História O nosso destino ( HyunMin - Stray kids) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Hwang Hyun-jin, Kim Seung-min
Visualizações 69
Palavras 1.404
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa a demora para postar, mas meu notebook não estava ligando, e eu pensei vou escrever no celular, mas um dia depois que o meu note parou de funcionar a internet aqui de casa caiu, desculpa mesmo.
Bom, espero que gostem e boa leitura ^^

Capítulo 7 - Aish, hyung


Fanfic / Fanfiction O nosso destino ( HyunMin - Stray kids) - Capítulo 7 - Aish, hyung

* ANTERIORMENTE*


Não acredito que o Jeongin fez isso, mentiu que trocou de número e me passou o do Jinnie, e olha a foto que eu mandei para ele, quase que ele descubra que era ele, imagina, não conseguiria olhar para ele nunca mais, mas talvez isso seja divertido, teu o Jinnie como "daddy", depois me viro com o Jeongin.
* Hoje em dia *


POV: Narrador

Seungmin estava sozinho este final de semana, pois Jeongin foi viajar para Busan, onde seus avós estavam morando, Seungmin não esqueceu do que Jeongin vez, estava bravo, sim, mas um pouco feliz, tinha o número de Jinnie e ele tinha achado sua foto bonita, mas mesmo assim estava meio chateado, poxa, seu melhor amigo mentiu para sim, mesmo sabendo que o Hyunjin era seu crush, ainda mais sabendo das fotos que Seungmin tirava, esse que sabia que provavelmente não teve essa ideia sozinho, Jeongin, por outro lado não estava arrependido, sabia que seu melhor amigo gostava de Hyunjin, sabia que Seungmin ia ficar bravo e até mesmo chateado por Jeongin ter mentido, mas também feliz, pois agora poderia falar com Hyunjin, Jeongin estava contente, mesmo não ideia 100% sua.
Enquanto Seungmin estava quase arrancando os cabelos de tanto nervoso, pensando no que Hyunjin irá pensar se souber que o autor das mensagens si mesmo, mas pelo o outro lado, lado de Hyunjin, ele estava quase arrancando os cabelos por querer saber quem é, estava achando que era Seungmin, mas também não conseguia imaginar o menino tirando fotos assim, sendo isso o que mais lhe intrigava e excitava um pouco também, não poderia negar que aquela foto estava mexendo consigo, não conseguia parar de pensar na foto por trás daquela foto, e torcia muito para que fosse Seungmin.

POV: Jeongin
Cara, não aguento mais pensar em Han Jisung e muito menos aguentar o Seung encarando o Hyunjin hyung o recreio todo, e sim, eu falo recreio, tá achando ruim, não fala mais comigo, poxa, tem que dar atenção pro bebê aqui.
- JEONGINN. - Berrou uma pessoa nos meus ouvidos, virei para e deu de cara com Jisung, mas se vocês preferem, amor da minha vida, pensa em uma pessoa bonita, talentosa, inteligente, simpática e popular, mano, nunca achei que ele fosse saber meu nome e muito menos quem eu sou, podemos dizer que não sou uma pessoa muito popular, na verdade, o único amigo mesmo que tenho na escola é o Seungmin, o resto é só conhecido.
- Err, oi?. - Digo virando para ele, e encontrando esse Deus grego sorrindo para mim.
- Ah, oi, desculpa por ter gritado, mas preciso falar com você, é sobre HyunMin. - Ela falou claramente com vergonha, pois estava "coçando" a nuca e cristo, como isso foi fofo. 
- HyunMin? Seria Seungmin e Hyunjin? - Pergunto meio confuso, nunca tinha escutado isso antes.
- ISSO, você é inteligente, tenho certeza que você também shippa eles, né? - Mano, o crush disse que eu sou inteligente, to berrando por dentro.
- Shippo sim, na verdade, o Seungmin, não dá mais atenção pra mim no recreio, sim, eu falo recreio - Digo fazendo uma cara meio emburrada - Ele só fica encarando o Hyunjin, ou falando do Hyunjin, olha pra parede lembra do Hyunjin, é Hyunjin pra lá, Hyunjin pra cá, eu hein, nunca vi ele assim.
- AAAAAH, que fofoooo, eu também falo recreio, não se preocupa. - Diz isso enquanto  me lançava um sorriso maravilhoso - Sim, eu também não aguento mais o Hyunjin, na verdade, não só eu, o Chan também disse que tá afim de tacar uma cadeira na fuça dele, ele só pensa no Seungmin, é sério, eu respiro e ele fala, o Seungmin também respira e fica fazendo aquelas caras de apaixonadas, tipo, uati?
- O-o-obrigado pelo fofo, mesmo eu não sendo - Merda, por que eu fui gaguejar, o crush me chamou de fofo, aaaaah. - Bom. e o que tu queria falar sobre HyunMin? - Pergunto tentando disfarçar, acho que deu certo.
- Tu é fofo, sim, eu hein, eu queria falar que fiz um plano para tentar dar uma empurradinha neles, sei que o Hyunjin não vai pedir o número do Seungmin.
- O Seungmin muito menos, pensa numa pessoa tímida.
- Imaginei, por isso pensei nesse meu plano, tu falaria para ele que trocou de número, e hoje mesmo, tu passa o teu número novo, que no caso vai ser do Hyunjin, mas tem que ser na escola, e tu tem que ficar o dia todo com o celular desligado, se quiser pode ficar lá em casa depois da escola e pode dormir lá se quiser também. - MANO, O CRUSH ME CHAMOU PARA DORMIR NA CASA DELE, ESTÃO ESCUTANDO MEUS GRITOS?
- Teu plano é bom, mas tu acha que o Seungmin vai acreditar? se bem que ele é meio lerdo, acho que ele acredita. - Digo dando um sorriso largo, talvez eu e o Jisung junte HyunMin e ele, Han Jisung, pessoa que domina meus pensamentos, vulgo meu crush supremo, perguntou se eu quero dormir na casa dele, tudo bem, que é só pelo plano, mas meu coração de trouxa é trouxa(P.s autora: Pera qqq, jura Jeongin? nem deu para perceber)
- É, fico feliz que tenha gostado, e bom, o Seungmin ser lerdo ajuda muito. - Ele fala dando uma pequena risadinha(P.s autora: O que caralhos seria uma "pequena risadinha", minha flor?) - E o que acha de ir lá pra casa hoje e posar também? não precisa ficar com vergonha não, eu não vou te morder, aah, claro, a não ser se você quiser. - Han Jisung, disse isso sorrindo e no final me deu uma piscadinha, acho que vou desmaiar.
- Err, não sei, vai te atrapalhar e a gente não é nem amigos, acho que seria meio estranho. - Isso não deixa de ser verdade, o Jisung só veio falar comigo por causa de HyunMin, duvido que ele irá querer ser meu amigo.
- Não seja por isso, prazer, Han Jisung, seu novo amigo, tudo bom? - Diz dando uma piscadinha em "prazer", eita menino safado, hein, nem vou dizer que eu gosto(P.s autora: Essa gente da fanfic é tudo safada, mas o Jisung se supera, meu deus kkkkk).
- Olá, prazer, bb, Yang Jeongin, seu mais novo amigo, está tudo bem comigo e com você? - Diga também entrando na "brincadeira" do mais velho, nem sei da onde tirei coragem, eu, uma pessoa que tem vergonha da tia da merenda, vida que segue.
- Pronto, somos novos amigos, vai aceitar ir para minha casa? ou vou ter que apelar para o aegyo? - Jisung pode não ter percebido, mas desde o começo eu tinha aceitado, mas a vontade de ver ele fazendo aegyo é maior.
- Desculpa, hyung, mas vai ter que apelar para o aegyo. - Responde dando uma baixa risada da careta do menino a minha frente.
- Aigoo, Jeongin, sério? - Concordo com a cabeça, esperando pelo aegyo do crush, para mim, sentiram a pressão? - Aish, tá bom, mas não ri, tá bom.(Foto capítulo). Jeongin? se tá bem? ei, para de me encarar e me responde, sabia que não era boa ideia o aegyo, aish.
- Opa, desculpa, mano, para com isso, aish, gente fofa da porra. - Olhei para frente e Jisung tava me olhando incrédulo, eu hein. - Que foi, Jisung? viu um fantasma?
- Não, eu vi meu bebê, vulgo você, falando palavrão, quem te ensinou isso? vou matar. - Meu bebê?
- Q-q-que mané, bebê, tu só é um ano mais velho que eu, hyung, AH, e sim, eu vou para a tua casa depois, teu aegyo me convenceu. Pode me passar seu número, hyung? - Como não sei onde fica a casa dele e tals, preciso do número dele para poder ligar depois e achar onde ele mora.
- AAAH, seu safado, quer meu número, é? ia passar de qualquer jeito, sei que sou lindo. - Convencido da porra, mas pior que é verdade.
- Para de noia, hyung, eu só pedi o teu número por que preciso do teu endereço, não seja tão convencido, você nem é tão bonito, hyung. - Digo dando um sorriso debochado.
- Aish, tá bom, vou fingir que acredito, meu número é 8201089765426(Inventei esse número).
- Okay, hyung, até depois. - Digo indo para a sala pois o sinal bateu.


Notas Finais


Bom, foi isso, beijos, até o proximo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...