História I do not regret loving you - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Capitão América, Deadpool, Demolidor (Daredevil), Doutor Estranho, Gavião Arqueiro, Guardiões da Galáxia, Homem de Ferro (Iron Man), Homem-Aranha, Homem-Formiga, O Incrível Hulk, Os Vingadores (The Avengers), Pantera Negra, Quarteto Fantástico, S.H.I.E.L.D., Thor, Viúva-Negra (Black Widow), X-Men
Personagens Anthony "Tony" Stark, Carol Danvers (Miss Marvel / Capitã Marvel), Clint Barton, Dr. Bruce Banner (Hulk), Dra. Helen Cho, Edwin Jarvis, Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Howard Stark, James Buchanan "Bucky" Barnes, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Laura Barton, Loki, Maria Hill, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pantera Negra (T'Challa), Peggy Carter, Pepper Potts, Personagens Originais, Phillip Coulson, Pietro Maximoff (Mercúrio), Sam Wilson (Falcão), Scott Lang (Homem-Formiga), Sharon Carter (Agente 13), Steve Rogers, Thor, Visão, Wade Willson (Deadpool)
Tags Romance
Visualizações 45
Palavras 1.026
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Literatura Feminina, Romance e Novela, Saga, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OI GENTE ME PERDOEM PELA DEMORA MAS VOCÊS SABEM NÉ?
VOLTA DE AULAS

MAS EU PROMETO TENTAR POSTAR O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL.

BEIJINHO <3

Capítulo 5 - 5 SEQUESTRO


Emma Stark

Acordei já no pique de sair correndo igual uma louca. Isso mesmo hoje eu estou disposta pra correr. Levantei em um pulo já vestindo uma roupa de academia. E já saindo pra correr. Sorte que não tinha ninguém acordado por causa da festa de ontem. Deve estar tudo de ressaca especialmente meu pai.

E lá estava eu andando de boas, a cidade não estava muito movimentado o que é muito estranho. Há essas horas devia ter bastante gente andando. Confesso que fiquei com aquele leve frio na barriga. Passei em frente ao Central Park e tava lotado. Que esquisito. O que será que aconteceu? Será que alguém morreu é?

Aproximo-me mais a uma roda de pessoas em volta de um homem nem tão novo nem tão velho ele usava um terno preto e seus cabelos eram grisalhos ele carregava uma maleta com as siglas HYDRA. O que será que significava aquilo? Foi ai que me lembrei de uma das minhas conversas com Steve.

FLASHABACK ON:

Eu Steve estávamos sentadas na varanda conversando sobre as coisas mais bestas da vida. Confesso que adoro a sua companhia. Sabe aquela pessoa que entende tudo o que eu você diz sem te julgar? Esse é o Steve meu melhor amigo.

-Na minha época existia uma organização a HYDRA. Tinha o Johan Schmidt e seu cientista o Zola. Foi na batalha de sua morte que eu acabei congelado.

Ele me contava tudo e eu como uma Stark tinha que parar pra fazer aquelas piadinhas que às vezes ate deixava ele sem graça.

FLASHABACK OFF:

Então ele era da HYDRA. Ai meu deus! Acho que vou desmaiar. Melhor eu sair daqui. Estava caminhando de volta pra torre quando sinto uma mão puxando meu braço e me levando para o beco.

-Me solta!

-Ah princesinha Stark e uma honra conhece – lá.

-Quem é você? E o quer comigo?

-Já ira descobrir.

 Só deu tempo de eu pressionar o botão de emergência do meu pai. Sim ele me faz andar com isso. Mas finalmente ele seria útil. Voltando. Sinto uma pancada tão forte na minha cabeça que não vejo mais nada a não ser o escuro.

TONY STARK  

Acordei e já estavam quase todos acordados. E eu estava com uma puta dor de cabeça. Todos estavam reunidos na mesa menos uma pessoa.

-Cadê a Emma?-pergunto me sentado na cadeira a frente do Cápicole.

-Não sei acordamos e ela já não estava mais aqui. Deve ter saído pra correr como sempre faz. -falou Pepper.

 -Deve ser. -tentei me tranqüilizar, mas algo dentro de mim insistia que e devia protege – lá.

Resolvi ignorar isso e prestar atenção em meu café. Vou para meu laboratório junto com o Bruce. Temos que continuar nossas pesquisas. E eu continuar minha legião de ferro, as armaduras da paz pelo menos eu acho isso. Sinto algo doer lá no meu peito. Será que esta acontecendo de novo.

-Tony você ta bem? Parece pálido.

-Estou.

Respiro fundo tentando me recompor. Algo me diz que o que esta prestes a acontecer é muito ruim. Respiro varias vezes minha tremem. Subi pra cozinha pra tomar algum calmante. Mas ainda continuava inquieto.

-O que esta acontecendo Tony? Você parece muito nervoso. -pergunta Pepper sentando ao meu lado no sofá.

-Sinto uma sensação muito rui...

Antes mesmo que eu pudesse terminar um alarme começa a tocar. O botão de emergência.

-O que é isso?-todos aparecem e me olham.

-O botão de emergência.

Corro pro meu laboratório junto com todos. Agora sim o desespero tomou ainda mais conta do meu corpo. Ligo um dos computadores e confirmo a minha suspeita.

Já chamo minha armadura.

-ANTHONY EDWARD STARK ME DIZ O QUE ESTA ACONTECENDO?-grita Pepper já com os olhos cheios de água.

-Emma perigo.

Foram as únicas palavras que saíram de minha boca. Já não agüentava mais me segurar. Sai voando sem nem dar explicações.

Chego ao tal local que emitia o sinal era um beco e frente ao Central Park. Mas não tinha nada no beco a não ser um pouco de sangue. Coletei um pouco desse sangue e voltei para torre. Pepper chorava descontroladamente. Todos ali estavam muito abalados com o que acontecia.

Quando pousei na torre todos vieram correndo pra cima de mim. Mas ignorei todos e fui pro laboratório precisava ver de quem era esse sangue.

Emma Stark

Acordo tentando me acostumar com a claridade de onde eu estava. Era uma cela toda fechada, mas a luz que a acendia era forte de mais. Não tinha nem janela. O chão era todo sujo só tinha uma cama e um vaso, mas estava tudo sujo.

Sentia minha cabeça doer parece que eu ia explodir.

-Finalmente a princesinha acordou. -falou um home entrando na cela. -Meu nome é Jason.

Lembrei-me do meu seqüestro quando eu era criança. Foi horrível. Uma das minhas piores lembranças. Ele me entregou um prato com uma sopa bem rasinha. Mas eu tava com muita fome então comi tudo sem nem reclamar.

Eu estava com tanto sono, mas sempre que tentava fechar os olhos as imagens do meu seqüestro quando criança apareciam em minha mente e me faziam chorar. Na época eu tive que passar em três psicólogas. Isso mesmo três. Foi muito difícil superar isso ate hoje tenho pesadelos de quando eles me batiam ou me ameaçavam. Foi o pior mês da minha vida. Eu fiquei um mês sumida. E meu avô Howard fazia de tudo desde tentar me localizar com a tecnologia a sair de noite procurando pelo mundo inteiro.

Lembro que nessa época eles ainda estavam no começo do projeto S.H.I.E.L.D nessa época eu conheci tia Peggy ate hoje ainda a visito. Eu não comentei nada com o Steve, mas acho que ele sabe sobre meu envolvimento dela com meu avô.

Acho que já fazia umas duas horas que eu estava ali. Minha cabeça ainda doía. Só fui perceber agora que a minha roupa estava cheia de sangue e minha testa também deve ser da pancada forte que eu levei. Deitei-me naquela cama que mais parece chão de tão duro que é e fechei os olhos tentando dormir. Mas finalmente consegui. Pelo menos por algumas horas...

Continua 


Notas Finais


ESPERO QUE GOSTEM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...