História I Care About You. ( Jikook ) - Capítulo 46


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Mamamoo
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bangtanboys, Bts, Fictício, Hoseok, Hwasa, Jikook, Jimin, Jin, Jiwoo, Jungkook, Kpop, Namjin, Namjoon, Romance, Sope, Wheein, Yoongi, Yoonseok
Visualizações 467
Palavras 1.318
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Orange, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, hey!!! Olá!!! Turo bom? Espero que esteja cuidando de sua saúde!



UVAS, SEREI BREVE! POR FAVOR, APAREÇAM NAS NOTAS FINAIS. É REALMENTE MUITO IMPORTANTE A PERGUNTA QUE LHES ESPERA! PROMETO QUE O DEDO DE NINGUÉM VAI CAIR SE ME RESPONDEREM, POR FAVOR, É MUITO IMPORTANTE PARA O ANDAMENTO DESSA FANFIC! (Desesperada? Talvez... COMPLETAMENTE! Oi? Quê?)


****~ Boa Leitura!! ~****

Capítulo 46 - Capítulo Quarenta e Três.


Fanfic / Fanfiction I Care About You. ( Jikook ) - Capítulo 46 - Capítulo Quarenta e Três.

            ~ P.O.V Jimin. ~

Jackson chegou com algumas xícaras cheia de café e um punhando de Donuts. Logo, um brilho se formou no olhar das duas crianças, que sem se importarem com o motivo da ida até lá, comeram de forma brusca e desesperada.

Assim que Jungkook terminou de ler a carta, eu me segurei para não chorar, porém o meu rosto mostrava exatamente o contrário.

O moreno, que estava ao meu lado, deslizava seu polegar  melecado de açúcar sobre a minha mão, enquanto o outro de cabelos loiros, me olhava com um sorriso brincalhão enquanto tomava seu café.

Quando não restava mais nada sobre a mesa, definitivamente nada, pois Jackson havia comido até os farelos, o loiro me encarou e se aproximou de mim.

- Sinto muito! - O mesmo declarou me dando um abraço apertado.

- Eu também! - Confirmo ao perceber que o humor que o rapaz transparecia não era o que realmente estava sentindo.

Jackson sempre se pareceu com sua mãe, não fisícamente, apenas psicológicamente. Sempre divertido, brincalhão e tentando ajudar as pessoas mesmo estando triste, mas assim como Jackson, eu também sabia que aquilo uma hora cansava.

Enquanto Jackson e eu nos abraçávamos, eu percebia que Jungkook estava pensativo ou até mesmo desconfortável com toda aquela situação.

Após alguns longos minutos, o abraço foi cessado, e eu encarei meu primo no intuito de passar uma mensagem para ele entender que eu estava bem. Eu não sabia se tinha funcionado, mas o mesmo parecia estar mais aliviado.

- Ela não quis ser enterrada... - Jackson diz ao se sentar na poltrona. - Preferiu ser cremada!

- Tem a chance de ter as cinzas dentro desse pote? - Jungkook pergunta assustado. Olho incrédulo para o mesmo com sua atitude. - Desculpa, não quis ser indiscreto! - O garoto comenta dando uma leve bufada no final.

- Você já jogou as cinzas dela? Onde está?

- Eu coloquei no café de vocês, foi meio que o último pedido dela, usar suas cinzas como açúcar! - Jackson comenta sério sem se importar com o que acabara de dizer.

- Tá brincando, né? Me diz que você tá brincando! Pelo amor de Deus, foi por isso que eu senti um gosto ruim quando tomei, achei que fosse um pouco de terra, agora tudo faz sentido! Jimiiiiiiin, eu não tô legal! - Jungkook exclama com uma enorme cara de nojo enquanto tentava falhadamente limpar a língua com a mão.

- Você tá brincando, certo?! - Pergunto para o loiro à minha frente que dá de ombros.

- Sim, estou! A mãe falou que era pra eu fazer esse piadinha quando ela morresse. Eu sei que é chato, mas ela era doida pra que eu dizesse isso! - Jackson exclama sorrindo de lado ao ver o alto suspiro que o moreno havia soltado. - Mas e o gosto de terra, Jungkook? O que me diz dele?

- Nada demais! Era tudo brincadeira! Você acreditou direitinho! - Jungkook fala dando palmadinhas em minha coxa enquando um som falso de risada era emanado pelo mesmo. O garoto está envergonhado com o que havia dito e era fácil perceber isso. - Jimin? Você se importa se eu for dar uma volta rapidinho? Uma volta de carro, no caso. - Jungkook me questiona enquanto coçava a bochecha sem graça.

- O quê? Foi por que disse mal do café que fiz? Nem liga pra isso! O Mark também fala a mesma coisa sempre, nem ligo! - Meu primo afirma sorridente sem dar muita importância ao fato.

- O que foi? - Susurro no ouvido do moreno, que se arrepia com meu ato e abre um sorriso de lado. Jungkook me fita por um tempo, deposita um beijo em minha testa e pisca o olho me encarando. - Está tentando me seduzir? Porque se for isso, já conseguiu!

- Não, não! Eu só quero ir em um lugar, mas não vou demorar muito!

- Então, eu vou contigo e depois voltamos juntos! - Confirmo já me levantando, mas sou parado pelo garoto que segura rápido e firme minha mão.

- Fica com o Jackson, aproveitem e conversem um pouco à sós. Não pretendo demorar muito! - Jungkook fala me encarando sério na espera da minha resposta. Não sabia o que o garoto estava tramando, mas era certo que algo bom não ia sair da mente daquele pestinha. Porém, concordo com o mesmo. - Obrigado!

- Você não tem que me agradecer, Kook! - Afirmo confuso com o agradecimento do outro.

- Tenho sim, e muito! - O mesmo exclama.

Jungkook levanta-se e comenta em voz alta que iria dar um breve saída, mas que logo iria voltar. O moreno se despede brevemente de mim e Jackson e sai porta à fora.

Um silêncio, não muito constrangedor, é formado após a saída do rapaz. Por um momento, quando eu iria falar, Jackson me encara pensativo e imediatamente começa a rir. Encaro o mesmo. Confuso e sem entender nada, fico o observando até que sua crise de risos fosse embora.

- O que foi? - O questiono com as sobrancelhas elevadas sem compreender qual a idiotice da vez.

       ~ P.O.V Jungkook. ~

Saí rapidamente da casa do primo de Jimin e também pretendia voltar o mais rápido possível.

À alguns dias, eu começara a planejar comprar um anel de namoro para Jimin, não algo muito chique ou caro, pois sei que o garoto não se interessa por isso, queria apenas algo para oficializar tudo e deixar mais especial.

Velozmente, me dirigi para a relojoaria que eu estava flertando à alguns dias. Havia passado com Jimin por ela quando fomos à exposição juntamente com a mãe do garoto, e um anel tinha chamado minha atenção.

Entro no local, não parecia ter ninguém por lá, ou pelo menos não no momento.

Sem saber exatamente o que fazer, discretamente, eu olhava os relógios e pulseiras sobre a pratileira ao lado do bebedouro. Nada daquilo me chamava a atenção.

Depois de um tempo olhando para aqueles acessórios, tinha decidido que iria comprar um anel para meu namorado, mas nenhum havia me interessado como o que eu já tinha visto anteriormente. Percebi que o desejado por mim parecia não estar mais lá.

Eu não tinha certeza, mas pareciam ter se passado ao menos cinco minutos e nada de algum atendente aparecer. Eu já estava ficando entediado, queria perguntar se existia outros modelos além dos que estavam expostos, mas não havia ninguém para perguntar. Era estranho algo desse tipo estar acontecendo, porém eu não estava muito preocupado, o meu único desejo era o anel para o meu garoto.

Dez minutos haviam se passado após a minha chegada, decidi não esperar mais.

Entrei no carro novamente e pus-me a trafegar pelas ruas. Por algum motivo, havia decidido comprar o anel para Jimin, e eu não iria desistir dessa ideia tão fácil.

Finalmente, após algum tempo andando pelas ruas, achei uma outra Relojoaria. O local parecia bonito por fora, e assim que entrei, percebi que era mais bonito ainda por dentro.

- Olá, posso ajudar com algo? - Uma moça pergunta simpáticamente assim que eu adentro o ambiente.

- Eu gostaria de olhar alguns anéis!

- Para quem? Namorada, mãe, irmã?

- Namorado!

- Namorado? - Ela me questiona pensativa enquanto batucava os dedos sobre o balcão. - Já sei! - Após alguns segundos, a mesma estrala os dedos sorridente. - Pode me acompanhar? Acho que tenho um que vai lhe agradar!

- Assim espero! - Exclamo finalmente animado.

Caminhamos até uma sala no andar de cima. Apesar da loja parecer pequena, era definitivamente o contrário.

- Temos vários modelos, mas em especial, eu acho esse muito bonito! - Ela afirma pegando uma caixinha e me mostrando. O anel era realmente muito encantador e apesar de não parecer algo muito chique, eu estava apaixonado pelo mesmo, e tinha certeza que Jimin iria gostar.

- Eu vou levar esse! - Exclamo decidido e confiante. 


Notas Finais


Antes de tudo, vamos para a pergunta. Serei direta: VOCÊ PREFERE que essa Fanfic continue por mais um tempinho ou que acabe logo?
Eu estou bem animada para continuar, mas acho que alguns podem não gostar, pois poderiam achar algo muito monótono e tals. Então, preciso saber a opinião de cada um, certo?! No caso, se eu for acabar logo, eu faria apenas mais uns dois ou três capítulos... Preciso realmente que me respondam isso e justifiquem o porquê dessa opinião, é muito importante para o andamento dessa Fanfic.


Certin, após a pergunta, eu tenho que dizer que: MANOOOOOLOOO DO CÉU, EU TÔ TÃO FELIZ COM SEUS COMENTÁRIOS NO FINAL DO 50 FATOS!!! AAAAAAAA, TÃO FELIZ, TÃO FELIZ, TÃO FELIIIIIIS!!! VOU RESPONDER TODOS LOGO, ENTÃO, ME AGUARDEM!!!

Outra coisa: Demorei mais um pouco hoje, pois estava sem internet, mas já voltou e tá tudo bem!!

Outro: Eu não sei se vocês gostaram do anel, mas eu simplesmente achei a coisinha mais lindinha! ( A foto dele tá no começo caso não tenha visto)


AAAAAH, EU ESTOU TÃO GRATA COM VOCÊS, NÃO VOU DEMORAR MUITO PORQUÊ ESTOU LOUCA PRA POSTAR ESSE CAP. LOGO!!!

BEIJÃO, OBRIGADA E SE CUIDEM!!! ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...