1. Spirit Fanfics >
  2. Hybrid not innocent - Imagine Jihyo >
  3. Capítulo 3

História Hybrid not innocent - Imagine Jihyo - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura♡

Capítulo 3 - Capítulo 3


S/N POV

Chegamos na cozinha encontrando Nayeon escorada no balcão mechendo em seu celular totalmente concentrada no mesmo,sem ao menos perceber nossa presensa. Chegando com a garota ainda no meu colo me coloco atras da mesa e dou um grito.

"Ó OS NUDS" A mesma pulou e quase deixou seu celular cair,mas o segurou na hora. Comecei a rir que nem uma hiena traumatizada e me sentei na cadeira com Jihyo "Eu juro que uma hora eu me vingo sua acéfala" me olhou com os olhos pegando fogo,mas nem liguei. Depois de alguns minutos me recompus e encarei a maior em meu colo.

Acabei por ver um sanduíche em cima da mesa com um copo de suco,provavelmente Nayeon deixou ali. E puxei em direçao a mesma. "Pode comer meu amor" me levantei e a coloquei na cadeira,começando a comer. Fui em direção a mais velha dali e me coloquei entre suas pernas,ja que se encontrava sentada no balcão. Folgada eu diria

"Ta vendo nuds é?" Sorri maliciosa "Sim,e aliás sao seus" arregalei meus olhos imediatamente "Nao me diga que guardou meus nuds da ultimas vezes que fizemos cola-velcro?" A mesma sorriu safada ja falando a resposta "Voce namora sua sem vergonha,qual a necessidade de guarda-los?" Me encarou com a sobrencelha arqueada "Esquece,esqueci que voce e a momo sao o casal pega fogo" revirei os olhos

Me virei e encarei a garota que estava na mesa,que ja tinha acabado de comer "Que assistir alguma coisa hyo?" A mesma assente e vem correndo para os meus braços,me fazendo a pegar no colo novamente e ir em direçao a sala me sentando no sofa. Nayeon veio e se sentou ao meu lado toda esparramada. E acabei por rir da mais velha

Coloquei um filme para assistirmos,que por sinal jihyo ficou bastante interessada. Mas logo ouço a campainha tocar "Nayeon,pode abrir pra mim por favor?" Pedi sem tirar meus olhos da tv "Vai voce folgada" a encarei indignada e me levantei colocando jihyo no canto do sofa e fui ate a porta. Abro a mesma e me deparo com sete mulheres na minha porta com sorrisos largos.

No mesmo instante sorri e corri abraça-las "Unnies!" Grito animada abrançando uma por uma e recebendo um beijo na bochecha de cada uma delas e ao parar em Mina pulo em seu colo nos fazendo dar risadas. Todas entramos e fomos em direçao a sala

Ao nos ver Nayeon sorri e corre abraçar todas e da um beijo em Momo a abraçando por tras. Ao me ver no colo de mina a mais velha de todas ali fala em tom de tedio "Voces se viram nem tem duas horas!" Diz indignada ainda como Momo "Da um tempo velha!" Digo e mostro a lingua,fazendo todas rirem. Ao lembrar que tinha mais uma pessoa entre nos,desço de Mina e vou em direçao a Jihyo,que estava com vergonha.

Pego em sua mao a fazendo levantar e segurar minha mao. "Entao meninas essa é a..." antes que eu pudesse terminar minha fala uma peste mais chamada como Sana grita e corre ate nossa direçao,fazendo seus barulhos estranhos fofos "Que fofa,quem é ela s/n?" A encaro mortalmente a fazendo revirar os olhos "Jihyo,ela estava aqui em frente de casa quando tocou a campainha." Todas fizeram um coro de owww me fazendo abraçar a maior ao meu lado "Ela é uma hibrida,que fofa" Tzuyu falou fazendo as mesmas sorrirem.

Nos sentarmos no sofa para conversarmos mais sobre a hibrida. Sentei no sofa fazendo a mesma sentar em meu colo,enquanto as meninas faziam o mesmo

Nayeon sentou em Momo,Chaeyoung em Jeongyeon,Tzuyu em Mina e Sana em Dahyun.

"Entao jihyo,quantos anos voce tem?" Perguntou Mina de uma forma doce "Vinte e quatro" algumas olharam surpresas "A Maknae line e a Mina unnie sao mais novas que a Jihyo meu deus" Dahyun falou se esticando com a japonesa em seu colo,e nao tive como nao maliciar e acabo dando um sorrisinho. Eu nao presto,bem que minhas unnies falam.

Sana olhou em minha direção e me mandou um sorrisinho malicioso discreto e dahyun apenas riu.
"Ela vai morar comigo,e é bom ninguem tirar a inocencia dela,ok?" Olhei mortalmente para todas que apenas reviraram os olhos "Falou a mais santa de todas ne" Chaeyoung falou debochada cruzando os braços "Quem disse que sou inocente?" Olhei para Jihyo na mesma hora assim como as outras "Deixe eu explicar antes de fazerem as perguntas" falou ajeitando-se mais em mim,me fazendo abraçar sua cintura e lhe observar.


Notas Finais


....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...