História I can feel ... with you - jenlisa - Capítulo 8


Escrita por:

Visualizações 468
Palavras 2.556
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, LGBT, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


desculpa a demora , mais tô aqui !!! Boa leitura ... E comentem se quiser que continue :3

Capítulo 8 - I do not know anything


Fanfic / Fanfiction I can feel ... with you - jenlisa - Capítulo 8 - I do not know anything

( Sana Pov ) 

 


    - Então tá tudo certo agora ? - eu perguntava para momo que apenas chorava .

 

    - Só quero que você seja feliz Sana , e saiba que eu sempre te amarei ... - ela me fitava com os olhos cheios de lágrimas .

 

    - Eu também sempre vou te amar momo ... - A abracei , e ali demos fim oficialmente ao nosso relacionamento . Foi triste , mais foi o certo a se fazer .

 

    Sai da sala e fui direto para meu armário e vi algumas fotos com Momo presas na porta , num piscar de olhos , lágrimas caiam descontroladamente . Foi aí que senti uma mão em meu ombro . Era Dahyun .

 

    - Tá tudo bem ? Porque tá chorando ? - ela disse , seu olhar dizia que ela estava muito preocupada e também assustada .

 

    - Eu tô bem , não é nada ... E você porque tá com essa cara de medo ?

 

    - Ué , você não ouviu ? - confusa , comecei a ficar com medo também 
.

 

    - Oque ? Oque houve ? - dahyun me olhava de um jeito diferente ... não sei como explicar .

 

    - O tiro ! Parece que foi o mesmo assassino que matou aquela irmã da nova professora ... Sei lá . - minha expressão mudou totalmente com o que dahyun disse .

 

    - Não eu não ouvi nada ... Mais você tá bem ? Quer dizer ... O-o cara fez algo com você ? 

 

    - Não , Jennie me disse que tava com Lalisa , e que ele mirou nelas ... Mais graças a Lalisa ela salvou as duas . - dahyun dizia corando , não o porquê .

 

    - Nossa , ela é uma heroína ! Eu faria o mesmo por você dahyun ... Você é muito legal . - dessa vez dahyun corou completamente .

 

    - É.. é isso que amigos fazem né ? 

 

    - Claro ! - envolvi um dos meus braços nela e fomos caminhando até a quadra . Dahyun além de me contar sobre esse tal " assassino " também disse no caminho que o diretor estava chamando todos para a quadra ... Parecia ser importante .

 

    - Vamos sentar aqui ! - disse puxando dahyun para um lugar na arquibancada , era alto e senti que dahyun sentiu um pouco de medo . 

 

    - Tão alto assim ...

 

    - Não precisa ter medo , tô aqui dahyun . - falei abraçando-a e ela soltou um sorriso .

 


    ( Lisa Pov ) 

 


    Eu estava sentada bem no canto na arquibancada , observando Wendy que só dava umas pequenas olhadas , e quando ela olhava me pegava distraída ... Olhando para Jennie , que deveria me odiar agora . Como eu posso ser tão idiota ?


    Uma garota como a Jennie tem tudo oque quer , seu pai é rico , ela tem amigos , é bonita ... Ah tô saindo do foco ! Eu não consigo ... Quando eu tô com a Jennie , eu sinto que quero estar com ela , desde aquele " beijo " eu fiquei tão grossa com ela . Eu gosto de brincar com os outros , mais para uma menina como ela , eu achei que não seria certo ... Estava decidido ! " Eu precisava me desculpa com Jennie " .


     Algumas horas ou até mais desse diretor falando , ele deixou bem claro que teríamos recesso , por causa do tal " assassino " , falando nisso gostei muito de salvar Jennie ... E vi que ela se sentiu protegida comigo ... E porque sempre falo nela ? Ah .. porque é tão difícil ?


    Quando a reunião acabou , segui Wendy até uma sala , eu precisava conversar com ela ...


    - Fala , oque queria me dizer ? - ela dizia se encostando na prateleira .

 

    - Então Wendy , é ... Só quero que saiba que agente não pode mais ficar juntas ... Quer dizer até pode rolar uns beijos , mais você sabe que eu não vou além disso ... Oque tivemos naquele dia foi ... - fui cortada pela mesma , botando suas mãos em meus ombros .

 

    - Lalisa ... Oque tivemos foi apenas diversão e não passa disso ! 

 

    - Então você já entendeu . 

 

    - Você está gostando de alguém ? 

 

    - Oque ? não 

 

    - Ata , porque você é só minha , mesmo que seja só pra ficar .

 

    - Não me provoca ... - falei tirando suas mãos de cima de meus ombros e dando um sorriso de lado .

 

    Sai da sala e vi Jennie correr para o banheiro ... Ela parecia estar mal . Fui atrás dela , afim de saber oque há de errado.


    Escutei barulhos de soco na parece e choros . Vi Jennie aos prantos e suas mãos estavam um pouco vermelhas , pelo visto não é só eu que bato em tudo quando estou nesse estado. 

       Ela me olhou com uma cara de assustada , e eu só a fitava , observando sua tristeza .

 

    - Oque foi Lalisa ? Veio me humilhar mais ? - ela disse soluçando , seu rosto estava muito vermelho .

 

    - Não ... Eu só vim ver que aconteceu , vi você vindo pra cá , e percebi que estava mal ... Então te segui e vim ver oque tá pegando ! - parei em sua frente .

 

    - Sério ? Não foi você quem disse que não estava preocupada comigo ? - ela falou limpando o rosto que estava encharcado de lágrimas .

 

    - Eu não falei isso ... Apenas disse que , eu não gosto de você . 

 

    - É a mesma coisa , Lalisa .

 

    - Não é não ... Vai contar oque tá rolando ou não ? 

 

    - Não é nada , é só recebi uma notícia ruim ...

 

    - Tá , tô indo ... - falei indo em direção a porta .

 

    - Porque é tão difícil ? - ela perguntou , me fazendo ficar confusa e olhar novamente pra ela .

 

    - Oque ? 

 

    - Você dizer " desculpa ".

 

    - Pelo que ? 

 

    - Por me tratar mal , Lalisa .

 

    - Eu tratei você mal ? Só disse oque eu pensava .

 

    - Oque você " pensava " estava errado , eu apenas queria deixar claro , aquele " beijo " e tentar ser sua amiga sem remorsos ... - ela dizia fazendo aspas e me fitando com raiva .

 

    - Beijo ? Aquilo nem foi beijo Jennie , mais bem que eu queria um . - Jennie parou de chorar por um minuto .

 

    - Oque ?

 

    - Eu queria que você tivesse caído , e queria que nossas bocas se encontrassem de verdade ... - disse me aproximando .

 

    - Lalisa vo... - botei meu dedo indicador em seus lábios a cortando .

 

    - Shhh , o fato de você estar pensando em qual vai ser seu próximo movimento , está perdendo seu tempo ... - botei uma das mãos em seu rosto , me aproximando mais .


    Me aproximei mais , finalmente sentindo sua respiração ofegante , seu rosto vermelho e molhado , sua boca sendo mordida pela mesma , e seus olhos fitando os meus lábios . Quase encostando nossas bocas para um beijo , escutamos um barulho na porta , oque me fez me separar dela rapidamente .

 

    - Opa , foi mal ... - Tzuyu adentrava no banheiro , seu batom estava borrado , e eu já sabia o porquê .

 

    - Na - nada , agente tava só ...

Conversando 
Estudando 

- Jennie e eu dizíamos em harmonia e tensas .

 

    - Ok ... Ah Lalisa , você viu o Bambam ? - ué minha teoria estava errada ? 

 

    - Achei que estava com ele ! Ele deve ter ido ao treino ... Sei lá - ainda nervosa , falei rapidamente e Jennie só observava confusa , como se não soubesse de onde conheci Tzuyu .

 

    - Tá , ah só por via das dúvidas , eu não estava me pegando com ele ... Isso foi na aula de teatro , estamos fazendo uma peça , mais o garoto que faz comigo mais sabe dar beijo profissional e acabou acontecendo isso .

 

    - Aham , aham , é normal - falei e ela riu , saindo do banheiro .

 

    - De onde conhece Tzuyu ? - Jennie pergunta 

 

    - Ela é namorada de um amigo meu ... 

 

    - Lalisa , oque aconteceu agora ? - ela disse olhandl em meus olhos .

 

    - Nada . - respondi confiante .

 

    - Oque ? Você acabou de confessar que queria me beijar , e quase me beijou ... 

 

    - Um erro da minha parte , nunca mais vai acontecer ... Lembra da nossa conversa antes lá no corredor ? 

 

    - Antes de você ter me salvado ? Lembro muito bem . - Jennie disse dessa vez se aproximando .

 

    - Tá , eu preciso ir , isso nunca aconteceu ! - sai do banheiro , mais percebi um sorriso de Jennie .

 


      Oque acabei de fazer ? Talvez eu seja uma pessoa totalmente errada . Mais gostei do que aconteceu no banheiro , foi ... incrível ter Jennie tão perto assim , e obrigada Tzuyu , por estragar o meu momento .

 


    ( Pov Tzuyu ) 

 

      Apesar de morar em uma casa com Jennie , ser meio - cunhada da Lisa e namorar Bambam a algumas semanas , eu estava finalmente levantando o meu talento em atuar . Havia um grupo ótimo nessa escola , e todos sempre me elogiavam , apesar de ser um pouco tímida às vezes ... Em alguns dias , eu entrei em concorrência com umas 4 garotas e acabei virando a maknae do grupo . Iríamos fazer uma peça , mais só na volta às aulas , por causa do tal " recesso " . Além de atuar , eu cuidava das roupas , e escolhia quem iria fazer quem ... E eu adorava fazer isso . Eu precisava falar com BamBam que eu iria atuar , isso quer dizer ... " Fazer como nas novelas " , eu queria avisá-lo pra não deixar as coisas confusas se ele me visse beijar outra boca ao não ser a dele . 


     Depois de ter visto aquela cena um tanto confusa , estranha e constrangedora no banheiro com Jennie e Lalisa , fui para o campo ver se Bambam estava lá ... Sem sucesso .


       Observei alguém me olhando , estava todo de preto e não mostrava seu rosto . Senti alguém me segurando na cintura e dei um grito .

 

    - Calma princesa ! - Bambam me segurava , enquanto eu atacava o indivíduo que agora se revelou.

 

    - Tá louco ? Quer me matar ? - falei distribuindo tapas em seus braços , enquanto ele caia na risada .

 

    - Oque tá fazendo aqui ? 

 

    - Vim te procurar , preciso falar uma coisa . Mais aí eu vi um cara me observando e me desconcentrei completamente ... - Bambam olhou para frente .

 

    - Que cara ? 

 

    - Aquele ... - Eu olhei para trás em direção a esquina , e ele havia desaparecido .

 

    - Acho que você tá paranóica meu amor . Mais então tudo pronto pra hoje ? Você me conta no caminho . - ele disse se referindo ao jantar em família que iríamos ter hoje .

 

    - Ah sei lá , vamos . - depositei um selinho nele , e fomos de mãos dadas seguindo o caminho pelos campos da escola .

 


    ( Pov Jennie ) 

 


    - Eu sei lá meninas , parece que ela gosta de brincar comigo . - falei para dubu e rose oque havia acontecido no banheiro com Lisa .

 

    - Eu nunca imaginei que Sana era assim ... - Dahyun dizia com um sorriso no rosto , ela também tinha contado do seu momento com sana .

 

    - É vocês estão todas felizes né ? Enquanto eu aqui não ganho nada . - Rose dizia olhando para cara de boba que eu e dahyun fazíamos. 

 

    - Ah para Rose , quem você quer da muito trabalho ... - dahyun disse e a olhei confusa .

 

    - Quem ? 

 

    - Ninguém , cala boca dahyun . - Rose dizia nervosa .

 

    - Rose disse que a nova professora Hani é bem gostosa . - dahyun soltou , me fazendo ficar surpresa .

 

    - Tá louca ? Logo da professora nova ? Isso é errado . - falei me levantando da carteira .

 

    - Eu não falei " gostosa " eu falei " fofa " e oque que tem ? Dahyun é apaixonada pela Sana que era a maior galinha da escola , a mesma coisa digo por você Jennie ! - Rose disse olhando pra mim .

 

    - Oque ? Do que está falando ? 

 

    - Ah , você acha que a Lisa é uma pessoa santa ? Ela tá pegando a Wendy , aquela mina é o diabo em pessoa ! - Rose soltou e eu levantei .

 

    Então porque ela tentou me beijar , se já estava namorando ? Ou já estava ficando com alguém ... Lalisa aquela idiota ! Como ela pode ter feito isso ? Ela brincou comigo , ela me fez de idiota , ela me fez dar um gostinho pra ela ... Ela me paga ! 


    - Ah tenho que começar a me fazer de difícil ... - ouvi dubu sussurrar .


    - É isso aí ! Temos que nos fazer de difícil . Não vou mais dar esse gostinho pra ela . - falei confiante , e percebi o quanto Rose olhava para fora .

 

    - Gente eu vejo vocês depois , vamos marcar algo nesse " recesso " , amo vocês ! - ela falou apressadamente e saiu .

 

    Agora eu entendo , Lalisa queria me testar ... Mais agora eu já tô armada contra seu próximo ataque . Isso é guerra !

 


    ( Pov Rose ) 

 


    Segui a Hani ... Professora Hani até sua sala , já íamos embora , então eu queria dar um tchau .

 

    - Professora ? - dei alguns toques na porta , ela me olhou com um sorriso.

 

    - Oi Roseanne , pode entrar !

 

    - Roseanne não , pode ser Rose professora ...

 

    - Seu nome é lindo de qualquer forma Rose ... - sorrimos uma para outra .

 

    As minhas amigas podem até achar errado , uma aluna e uma professora . Mais com a Hani eu me sinto livre para fazer oque eu quero , eu acho que ... Tô gostando da minha professora .

 

    - Rose ? - Hani me chamava , me tirando de meus pensamentos .

 

    - Oi , me desculpa , eu estava distraída ... - olhar seu sorriso e sorrir de volta e manter aquilo , era perfeito .

 

      Seria Hani ? Aaa , eu quero muito .


Oque havia acontecido com sua irmã , com o tempo foi ficando para trás e ela ficou mais amiga da gente . Inclusive minha . E eu estava louca pela professora .


Eu me apaixonei pela minha professora .


Notas Finais


Vlw gente , pela atenção , pela visualização e por tudo , espero que a história continue e esse capítulo foi tiro jenlisa ... Quem sabe não rola beijo depois ?quem vocês acham que é o assassino ? Ps: nem eu sei ! Beijooooo 😍😘😘😘❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...