História I Can Fix You - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 11
Palavras 712
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Violência
Avisos: Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa e Minha Primeira Fanfic <3
Espero Que goste Seja la quem esteja Lendo >.<
Criticas Construtivas São Bem Vindas!

Capítulo 1 - Consegue me ouvir...?


Fanfic / Fanfiction I Can Fix You - Capítulo 1 - Consegue me ouvir...?

Steve On 08:34 

Acordei com o Toque Infernal do meu Despertador, Realmente Eu Não Queria Levantar Da Minha Cama Naquele Momento e em Nenhum Que Eu Esteja Lembrado.

Infelizmente Eu Tinha que levantar para ir a minha 1 sessão ao Psicólogo, Que Eu era Obrigado a participar.

Levantei e tomei um Banho quente , Me vesti e logo fui Preparar um café quente sem açucar.

Sai de casa era mais ou menos 9:27

Cheguei Naquela Maldita Clínica Psiquiatrica, E logo fui chamado Pois minha sessão era as 9:30 Pensando bem Quase que eu a perco (O que Não seria uma pena) Entro na sala e vejo o Meu medico.

Ele tinha cabelos grisalhos Acho que tinha mais ou menos 45 anos ou menos.

-Sente-se Steve! Fique a vontade 

-...

-Bem... Eu ja fui adiantado do seu caso, Você Quer falar sobre isso?

- eu não quero ser mal educado , mas eu não queria estar aqui 

-Entendo Steve, A maioria das pessoas são assim, Mas entenda que vc tem que se Abrir comigo para que eu possa lhe ajudar, Sei que tudo que aconteceu com vc vai ser dificil de superar ,Mas acredite que com Ajuda sempre fica mais fácil.

-Entendo...

-Esta bem...deixe me ver 

Ele revirava as pastas dele Procurando por uma especifica, Apertou a ponta de sua caneta duas vezes, Então olhou para mim Pensativo.

-Irei lhe Fazer algumas perguntas, Se sente Confortável com isso?

-Tudo bem...

-Você Já pensou em se alto Mutilar ou Comete esse ato?

-Não..

Fala Cobrindo meus pulsos com Minhas mangas, Eu ja me cortava desde que minha mãe morreu, Isso realmente me acalmava.

-Você diria Que ja superou oque aconteceu com você?

-desculpa eu não sei como responder essa pergunta.

-sabemos que sua mãe morreu em um acidente de carro, e seu pai esta se tratando em uma clínica de alcoólicos, como se sente em relação a isso?

-Bem... Eu Era muito ligado a minha mãe, ao meu pai nem tanto mas não significa que eu não o amo, mas sinto que esse amor não e correspondido da parte dele. Faz 6 meses que isso aconteceu, mas parece Ontem...

Ele anotava tudo em sua pasta, Chegava até ser constrangedor o modo que ele copiava tudo que eu dizia. Mas acho que ele esta apenas fazendo seu trabalho. 

Ele fez varias perguntas bobas que psicólogos Fazem... Passei literalmente 1 hora da minha vida sentado de frente a um homem que eu sabia que não me entendia, Ele Achava que apenas a minha mãe era o motivo da minha depressão, Como todos acham. Eu era muito sozinho Não tinha amigos, Minha rotina era bem cansativa , Da escola para casa de casa para a escola, Eu realmente não me lembro do dia que eu tive uma conversa de Verdade com alguém que não fosse de um video game.

Sinto falta dos meus Antigos amigos , Mas tive que me mudar quando tinha 15 anos, Por causa de um Emprego que meu pai tinha arranjado nessa cidade. Desde que minha mãe morreu e meu pai virou um bêbado , Eu fico na casa na minha mãe que por direito era minha. Também faço bicos de haker para conseguir me manter Pois a verba que o governo paga não e muita.

Finalmente Chego em casa, Abro a geladeira e vou comer um bolo que eu avia comprado ontem a noite.

Tomo o banho e me troco , coloco um moletom preto e uma Cueca vermelha.

Deito em minha cama, desço um pouco minhas mangas para ver os cortes que eu avia feito ontem a noite, Começo a chorar Lembrando da voz de minha mãe , do seu cheiro, da sua fala calma e como ela conseguia deixar tudo bem em meio de tanto caos.

-Droga Mãe! Eu estou tão quebrado... Eu não queria que me visse assim. Eu sinto tanta coisas mãe... mas ao mesmo tempo não sinto nada. Eu preciso de algo, ou de alguém que me conserte.

-Mãe vc acreditava em anjos não? eu lembro das historias que vc me contava... Se alguém esta escutando isso ou sei lá meu anjo da guarda...? a mds mãe olha so para mim!!! além de depressivo to falando sozinho.. hahaha

Acho melhor ir dormir e deixar de loucura.

 

Continua...

 

 


Notas Finais


Continuo Não continuo? a Slá...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...