1. Spirit Fanfics >
  2. I can not love you >
  3. Capitulo 1

História I can not love you - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


oie gente essa historia e mais uma das minha loucuras, espero que gostem.

Capítulo 1 - Capitulo 1


Eu durmo e acordo com o peso do meu sobrenome. Ser uma Potter é sempre ter todos falando sobre você, todos apontado e falando sobre os feitos do meu avô o grande Harry Potter aquele que derrotou lorde Voldemort. Não que eu não goste disso, eu amo a minha família e principalmente eu amo e tenho muito orgulho do meu avô. Mas e horrível ter muitas expectativas sobre mim.

__ Rose... Rose! - Antony estala os dedos na minha frente

__ O que foi? – digo confusa

__ Estamos quase chegando ... e melhor você colocar o seu uniforme! – Sofie diz enquanto arruma a sua gravata

__ Certo ... Antony por favor ... – digo apontando para aporta da cabine do trem ele revira os olhos e sai

Abro a minha mala e pego o meu uniforme o coloco e me jogo no sofá de novo.

__ Você vai assim? – Sofie me olha de cima abaixo e eu faço o mesmo checando a minha roupa, a saia estava um pouco acima do joelho e a gravata um pouquinho amarrotada mas tirando isso estava tudo bem.

__ Essa é a roupa que e obrigatória Sofie, qual o problema? – pergunto

__ Não o problema não é a roupa, você tá mas pálida do que a murta que geme! – disse vindo até a mim com um estojo, se fosse em outro momento eu não deixaria Sofie Granger Weasley fazer nada no meu rosto. Mas olhando para ela agora com os cabelos ruivos ondulados presos em um coque e sua maquiagem simples, mais com um batom vermelho que realçava as suas sardas ela estava realmente linda. E eu queria dormir e sabia que se fala-se não ela iria me enche o saco eu só deixei ela me arrumar.

__ Já posso entrar? – Antony gritou do lado de fora e logo em seguida entrou com um monte de doces nas mãos e eu logo pego uma varinha de alcaçuz- Ei esse era meu!

__ Disse bem “era “agora e meu! – digo

__ Esse ano vais ser o meu ano! ­– Antony quebrou o silencio que estava na cabine.

__ É? E por que? – Sofie pergunta irônica enquanto termina de me maquiar

__ Porque é o meu legado, como um Weasley eu serei o mais cobiçado pelas garotas, assim como o nos avô foi na época dele! – disse confiante

__ Ata bom, feio do jeito que você é? Até parece! – Sofie zombou da cara do irmão

__ Se eu sou feio você também é, nós somos gêmeos esqueceu? – Antony rebateu a irmã fazendo ele desfazer o sorriso

__ Não foi bem isso que me contaram, Antony! – digo rindo – pelo o que eu sei o tio Rony era mais atrapalhado do que outra coisa! – disse e ele revirou os olhos

__ Ninguém vai resistir as minhas sardinhas, todo mundo sabe que isso chama a atenção das garotas! – disse passando as mãos pelo cabelo ruivo.

Nós ficamos o resto da viagem conversando, eu até perdi o sono por conta dos bobeiras que o Antony falava e tendo que apartar as mines discussões. Assim que chegamos a Hogwarts nós fomos direto para o salão comunal onde iria ter a seleção dos novos alunos e o banquete de boas -vindas que particularmente e a minha hora preferida.

__ Atenção ... Atenção ... – a diretora mcgonagall começou a falar fazendo com que no mesmo estante o salão fica-se em silencio - Sejam bem-vindos novos e velhos alunos gostaria que os novos alunos fizessem uma fila e quando eu chamar seus nomes venham até aqui eu irei colocar o chapéu seletor em suas cabeças e serão selecionados para suas casas!

Assim começa as seleções e a cada membro novo que era selecionado a uma das casa era uma festa e eu adorava isso. Lembro-me até hoje do meu primeiro dia aqui eu deveria te uns onze anos eu estava extremamente nervosa, mas confiante de que eu entraria na Grifinória até o chapéu dizer que assim com meu avô e meu pai eu e daria bem na Sonserina. Eu, que já estava nervosa fiquei mais ainda. Mas é como meu avô disse o chapéu sempre leva em consideração a sua opinião e cá estou eu sentada na mesa da Grifinória louca para que essa seleção ande mais rápido para que eu possa comer um dos maravilhosos bolinhos que estão bem na minha frente. Assim que, a última pessoa foi selecionada foi liberada a mesa.

__ Mas agora me diz Rose, o que você fez nessas férias? – Emily pergunta chegando mais perto

__ Nada! – dei de ombros – Eu fiquei em casa lendo! – digo

__ Ai, você e tão sem graça Rose! – disse parecendo decepcionada

__ Ela e sempre assim sem graça, não e Potter? – respiro fundo tentando acha o pouco de paciência que deus meu deu para virar e encara Damon Malfoy o cara mais convencido do colégio

__ Não me lembro de ter te chamado na conversa Malfoy! – digo com um sorriso sarcástico

__ Não me lembro de me preocupar com a sua opinião Rose! – disse o loiro – bem eu vim aqui para desejar um bom ano Potter você vai precisar! – disse a brindo um sorrio cínico e saindo em seguida

__ Mal  chegamos e ele já vem encher o seu saco prima, sei não em ...! – Antony disse assim que ele deu as costas

__ O que você não sabe? – Emily pergunta olhando para ele curiosa e eu faço o mesmo

__ Pra mim isso e amor! – fala fazendo o nosso grupinho todo rir e eu taco uma coxa de frango nele – ei! – ri

Até parece, Damon implica comigo dês de que eu me entendo por gente. Eu o odeio e ele me odeia isso e fato nem que ele seja o último homem na face da terra eu sequer pensaria em ficar com ele.  Prefiro me casar com um duende.

Depois do jantar cada um foi para as suas devidas casa e eu fui a primeira do meu quarto a me jogar na cama e apagar.

 

 


Notas Finais


Eu ainda não tenho um cronograma certo para postar ... mas eu vou tentar esta sempre atualizando :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...