História I choose you. (Taekook) menção yoonmin e namjin. - Capítulo 37


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtanboys, Namjin, Taekook, Vampire, Vampiros, Vkook, Yoonmin
Visualizações 247
Palavras 1.551
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Lemon, LGBT, Mistério, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Canibalismo, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura! 💜

Capítulo 37 - Capítulo 36.


Fanfic / Fanfiction I choose you. (Taekook) menção yoonmin e namjin. - Capítulo 37 - Capítulo 36.

*Autora on*

Uma semana se passou finalizando o primeiro mês do inverno; nevascas estariam por vir mas pelo menos nenhum sinal da tão temida lenda foi dado. A cidade finalmente parecia estar em seu ritmo normal; delitos menores começaram a aparecer tais como: pequenos furtos, vandalismo, pessoas bêbadas arranjando briga ou dirigindo... coisas que fizeram os olhos de Jimin brilharem, este que estava há pouquíssimo tempo no cargo e não havia detido ninguém ainda.

Hoseok passou os dias junto de Jungkook na casa de Taehyung, suas crises cessaram mas ainda não se sentia preparado para retornar ao trabalho, dormia a base de remédios, pelo menos estar na companhia de Jeon o deixava mais “seguro”.

Yoongi já não pensava tanto na possibilidade de perder seu irmão, havia apenas aceitado o fato de que talvez ele poderia não estar mais consigo. Por hora tentava pensar em outros assuntos apenas para não sentir a angústia lhe invadir o peito. Jimin sabia que Yoongi sofria em silêncio mas preferiu acreditar na máscara que estava em seu rosto e aceitar que seu namorado estava bem e se esforçando pra não pensar na possível morte do irmão.

Jin estava ansioso pelo final de semana de folga, iria rever seus pais e seus sogros e não imaginava a surpresa que lhe aguardava. Felizmente Namjoon e seus hyungs sabiam disfarçar muito bem e logicamente ele não desconfiou de nada.

Taehyung apesar de sempre pensar que poderia perder o amor da sua vida a qualquer momento, fazia de tudo para espantar esse pensamento de sua cabeça. Desde o combinado que fez com Jeon ele passou a viver intensamente e a não criar mais as expectativas que criava no começo. Em seu modo de defesa e a muito custo já se sentia conformado em um dia não tê-lo mais ali. Já havia chorado todas a lágrimas possíveis, sentido as dores mais dolorosas em seu peito então só esperaria o momento chegar. Pelo menos ele sabia que Jeon o amava e que ele retribuía com mais intensidade do que recebia.

Jungkook fazia o impossível para demonstrar todo seu amor à Taehyung, desde a pequenos gestos como um café da manha na cama ou com grande gestos como alugar um dirigível com a frase “Taehyung eu te amo” ou mandar buquês enormes de flores em seu trabalho.

Por um segundo todos queriam esquecer o que era ruim e focar no que era bom.

*Autora off*

~•♤♡◇♧•~

Sexta-feira, delegacia. (Viagem) 16:30hrs.

- Nem acredito que já é sexta! Namjoon diz suspirando.

- Nem eu. Yoongi fala enquanto terminava de arrumar sua sala. – Você comprou as alianças?

- Oh sim. Estão na minha sala. Sorri

- O QUE?

- Aí Suga não grita! Reclama.

- Namjoon você é burro ou o que?

- Não entendi. Diz fazendo uma expressão de confusão.

- Com quem você divide a sua sala? Yoongi diz num tom impaciente.

- Ué com o Jin. Diz soando óbvio.

- E hoje é sexta dia que o Jin esteriliza a sala e limpa tudo.

- E?

- E QUE VOCÊ GUARDOU A PORRA DA ALIANÇA LÁ!

- Meu Deus é mesmo. Eu sou muito burro. Namjoon bate na própria testa mas se mantém no mesmo lugar.

- VAI LOGO! Yoongi berra.

Taehyung e Jimin entram na sala e são atropelados por Namjoon que saiu desesperado.

- O que deu nele? Jimin pergunta enquanto se sentava junto de seu namorado.

- Conhecendo o Nam ele deve ter feito alguma merda. Taehyung ri.

- A anta quadrada do Namjoon guardou as alianças do casamento na própria sala. Yoongi diz incrédulo.

- Puta que o pariu. E se o Jin viu? Jimin coça a cabeça.

- Vai estragar tudo...

Alguns minutos se passaram e Jin entra na sala bufando, logo em seguida entra Namjoon.

- Iiiiiih. Jimin cochicha.

Jin para na frente deles com os braços cruzados.

- O que foi Jin? Yoongi pergunta indiferente.

- O Namjoon é um idiota. Burro!

- Amor não é assim.

- O que aconteceu? Jimin se pronuncia.

- O QUE ACONTECEU? O QUE ACONTECEU?

Jin gritou tão alto que fez os ouvidos alheios arderem.

- Caralho Seokjin não berra. Yoongi reclama enquanto todos estavam com as mãos na orelha.

Jin suspira e conta até cinco. – Me desculpem. Todos os olham o incentivando a contar, os hyungs sabiam que ou ele tinha descoberto ou Namjoon atrapalhou a limpeza e quebrou alguma coisa. – O Namjoon entrou desesperado na nossa sala e vocês sabem que hoje é dia de limpeza geral. Todos assentiram.

- Foi sem querer amor eu. Tentou argumentar mas foi em vão.

- Cala a boca Namjoon, antes que eu quebre a sua cara. – Então como eu estava dizendo. Olha com raiva pro seu noivo. – Namjoon entrou correndo na sala escorregou e sei lá o que ele fez que bateu na minha mesa e quebrou o meu MÁRIO de porcelana. Vocês sabem o valor que aquele MÁRIO tem pra mim?!Ele se espatifou no chão como um saco de batatas.

- Quem se espatifou como um saco de batatas? O Mário ou o Namjoon? Yoongi provoca.

- OS DOIS! Eu nunca vou te perdoar Namjoon.

Um minuto de silêncio pairou no ar e todos começaram a gargalhar. Hoseok era de fato o mais exagerado do grupo mas Seokjin quando tinha algo que julgava ser precioso pra sí sendo quebrado ou estragado perdia todo o controle. Como ele mesmo dizia: “Mexe comigo mas não mexa nos meus Mário(s).” Jin era fascinado pela Nintendo e amava Mário com a vida, tinha inúmeras coisas do personagem em sua casa.

Depois de tanto rirem menos o Jin é claro, ele  saiu a passos largos e pesados da sala.

- Você tá fodido Namjoon. Yoongi ria que chegava a chorar.

- Você tinha que quebrar justo o Mário Nam! Taehyung bate em sua cabeça.

- Eu escorreguei foi sem querer. Pelo menos peguei as alianças. Ele ri fraco e entrega a caixinha para Jimin. – Agora não sei onde vou achar outro daquele.

- Você não vai achar. Aquilo era de uma edição limitada e custou caro. A sua sorte é que amanhã tem a surpresa e bem ele vai te perdoar. Taehyung tentando conforta-lo. 

Namjoon coça a cabeça e sorri amarelo. – É !

- Agora sério. Você se machucou? Jimin se levanta.

- Não, acho que não.

- Vocês já arrumaram suas malas? Kookie acabou de me mandar mensagem perguntando a hora que iremos.

- Nem lembrei de arrumar as malas...

- Eu arrumei amor, a minha a sua e a do Hobi. Já estão no carro inclusive.

- Oh, obrigado amor. Ele se levanta e sela seus lábios. – Vamos sair às 20:00hrs? Passamos na sua casa Tae e de lá seguimos viagem.

- Ok! Vou avisar o Kookie e Namjoon vê se não da bola fora hein.

- Que bola fora? Jin não vai olhar na minha cara hoje. Diz rindo.

(...)

Final de expediente todos se despedem como de costume. Jin ainda estava emburrado com Namjoon por causa do bonequinho de porcelana. Jimin e Yoongi foram embora apenas para tomarem banho e em seguida seguirem para a casa de Taehyung.

Jungkook como vinha fazendo todos os dias foi buscar seu namorado no trabalho com a companhia de Hoseok. No carro Taehyung contou o que aconteceu no trabalho  e quase mata Hoseok de tanto rir, sentia saudade de ver seu amigo rindo sem se preocupar com nada nem ninguém.

O caminho foi tranquilo regado a gargalhadas e música boa.

(...)

20:00 hrs.

- Vamos amor o pessoal já chegou! Hobi já deve até estar dentro do carro.

- Aigoo Jungkook. Que exagero. Taehyung ri indo em direção ao mesmo. – Só tava procurando as lentes da câmera.

- Encontrou?

- Sim! Você pegou tudo?

- Claro né Tae. Diz como se estivesse ofendido. – Você esquece que eu sou eficiente...

- Até demais. Ele ri e selam seus lábios. O beijo acaba se tornando profundo e quente, as mãos começaram a acariciar os corpos alheios até que são interrompidos por uma sessão de buzinadas.

- TRANSEM DEPOIS PORRA! Yoongi berrou de dentro do carro a plenos pulmões. – JÁ ESTAMOS ATRASADOS.

Taehyung bate no ombro de seu namorado. – Viu, você fez a gente se atrasar.

- Eu? Pergunta incrédulo.

- Vamos logo.

Ambos saem da casa indo em direção ao carro.

- Finalmente achei que vocês não iam sair daí nunca. Jimin debocha.

- Eu vou pra casa na próxima semana, tenho empatado a foda deles ultimamente. Hoseok provoca.

- Hey! Taehyng protesta enquanto Jungkook ria. – Calem a boca, a propósito porque você está levando algemas Jimin? Arqueia uma sobrancelha.

- Como você sabe? Jimin cora.

- Tá vazando da sua bolsa Jiminnie. Hoseok diz puxando o objeto.

- Vocês estão de folga porque levar essas coisas? Jungkook pergunta.

- Depois que ele prendeu algumas pessoas essa semana, ele parece tarado por algemas. Yoongi diz com uma careta esquisita.

- Aigoo amor.

- Hmmm acho que ele vai querer te algemar mais tarde Suga! Hoseok palpita.

Jimin cora novamente.

- Peça dicas pro Tae Jimin! Ele sabe bem algemar as pessoas. Jeon diz ao entrar no carro.

- JUNGKOOK! Taehyung exclama totalmente envergonhado fazendo todos rirem.

Depois da conversa descontraída os hyungs seguiram viagem rumo a Daegu, o final de semana será reservado de surpresas. Agradáveis? Talvez.

~•♤♡◇♧•~


Notas Finais


Espero que tenham gostado, obrigada e até a próxima! 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...