual seria? - Justin tinha um sorriso enorme no rosto. 

- Porque toda vez que Candice aparece, você muda? Você vira outra pessoa. Ainda sente alguma coisa por ela Justin? 







Notas Finais


Continuo??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...